Santas e Santos de 12 de abril

1.   Em Fermo, no Pi­ceno, hoje nas Marcas, re­gião da Itália, Santa Vísia (Víssia), virgem e mártir. († data inc.)

2.   Na Via Au­rélia, a três mi­lhas de Roma, no ce­mi­tério de Ca­le­pódio, o se­pul­ta­mento de São Júlio I, papa, que, du­rante a per­se­guição ariana, de­fendeu te­naz­mente a fé ni­cena, pro­tegeu Ata­násio contra as acu­sa­ções, aco­lhendo-o du­rante o seu exílio, e con­vocou o Con­cílio de Sárdica. († 352).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano do Senhor de 352, São Júlio I (também na Folhinha do Coração de Jesus), papa, que colocou a autoridade da Sé Romana em auxílio de Santo Atanásio em sua defesa da ortodoxia da fé. Ver páginas 272-280: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%206.pdf

– Ver também “São Júlio I (em latimIulius) foi o 35º Papa da Igreja Católica, ocupando o trono de São Pedro de 06 de fevereiro de 337 até sua morte em 12 de abril de 352, sucessor do Papa Marcos e sendo sucedido pelo Papa Libério.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Papa_J%C3%BAlio_I

3.   Em Ve­rona, na Ve­nécia, hoje no Vé­neto, re­gião da Itália, São Zenão, bispo, cuja di­li­gência e pre­gação con­duziu a ci­dade ao bap­tismo de Cristo. († c. 372).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no séc. IV, São Zeno (ou Zenão), bispo de origem africana, eleito para a diocese de Verona. Grande mestre da doutrina batismal, “mistério da fecundidade da Igreja, virgem e mãe”. (M).

Ver páginas 281-282: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%206.pdf

– Ver também “Zenão de Verona (em latimZeno Veronensis; em italianoZeno di Verona) foi ou um dos primeiros bispos de Verona ou um mártir, dependendo da tradição. É considerado santo pela Igreja Católica e pela Igreja Ortodoxa”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Zen%C3%A3o_de_Verona

4.   Na Ca­pa­dócia, na ac­tual Tur­quia, São Sabas o Godo (também na Folhinha do Coração de Jesus), mártir, que, du­rante a per­se­guição de­sen­ca­deada contra os cris­tãos por Ata­na­rico, rei dos Godos, três dias de­pois da Páscoa, por ter re­cu­sado comer ali­mentos imo­lados aos ídolos, de­pois de so­frer cruéis tor­mentos, foi lan­çado ao rio. († 372).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Romênia, no ano da graça de 372, a paixão de São Sabas, o Godo. (M).

Ver páginas 286-290: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%206.pdf

5.   Em Gap, na Pro­vença, na ac­tual França, São Cons­tan­tino, bispo. († d. 517)

6.   Em Pavia, na Lom­bardia, re­gião da Itália, São Da­mião, bispo, cuja carta sobre a ver­da­deira fé acerca da von­tade e acção em Cristo foi lida no Con­cílio III de Constantinopla. († 697)

7*.   Em Pário, no He­les­ponto, na ho­di­erna Tur­quia, São Ba­sílio, que, por de­fender as ima­gens sa­gradas, so­freu a fla­ge­lação, o cár­cere e o exílio. († 735)

8*.   Em Ponthieu, lo­ca­li­dade da Gália, hoje na França, Santo Er­kem­bodo, abade de Saint-Omer e si­mul­ta­ne­a­mente bispo de Therouanne. († 742)

9*.   No mos­teiro de Cava de Tir­réni, na Cam­pânia, re­gião da Itália, Santo Al­fério, fun­dador e pri­meiro abade do mos­teiro, que, tendo sido an­te­ri­or­mente con­se­lheiro de Guai­mário, duque de Sa­lerno, se fez dis­cí­pulo de Santo Odilão em Cluny e se­guiu com grande per­feição a ob­ser­vância da vida monástica. († 1050). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Itália, Santo Alfieri (ou Alfério). Inicialmente foi monge em Cluny, sob o abaciado de Santo Odilon. Convocado pelos príncipes de Salerno para reavivar a vida religiosa em seu principado de origem, fundou o mosteiro da Santíssima Trindade, em La Cava. (X)

