Santas e Santos de 24 de março

NOSSA SENHORA EM 24 DE MARÇO

 A. EVE OF THE ANNUNCIATION, INSTITUTED BY GREGORY II – VÉSPERA DA ANUNCIAÇÃO, INSTITUÍDA POR GREGÓRIO II

http://www.iskandar.com/ourlady/feastsofourlady.html

http://marianapparition.blogspot.com/p/marian-calender.html

https://www.google.com/search?q=Vigil+of+the+Annunciation+%28Instituted+by+Pope+Gregory+II%29%09&sxsrf=AJOqlzXPcyp17TRRhvTBrprR5Z1MlxCERQ%3A1679603392613&source=hp&ei=wLYcZI6UI9Ge5OUPjuepkAc&iflsig=AK50M_UAAAAAZBzE0NxYMHytM7HrEy_RXEbquhtki-Y2&ved=0ahUKEwiO9M-c8vL9AhVRD7kGHY5zCnIQ4dUDCAg&uact=5&oq=Vigil+of+the+Annunciation+%28Instituted+by+Pope+Gregory+II%29%09&gs_lcp=Cgdnd3Mtd2l6EAMyCAgAEIkFEKIEMgUIABCiBDIFCAAQogQ6BwgjEOoCECdQ0ghY0ghgwQ1oAXAAeACAAdABiAHQAZIBAzItMZgBAKABAqABAbABCg&sclient=gws-wiz

https://www.google.com/search?q=EVE+OF+THE+ANNUNCIATION%2C+INSTITUTED+BY+GREGORY+II&sxsrf=AJOqlzXPcyp17TRRhvTBrprR5Z1MlxCERQ%3A1679603392613&source=hp&ei=wLYcZI6UI9Ge5OUPjuepkAc&iflsig=AK50M_UAAAAAZBzE0NxYMHytM7HrEy_RXEbquhtki-Y2&ved=0ahUKEwiO9M-c8vL9AhVRD7kGHY5zCnIQ4dUDCAg&uact=5&oq=EVE+OF+THE+ANNUNCIATION%2C+INSTITUTED+BY+GREGORY+II&gs_lcp=Cgdnd3Mtd2l6EAMyBQghEKABOgcIIxDqAhAnUMIJWMIJYK0QaAFwAHgAgAGwAYgBsAGSAQMwLjGYAQCgAQKgAQGwAQo&sclient=gws-wiz

B. OUR LADY OF THE FLOWERING THORN – NOSSA SENHORA DO ESPINHO FLORESCENTE

“…Durante a Idade Média, muitos cavaleiros partiram para as Cruzadas, para nunca mais voltar. Entre as muitas viúvas deixadas para trás estava uma de reputação santa nas alturas de Jura. Ela era devota da Mãe de Deus, cuja imagem em sua capela ela mantinha constantemente abastecida com flores frescas.

Um dia, no inverno, ela foi procurar na floresta algum galho perfumado para enfeitar seu santuário mariano. Espinhos não florescem no inverno, mas a devota de Nossa Senhora rezou para que ela pudesse encontrar uma oferta de amor. Ingênua e infantil em sua confiança em Maria, ela não se surpreendeu ao encontrar flores em um espinheiro. Alguns dias depois, ela foi ao entardecer pegar outro ramo fresco do espinheiro prestativo e encontrou tudo aceso; ela estava preocupada enquanto atravessava a floresta, temendo que pudesse ser a luz da fogueira de um ladrão. Ela olhou através dos galhos de inverno sombrios para as flores balançando na brisa. Colhendo apressadamente um galho, ela foi para casa e contou sua história ao capelão.

Ele e um velho criado foram com ela na noite seguinte, cantando hinos enquanto se aproximavam da árvore radiante. O capelão separou os ramos e viu uma pequena estátua de Nossa Senhora, cercada por um anel de flores no ramo. Era uma estátua pequena, nada bonita, grosseiramente esculpida em madeira e pintada com cores vivas; no entanto, não havia dúvida sobre sua identidade como uma estátua da Mãe de Deus. Eles o levaram para casa com alegria e fizeram um nicho para ele na capela. Lá a nobre senhora e sua comitiva vigiaram e oraram até a meia-noite. Pela manhã, porém, a estátua havia retornado ao espinheiro. A Senhora temeu em sua humildade que sua própria indignidade tenha mandado a estátua para longe dela;

Ao redor do espinheiro foi construída uma capela para Nossa Senhora do Espinho florido, e a estátua deixada em seu local original. Sua fama se espalhou por toda a Europa e, por muitos anos, os peregrinos deixaram as estradas de peregrinação mais famosas para procurar o estreito desfiladeiro onde Nossa Senhora do Espinho mantinha a corte, e galhos da árvore favorita murcharam em muitas paredes de capelas em toda a cristandade. As freiras também vieram para o local privilegiado, e a nobre Senhora deu-lhes sua casa para um claustro e ali construiu uma igreja abacial. Ela mesma juntou-se às freiras e depois de uma vida santa, morreu aos pés do altar de Nossa Senhora. Agora a grama rasteja por muitos séculos sobre as pedras polidas pelos pés calçados com sandálias de freiras consagradas, e os caminhos dos peregrinos se perdem no mato e no espinheiro.

Ainda assim, a cada primavera, até que o Tempo acabe, os espinheiros florescem e as pétalas brancas testemunham para aqueles que quiserem ouvir, o conto que nenhum cientista acreditaria, a história de Nossa Senhora do Espinho florido. Se você quiser verificar os detalhes, você pode ir até o vale esquecido perto do pico mais alto do Jura e caminhar entre as ruínas de lá. Ao se ajoelhar na pedra gramada que outrora formou o arco acima da janela da capela, faça uma oração a Nossa Senhora por aquela de quem ouvi a história, por mim e por todos os amantes e devotos de Maria…”: https://devotiontoourlady.com/march.html

https://www.google.com/search?q=OUR+LADY+OF+THE+FLOWERING+THORN+&sxsrf=AJOqlzXPcyp17TRRhvTBrprR5Z1MlxCERQ%3A1679603392613&source=hp&ei=wLYcZI6UI9Ge5OUPjuepkAc&iflsig=AK50M_UAAAAAZBzE0NxYMHytM7HrEy_RXEbquhtki-Y2&ved=0ahUKEwiO9M-c8vL9AhVRD7kGHY5zCnIQ4dUDCAg&uact=5&oq=OUR+LADY+OF+THE+FLOWERING+THORN+&gs_lcp=Cgdnd3Mtd2l6EAMyBggAEBYQHlAAWABgjQVoAHAAeACAAXqIAXqSAQMwLjGYAQCgAQKgAQE&sclient=gws-wiz

BIBLIOGRAFIA:

1. DEVOÇÃO A NOSSA SENHORA EM MARÇO:

https://devotiontoourlady.com/march.html

2. FESTAS MARIANAS:

https://www.catholicdoors.com/news/marian.htm

http://www.iskandar.com/ourlady/feastsofourlady.html

http://marianapparition.blogspot.com/p/marian-calender.html

https://devotiontoourlady.com/index.html

https://udayton.edu/imri/mary/t/titles-of-our-lady.php

================

DESTAQUE DE 24 DE MARÇO: SANTO OSCAR ROMERO

1.1. Em San Sal­vador, ci­dade de El Sal­vador, o Beato Óscar Ar­nulfo Ro­mero Galdámez (também na Folhinha do Coração de Jesus), bispo e mártir, que, tendo de­di­cado a sua so­li­ci­tude pas­toral es­pe­ci­al­mente aos po­bres e opri­midos, foi as­sas­si­nado em ódio à fé cristã. († 1980)

1.2. Santo Oscar Romer: “… Óscar Arnulfo Romero Galdámez, conhecido como Santo Óscar Romero (Ciudad Barrios, San Miguel15 de agosto de 1917 — San Salvador24 de março de 1980) foi um sacerdote católico salvadorenho, quarto arcebispo metropolitano de San Salvador (19771980), capital de El Salvador

… Em 1997 Romero foi declarado “Servo de Deus” pelo papa João Paulo II. Em fevereiro de 2015 o papa Francisco aprovou o decreto de beatificação do arcebispo salvadorenho, reconhecendo-o como mártir.[11] A solenidade de beatificação foi realizada no dia 23 de maio de 2015 na capital salvadorenha e presidida pelo cardeal Angelo Amato, prefeito da Congregação para as Causas dos Santos. Estima-se que cerca de 300 mil pessoas estiveram presentes na cerimônia.[12] Durante a cerimônia, Amato afirmou que a memória de Romero ainda estaria viva dando conforto aos pobres e marginalizados, e que Romero foi a luz do mundo e o sal da terra, pois seus perseguidores desapareceram e foram esquecidos, mas Romero continuaria a lançar luz sobre os pobres e marginalizados.

…O papa Francisco enviou uma mensagem pessoal, lida no início da cerimônia, na qual afirmou que: “Em tempos de coexistência difícil, Romero soube como guiar, defender e proteger o seu rebanho. […] Damos graças a Deus porque concedeu ao bispo mártir a capacidade de ver e ouvir o sofrimento de seu povo. […] Quando se entende bem e se assume até as últimas consequências, a fé em Jesus Cristo cria comunidades artífices de paz e solidariedade”.[9]

ROMERO FOI CANONIZADO PELO PAPA FRANCISCO EM 14 DE OUTUBRO DE 2018.[13] A Igreja Luterana também participou da cerimônia, com a presença do bispo salvadorenho Medardo Gómez.[14]

Óscar Romero é o primeiro salvadorenho a ser elevado aos altares, o primeiro arcebispo martirizado da América, o primeiro a ser declarado mártir depois do Concílio Vaticano II,[15] e o primeiro santo nativo da América Central.[16] Embora também São Pedro de Betancur tenha sido canonizado na cidade de Santiago de los Caballeros, na Guatemala por seu trabalho na região e portanto, também é um santo centro-americano, era nascido em TenerifeEspanha.[17]”: https://pt.wikipedia.org/wiki/%C3%93scar_Romero

1.3. “..Restou como lembrança desse assassinato o fato de a mesma ONU, em 17 de junho de 2010, consagrar a data da sua morte (24 de março) como oDia Internacional do Direito à Verdade sobre as Violações dos Direitos Humanos e da Dignidade das Vítimas.””:  http://www.ihu.unisinos.br/78-noticias/583789-santo-oscar-romero-o-martirio-da-fe-pela-opressao-politiqueira

1.4. “… É significativo que, juntamente com ele e demais Santos e Santas hodiernos, tenhamos D. Oscar Romero, que deixou as seguranças do mundo, incluindo a própria incolumidade, para consumir a vida – como pede o Evangelho – junto dos pobres e do seu povo, com o coração fascinado por Jesus e pelos irmãos.”: https://www.vatican.va/content/francesco/pt/homilies/2018/documents/papa-francesco_20181014_omelia-canonizzazione.html

1.5. – Ver também “… 1980 Oscar Romero em Ciudad Barrios .

Igreja Católica: 24 de março

Oscar Arnulfo Romero nasceu em Ciudad Barrios (San Salvador) em 15 de agosto de 1917. Em 1937 ele veio para o seminário de San Salvador. Após graduar-se na Universidade Gregoriana em Roma, ele se tornou padre em San Salvador em 1943. Em 1970 ele foi nomeado bispo auxiliar e em 1977 arcebispo de San Salvador. Como arcebispo, Oscar Romero também se levantou em defesa da população oprimida e denunciou abertamente os crimes da ditadura militar.

Em 24 de março de 1980, ele foi assassinado enquanto estava no altar durante o serviço…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch24.html#1980_Oscar_Romero_in_Ciudad_Barrios

– VER AINDA:

1.6. SÃO OSCAR ARNULFO ROMERO E GALDÁMEZ

Memorial

Perfil

Segundo de sete filhos de Santo Romero e Guadaleupe de Jesus Galdamez. Foi ordenado em 4 de abril de 1942 em Roma , Itália . Pároco de Anamoros , La Union, El Salvador em 1943 . Secretário da diocese de San Miguel , El Salvador em 1944 . Bispo auxiliar de San Salvador , El Salvador e bispo titular de Tambeae em 25 de abril de 1970 . Um homem conservador e clérigo por natureza, ele estava em desacordo com muitos dos padres da área que se opunham ao governo repressivo de El Salvador e que estavam alinhados com as ideologias de esquerda. Bispo de Santiago de Maria , El Salvador , em 15 de outubro de 1974 . Arcebispo de San Salvador em 3 de fevereiro de 1977 . A essa altura, Romero percebeu que a classe dominante não se preocupava com a condição do resto da população e estava determinada a reprimir violentamente qualquer oposição. Ele falou abertamente sobre a causa do pobre e oprimido, e sempre dentro dos limites de sua vocação. mártir .

Nascer

Morreu

venerado

Beatificado

canonizado

Patrocínio

Informações adicionais

Citação MLA

1.7. TRÊS MITOS COMUNS SOBRE O ARCEBISPO OSCAR ROMERO (13.10.2018)

… A vida e o legado de Romero, que será canonizado em 14 de outubro (esta matéria é de 13.10.2018), foram frequentemente distorcidos e apreendidos por ideólogos políticos e por aqueles que querem mudar a doutrina da Igreja.

… No domingo (14.10.2018), o Papa Francisco canonizará sete novos santos. Os mais conhecidos são o Papa Paulo VI (1897-1978), que serviu a Igreja como sumo pontífice de 1963 a 1978, e o arcebispo Oscar Romero (1917-1980), o corajoso arcebispo salvadorenho que foi martirizado enquanto celebrava a missa depois de ter tornando-se um fervoroso defensor dos direitos dos pobres e vítimas da violência política.

Infelizmente, porém, a vida e o legado do Arcebispo Romero foram frequentemente distorcidos e apreendidos por ideólogos políticos e por aqueles que querem mudar a doutrina da Igreja. É provável que na cobertura jornalística dos próximos dias a grande mídia secular e os veículos católicos progressistas apresentem o mártir salvadorenho como uma figura muito diferente de quem ele realmente foi. Especificamente, eles provavelmente usarão Romero para criticar os dois predecessores diretos do Papa Francisco e repetir os seguintes mitos que, como veremos, são apenas isso: mitos.

Quem foi Oscar Romero?

Oscar Romero serviu como arcebispo de San Salvador de 1977 a 1980. Naquela época, a economia de El Salvador era basicamente feudal, pois um pequeno número de famílias ricas (desproporcionalmente de origem européia) possuía a maioria das terras onde as massas do campesinato, os camponeses, vivia em extrema pobreza. No final dos anos 1970, camponeses salvadorenhos, muitos dos quais inspirados por ideologias de esquerda, começaram a lutar pelo direito à propriedade da terra, enquanto o governo de direita respondia com extrema brutalidade. Muitos camponeses assassinados foram horrivelmente desfigurados para assustar outros de se rebelarem. Enquanto isso, o regime acusava cada vez mais o clero salvadorenho de ser infiltrado por comunistas e de matar padres. Em meio a esse crescente derramamento de sangue, o arcebispo Romero pediu paz, o fim da violência e o fim da injustiça econômica. Em 24 de março de 1980, ele foi baleado por um esquadrão da morte do governo enquanto celebrava a missa.

Mito 1: Romero foi um defensor da teologia da libertação

O termo “teologia da libertação” foi cunhado pelo teólogo peruano Gustavo Gutiérrez em 1971. Essa corrente teológica buscava enfatizar os pobres como aqueles especialmente amados por Cristo e encorajava a ação social para melhorar sua sorte. Embora superficialmente isso pareça nada incompatível com o espírito de São Francisco de Assis e a doutrina social católica, muitos teólogos da libertação adotaram ideias problemáticas.

Eles apresentaram Cristo como uma figura política; adotou noções marxistas de luta de classes (alguns teólogos da libertação propuseram a excomunhão dos ricos); não rejeitou e, em alguns casos, defendeu abertamente a violência política; e cooperou com os comunistas. Em 1984, o Cardeal Joseph Ratzinger, como prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé, emitiu uma Instrução sobre Certos Aspectos da “Teologia da Libertação”, que criticava muito essas ideias.

Romero é frequentemente associado a essa teologia controversa e é até visto como um mártir informal do movimento. De fato, muitos padres em El Salvador que estavam ativos na época de Romero (muitos dos quais eram missionários europeus transplantados influenciados pelo pensamento marxista do Velho Continente), particularmente jesuítas, foram os principais proponentes da teologia da libertação.

O fato de alguns deles conhecerem Romero mostrava a extensão da associação do arcebispo com o movimento. Quando Romero foi beatificado em 2015, seu ex-secretário, Mons. Jesus Delgado disse à Agência Católica de Notícias :

Quando escrevi a história de sua vida, examinei sua biblioteca. Obviamente, os defensores da teologia da libertação sempre o visitavam e deixavam seus livros. Eu os vi, e eles estavam como novos, ele nem os abriu. Ele nunca os leu; ele nunca olhou para eles. Por outro lado, todos os livros dos pais da Igreja foram gastos e foram a fonte de sua inspiração.

O monsenhor acrescenta que seu ex-patrão “ não sabia nada de teologia da libertação, não queria saber. Ele aderiu fielmente à Igreja Católica e, acima de tudo, aos ensinamentos dos papas”.

A visão de Romero sobre as causas da pobreza e da injustiça diferia daquela dos teólogos da libertação de inspiração marxista, que acreditavam que as estruturas políticas injustas eram as culpadas. Por outro lado, em uma carta pastoral, o arcebispo Romero afirmou: “[A libertação] deve começar com a redenção em Cristo, a redenção do pecado. De nada serviriam as leis e as estruturas se o ser humano não se renovasse interiormente, arrependendo-se dos próprios pecados e esforçando-se por uma vida mais justa”.

Uma olhada nos documentos e autores que o arcebispo Romero referenciou em suas homilias é muito revelador. Em seu excelente livro sobre o mártir, que não é apenas uma biografia cronológica, mas também contextualiza seu tema e seu pensamento e desfaz certos mitos, Roberto Morozzo della Rocca observa que em cerca de duzentas homilias publicadas, Romero citou os Papas Paulo VI e João Paulo II 373 vezes; Vaticano II 296 vezes; e as conferências da Conferência Episcopal Latino-Americana (CELAM) em Puebla e Medellín 101 e oitenta e cinco vezes, respectivamente.

O número de vezes que Romero citou Marx, Engels, Lenin ou qualquer um dos teólogos da libertação em suas homilias foi zero.

Mito #2: Romero era de esquerda

Quando falamos da Igreja usando os rótulos políticos de “esquerda” e “direita”, vale saber de onde vieram esses termos. Após a Revolução Francesa, os partidários da monarquia sentaram-se no lado direito da Assembleia Nacional, enquanto os revolucionários estavam no lado esquerdo.

A Igreja existe há 2.000 anos, o que significa que os termos “esquerda” e “direita” existem há pouco mais de um décimo de sua história. Assim, interpretar o cristianismo, cuja mensagem é atemporal e universal, em termos de categorias relativamente recentes da política secular é muito simplista.

Naturalmente, ao longo dos anos, houve católicos que misturaram sua fé com ideologias políticas seculares (com resultados invariavelmente desastrosos). Este foi certamente o caso na América Central, tanto no El Salvador de Romero, onde muitos padres e leigos católicos apoiaram guerrilheiros de esquerda, mas especialmente na Nicarágua, onde a revolução sandinista marxista e cubana de 1979 teve o apoio de uma proporção considerável da clero. Vários padres, como os irmãos Cardenal (um dos quais foi notoriamente repreendido pelo Papa São João Paulo II durante a visita deste último ao país em 1983), serviram como ministros no governo revolucionário da Nicarágua.

O arcebispo Romero não era essa figura. Naturalmente, em suas homilias e transmissões populares na Rádio YSAX, ele falou com mais frequência contra os abusos da direita do que da esquerda. No entanto, isso não ocorreu por causa de algum viés político, mas simplesmente porque o governo de direita de El Salvador, apoiado pelos Estados Unidos, foi responsável pela grande maioria dos assassinatos no que se tornaria a guerra civil salvadorenha: entre 80 e 90 por cento dos 75.000 as vítimas desse conflito brutal foram mortas pelo regime e não por guerrilheiros de esquerda.

Ainda assim, Romero não hesitou em chamar a esquerda para fora por suas ofensas. Ele frequentemente criticava os guerrilheiros de esquerda por usarem a violência para atingir seus objetivos, mesmo acreditando que a raiz subjacente da violência guerrilheira era a pobreza e a repressão do regime. As opiniões do arcebispo mártir sobre a revolução armada eram, na verdade, bastante conservadoras e se mostrariam decepcionantes para muitos teólogos da libertação. Num encontro com a imprensa, disse que uma insurreição armada só seria aceitável se “estivessem esgotados todos os meios pacíficos” e se “os males da insurreição [não fossem] piores do que os males da ditadura ou do poder tirânico a eliminar.”

Para muitos dos católicos progressistas que amam o arcebispo Romero, o Opus Dei representa tudo o que eles não gostam no catolicismo conservador. Acontece que Romero tinha uma relação muito próxima com esse movimento, que na América Latina e na Espanha costuma ser associado à direita política. Romero era um admirador do fundador do Opus Dei, S. Josemaría Escrivá, que conheceu em 1955. Entretanto, o seu confessor, o espanhol Fernando Sáenz Lacalle, era membro da prelazia. Oscar Romero manteve-se próximo do movimento literalmente até ao fim: assistiu a uma reunião de padres do Opus Dei no próprio dia em que foi assassinado .

Como qualquer país que passou por guerra civil ou ditadura, a sociedade salvadorenha está muito dividida. Por criticar o regime militar, Romero se tornou o queridinho da esquerda salvadorenha. Os presidentes esquerdistas do país, Mauricio Funes Cartagena e Salvador Sánchez Cerén, por exemplo, o elogiaram como um herói nacional. Naturalmente, eles ignoraram convenientemente o fato de que o arcebispo também condenou a violência da guerrilha de esquerda. Consequentemente, a polarização na sociedade e na política salvadorenha consolidou a reputação de esquerdista de Romero.

Mito #3: Romero estava em conflito com o Papa João Paulo II

Em 2005, quando o Papa São João Paulo II morreu, vários filmes de televisão sobre o amado pontífice foram feitos. Um deles foi Have No Fear: The Life of Pope John Paul II . No filme, há uma cena em que o papa, interpretado pelo ator alemão Thomas Kretschmann, se encontra com o arcebispo Romero. João Paulo II é retratado gritando com o futuro mártir e implorando com raiva que ele seja obediente a Roma. Somente quando Romero é baleado enquanto rezava a missa é que o pontífice se sente culpado por ter sido tão duro; O João Paulo II de Kretschmann é então mostrado viajando para El Salvador e orando no túmulo do mártir, implorando por perdão.

A cena retratada neste filme nunca aconteceu, embora a crença de que João Paulo II era frio com Romero, a quem ele supostamente via como um comunista subversivo, pareça estar difundida em alguns setores, principalmente entre os católicos progressistas. Por exemplo, em seu obituário de João Paulo II no progressista National Catholic Reporter , John L. Allen, Jr., criticou o falecido papa por “ [s] tratamento papal grosseiro do mártir-arcebispo de El Salvador, Oscar Romero”.

O registro histórico, no entanto, é diferente.

Os dois futuros santos se encontraram duas vezes. A primeira visita ocorreu em abril de 1979, quando João Paulo II tinha apenas meio ano de papa. Havia muitos clérigos em Roma que tinham uma disposição negativa em relação a Romero e, sem dúvida, alguns deles deram ao papa relatórios negativos sobre o prelado. Durante o primeiro encontro, o arcebispo Romero deu a João Paulo II uma grande coleção de papéis documentando os abusos dos direitos humanos em El Salvador e seu próprio ministério. O papa recomendou que ele abordasse a situação em seu país com “coragem e ousadia”, mas “temperada com prudência e equilíbrio necessário”. Além disso, o papa recomendou a unidade no episcopado salvadorenho.

O arcebispo Romero tinha sentimentos conflitantes sobre sua primeira audiência. Por um lado, ele teve a impressão de que relatórios negativos sobre ele haviam chegado ao papa. “Aprendi que não se pode esperar aprovação total”, escreveu em seu diário. Por outro lado, porém, João Paulo II – ao contrário de outros em Roma – aceitou a crítica de Romero ao regime salvadorenho, em vez de pedir-lhe que se relacionasse positivamente com ele. Romero também escreveu que João Paulo II foi “extremamente prestativo”. Em outras palavras, a cena de João Paulo II repreendendo Romero é pura fantasia.