– Ver página 292: VIDAS DOS SANTOS – 6.pdf (obrascatolicas.com)

10*.   No mos­teiro de Belém, junto a Lisboa, ci­dade de Por­tugal, o Beato Lou­renço, pres­bí­tero da Ordem de São Je­ró­nimo, a quem muitos pe­ni­tentes acor­riam por causa da sua in­signe piedade. († s. XIV)

11.   Em Los Andes, ci­dade do Chile, Santa Te­resa de Jesus (Joana Fer­nandez Solar), virgem, que, sendo no­viça da Ordem das Car­me­litas Des­calças, con­sa­grou a sua vida a Deus – como ela dizia – pela sal­vação do mundo pe­cador e morreu com a idade de vinte anos con­su­mida pela febre tifóide. († 1920)

– Ver “… Em 12 de abril, a Igreja celebra a festa de Santa Teresa de los Andes. Teresa nasceu em Santiago, Chile, em 13 de julho de 1900. Teresa é a primeira santa do Chile. As crianças vão gostar de aprender a história deste santo muito relacionável e jovem.

Quando Teresa foi batizada, ela recebeu o nome de Juana. Sua família e seus amigos a chamavam de Juanita. Ela cresceu em uma grande família cristã. Juanita era inteligente e frequentou a escola onde foi ensinada pelas freiras do Sagrado Coração.

Juanita era uma jovem normal. Ela estava muito feliz, alegre e atraente. Ela tocava piano e participava de natação e equitação. Ela tinha muitos amigos e gostava de fazer piadas com sua família e amigos. Ela ensinou religião para as crianças em sua paróquia.

Juanita leu sobre a vida de Santa Teresa de Lisieux. Esta santa nascida na França, conhecida como a Pequena Flor, era uma freira carmelita. Depois de ler sobre esta santa, Juanita decidiu que queria servir a Deus como Santa Teresa havia feito e se tornar uma freira carmelita. Aos dezenove anos, Juanita entrou no mosteiro carmelita e recebeu o nome de Teresa.

Durante sua curta vida de vinte anos, Teresa escreveu muitas cartas, compartilhando seus pensamentos sobre Deus com os outros. Santa Teresa dos Andes era muito gentil com os idosos e os pobres. Teresa gostava de fazer muitas das coisas que as crianças de hoje gostam de fazer. Ela foi para a escola, participou de esportes e se divertiu com os amigos. Ela era uma pessoa comum, mas concentrou sua vida em Jesus e tentou amar os outros como ele os ama. Ela é lembrada dizendo: “Eu sou de Deus. Ele me criou e é meu começo e meu fim”. Teresa morreu de doença em 12 de abril de 1920…”: https://www.sadlier.com/religion/blog/st-teresa-of-the-andes-activity

12.   Em Ná­poles, na Itália, São José Moscáti, que, exer­cendo a pro­fissão de mé­dico, nunca deixou de se de­dicar à obra quo­ti­diana e in­can­sável de acudir aos en­fermos, não acei­tando re­com­pensa al­guma dos po­bres e, en­quanto pres­tava as­sis­tência mé­dica aos corpos, pro­cu­rava ao mesmo tempo for­ta­lecer as almas. († 1927)

-Ver em 16 de dezembro: São Giuseppe Moscati. Ver “Giuseppe Moscati (Benevento25 de julho de 1880 — Nápoles12 de abril de 1927) foi um médicocientista e professor universitário italiano observado tanto por seu trabalho pioneiro em bioquímica quanto pela sua piedade. Moscati foi canonizado pela Igreja Católica em 1987, sua festa é 16 de dezembro.[1]Em 2007 a TV italiana Rai Uno apresentou o filme “Moscati – O amor que cura”, dirigido por Giacomo Campiotti. Este filme é baseado em depoimentos de contemporâneos de Moscati, que conviviam com o famoso médico. Este filme biográfico descreve a vida de Moscati, entre 1903, quando o jovem médico se formou na universidade e 1927, quando Giuseppe Moscati morreu. Também… festa litúrgica é 12 de abril”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Giuseppe_Moscati

13.   Em San José, po­vo­ação do ter­ri­tório de Chi­pal­cingo, no Mé­xico, São David Uribe, pres­bí­tero e mártir, que, du­rante a tem­pes­tuosa per­se­guição contra a Igreja, so­freu o mar­tírio por Cristo Rei. († 1927)

– Ver “… Memorial

Perfil

Filho de Juan Uribe Ayal e Victoriana Velasco Gutierrez, o sétimo de onze filhos de uma família inevitavelmente pobre . Batizado em 6 de janeiro de 1889 . Entrou no seminário de Chilapa em 1903 aos 14 anos; estudante excelente. Subdiácono em 1910 , diácono em 1911 e ordenado em 2 de março de 1913 .

Pároco de Buenavista de Cuéllar. Secretário do Bispo Antonio Hernandez Rodríguez de Tobasco. Em 1914 , David e o bispo foram obrigados a se mudar para Chilapa, Guerrero, antes da violência anti – religiosa que varria o país; seu navio afundou , mas David, o bispo , e quatro outros sobreviveram. Pároco em Zirandaro , mas as revoltas zapatistas o forçaram a retornar a Chilapa. Pároco em Buenavista de Cuéllar, Telotlsapan e Iguala em Guerrero Tinha uma devoção a Nossa Senhora de Tepeyac .

Em 30 de julho de 1926 , por uma questão de segurança pública, os bispos do México ordenaram a suspensão do culto público e o fechamento das igrejas; David, relutante, mas obediente, aceitou a ordem, mas depois voltou secretamente aos seus deveres pastorais. Preso pelos militares em 7 de abril de 1927 e levado para Cuernavaca. Ofereceu liberdade se ele se tornasse bispo na igreja cismática que era subserviente ao governo; ele recusou. Ele escreveu seu testamento em 11 de abril de 1927, e no dia seguinte foi levado para um local remoto perto de San Jose Vidal, Morales. Ele orou por si mesmo e por seus carrascos, deu-lhes seus pertences, prometeu orar por eles na próxima vida e foi martirizado .

Nasceu: 29 de dezembro de 1888 em Buenavista de Cuellar, Guerrero, México

Faleceu: baleado na parte de trás da cabeça em 12 de abril de 1927 perto de San Jose Videl, Morelia, México

Venerável: 7 de março de 1992 pelo Papa João Paulo II (decreto de martírio )

Beatificação: 22 de novembro de 1992 pelo Papa João Paulo II

Canonização: 21 de maio de 2000 pelo Papa João Paulo II durante o Jubileu do México

informação adicional

Leituras

Perdoo todos os meus inimigos e peço a Deus e a quem ofendi que me perdoe-da última vontade e testamento de Saint David

Citação MLA

– Ver “Na noite de 11 de abril, incomunicável e confinado numa prisão imunda, Pe. Uribe estava orando quando lhe comunicaram que seria morto no dia seguinte. Ele pegou um papel e escreveu: “Declaro perante Deus que sou inocente dos delitos que me acusam. Estou nas mãos de Deus e da Santíssima Virgem de Guadalupe. Digam isto aos meus superiores e peçam a Deus pela minha alma. Despeço-me de minha família, amigos e paroquianos de Iguala, e envio minha bênção … Perdoo todos os meus inimigos e peço perdão a Deus e a quem eu tenha ofendido”.

No dia seguinte, 12 de abril de 1927, às três horas da manhã, a escolta militar chegou à prisão e o levaram de carro até o quilômetro 168. Assim que saltou do carro, ajoelhou-se e das profundezas de sua alma, implorou de Deus o perdão de seus pecados e a salvação do México e de sua Igreja. Levantou-se tranquilo, em silêncio, e dirigiu-se aos soldados com um sotaque paternal, dizendo: “Irmãos, eu lhes darei a bênção de Deus. De coração lhes perdoo e peço-lhes apenas que roguem a Deus pela minha alma. Em troca, diante Dele eu não os esquecerei”.