O segundo encontro entre esses dois grandes homens da Igreja ocorreu nove meses depois. Romero estava na Europa para receber um diploma honorário e brevemente visitou Roma. Após a audiência geral, João Paulo II se aproximou de Romero e pediu um encontro, para surpresa deste. Aqui está o que o arcebispo mártir escreveu sobre esta reunião em seu diário:

O Santo Padre me disse: ‘Sei da grave situação que vive seu país e sei que seu apostolado é muito difícil. Podem contar com minhas orações: todos os dias rezo por El Salvador. É preciso defender muito a justiça social e o amor aos pobres, com tenacidade, mas também é preciso ter muito cuidado com as ideologias que podem se infiltrar nessa defesa dos direitos humanos, que a longo prazo são igualmente prejudiciais aos direitos humanos direitos.’ Eu respondi: ‘Santo Padre, estou feliz por estar de acordo, porque busco este equilíbrio: defender com coragem a justiça social, que é o ponto mais fraco do meu país. Para estar plenamente com o povo, mas também para apontar que pode haver perigos em reivindicações feitas sem sentimentos cristãos’. Ele me disse que esse era o equilíbrio que deveria ser mantido e que devemos sempre confiar em Deus. Este é um resumo de seu pensamento; depois deu-me um forte abraço, disse-me que estava comigo e deu-me uma bênção especial para o meu povo.

O biógrafo de Romero, Roberto Morozza della Rocca, escreve o seguinte sobre o segundo encontro entre João Paulo II e Romero:

Em maio de 1979, Romero havia deixado Roma sem ter entendido que João Paulo II lhe dera sua confiança. Ao contrário, Romero voltou de sua última viagem a Roma em estado de euforia, fortalecido pela plena solidariedade do Papa, expressa em termos pessoais e fraternos. Conhecendo muito melhor o Pontífice, Romero poderia contar no futuro com a comunicação pessoal com ele e sabia que ele estava em seus pensamentos e orações. Nas semanas seguintes, Romero fez várias referências entusiásticas em suas homilias dominicais ao seu encontro com João Paulo II.

São João Paulo II visitou o túmulo do arcebispo Romero duas vezes, durante suas visitas a El Salvador em 1983 e 1996. Durante a primeira visita, El Salvador foi dilacerado por uma sangrenta guerra civil. Muitos oficiais da Igreja imploraram que ele não visitasse o túmulo de Romero, não apenas porque muitos deles viam o arcebispo martirizado como um herético teólogo da libertação, mas também porque isso seria visto como um gesto partidário em uma sociedade violentamente polarizada. “Não, o papa tem que ir”, respondeu João Paulo. “Romero era um bispo que foi morto a tiros no meio de seu ministério como pároco, durante a celebração da Santa Missa”.

O arcebispo Oscar Romero foi um dos grandes mártires católicos do século XX. Numa época em que a cobertura da Igreja pela mídia secular é extremamente negativa e se concentra no escândalo, sua canonização é um lembrete bem-vindo de que temos muitos heróis católicos dos quais podemos nos orgulhar. Ele não era, no entanto, um esquerdista, um teólogo da libertação ou um adversário do Papa São João Paulo II, e as frequentes caracterizações dele como tal são um insulto à verdade e ao seu grande legado…: https://www.catholicworldreport.com/2018/10/13/three-common-myths-about-archbishop-oscar-romero/

================

OUTROS SANTAS E SANTOS DE 24 DE MARÇO

1.   Em Ce­sa­reia da Pa­les­tina,os santos már­tires Ti­molau, Di­o­nísio, Páu­sides, Ró­mulo, Ale­xandre e outro Ale­xandre, que, du­rante a per­se­guição do im­pe­rador Di­o­cle­ciano, con­du­zidos de mãos atadas ao pre­feito Ur­bano, con­fes­saram ser cris­tãos e, poucos dias de­pois, foram de­ca­pi­tados com os com­pa­nheiros Agápio e outro Di­o­nísio, me­re­cendo assim as co­roas da vida eterna. († 303).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Palestina, o martírio de Oito Cristãos que, após terem confessado sua fé, tiveram as cabeças cortada durante a perseguição de Diocleciano. (M).

– Ver sua história à página 270: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

MÁRTIRES DE CESARÉIA

Memorial

Perfil

Um grupo de cristãos martirizados juntos nas perseguições de Diocleciano . Sabemos pouco mais, mas seis de seus nomes

Morreu

canonizado

Informações adicionais

Citação MLA

2.   Na Mau­ri­tânia, no ter­ri­tório ac­tu­al­mente da Ar­gélia, Santo Se­cún­dulo, que so­freu o mar­tírio pela fé em Cristo. († data inc.)

3*.   Em Clogher, na Hi­bérnia, ac­tual Ir­landa, São Mac Cairthind, bispo, que é con­si­de­rado dis­cí­pulo de São Patrício. († s. V)

4*.   Em Ca­tânia, na Si­cília, re­gião da Itália, São Se­vero, bispo. († 814)

5*.   Em Fa­briano, no Pi­ceno, ac­tu­al­mente nas Marcas, re­gião da Itália, o Beato João del Bastone, pres­bí­tero e monge, com­pa­nheiro de São Sil­vestre, abade. († 1290)

6.   Em Vads­tena, na Suécia, Santa Ca­ta­rina, virgem, filha de Santa Brí­gida, (também na Folhinha do Coração de Jesus) que, dada em ca­sa­mento contra a sua von­tade, con­servou a vir­gin­dade de comum acordo com seu es­poso e, após a morte dele, se con­sa­grou à vida de pi­e­dade. Pe­re­grina de Roma e da Terra Santa, tras­ladou os restos mor­tais de sua mãe para a Suécia e de­po­sitou-os no mos­teiro de Valds­tena, onde ela mesma tomou o há­bito monástico. († 1381).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Suécia, no ano do Senhor de 1381, Santa Catarina. Casada com um jovem senhor com quem ela combinou, desde o dia das bodas, viver em continência, acompanhou sua mãe, Santa Brígida, em diversas peregrinações. Depois da morte da última, em Roma, retornou à Suécia e se recolheu ao mosteiro de Vadstena, que dirigiu e ao qual deu uma regra de vida. (M).

– Ver “Santa Catarina da Suécia ou Catarina de Vadstena (1331 ou 1332 – Vadstena, 24 de Março de 1381) foi uma monja católica, que pertencia uma família nobre ligada aos reis suecos. Sua mãe era Santa Brígida da Suécia[2]. Ela levou uma vida absolutamente dedicada à fé cristã.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Santa_Catarina_da_Su%C3%A9cia

– Ver ainda “… 1381 ST CATHERINE DE VADSTENA, VIRGEM
ST CATHERINE (Karin) ULFSDOTTER era a quarta dos oito filhos de Santa Brígida, que com Catarina é comumente chamada de “da Suécia”, embora não fossem da casa real. Naquela família religiosa ela aprendeu primeiro a amar a Deus, e em tenra idade foi confiada aos cuidados da abadessa de Risaberga. Catarina foi prometida por seus pais a um jovem nobre devoto, Eggard von Kürnen (Kyren), que era descendente de alemães, e o casamento foi solenizado no devido tempo; mas Santa Catarina é celebrada com o ofício de virgem, pois se diz que o jovem casal concordou desde o início em viver juntos em continência perpétua. Em sua nova posição, a jovem esposa levou uma vida de austeridade que Eggard tolerava se ele realmente não encorajasse, mas seu irmão Charles ficou muito irritado quando ela tentou induzir sua própria esposa a seguir seu exemplo. Após a morte de seu marido Ulf, Santa Brígida foi morar em Roma, e Catarina depois disse à sua xará de Siena que no dia em que sua mãe deixou a Suécia, ela, sua filha, esqueceu como sorrir. Em 1350, ela obteve a licença de Eggard para visitar sua mãe em Roma, quando o irmão Charles escreveu uma carta violenta a Eggard proibindo-o de deixá-la ir. A carta chegou às mãos de Catarina, mas ela não se deixou intimidar e partiu sob a proteção de um de seus tios. Ela tinha então cerca de dezenove anos…

Santa Brígida há muito desejava um companheiro, e quando sua filha, após algumas semanas de estadia, propôs voltar para casa, ela implorou-lhe sinceramente que não fosse, mas que trabalhasse com ela em Roma pela causa de Cristo. O que se seguiu não é totalmente claro ou fácil de entender, visto que Catarina estava em obrigação para com ela.
Ela era o quarto filho de Santa Brígida e seu marido, Ulf Gudmarsson, nascida em 1331 ou 1332; morreu em 24 de março de 1381. Na época de sua morte, Santa Catarina era chefe do convento de Wadstena, fundado por sua mãe; daí o nome, Catherine Vastanensis, pelo qual ela é chamada ocasionalmente. Aos sete anos foi enviada para a abadessa do convento de Riseberg para ser educada e logo mostrou, como sua mãe, o desejo de uma vida de auto mortificação e devoção às coisas espirituais. Por ordem de seu pai, com cerca de treze ou quatorze anos, casou-se com um nobre de ascendência alemã, Eggart von Kürnen. Ela imediatamente convenceu seu marido, que era um homem muito religioso, a se juntar a ela em um voto de castidade.
  Ambos viviam em estado de virgindade e se dedicavam ao exercício da perfeição cristã e da caridade ativa
. Apesar de seu profundo amor pelo marido, Catarina acompanhou sua mãe a Roma, para onde Santa Brígida foi em 1349.

Logo após sua chegada àquela cidade, Catarina recebeu a notícia da morte de seu marido na Suécia. Ela agora vivia constantemente com sua mãe, participava ativamente dos trabalhos frutíferos de Santa Brígida e imitava zelosamente a vida ascética de sua mãe. Embora a jovem viúva distinta e bela estivesse cercada de pretendentes, ela recusou firmemente todas as ofertas de casamento. Em 1372, Santa Catarina e seu irmão, Birger, acompanharam sua mãe em uma peregrinação à Terra Santa; após seu retorno a Roma, Santa Catarina estava com sua mãe neste último lugar…

Em 1374, em obediência ao desejo de Santa Brígida, Catarina trouxe de volta o corpo de sua mãe para a Suécia para o enterro em Wadstena, de cuja fundação ela agora se tornou a chefe. Foi a casa mãe da Ordem Brigitina, também chamada de Ordem de São Salvador. Catarina administrou o convento com grande habilidade e tornou a vida ali em harmonia com os princípios estabelecidos pelo seu fundador.
No ano seguinte foi novamente a Roma para promover a canonização de Santa Brígida e obter uma nova confirmação papal da ordem. Ela obteve outra confirmação tanto de Gregório XI (1377) quanto de Urbano VI (1379), mas não conseguiu obter na época a canonização de sua mãe,, a quem ela parece ter sido profundamente apegada. Mas permaneceu em Roma, embora não sem momentos de grande infelicidade: “Eu levo uma vida miserável, enjaulada aqui como um animal, enquanto os outros vão alimentar suas almas na igreja. Meus irmãos e irmãs na Suécia podem servir a Deus em paz”; pois devido às desordens da cidade, sua mãe, quando ela saiu, fez Catherine parar dentro de casa. Dadas as circunstâncias, pode-se razoavelmente supor que seu sonho de Nossa Senhora a repreendendo por seu descontentamento foi um produto de depressão nervosa, embora a pobre Catarina o levasse muito a sério. Brígida, no entanto, acreditava que fosse revelado a ela que o marido de sua filha estava prestes a morrer, como de fato aconteceu antes do fim do ano;

Quando se soube que esta bela moça era viúva, começou a ser importunada por sua mão, alguns de seus pretendentes, apesar de suas recusas enfáticas, chegaram a traçar planos para sequestrá-la. Um dia, quando ela estava indo para o culto na igreja de São Sebastião, um conde romano, Latino Orsini, estava escondido com seus servos em um vinhedo ao lado da estrada. De repente, um veado apareceu e desviou tanto a atenção deles que Santa Catarina passou despercebida. *[* Gf. uma história um tanto semelhante contada do inglês St Osyth (7 de outubro).]