Ergueu firme sua mão direita e fez o sinal luminoso da cruz no ar. Depois, distribuiu entre eles seu relógio, seu rosário, um crucifixo e outros objetos. O oficial que comandava o pelotão dos soldados desembainhou o revólver rapidamente e deferiu-lhe um tiro à queima-roupa. Sua morte foi instantânea. Era a terça-feira santa. Isto se passou  perto da estação de trem de San José Vidal, em Morelos.

Seus restos mortais repousam na igreja de San Antônio de Pádua, em sua cidade natal, Buenavista de Cuéllar.

Foi canonizado pelo papa João Paulo II no dia 21 de maio de 2000, o ano do Grande Jubileu da Encarnação, na Cidade do Vaticano.”: https://pt.aleteia.org/daily-prayer/quinta-feira-12-de-abril/

14. Bem-Aventurado Anjo Carletti de Chivasso (também na Folhinha do Coração de Jesus, Santo Ângelo de Chivasso) confessor.

– Ver páginas 283-285: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%206.pdf

15. Em Braga, Portugal, no séc. IV, São Victor. Ainda catecúmeno, recusou-se a adorar os ídolos inanimados e confessou Cristo Jesus, Filho do Deus Vivo. Após muitos tormentos foi decapitado, e assim mereceu ser batizado em seu próprio sangue (Conforme Martirológio Romano-Monástico – M).

– Ver página 291: VIDAS DOS SANTOS – 6.pdf (obrascatolicas.com)

– Ver também “São Victor de Braga, natural de Paços, perto de Braga, que no ano de 300, foi um cristão que foi martirizado por se ter recusado participar num cortejo para honrar a deusa Ceres. É comemorado a 12 de Abril.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Victor_de_Braga

16. Outras Santas e Santos do dia 12 de abril: págs. 272-292 (vol.6): VIDAS DOS SANTOS – 6.pdf (obrascatolicas.com)

Obs. Às vezes entra com o Edge, mas mais com  Google chrome,.

Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XXI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

 * “E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

– Sobre 12 de abril, ver também: 12 de abril – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (Todas da internet, foram consultadas no dia de hoje)

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia –Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 321-323: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-
  3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%2 0-%201.pdf
  4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.
  7. https://catholicsaints.info/12-april/

(este site mostra os santos do dia, em inglês. Tradução Google)

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* SENHOR, NOSSO DEUS E PAI AMADO, OBRIGADO POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEM DADO E PERMITIDO VIVER!

QUERIDA MÃE VIRGEM MARIA, SOCORRA-NOS, PROTEJA-NOS!

SÃO JOSÉ, SANTAS/OS E ANJOS, INTERCEDAM POR NÓS! OBRIGADO! AMÉM!

================

* PAI AMADO, DÊ-NOS ESPÍRITO DE ORAÇÃO, VIGILÂNCIA, RENÚNCIA, PENITÊNCIA! DÊ-NOS ARDOR MISSIONÁRIO PARA E PELO E PARA O SENHOR! TIRE-NOS O TORPOR E A TIBIEZA! DÊ-NOS, AMADO PAI, CORAGEM DE LUTAR COM ENTUSIASMO E FORÇA DE VONTADE, MESMO EM SITUAÇÕES SEDUTORAS, DIFÍCEIS E ESPINHOSAS, PARA ALCANÇAR AQUELA PERFEIÇÃO CRISTÃ DE BONS COSTUMES E SANTIDADE POR MEIO DA ORAÇÃO, ESFORÇO E TRABALHO. DÊ-NOS A DOCILIDADE DAS OVELHAS! SOBRETUDO, DÊ-NOS A GRAÇA! PEDIMOS EM NOME DE JESUS, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

* MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA, ESCREVA-NOS:

barpuri@uol.com.br

================

* SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

================

  * “O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

================

Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu só lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

================

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

================

* “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”, mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível”.

================

* 07 de janeiro ou 09 de abril – Beata Lindalva Justo de Oliveira:

Toda santidade passa pelo crisol (lugar ou circunstância apropriada a evidenciar as melhores qualidades de algo ou alguém) do sofrimento” (referente à Beata Lindalva de Oliveira, conforme http://www.santosdobrasil.org.br/?system=news&eid=294)

================

* 17 de janeiro: Santo Antão, ou Antônio

Oração: “Santo Antônio, você falou da importância de perseverar em nossa fé e nossa prática. Ajude-nos a acordar a cada dia com um novo zelo pela vida cristã e um desejo de enfrentar o próximo desafio em vez de apenas ficar parado. Amém!”

================

* 19 de janeiro, São Macário. “… A oração não requer muitas palavras. sobre você, você só precisa dizer: “SENHOR, TEM MISERICÓRDIA!” O Senhor sabe o que é útil para nós e nos concede misericórdia.”… Se você deseja ser salvo, seja como um morto. Não fique com raiva quando insultado (ou provocado), nem orgulhoso quando elogiado.” E ainda: “Se a calúnia (e a provocação) é como o louvor para você, a pobreza como a riqueza, a insuficiência como a abundância, então você não perecerá.“…

================

* 04 de fevereiro, SANTO ANDRÉ CORSINI: “Ele trabalhou arduamente para subjugar suas paixões por meio de humilhações extremas, obediência até mesmo à última pessoa na casa, pelo silêncio e oração (HUMILHAR-SE, OBEDECER, SILENCIAR, REZAR)”.

================

* 10 de fevereiro, SÃO JOSÉ SÁNCHEZ DEL RIO “Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio)

================

* 14 de fevereiro, SÃO JOÃO BATISTA DA CONCEIÇÃO GARCIA Ó meu Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.” (últimas palavras de São João Batista da Conceição Garcia).

Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

================

* 14 de março, Albert Einstein:Deus Todo-Poderoso não joga dadosDiante de Deus somos todos igualmente sábios – igualmente tolos!

================

* 15 de março: São Clemente-Maria Hoffbauer: “Ó Meu Redentor, chegará aquele terrível momento em que restarão poucos cristãos inspirados pelo espírito de fé, aquele momento em que Sua indignação será provocada e Sua proteção será tirada de nós? Nossos vícios e nossas vidas más moveram irrevogavelmente Sua justiça a se vingar, talvez neste mesmo dia, de Seus filhos para não deixar que a luz da fé se apague nas almas?
“Lembre das antigas misericórdias, volta os olhos compassivos para a vinha plantada com a sua destra, regada pelas lágrimas dos Apóstolos, pelo sangue precioso de inúmeros mártires, e fecundada pelas orações de tantos confessores e virgens inocentes.
“Ó divino Mediador, olhe para aquelas almas zelosas que elevam seus corações ao Senhor e oram sem cessar pela manutenção desse seu dom mais precioso, a Verdadeira Fé. Mantenha-nos seguros na verdadeira fé católica e romana. Preserve-nos em sua santa fé, pois se formos ricos com este dom precioso, suportaremos com prazer todas as tristezas e nada poderá mudar nossa felicidade. Sem este grande tesouro da fé, nossa infelicidade seria indizível e sem limites.
“Ó Bom Jesus, Autor da nossa fé, conservai-a pura em nós; guardai-nos na barca de Pedro, fiel e obediente ao seu sucessor, e Vosso vigário aqui na terra, para que se mantenha a unidade da santa Igreja, a santidade promovida, a Santa Sé protegida em liberdade e a Igreja universal estendida em benefício das almas.
“Ó Jesus, Autor da nossa fé, humilha e converte os inimigos da Sua Igreja; conceda verdadeira paz e concórdia a todos os reis e príncipes cristãos e a todos os crentes; fortalece-nos e preserva-nos no Seu santo serviço até ao fim, para que vivamos com o Senhor e morramos no Senhor.

“Ó Jesus, Autor de nossa fé, deixe-nos viver pelo Senhor e morrer pelo Senhor. Amém.”