Em outra ocasião semelhante, os mesmos supostos sequestradores ficaram temporariamente cegos – pelo menos o líder do partido testemunhou depois na presença do papa. Mas a beleza exterior da santa era apenas um espelho das graças interiores de sua alma. Sua caridade era tão grande, estendendo-se além das ações às palavras, que ela nunca foi ouvida para dizer uma palavra raivosa ou impaciente ou proferir uma crítica maldosa. Anos mais tarde, ela rezou para que a Ordem Bridgettine pudesse sempre ser mantida longe do veneno da depreciação, e ela advertiu sua sobrinha Ingegerda, depois abadessa de Vadstena, contra julgamentos pouco caridosos, dizendo que tanto o caluniador quanto o ouvinte carregavam o diabo em suas línguas. Ela evitava toda exibição e usava suas roupas até ficarem surradas;

Nos vinte e cinco anos seguintes, a vida de Catarina quase se identificou com a de sua mãe, em cujas boas obras ela participou ativamente. Além das orações vocais às quais sempre fora viciada, a filha agora passava quatro horas de cada dia em meditação sobre a Paixão. Ela estava rezando na Basílica de São Pedro um dia quando foi abordada por uma mulher de vestido branco e manto preto, que ela supôs ser uma terciária dominicana. A estranha pediu-lhe que orasse por uma de suas conterrâneas, de quem logo receberia uma ajuda valiosa e que colocaria uma coroa de ouro em sua cabeça. Pouco depois veio a notícia da morte de uma cunhada, que lhe legou o cocar de ouro que, como outras mulheres de sua posição e país, ela usava em grandes ocasiões. A tiara foi desfeita e, com o produto da venda, Santa Brígida e sua filha viveram por dois anos. De vez em quando faziam peregrinações a Assis e outros lugares e, por fim, Santa Brígida resolveu fazer uma última visita à Terra Santa. Ela estava acompanhada de Catarina. A própria Brígida não sobreviveu por muito tempo ao seu retorno a Roma, e seu corpo foi naquele mesmo ano transportado de volta para a Suécia para ser enterrado em seu convento em Vadstena.

O mosteiro ainda não havia sido erguido canonicamente, seus religiosos viviam sem votos e sem hábito.
A Santa Catarina coube agora a tarefa de formar a comunidade de acordo com a regra que sua mãe havia trabalhado tanto para ser aprovada; mas um ano depois ela voltou a Roma para levar adiante a causa da canonização de Brígida. Somente ao fim de cinco anos ela voltou para a Suécia, com a canonização ainda não concluída – o “Grande Cisma” havia eclodido enquanto isso – mas com a ratificação do governo Bridgettine pelo Papa Urbano VI (1378-89). Durante este tempo na Itália, Santa Catarina … formou uma amizade com Santa Catarina Benincasa de Siena, e Urbano desejava enviá-las juntas em uma missão à rainha Joana de Nápoles, que estava apoiando o papa reclamante que se chamava Clemente VII. Diz-se que Catarina se recusou a ir à corte da mulher que seduziu seu irmão Carlos, como é mencionado no aviso aqui de Santa Brígida em 8 de outubro; ela mesmo, diz ele, dissuadiu o papa de enviar as duas Catarinas para um ambiente tão perigoso.

Parecia que o trabalho de Catherine estava terminado, pois imediatamente após sua aposentadoria definitiva em Vadstena, sua saúde começou a piorar. Ela continuou a prática que ela havia observado de fazer uma confissão diária, mas o problema gástrico de que ela sofria impossibilitava que ela recebesse o Santíssimo Sacramento. Ela costumava, portanto, pedir que o Corpo do Senhor fosse trazido ao seu quarto de doente para que ela pudesse adorá-lo e oferecer suas devoções em sua presença. Entregando sua alma a Deus em uma oração final, ela faleceu pacificamente em 24 de março de 1381. Foi observado que uma estrela brilhante apareceu sobre a casa no momento de sua morte e permaneceu até o funeral. Suas exéquias foram assistidas por todos os bispos e abades da Escandinávia, bem como pelo filho do rei e por toda a população vizinha. 

Santa Catarina nunca foi canonizada formalmente, mas seu nome foi adicionado ao Martirológio Romano e sua festa é observada na Suécia e em outros lugares, bem como pelas Bridgettines. Diz-se que ela escreveu um livro intitulado A Consolação da Almaconsistindo de extratos e máximas da Sagrada Escritura e várias obras devocionais, mas nenhuma cópia foi preservada para nós.

Há uma breve biografia latina de Santa Catarina que foi escrita no primeiro quartel do século XV por um dos monges de Vadstena, Ulf Birgersson. Pode ser encontrado no Acta Sanctorum, março, vol. iii, e foi um dos primeiros livros impressos na Suécia. Um texto mais crítico aparece na reprise de Scriptores Suecicarum, vol. iii. Alguns dos documentos e coleções de milagres ligados à sua canonização projetada também foram impressos em ambas as obras mencionadas. O texto completo dos documentos de canonização foi editado por I. Collijn, Processus seu Negocium Canonizaczonis b. Katerinae de Vadstenis (1942-1946). A vida de Santa Catarina estava tão intimamente ligada à de sua mãe, que talvez o melhor relato da filha seja encontrado nas biografias de Santa Brígida, para quem ver em 8 de outubro.

Gregório XI (1377) Urbano VI (1379) a confusão causada pelo Cisma atrasou o processo.

Quando esta dolorosa divisão apareceu, ela se mostrou, como Santa Catarina de Sena, uma firme adepta da parte do Papa Romano, Urbano VI, em cujo favor ela testemunhou perante uma comissão judicial.
Catarina ficou cinco anos na Itália e depois voltou para casa, trazendo uma carta especial de recomendação do papa. Pouco depois de sua chegada à Suécia, ela adoeceu e morreu. 

Em 1484 Inocêncio VIII (1492) deu permissão para sua veneração como santa e sua festa foi marcada para 22 de março no martirológio romano.
Catarina escreveu uma obra devocional intitulada “Consolação da Alma” (Sielinna Troëst), composta em grande parte por citações das Escrituras e dos primeiros livros religiosos; nenhuma cópia é conhecida.

Geralmente representado com uma corça ao seu lado que vinha em seu auxílio quando jovens impuros procuravam seduzi-la…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch24.html#1381_St._Catherine_of_Sweden_head_of_the

VER TAMBÉM EM 22 DE MARÇO: SANTA CATARINA DA SUÉCIA, filha de Santa Brígida. “… Seu desejo era permanecer virgem. Todavia, para obedecer ao pai, desposou Egard, jovem piedoso. No primeiro dia de casados, ela o convenceu a viverem juntos em continência. Egard concordou. Viveram como irmão e irmã o resto da vida. Dormiam no chão e praticavam juntos os jejuns, as vigílias, as orações e as esmolas…”, às páginas 206-207: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

7*.   Em Ronda, na An­da­luzia, re­gião da Es­panha, o Beato Diogo José de Cádis (Fran­cisco José López-Caamaño, também na Folhinha do Coração de Jesus), pres­bí­tero da Ordem dos Frades Me­nores Ca­pu­chi­nhos, pre­gador in­signe e in­tré­pido de­fensor da li­ber­dade da Igreja. († 1801)

8♦.     Em Faíc­chio, lo­ca­li­dade de Be­ne­vento, na Itália, a Beata Maria Se­ra­fina do Sa­grado Coração (Clo­tilde Mi­chele), virgem, fun­da­dora da Con­gre­gação das Irmãs dos Anjos, Ado­ra­doras da San­tís­sima Trindade. († 1911)

9*.   Em Pni­ewite, junto de Gdansk, na Po­lónia, a Beata Maria Kar­lowska, virgem, que, para re­con­duzir as jo­vens e mu­lheres in­di­gentes e de vida dis­so­luta à dig­ni­dade de fi­lhas de Deus, fundou a Con­gre­gação das Irmãs do Di­vino Pastor da Di­vina Providência. († 1935)

10*.  Santo Oscar Romero. Destaque acima.

11. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Itália, no final do séc.  X, a volta para Deus de Santo Aldemar. Inicialmente monge em Monte Cassino, foi mais tarde nomeado abade de São Lourenço de Cápua, fundando em seguida a Abadia de Santa Eufêmia de Bucchianico e diversos outros mosteiros, na região de Chieti que ele evangelizou (X).

12. São Simeão, martirizado pelos judeus em Trento. Ver sua história às páginas 244-257: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

– Ver também “Simão de Trento (Trentocirca 1472 – Trento, 21 de Março de 1475) foi uma criança de dois anos e meio que viveu na cidade de Trento, cujo desaparecimento e assassínio foram atribuídos aos líderes da comunidade judaica da cidade… Apesar da maior parte dos historiadores acordarem na improbabilidade de Simão ter sido assassinado por Judeus, o livro “A páscoa de sangue” (Pasqua di Sangue) do historiador judeu Ariel Toaff relata vários casos semelhantes, tidos como “vingança” da comunidade judaica Ashkenazi por conta dos pogroms (perseguições) ocorridos na Europa contra a comunidade judaica. O livro foi fortemente criticado por dar crédito histórico a testemunhos obtidos sob tortura e foi retirado da circulação e reeditado pelo seu autor. [14][15]”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Sim%C3%A3o_de_Trento

13. São Gabriel, Arcanjo. Ver páginas 258-266: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

– Ver também “…Originalmente a Festa de São Gabriel Arcanjo foi, para o Rito Romano, marcada para a véspera da Anunciação de Nossa Senhora, ou seja, em 24 de março. Data esta ainda observada no Santoral antigo…”: https://institutohesed.org.br/sao-gabriel-arcanjo/

– VER 29 DE SETEMBRO:

Festa dos santos Mi­guel, Ga­briel e Ra­fael (também na Folhinha do Coração de Jesus), ar­canjos. No dia da de­di­cação da ba­sí­lica de São Mi­guel, an­ti­ga­mente edi­fi­cada na Via Sa­lária, a seis mi­lhas da ci­dade de Roma, ce­le­bram-se jun­ta­mente os três ar­canjos, cujas mis­sões sin­gu­lares são re­ve­ladas na Sa­grada Es­cri­tura e que, ser­vindo a Deus dia e noite e con­tem­plando o seu rosto, in­ces­san­te­mente O glorificam.

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, festa dos Santos Arcanjos Miguel, Gabriel e Rafael, honrados pela tradição bíblica como mensageiros de Deus junto aos homens. Entre eles, o Arcanjo São Miguel conheceu uma veneração especial, como protetor do povo eleito e adversário do mal. Segundo o Evangelho, o Arcanjo Gabriel – cujo nome significa “o que está diante de Deus” – coube anunciar à Virgem Maria que ela seria a mãe do Salvador. Também é ele que explica ao profeta Daniel como se dará a plena restauração, da volta do exílio à vinda do Messias, e que anuncia o nascimento do Precursor, João Batista, filho de Zacarias e Isabel. São Rafael Arcanjo, citado em um só livro das Escrituras, é o acompanhante do Tobias, e por isso sua função é a de guiar os que viajam. Foi ele que sugeriu ao seu jovem protegido o remédio para a cura da cegueira de seu pai; também é invocado como curador: seu nome, etimologicamente, significa “Deus cura”. (R).

– No VIDAS DOS SANTOS, São Miguel e os Anjos Bons. Ver páginas 126-132: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2017.pdf

– VER SÃO RAFAEL:  páginas 454-472: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2018.pdf

– Ver também:

– “… Gabriel (em hebraico גַּבְרִיאֵל, no hebraico moderno Gavriʼel, no hebraico tiberiano Gaḇrîʼēl; em latim Gabrielus; em grego Γαβριήλ, transl. Gabriēl; em árabe جبريل, trans. Jibrīl ou جبرائيل, transl. Jibrail; todos do aramaico Gabri-el, “homem forte de Deus”[1]) é, nas religiões abraâmicas, um anjo que serve como mensageiro de Deus. Aparece pela primeira vez numa menção no Livro de Daniel, na Bíblia hebraica. Em algumas tradições é tido como um dos arcanjos, noutras como anjo da morte…”:  https://pt.wikipedia.org/wiki/Gabriel_(anjo)

– Ver “… O nome Gabriel significa “homem de Deus, Gabriella é a forma feminina de Gabriel, ou “Deus se mostrou poderoso.” Aparece primeiro nas profecias de Daniel no Antigo Testamento. O anjo anunciou a Daniel a profecia das setenta semanas. Seu nome também ocorre no livro apócrifo de Henoch. Ele foi o anjo que apareceu a Zacarias para anunciar o nascimento de São João Batista. Finalmente, ele anunciou a Maria que ela teria um Filho que seria concebido pelo Espírito Santo, Filho do Altíssimo e Salvador do mundo. O dia da festa é 29 de setembro. São Gabriel é o patrono dos trabalhadores da comunicação.
Gabriella é a forma feminina de Gabriel. Os anjos são espíritos sem corpos, que possuem inteligência superior, força gigantesca e santidade insuperável. Eles desfrutam de um relacionamento íntimo com Deus como Seus filhos adotivos especiais, contemplando, amando e louvando-O no céu. Alguns deles são frequentemente enviados como mensageiros aos homens do alto. O nome Gabriel significa “homem de Deus.”, ou “Deus mostrou-se poderoso.” Aparece primeiro nas profecias de Daniel no Antigo Testamento. O anjo anunciou a Daniel a profecia das setenta semanas. Seu nome também ocorre no livro apócrifo de Henoch. Ele foi o anjo que apareceu a Zacarias para anunciar o nascimento de São João Batista. Finalmente, ele anunciou a Maria que ela teria um Filho que seria concebido pelo Espírito Santo, Filho do Altíssimo e Salvador do mundo. O dia da festa é 29 de setembro. São Gabriel é o patrono dos trabalhadores da comunicação.”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DaySeptember29.html

– “… Miguel (em hebraico: מִיכָאֵל (Micha’el ou Mîkhā’ēl; em grego: Μιχαήλ, Mikhaḗl; em latim: Michael ou Míchaël; em árabe: ميخائيل, Mīkhā’īl) é um arcanjo nas doutrinas religiosas judaicascristãs e islâmicas. Os católicosanglicanosortodoxos e luteranos se referem a ele como Arcanjo Miguel ou simplesmente como Miguel. É sincretizado nas religiões afro-brasileiras com o orixá Exu.[7] Em Pernambuco, é sincretizado com o orixá Oxóssi.[8]…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Miguel_(arcanjo)

– Ver “… São Miguel, o Arcanjo… No Monte Gargano, a comemoração do bendito arcanjo Miguel. Esta festa é guardada na memória do dia em que, sob a sua invocação, foi consagrada uma igreja, despretensiosa no seu exterior, mas dotada de virtude celestial. Patrono de merceeiros, marinheiros, paraquedistas, polícia e doenças.”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DaySeptember29.html

– “… Rafael (do hebraico רָפָאֵל, transl. Rāp̄āʾēl, “Deus cura”; em árabe: رافائيل; transl. Rāfāʾīlamárico: ሩፋዔል, transl. Rāfāʾīl), também conhecido como São Rafael Arcanjo, é o nome de um arcanjo comum às religiões judaicacristã e islâmica, responsável por executar todos os tipos de cura (física, psíquica ou espiritual). Enviado por Deus para curar em Seu Nome, Rafael significa “Deus cura” em hebraico; a palavra correspondente a médico é Rophe.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Rafael_(arcanjo)

– Ver “…Os memoriais de Gabriel (24 de março) e Rafael (24 de outubro) foram adicionados ao calendário romano em 1921. A revisão de 1970 do calendário juntou suas festas às de Miguel São Rafael {“Deus cura.”} É um dos sete Arcanjos. que estão diante do trono do Senhor. Ele foi enviado por Deus para ajudar Tobit, Tobias e Sara. Na época, Tobit era cego e a noiva de Tobias, Sara, sofreu com a morte de sete noivos na noite de seus casamentos. Raphael acompanhou Tobias até a mídia disfarçado de um homem chamado Azariah. Raphael o ajudou em suas dificuldades e o ensinou como se casar com Sarah com segurança. Tobias disse que Raphael fez com que ele tivesse sua esposa e que ele deu alegria aos pais de Sara por expulsar o espírito maligno dela.
Ele também deu a Rafael o crédito por seu pai ver a luz do céu e por receber todas as coisas boas por meio de sua intercessão.
Além de Raphael, Miguel e Gabriel são os únicos Arcanjos mencionados pelo nome na Bíblia. O nome de Rafael significa “Deus cura“. Essa identidade surgiu por causa da história bíblica que afirma que ele “curou” a terra quando ela foi contaminada pelos pecados dos anjos caídos no livro apócrifo de Enoque. Rafael também é identificado como o anjo que moveu as águas do tanque das ovelhas que curam. Ele também é o patrono dos cegos, dos encontros felizes, das enfermeiras, dos médicos e dos viajantes…”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DaySeptember29.html

14. Bem-Aventurado Guilherme de Norvich, menino mártir. Ver sua história às páginas 267-269: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

– Ver também “Guilherme de Norwich (Norwich1132? — Norwich, Março de 1144) foi um garoto inglês cuja morte teve a culpa atribuída à comunidade judaica da cidade de Norwich, no primeiro exemplo medieval de um libelo de sangue contra judeus.

Logo após sua morte foi considerado um mártir local. O seu culto foi mais tarde suprimido. [2]”: Guilherme de Norwich – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

15. VER SANTAS E SANTOS DE 24 DE MARÇO (ALGUNS DESTACADOS ACIMA):

<- OntemCalendárioAmanhã ->
Dia dos Missionários MártiresAbatas da Mauritânia Ágapito de Synnada aldemar o sábio Anna Elmerer Bernulfo de Mondovi Bertha de’Alberti de Cavriglia Bertrada de Laon Brian O’Carolan Caimin de Lough Derg Cairlão de Cashel Catarina da Suécia Diego José de Cádis Domangard de Maghera Hildelith de Barking John Del Bastone Latino de Bréscia Luczja HeymannMacartan de Clogher Maria Serafina do Sagrado Coração Oscar Arnulfo Romero e Galdámez Rômulo do Norte da África Secundus do norte da África Seleuco da Síria Severo de CatâniaMártires da África – 9 santos Mártires de Cesaréia – 6 santos Martirizado em Roma Epicaris de Roma Epigmenio de Roma marco de roma Pigmenio de Roma Timóteo de Roma Mártir Ulma Família de Markowa — Jadwiga Töpfer Marta Melusja Rybka
todos esses memoriais em uma única página

16. Outras santas e Santos do dia 24 de março: págs. 244-272 (vol.5): http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XXI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

 * “E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

– Sobre 24 de março, ver também: 24 de março – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (Na internet, foram consultadas no dia de hoje):

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia –Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 279-280: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp- content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf
  3. https://idoc.pub/queue/martirologio-romanopdf-2nv8gx23j9lk
  4. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: https://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2017.pdf
  5. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  6. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  7. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.
  8. The Book of Saints – A Comprehensive Biographical Dictionary – Dom Basil Watkins, OSB on behalf of the Benedictine monks of St Augustine’s Abbey, Ramsgate Eighth Edition Entirely revised and reset – T&T Clark; 8ª edição (19 novembro 2015) 
  9. El testigo fiel: https://www.eltestigofiel.org/index.php  
  10. MÁRTIRES DE GRUPO: http://newsaints.faithweb.com/martyrs.htm  
  11. SANTOS CATÓLICOS: https://catholicsaints.info/24-march/                                                                                                                                                          
  12. SANTOS DO DIA: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch24.html#                                                                                 
  13. SANTO DEL GIORNO: https://www.santodelgiorno.it/?p    
  14. SANTOS E HERÓIS CATÓLICOS ROMANOS: https://www.roman-catholic-saints.com/?fbclid=IwAR3I2wTv68l2z-TDczvIfnIepFibhxgYGn0Kp_PaUhTxdbPf73S1HYhGcdg
  15.              SOBRE NOSSA SENHORA:

DEVOÇÃO A NOSSA SENHORA EM JANEIRO: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayFebruary25.html#

FESTAS MARIANAS:

https://www.catholicdoors.com/news/marian.htm

http://www.iskandar.com/ourlady/feastsofourlady.html

http://marianapparition.blogspot.com/p/marian-calender.html

https://udayton.edu/imri/mary/t/titles-of-our-lady.php

https://devotiontoourlady.com/index.html 

(Sobre os sites que mostram os santos do dia e outros em inglês: Tradução Google)

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* SENHOR, NOSSO DEUS E PAI AMADO, OBRIGADO POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEM DADO E PERMITIDO VIVER!

QUERIDA MÃE VIRGEM MARIA, SOCORRA-NOS, PROTEJA-NOS!

SÃO JOSÉ, SANTAS/OS E ANJOS, INTERCEDAM POR NÓS! OBRIGADO TODOS! BENDITO SEJA DEUS PAI, FILHO E ESPÍRITO SANTO!   AMÉM!

================

* PAI AMADO, DÊ-NOS ESPÍRITO DE ORAÇÃO, VIGILÂNCIA, RENÚNCIA, PENITÊNCIA! DÊ-NOS ARDOR MISSIONÁRIO PARA E PELO SENHOR! TIRE-NOS O TORPOR E A TIBIEZA! DÊ-NOS, AMADO PAI, CORAGEM DE LUTAR COM ENTUSIASMO E FORÇA DE VONTADE, MESMO EM SITUAÇÕES SEDUTORAS, DIFÍCEIS E ESPINHOSAS, PARA ALCANÇAR AQUELA PERFEIÇÃO CRISTÃ DE BONS COSTUMES E SANTIDADE POR MEIO DA ORAÇÃO, ESFORÇO E TRABALHO. DÊ-NOS A DOCILIDADE DAS OVELHAS! SOBRETUDO, DÊ-NOS A GRAÇA! PEDIMOS EM NOME DE JESUS, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

* MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA, ESCREVA-NOS:

barpuri@uol.com.br

================

  • SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

================

Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação.

Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu só lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

================

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

================

  • “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”, mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível”.

================

* 02 de janeiro: SÃO GREGÓRIO DE NAZIANZENO

Deus aceita nossos desejos como se fossem de grande valorEle anseia ardentemente que o desejemos e o amemosEle aceita nossos pedidos de benefícios como se estivéssemos fazendo um favor a ele. Sua alegria em dar é maior do que a nossa em receber. Portanto, não sejamos apáticos em nossos pedidos, nem estabeleçamos limites muito estreitos para nossos pedidos; nem peçamos coisas frívolas indignas da grandeza de Deus…”

– São Gregório Nazianzeno

================

* 02 de janeiro: SÃO BASÍLIO

            … Levantemo-nos da nossa queda e não desistamos da esperança enquanto estivermos livres do pecado. Jesus Cristo veio a este mundo para salvar os pecadores. ‘Vinde, adoremos, prostremo-nos e choremos diante dele’ (Salmo 95:6). A Palavra nos chama ao arrependimento, clamando: ‘Vinde a mim, todos vós que estais cansados ​​e sobrecarregados e eu vos aliviarei’ (Mateus 11:28). Existe, então, um caminho para a salvação, se estivermos dispostos a segui-lo” …         

“… Ó pecador, não desanime, mas recorra a Maria em todas as suas necessidades. Chame-a para sua ajuda, pois tal é a Vontade divina que ela deve ajudar em todo tipo de necessidade…” 

================

* 05 DE JANEIRO: SÃO JOÃO NEPUMUCENO NEUMANN

Baseado em São João Neumann: “JESUS, POR TI QUERO VIVER! POR TI QUERO MORRER! QUERO SER TEU NA VIDA! QUERO SER TEU NA MORTE! DÊ-ME, SENHOR, A SANTIDADE! AMÉM!” (São João Nepomuceno Newmann sempre rezava esta oração)

– “Um homem deve estar sempre pronto, pois a morte chega quando e onde Deus quer” (São João Neumann)

================

* 07 de janeiro ou 09 de abril – Beata Lindalva Justo de Oliveira: Toda santidade passa pelo crisol (lugar ou circunstância apropriada a evidenciar as melhores qualidades de algo ou alguém) do sofrimento

(referente à Beata Lindalva de Oliveira, conforme http://www.santosdobrasil.org.br/?system=news&eid=294)

================

* 17 de janeiro: Santo Antão ou Antônio

Oração: “Santo Antônio, você falou da importância de perseverar em nossa fé e nossa prática. Ajude-nos a acordar a cada dia com um novo zelo pela vida cristã e um desejo de enfrentar o próximo desafio em vez de apenas ficar parado. Amém!”