================

* 15 de março, SANTA LUÍSA DE MARILLAC “… SEDE DILIGENTES NO SERVIÇO AOS POBRES . . . AMEM OS POBRES, HONREM-NOS, MEUS FILHOS, COMO VOCÊS HONRARIAM O PRÓPRIO CRISTO”

================

* 21 de março, SÃO NICOLAU DE FLUE: “Salve, ó Mãe de toda pureza, virgem imaculada, Mãe de toda misericórdia e Mãe de nosso Salvador; venho rogar-lhe que interceda por um pobre pecador junto ao seu Divino Filho, para que me conceda Sua santa Graça. O inimigo implacavelmente me persegue e me ataca. Você uma vez esmagou a cabeça da serpente ao dar à luz nosso Salvador – ajude-me a superar suas artimanhas e enganos. Você é meu refúgio. Por que você me afastaria? …

Não, ó Virgem graciosa! Você virá em meu socorro e o inimigo será derrotado. Amém!São Nicolau relatou que nunca invocou Maria em vão e que sempre sentiu visivelmente os efeitos de sua proteção.”

================

* 21 de março, SÃO SERAPIÃO DE THMUIS A mente é purificada pelo conhecimento espiritual (ou pela santa meditação e oração), as paixões espirituais da alma pela caridade e os apetites irregulares pela abstinência e penitência… (regra resumida da perfeição cristã – que São Serapião repetia muitas vezes) … “Nossos corpos podem se tornar instrumentos do bem ou do mal, dependendo da disposição do coração; tanto os homens justos quanto os ímpios são frequentemente mudados para o outro tipo….”

(conf. http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch21.html#370_St._Serapion_the_Scholastic_Bishop)

================

* 05 de abril, SÃO VICENTE FERRER “Faça o que fizer, não pense em si mesmo, mas em Deus…

Você deseja estudar a seu favor? Deixe a devoção acompanhar todos os seus estudos, e estude menos para se tornar um sábio do que para se tornar um santo.

 Consulte a Deus mais do que seus livros, e peça-Lhe, com humildade, que faça você entender o que lê.

O ESTUDO CANSA E ESGOTA A MENTE E O CORAÇÃO. VÁ DE VEZ EM QUANDO, PARA REFRESCÁ-LOS, AOS PÉS DE JESUS CRISTO SOB SUA CRUZ. REPOUSE ALI.

Alguns momentos de repouso em suas chagas sagradas dão novo vigor e novas luzes.

Aplique-se por orações curtas, mas fervorosas e jaculatórias.

Nunca comece ou termine seu estudo, sem ser pela oração.

A ciência é um dom do Pai das luzes“.

================

* 06 de abril: São Zeferino Agostini

Fundou a Pia União das Irmãs Devotas de Santa Ângela Merici…

Dizia a elas: “Não se assustem com o trabalho ou o sofrimento, nem com o fruto escasso de seu trabalho. Lembrem-se de que Deus recompensa não pelos resultados, mas pelo esforço.” (L’Observattore Romano). 

Ele sabia que sua primeira prioridade era desenvolver seu relacionamento com Deus por meio da oração pessoal, porque Deus era a fonte de sua alegria e poder para fazer o bem…

================

*12 de abril: São David Uribe

“Perdoo todos os meus inimigos e peço a Deus e a quem ofendi que me perdoe.” -da última vontade e testamento de Saint David

===============

* 21 de maio, PADRE MANOEL E COROINHA ADÍLIO “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio)

================

* 31 de maio, São NICOLAS BARRÉ, citações:

  • ACONTEÇA O QUE ACONTECER, ESTEJA SEMPRE EM PAZ E CONFIE EM DEUS, ISSO SERÁ FEITO A VOCÊ DE ACORDO COM SUA FÉ, SUA ESPERANÇA E SUA CARIDADE E MUITO MAIS. » Carta 61 (OC p 538) – Máxima de conduta para as amantes número 21 obras completas p.128
  • “DEVEMOS NOS CONCENTRAR MAIS EM ESTABELECER O BEM AO INVÉS DE DESTRUIR O MAL. ESTABELECIDO O BEM, O MAL NÃO PODERÁ MAIS SUBSISTIR. » Máxima para a Direção das Almas 17 Obras Completas p.357
  • “QUANTO MAIS ESTAMOS UNIDOS A DEUS, MAIS RECEBEMOS FORÇA DE ESPÍRITO E INFLUÊNCIA, POIS ELE É SUA FONTE E OCEANO”. – Carta 27 (OC p 457)