================

* 19 de janeiro, São Macário. “… A oração não requer muitas palavras. sobre você, você só precisa dizer: “SENHOR, TEM MISERICÓRDIA!” O Senhor sabe o que é útil para nós e nos concede misericórdia.”… “Se você deseja ser salvo, seja como um morto. Não fique com raiva quando insultado (e provocado), nem orgulhoso quando elogiado.” E ainda: “Se a calúnia (e a provocação) é como o louvor para você, a pobreza como a riqueza, a insuficiência como a abundância, então você não perecerá.“…

================

* 24 de janeiro: SÃO FRANCISCO DE SALES

“… Todos nós podemos alcançar a virtude e a santidade cristãs, não importa em que condição de vida vivamos e não importa qual seja o trabalho de nossa vida…”

================

27 DE JANEIRO: SANTA ÂNGELA DE MÉRICI

“… A desordem na sociedade é o resultado da desordem na família…”

================

* 28 DE JANEIRO: SÃO TOMÁS DE AQUINO

“… Concede-me, ó Senhor meu Deus, uma mente para te conhecer, um coração para te buscar, sabedoria para te encontrar, uma conduta que te agrade, uma perseverança fiel em te esperar e a esperança de finalmente te abraçar…”

================

* 31 DE JANEIRO: SÃO JOÃO BOSCO

“… Quando tentado, invoque seu Anjo. Ele está mais ansioso para ajudá-lo do que você para ser ajudado! Ignore o diabo e não tenha medo dele: ele treme e foge ao ver seu anjo da guarda…”

================

* 03 de fevereiro: SANTO OSCAR

“…Se eu fosse digno de tal favor de meu Deus , pediria que me concedesse este único milagre : que por Sua graça Ele fizesse de mim um homem bom…”

================

  • 04 de fevereiro, SANTO ANDRÉ CORSINI: “Ele trabalhou arduamente para subjugar suas paixões por meio de humilhações extremas, obediência até mesmo à última pessoa na casa, pelo silêncio e oração (HUMILHAR-SE, OBEDECER, SILENCIAR, REZAR)”.

================

* 08 DE FEVEREIRO: SANTA JOSEFINA BAKHITA

“… O melhor para nós não é o que consideramos melhor, mas o que o Senhor quer de nós! …

================

* 10 de fevereiro, SÃO JOSÉ SÁNCHEZ DEL RIO

“… Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!…” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio).

Ver: https://catholicsaints.info/saint-jose-sanchez-del-rio/

================

* 13 DE FEVEREIRO: SÃO MARTINIANO, EREMITA

“Meu Senhor, ensina-me a reconhecer as minhas fraquezas e, ao mesmo tempo, lidar com elas. Dai-me a sabedoria de fugir das ocasiões de pecado e escapar das investidas do demônio. A exemplo e intercessão de São Martiniano, eu te peço essa graça. Por Cristo, na unidade do Espírito Santo. Amém!”

================

* 14 de fevereiro, SÃO JOÃO BATISTA DA CONCEIÇÃO GARCIA

“… Ó meu Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer…” (últimas palavras de São João Batista da Conceição Garcia).

Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

================

* 15 DE FEVEREIRO: SÃO CLÁUDIO DE LA COLOMBIÈRE (Devoção ao Sagrado Coração de Jesus)

“… Senhor, estou neste mundo para mostrar Sua misericórdia aos outros…

A misericórdia é ilimitada… Nenhum pecador, por maiores que”.

================

* 15 DE FEVEREIRO: BEATO MIGUEL SOPOCKO

“… O fator decisivo para obter a Misericórdia de Deus é a confiança. Confiança é a expectativa da ajuda de alguém. Não constitui uma virtude separada, mas é condição essencial da virtude da esperança e parte integrante das virtudes da fortaleza e da generosidade…”

================

* 18 DE FEVEREIRO: SÃO LEÃO DE PATERA

“…A vida eterna só pode ser conquistada através da tribulação, pois, como as Sagradas Escrituras nos ensinam, estreito é o caminho que conduz à vidaEu chamei de estreito … porque é difícil entrar e porque no início é muitas vezes assolado por aflições e perseguições. Mas, uma vez penetrado, pode-se mantê-lo sem grande dificuldade através da prática da virtude que ajuda a ampliá-lo e torná-lo mais fácil – como muitos descobriram. …”

================

* 20 (OU 18) DE FEVEREIRO: SÃO SADOT

“… O homem que é guiado pelo Espírito não teme a morte. Ele ama a Deus e vai a ele com um ardor incrível; mas aquele que vive de acordo com os desejos da carne, treme, e está desesperado com a sua aproximação: ele ama o mundo e é com tristeza que o deixa…”

================

* 21 DE FEVEREIRO: SÃO PEDRO DAMIÃO

“…Transmitamos fielmente à posteridade o exemplo de virtude que recebemos de nossos antepassados…” (São Pedro Damião)

================

* 23 DE FEVEREIRO: SÃO POLICARPO

Permanecei, pois, firmes nesta conduta e segui o exemplo do Senhor, ‘firmes e imutáveis ​​na fé, amantes da fraternidade, amando-vos uns aos outros, unidos na verdade, ajudando-vos uns aos outros com a brandura do Senhor, não desprezando ninguém.

================

* 27 DE FEVEREIRO: SÃO GABRIEL DAS DORES

“… Nosso caminho para a santidade, como o dos santos, provavelmente não está em atos heroicos, mas em realizar pequenos atos de bondade todos os dias…”

================

* 06 DE MARÇO: SANTA COLETA

Se há um verdadeiro caminho que conduz ao Reino Eterno, é certamente o do sofrimento suportado com paciência.” – Santa Coleta

================

* 09 DE MARÇO (06 de maio): SÃO DOMINGOS SÁVIO

“Antes morrer que pecar!”

================

*  12 DE MARÇO: SÃO LUÍS ORIONE

“… Sem Oração nada de bom é feito. As obras de Deus são feitas de mãos dadas e de joelhos. Mesmo quando corremos, devemos permanecer espiritualmente ajoelhados diante Dele…”

================

* 14 de março, Albert Einstein:

Deus Todo-Poderoso não joga dadosDiante de Deus somos todos igualmente sábios – igualmente tolos!

================

  • 15 DE MARÇO: SÃO CLEMENTE-MARIA HOFFBAUER:

“… Ó Jesus, Autor de nossa fé, deixe-nos viver pelo Senhor e morrer pelo Senhor. Amém…”

================

  • 15 de março, SANTA LUÍSA DE MARILLAC:

“… SEDE DILIGENTES NO SERVIÇO AOS POBRES . . . AMEM OS POBRES, HONREM-NOS, MEUS FILHOS, COMO VOCÊS HONRARIAM O PRÓPRIO CRISTO”

================

* 18 DE MARÇO: SÃO CIRILO DE JESUSALÉM

“… A tentação é como um riacho inundado no inverno, difícil de atravessar… Por ela passam os que não se deixam vencer por ela, mostrando que são excelentes nadadores, e não se deixam levar por ela… Judas, por exemplo, tendo entrado na tentação do dinheiro, não nadou por ela, mas foi dominado e estrangulado tanto no corpo quanto no espírito. Pedro entrou na tentação da negação – mas ele nadou virilmente através dela e foi liberto…”: https://www.patheos.com/blogs/catholicbookblogger/2014/09/10/church-fathers-day-fifty-one-st-cyril-of-jerusalem-and-temptation/

================

  • 21 de março, SÃO NICOLAU DE FLUE:
  •  

“Salve, ó Mãe de toda pureza, virgem imaculada, Mãe de toda misericórdia e Mãe de nosso Salvador; venho rogar-lhe que interceda por um pobre pecador junto ao Seu Divino Filho, para que me conceda Sua santa Graça. O inimigo implacavelmente me persegue e me ataca. Você uma vez esmagou a cabeça da serpente ao dar à luz nosso Salvador – ajude-me a superar suas artimanhas e enganos. Você é meu refúgio. Por que você me afastaria? …

Não, ó Virgem graciosa! Você virá em meu socorro e o inimigo será derrotado. Amém! “São Nicolau relatou que nunca invocou Maria em vão e que sempre sentiu visivelmente os efeitos de sua proteção.”

================

  • 21 de março (também 14 de novembro): SÃO SERAPIÃO DE THMUIS

REGRA RESUMIDA DA PERFEIÇÃO CRISTÃ: A mente é purificada pelo conhecimento espiritual (ou pela sagrada meditação e oração), as paixões espirituais da alma pela caridade e os apetites irregulares pela abstinência e penitência… (regra resumida da perfeição cristã – que São Serapião repetia muitas vezes) … “Nossos corpos podem se tornar instrumentos do bem ou do mal, dependendo da disposição do coração; tanto os homens justos quanto os ímpios são frequentemente mudados para o outro tipo.”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch21.html#370_St._Serapion_the_Scholastic_Bishop

================

  • 05 de abril, SÃO VICENTE FERRER “Faça o que fizer, não pense em si mesmo, mas em Deus…

Você deseja estudar a seu favor? Deixe a devoção acompanhar todos os seus estudos, e estude menos para se tornar um sábio do que para se tornar um santo.

Consulte a Deus mais do que seus livros, e peça-Lhe, com humildade, que faça você entender o que lê.

O ESTUDO CANSA E ESGOTA A MENTE E O CORAÇÃO. VÁ DE VEZ EM QUANDO, PARA REFRESCÁ-LOS, AOS PÉS DE JESUS CRISTO SOB SUA CRUZ. REPOUSE ALI.

Alguns momentos de repouso em suas chagas sagradas dão novo vigor e novas luzes.

Aplique-se por orações curtas, mas fervorosas e jaculatórias. Nunca comece ou termine seu estudo, sem ser pela oração.

A ciência é um dom do Pai das luzes“.

================

* 06 de abril: São Zeferino Agostini

Fundou a Pia União das Irmãs Devotas de Santa Ângela Merici…

Dizia a elas: “Não se assustem com o trabalho ou o sofrimento, nem com o fruto escasso de seu trabalho. Lembrem-se de que Deus recompensa não pelos resultados, mas pelo esforço.” (L’Observattore Romano).

Ele sabia que sua primeira prioridade era desenvolver seu relacionamento com Deus por meio da oração pessoal, porque Deus era a fonte de sua alegria e poder para fazer o bem…

================

*12 de abril: São David Uribe

“Perdoo todos os meus inimigos e peço a Deus e a quem ofendi que me perdoe.” -da última vontade e testamento de Saint David

PAI AMADO, QUE ESTA SEJA A MINHA (NOSSA) VONTADE E MEU (NOSSO) TESTAMENTO! AMÉM!

===============

  • 20 DE ABRIL: PROJETO DE VIDA DE SÃO CONRADO DE PARZHAM

“MEU PROJETO DE VIDA É PRINCIPALMENTE ESTE: amar e sofrer, sempre meditando, adorando e admirando o amor indizível de Deus por suas criaturas mais humildes.”

RESOLUÇÕES DE SÃO CONRADO DE PARZHAM:

  • Resolvo em primeiro lugar permanecer continuamente na presença de Deus e perguntar-me frequentemente se faria isto ou aquilo se meu confessor ou superior estivesse me observando e principalmente se Deus e meu anjo da guarda estivessem presentes.
  • Resolvo me perguntar, sempre que tenho que encontrar cruzes de sofrimento: “Conrad, por que você veio aqui?”
  • Resolvo evitar sair do convento, na medida do possível, a menos que seja por amor ao próximo, obediência, motivos de saúde, peregrinação piedosa ou outra boa causa.
  • Resolvo fomentar a caridade fraterna em mim e nos outros. Portanto, resolvo tomar cuidado para nunca dizer uma palavra

indelicada. Resolvo suportar pacientemente os defeitos e as fraquezas dos outros e, na medida do possível, escondê-los com o manto da caridade, a menos que seja obrigado a manifestá-los a alguém que possa corrigi-los.

  • Resolvo observar o silêncio conscientemente. Resolvo falar brevemente e assim evitar muitas armadilhas e ser mais capaz de conversar com Deus.
  • Quando à mesa, resolvo colocar-me na presença de Deus o máximo que puder, permanecer recolhido e deixar de lado meus pratos favoritos para praticar uma forma oculta de mortificação. Resolvo não comer entre as refeições, a menos que seja ordenado a fazê-lo sob obediência.
  • Resolvo atender ao primeiro toque da campainha, a menos que seja legitimamente impedido.
  • Resolvo evitar, na medida do possível, conversar com o sexo oposto, a menos que a obediência me imponha deveres que tornem necessário falar com mulheres. Nesse caso, resolvo ser muito reservado e manter a guarda dos olhos.
  • Resolvo cumprir as ordens pontualmente e ao pé da letra. Resolvo especialmente fazer todos os esforços para conquistar minha própria vontade em todas as coisas.
  • Resolvo me forçar a prestar muita atenção aos pequenos detalhes e, na medida do possível, evitar todas as imperfeições. Resolvo observar fielmente a santa regra e não me afastar dela um fio de cabelo, aconteça o que acontecer.
  • Resolvo cultivar uma profunda devoção à Bem-Aventurada Virgem Maria e me esforçar para imitar suas virtudes.

UMA COMUNHÃO ESPIRITUAL, À NOITE, DE SÃO CONRADO DE PARZHAM

“Vim para passar alguns momentos contigo, ó Jesus, e em espírito me prostro no pó diante do Teu Santo Tabernáculo para adorar-Te, meu Senhor e Deus, na mais profunda humildade. Mais uma vez, um dia chegou ao fim, querido Jesus, outro dia que me aproxima da sepultura e do meu amado lar celestial. Mais uma vez, ó Jesus, meu coração anseia por Ti, o verdadeiro Pão da Vida, que contém toda doçura e prazer. Ó meu Jesus, perdoa-me misericordiosamente pelas faltas e ingratidão deste dia, e vem a mim para refrescar o meu pobre coração que anseia por Ti. Como o coração anseia pelas águas, como a terra seca anseia pelo orvalho do céu, assim meu pobre coração anseia por Ti, Tu Fonte da Vida. Eu Te amo, ó Jesus, espero em Ti, Te amo, e por Ti lamento sinceramente todos os meus pecados. Que Tua paz e Tua bênção sejam minhas agora e sempre e por toda a eternidade. Um homem.”

================

  • 28 DE ABRIL, SÃO LUÍS MARIA GRIGNION DE MONTFORT. Algumas máximas… “…Você é verdadeiramente abençoado se o mundo o persegue injustamente, opondo-se a seus desígnios, por melhores que sejam, julgando mal suas intenções, caluniando sua conduta, roubando injustamente sua reputação ou sua riqueza.

Cuida, então, minha filha (meu filho), de não reclamar a ninguém, a não ser a mim, dos maus-tratos que você está sendo tratado, e de buscar meios de se justificar quando, em particular, é só você que sofre com isso…

Pelo contrário, reza por aqueles que te trazem a felicidade da perseguição…

Agradeça-me por tratarem-no como fui tratado na terra, sendo um sinal de contradição…

Não desanime em suas boas intenções, por causa da contradição; é uma marca de vitória futura; uma boa obra que não está marcada com o sinal da cruz, não tem grande valor diante de mim e em breve será destruída”. Conforme: https://catholicsaints.info/saint-louis-marie-grignion-de-montfort/

================

  • 29 DE ABRIL: SANTA CATARINA DE SENA:

«Por misericórdia Vós lavastes-nos no Sangue e por misericórdia desejastes dialogar com as criaturas. Ó Louco de amor! Não vos foi suficiente encarnar, mas também quisestes morrer! …»

================

* 21 de maio, PADRE MANOEL E COROINHA ADÍLIO “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio)

================

* 31 de maio: NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

Lembrai-vos, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração, do poder inefável que vosso divino filho vos concedeu sobre seu Coração adorável.

Com a maior confiança em vossos merecimentos, vimos
implorar a vossa proteção.
Vós sois celeste Tesoureira do Coração de Jesus, daquele coração que é o
manancial inexaurível de todas as graças e que podeis abrir a vosso
bel prazer para fazer descer sobre os homens todos os tesouros de amor e
misericórdia, de luz e salvação que Ele encerra;

concedei-nos, vo-lo pedimos, os favores que suplicamos (fazer o pedido).
Sois nossa Mãe, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração.

Acolhei benignamente as nossas preces e dignai-vos a deferi-las.

Amém!
Nossa Senhora do Sagrado Coração, rogai por nós!

(conf.https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_do_Sagrado_Cora%C3%A7%C3%A3o)

================

  • 31 de maio, São NICOLAS BARRÉ, citações:
  • ACONTEÇA O QUE ACONTECER, ESTEJA SEMPRE EM PAZ E CONFIE EM DEUS, ISSO SERÁ FEITO A VOCÊ DE ACORDO COM SUA FÉ, SUA ESPERANÇA E SUA CARIDADE E MUITO MAIS. » Carta 61 (OC p 538) – Máxima de conduta para as amantes número 21 obras completas p.128
  • “DEVEMOS NOS CONCENTRAR MAIS EM ESTABELECER O BEM AO INVÉS DE DESTRUIR O MAL. ESTABELECIDO O BEM, O MAL NÃO PODERÁ MAIS SUBSISTIR. » Máxima para a Direção das Almas 17 Obras Completas p.357
  • “QUANTO MAIS ESTAMOS UNIDOS A DEUS, MAIS RECEBEMOS FORÇA DE ESPÍRITO E INFLUÊNCIA, POIS ELE É SUA FONTE E

OCEANO”. – Carta 27 (OC p 457)

================

* 08 DE JUNHO (09 de junho): SANTO EFRÉM

“As virtudes são formadas pela oração. A oração preserva a temperança. A oração suprime a raiva. A oração previne emoções de orgulho e inveja. A oração atrai para a alma o Espírito Santo e eleva o homem ao céu– Santo Efrém

Lembrem-se de mim, vocês, herdeiros de Deus, irmãos de Cristo; suplicai fervorosamente ao Salvador por mim, para que eu seja liberto por meio de Cristo daquele que luta contra mim dia a dia– Santo Efrém, O Medo no Fim da Vida

Vós, mártires vitoriosos , que suportastes com alegria os tormentos por amor de Deus e Salvador, vós que tendes ousadia de falar para com o próprio Senhor, vós santos, intercedei por nós, homens tímidos e pecadores, cheios de preguiça, para que a graça de Cristo venha sobre nós e ilumine os corações de todos nós para que possamos amá-lo– Santo Efrém, de Comentário sobre Marcos

Senhor, derrama sobre nossas almas obscurecidas a luz brilhante de tua sabedoria para que possamos ser iluminados e servi-lo com pureza renovada. O nascer do sol marca a hora para os homens começarem sua labuta, mas em nossas almas, Senhor, prepare uma morada para o dia que nunca terminará. Através do nosso zelo incessante por você, Senhor, coloca sobre nós o sinal do Seu dia que não é medido pelo sol. Em Seu sacramento, todos os dias O abraçamos e O recebemos em nossos corpos; torna-nos dignos de experimentar a ressurreição pela qual esperamos. Ensina-nos a encontrar a nossa alegria a Seu favor! Salvador, sua crucificação marcou o fim de sua vida mortal; ensina-nos a crucificar-nos e a abrir caminho para a nossa vida no Espírito– de um sermão de Santo Efrém”

================

* 13 DE JUNHO: SANTO ANTÔNIO DE PÁDUA

“…. António de Pádua, ou de Lisboa como é conhecido, definiu a oração «como uma relação de amor, que leva o homem ao diálogo o Senhor”, e descreveu quatro “atitudes” que devem caracterizá-la: “(1) abrir com confiança o nosso coração a Deus, (2) conversar afetuosamente com Ele, (3) apresentar-lhe as nossas necessidades, (4) dar-lhe louvor e gratidão…” Conforme:

http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune13.html#1231_St._Anthony_or_Antonio_Of_Padua_a

================

* 21 DE JUNHO: SÃO LUÍS GONZAGA

“Não há sinal mais evidente de que alguém é santo e do número dos eleitos, do que vê-lo levando uma vida boa e ao mesmo tempo vítima de desolação, sofrimento e provações”– São Luís Gonzaga

“Aquele que deseja amar a Deus não o ama verdadeiramente se não tiver um desejo ardente e constante de sofrer por Ele”– São Luís Gonzaga

“Ó Santa Maria! Minha mãe; em tua bendita confiança e custódia especial, e no seio de tua misericórdia, eu neste dia, e todos os dias, e na hora de minha morte, entrego minha alma e meu corpo. A ti entrego todas as minhas ansiedades e dores, minha vida e o fim de minha vida, para que por tua santíssima intercessão e por teus méritos, todas as minhas ações sejam dirigidas e governadas por tua vontade e a de teu Filho– São Luís Gonzaga

“Que o conforto e a graça do Espírito Santo sejam seus para sempre, honrada senhora. Sua carta me encontrou ainda nesta região dos mortos, mas agora devo me levantar para finalmente fazer meu caminho para o céu e louvar a Deus para sempre na terra dos vivos; na verdade, eu esperava que antes dessa época minha viagem tivesse terminado. Se a caridade, como diz São Paulo, significa “chorar com os que choram e alegrar-se com os que se alegram”, então, querida mãe, você se alegrará muito que Deus em sua graça e seu amor por você está me mostrando o caminho para a verdadeira felicidade e me assegurando que nunca o perderei. Cuide-se acima de tudo, honrada senhora, para não insultar a infinita bondade de Deus; você certamente faria isso se lamentasse como morto um vivo face a face com Deus , alguém cujas orações podem lhe trazer em seus problemas uma ajuda mais poderosa do que jamais poderiam na terra. E nossa separação não será por muito tempo; nos veremos novamente no céu; estaremos unidos com nosso Salvador; lá o louvaremos de coração e alma, cantaremos suas misericórdias para sempre e desfrutaremos da felicidade eterna”– de uma carta à mãe de São Luís Gonzaga

Ó Deus, doador de dons celestiais, que em São Luís Gonzaga uniu a penitência a uma maravilhosa inocência da vida, concede por seus méritos e intercessão que, embora não o tenhamos seguido na inocência, possamos imitá-lo na penitência. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que vive e reina convosco na unidade do Espírito Santo, um só Deus, pelos séculos dos séculos– coleta para a memória litúrgica de São Luís Gonzaga

Citação MLA

================

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO:

Meios de se preparar para uma boa morte: na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado…” Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém! http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

================

27 de junho: NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO

Em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. Amém!

Ó Mãe do Perpétuo Socorro, nós vos suplicamos, com toda a força do nosso coração, amparar a cada um de nós em Vosso colo materno, nos momentos de insegurança e sofrimento.

Que o Vosso olhar esteja sempre atento, para não nos deixar cair em tentação e, que em vosso silêncio, aprendamos a aquietar nosso coração e fazer a vontade do Pai.

Intercedei junto a Ele pela paz no mundo e por nossas famílias.

Abençoai todos os Vossos filhos e filhas enfermos.

Iluminai nossos governantes e representantes para que sejam sempre servidores do grande povo de Deus.

Concedei-nos, ainda, muitas e santas vocações religiosas, sacerdotais e missionárias para a maior difusão do Reino de Vosso Filho Jesus Cristo. Enfim, derramai no coração dos Vossos filhos e filhas a Vossa bênção de amor e misericórdia. Sede sempre o nosso Perpétuo Socorro na vida e, principalmente, na hora da morte.

Amém.

Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, rogai por nós!

================

* 15 de julho: SÃO BOAVENTURA

A oração é, portanto, a fonte e a origem de todo caminho ascendente em direção a Deus. Que cada um de nós, então, volte-se para a oração e diga ao nosso Senhor Deus: ‘Guia-me, Senhor, no teu caminho, para que eu possa andar na tua verdade.’ “

Cristo é tanto o caminho quanto a porta. Cristo é a escada e o veículo, como o “trono da misericórdia sobre a Arca da Aliança” e “o mistério oculto dos séculos”. 

Um homem deve voltar toda a sua atenção para este trono de misericórdia, e deve olhar para ele pendurado na cruz, cheio de fé, esperança e caridade, devoto, cheio de admiração e alegria, marcado pela gratidão e aberto ao louvor e júbilo. 

Então, tal homem fará com Cristo uma “pasch”, {uma páscoa} isto é, uma passagem. Pelos ramos da cruz ele passará o Mar Vermelho, deixando o Egito e entrando no deserto. Lá ele provará o maná escondido e descansará com Cristo no sepulcro, como se estivesse morto para as coisas de fora. Ele experimentará, tanto quanto for possível para quem ainda vive, o que foi prometido ao ladrão pendurado ao lado de Cristo: “Hoje você estará comigo no paraíso”.

================

* 19 DE JULHO: SANTO AMBROSIO AUTPERTO:

…ressaltando a prioridade que em cada busca teológica da verdade compete ao amor, ele dirige-se a Deus com estas palavras:Quando por nós és perscrutado intelectualmente, não és descoberto como és realmente; quando és amado, és alcançado“.