================

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO: “Meios de se preparar para uma boa morte: na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado…” Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém! http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

================

* 15 de setembro, SANTA CATARINA DE GÊNOVA “… a oração por um ente querido é, para o crente, uma forma de apagar qualquer distância, até mesmo a morte. Em oração, permanecemos na presença de Deus na companhia de alguém que amamos, mesmo que essa pessoa tenha morrido antes de nós

“Não devemos transformar o purgatório em um campo de concentração em chamas à beira do inferno – ou mesmo em um ‘inferno por um curto período de tempo’. É uma blasfêmia pensar nisso como um lugar onde um Deus mesquinho cobra a última libra – ou grama – de carne … Santa Catarina de Gênova (Festa dia 15 de setembro, mística do século 15), escreveu ‘fogo’ do purgatório é o amor de Deus ‘queimando’ a alma para que, por fim, a alma esteja totalmente em chamas. É a dor de querer ser feito totalmente digno de Alguém que é visto como infinitamente amável, a dor do desejo de união que agora está absolutamente assegurada, mas ainda não completamente experimentada

(Leonard Foley, OFM, Crendo em Jesus) …”:

================

* 21 de outubro, SANTO AGATÃO “… Não há nada mais difícil do que a oração, pois não há esforços que os demônios não façam para interromper este poderoso meio de os desanimar

================

*          27 de outubro SANTO ABRAÃO, ERMITÃO “… A PAIXÃO VIVE; APENAS ESTÁ REPRIMIDA… ESTÁ APENAS PRESA… AS PAIXÕES VIVEM, APENAS SÃO REPRIMIDAS PELOS SANTOS (COM A GRAÇA DE DEUS!) …”.  SANTAS E SANTOS, INTERCEDAM POR NÓS PARA QUE POSSAMOS REPRIMIR AS PAIXÕES. PAI AMADO, DÊ-NOS A GRAÇA DE REPRIMIR AS PAIXÕES. Santo Abraão, rogue por nós! Amém!”, conforme páginas 52-53: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2019.pdf

================

* ORAÇÃO DO ANO DE SÃO JOSÉ “PATRIS CORDE”

Salve, guardião do Redentor

e esposo da Virgem Maria!

A vós, Deus confiou o seu Filho;

em vós, Maria depositou a sua confiança;

convosco, Cristo tornou-Se homem.

Ó Bem-aventurado José, mostrai-vos pai também para nós

e guiai-nos no caminho da vida.

Alcançai-nos graça, misericórdia e coragem,

e defendei-nos de todo o mal. 

Amém!

(Conforme < https://radio.cancaonova.com/sao-jose-do-rio-preto/oracao-ano-de-sao-jose/ >)

================

* PAI, ABRACE-NOS!

JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO!

DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS ENCHA E NOS UNA NO AMOR!

MÃEZINHA MARIA, CUIDE DE NÓS!

SÃO JOSÉ, SANTAS, SANTOS E ANJOS, ROGUEM POR NÓS!

POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

* Após Deus, o Pai amado, chamar minha amada esposa e companheira por 38 anos, 9 meses e oito dias, em 24.09.2017, descobri:

1. Posso comunicar com a minha Frô, pela ORAÇÃO;

2. Posso VER, ESCUTAR, SENTIR a FRÔ (transformada, sem dores, linda, maravilhosa) em meu ser;

3. Ela está vivendo nos braços de Deus (bondosos, vigorosos);

4. Um dia vamos estar juntos;

5. Quando Deus me chamar, quero levar coisas boas para o banquete celeste (amor a Deus e ao próximo).

Dê-nos essa Graça, Pai amado! Dê-nos A GRAÇA! AMÉM! Obrigado, Senhor, por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

================

“Senhor, eu tenho fé. Ajude-me a ter mais fé ainda!” (Mc 9,24)

================

* Ver o blog: https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!