================

* 30 DE JULHO: SÃO PEDRO CRISÓLOGO

Ouça o apelo de Deus: Em mim, quero que você veja seu próprio corpo, seus membros, seu coração, seus ossos, seu sangue. Você pode temer o que é divino, mas por que não amar o que é humano? Você pode fugir de mim como o Senhor, mas por que não correr para mim como seu pai? Talvez você esteja cheio de vergonha por causar minha amarga paixão. Não tenha medo. Esta cruz inflige um dano mortal, não em mim, mas na morte. Esses pregos não me doem mais, mas apenas aprofundam meu amor por você. Eu não clamo por causa dessas feridas, mas através delas eu o atraio para o meu coração. Meu corpo foi esticado na cruz como um símbolo, não do quanto eu sofri, mas do meu amor abrangente. Não considero menos que derramar meu sangue: é o preço que paguei pelo seu resgate. Venha, então, volte para mim e aprenda a me conhecer como seu pai, que retribui o mal com o bem, a injúria com o amor e a caridade sem limites nas feridas penetrantes”.

… Ouça agora o que o Apóstolo nos exorta a fazer. Apelo a vocês, diz ele, para que apresentem seus corpos como sacrifício vivo. Por esta exortação dele, Paulo elevou todos os homens ao status sacerdotal. Quão maravilhoso é o sacerdócio do cristão, pois ele é tanto a vítima que é oferecida em seu próprio nome, quanto o sacerdote que faz a oferta. Ele não precisa ir além de si mesmo para buscar o que deve imolar a Deus: consigo mesmo e em si mesmo traz o sacrifício que deve oferecer a Deus por si mesmo. A vítima permanece e o padre permanece, sempre um e o mesmo. Imolada, a vítima ainda vive: o padre que imola não pode matar. Verdadeiramente é um sacrifício incrível em que um corpo é oferecido sem ser morto e sangue é oferecido sem ser derramado. 

O Apóstolo diz: Apelo-vos, pela misericórdia de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo. Irmãos, este sacrifício segue o padrão do sacrifício de Cristo pelo qual ele deu seu corpo como imolação viva pela vida do mundo. Ele realmente fez do seu corpo um sacrifício vivo, porque, embora morto, continua a viver. Em tal vítima, a morte recebe seu resgate, mas a vítima permanece viva. A própria morte sofre o castigo. É por isso que a morte para os mártires é realmente um nascimento, e seu fim um começo. Sua execução é a porta para a vida, e aqueles que se pensava terem sido apagados da terra brilham brilhantemente no céu. Paulo diz: Rogo-vos, pela misericórdia de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo e santo. O profeta disse a mesma coisa: Sacrifício e oferta não quiseste, mas preparaste um corpo para mim. Cada um de nós é chamado a ser um sacrifício a Deus e ao seu sacerdote. Não perca o que a autoridade divina lhe confere. Vista as vestes da santidade, cinge-se com o cinto da castidade. Deixe Cristo ser seu capacete, deixe a cruz em sua testa ser sua proteção infalível. Sua couraça deve ser o conhecimento de Deus que ele mesmo lhe deu. Continue queimando continuamente o cheiro doce do incenso da oração. Pegue a espada do Espírito. Deixe seu coração ser um altar. Então, com plena confiança em Deus, apresente seu corpo para o sacrifício. Deus não deseja a morte, mas a fé; Deus não tem sede de sangue, mas de auto entrega; Deus é apaziguado não pela matança, mas pela oferta de seu livre arbítrio. – de um sermão de São Pedro Crisólogo…”: https://catholicsaints.info/saint-peter-chrysologus/

================

* 31 DE JULHO: SANTO INÁCIO DE LOYOLA

“Se Deus faz com que você sofra muito, é sinal de que Ele tem grandes desígnios para você, e que certamente pretende fazer de você um santo. E se você deseja se tornar um grande santo, peça a Ele que lhe dê muitas oportunidades de sofrimento; pois não há lenha melhor para acender o fogo do amor santo do que a lenha da cruz, que Cristo usou para Seu próprio grande sacrifício de caridade sem limites…”

================

* 01 DE AGOSTO: SANTO AFONSO MARIA DE LIGÓRIO

“Eu o amo, Jesus meu amor, eu o amo mais do que a mim mesmo. Arrependo-me de todo o coração por tê-lo ofendido. Nunca permita que eu me separe de você novamente. Que eu o ame sempre, e então faça comigo o que quiser” … Santo Afonso Ligório

Santíssima e Imaculada Virgem! Ó minha Mãe! Tu que és a Mãe do meu Senhor, a Rainha do mundo, a advogada, a esperança e o refúgio dos pecadores! Eu, o mais miserável entre eles, agora venho a ti. Eu te adoro, grande Rainha, e te dou graças pelos muitos favores que me concedeste no passado; acima de tudo, agradeço-te por me ter salvado do inferno, que tantas vezes merecia. Amo-te, Senhora mais digna de todo amor, e, pelo amor que te carrego, prometo sempre no futuro servir-te e fazer o que me cabe para ganhar outros para o teu amor. Em ti ponho toda a minha confiança, toda a minha esperança de salvação. Recebe-me como teu servo e cobre-me com o manto da tua proteção, tu que és a Mãe de misericórdia! E visto que tens tanto poder com Deus, livra-me de todas as tentações, ou pelo menos obtenha para mim a graça de sempre superá-los. De ti peço um verdadeiro amor de Jesus Cristo e a graça de uma morte feliz. Ó minha Mãe! Por teu amor a Deus, suplico-te que sejas meu ajudante em todos os momentos, mas sobretudo no último momento de minha vida. Não me deixes até que me vejas seguro no céu, lá por séculos sem fim para te abençoar e cantar teus louvores. Tal é a minha esperança. Um homem. – Santo Afonso Ligório

… Deus diz a cada um de nós: “Dá-me o teu coração, isto é, a tua vontade”. Nós, por nossa vez, não podemos oferecer nada mais precioso do que dizer: “Senhor, toma posse de nós; damos-te toda a nossa vontade; faça-nos entender o que você deseja de nós, e nós o realizaremos”. Se quisermos dar plena satisfação ao coração de Deus, devemos trazer nossa própria vontade em tudo em conformidade com a dele; e não apenas em conformidade, mas também em uniformidade, no que diz respeito a tudo o que Deus ordena. A confirmação significa a união de nossa própria vontade com a vontade de Deus; mas a uniformidade significa, além disso, fazer do divino e da nossa vontade uma só vontade, de modo que nada desejamos senão o que Deus deseja, e sua vontade se torna a nossa. Esta é a soma e a substância daquela perfeição à qual devemos sempre aspirar; este deve ser o objetivo de tudo o que fazemos e de todos os nossos desejos, meditações e orações. Para isso, devemos invocar a assistência de todos os nossos santos padroeiros e nossos anjos da guarda e, sobretudo, de nossa divina mãe Maria , que foi a santa mais perfeita, porque abraçou mais perfeitamente a vontade divina…” – Santo Afonso Ligório, de O amor redentor de Cristo

================

* 04 DE AGOSTO: SÃO JOÃO MARIA VIANNEY

Meus filhinhos, reflitam nestas palavras: o tesouro do cristão não está na terra, mas no céu. Nossos pensamentos, então, devem ser direcionados para onde está nosso tesouro. Este é o glorioso dever do homem: orar e amar. Se você orar e amar, é aí que reside a felicidade de um homem. A oração nada mais é do que a união com Deus. Nesta união íntima, Deus e a alma estão fundidos como dois pedaços de cera que ninguém pode separar. Essa união de Deus com uma pequena criatura é uma coisa adorável. É uma felicidade além da compreensão. 

Meus filhinhos, seus corações, são pequenos, mas a oração os estica e os torna capazes de amar a Deus. Através da oração recebemos um antegozo do céu e algo do paraíso desce sobre nós. A oração nunca nos deixa sem doçura. É o mel que flui nas almas e torna todas as coisas doces. 

Quando oramos corretamente, as tristezas desaparecem como a neve diante do sol. Alguns homens mergulham tão profundamente na oração como peixes na água, porque se entregam totalmente a Deus. Oh, como amo essas nobres almas! Como somos diferentes deles! Quantas vezes chegamos à igreja sem ideia do que fazer ou do que pedir. E, no entanto, sempre que vamos a qualquer ser humano, sabemos muito bem por que vamos. E ainda pior, há alguns que parecem falar com o bom Deus assim: “Eu só direi algumas coisas para você, e então me livrarei de você”. Muitas vezes penso que, quando viermos adorar ao Senhor, receberemos tudo o que pedirmos, se pedirmos com fé viva e com o coração puro.

– das instruções catequéticas de São João Maria Vianney

================

08 DE AGOSTO: SÃO DOMINGOS DE GUSMÃO

“Um homem que governa suas paixões é senhor de seu mundo. Ou as comandamos sou somos escravizados por elas. É melhor ser um martelo do que uma bigorna” (São Domingos de Gusmão)

================

* 11 DE AGOSTO: SANTA CLARA DE ASSIS

“Vá em paz, pois você seguiu o bom caminho. Vá sem medo, pois aquele que te criou te fez santo, sempre te protegeu e te ama como uma mãe… Bendito sejas tu, meu Deus, por me ter criado”. – Santa Clara de Assis

================

            * 12 DE AGOSTO: SANTA JOANA DE CHANTAL

“… Os mártires de amor sofrem dores mil vezes mais agudas conservando a vida para cumprir a vontade de Deus, do que se tivessem de dar mil vidas para testemunhar a sua fé, o seu amor e a sua fidelidade

 MANTENHA SEUS OLHOS EM DEUS E DEIXE-O FAZER PARA ELE… ISSO É TUDO COM O QUE VOCÊ TEM QUE SE PREOCUPAR”. – Santa Joana de Chantal

================

* 14 DE AGOSTO: SÃO MAXIMILIANO KOLBE

“… AVE-MARIA!”:  esta foi a última invocação que brotou dos lábios de São Maximiliano Kolbe, estendendo o braço àquele que o matava com uma injeção de ácido fénico. É comovedor constatar que o recurso humilde e confiante a Nossa Senhora é sempre manancial de coragem e de serenidade. Enquanto nos preparamos para celebrar a solenidade da Assunção, que é uma das festas marianas mais queridas à tradição cristã, renovamos a nossa confiança naquela que, do Céu, vigia com amor maternal sobre nós em todos os momentos. Com efeito, é assim que rezamos na familiar prece da Ave-Maria, pedindo-lhe que interceda por nós “agora e na hora da nossa morte”…(Papa Bento XVI, na Audiência Geral de 13 de agosto de 2008): https://www.vatican.va/content/benedict-xvi/pt/audiences/2008/documents/hf_ben-xvi_aud_20080813.html

================

18 DE AGOSTO: BEM-AVENTURADO AIMON TAPARELI

A salvação consiste em servir a Deus; tudo o mais é ilusão.” 

================

* SÃO JOÃO EUDES: 19 DE AGOSTO

O nosso desejo, o nosso objetivo e a nossa principal preocupação deve ser formar Jesus em nós e fazer com que seu espírito, sua devoção, seus afetos, seus desejos e suas disposições reinem em nossos corações. Toda a nossa vida religiosa deve tender para isso. Tal é a tarefa que Deus nos confiou para que nela trabalhemos constantemente

================

* 20 DE AGOSTO: SÃO BERNARDO DE CLARAVAL

Nos perigos, nas dúvidas, nas dificuldades, PENSE EM MARIA , INVOQUE MARIA . Não deixe o nome dela sair de seus lábios, nunca permita que ele saia de seu coração. E para que você possa obter a ajuda de sua oração, não deixe de seguir seus passos. Com ela como guia, você nunca se desviará; ao invocá-la, você nunca desanimará; enquanto ela estiver em sua mente, você estará a salvo do engano; enquanto ela segura sua mão, você não pode cair; sob a proteção dela você não tem nada a temer; se ela andar na sua frente, você não se cansará; se ela lhe mostrar favor, você alcançará a meta– São Bernardo de Claraval

“Só Jesus é “mel para os lábios, cântico para os ouvidos, júbilo para o coração” (mel in ore, in aure melos, in corde iubilum)” (São Bernardo, citado por Bento XVI)

Lembrai-vos, ó piíssima Virgem Maria, que nunca se ouviu dizer

que algum daqueles que tenha recorrido à vossa proteção,

implorado a vossa assistência e reclamado o vosso socorro,

fosse por Vós desamparado.

Animado eu, pois, com igual confiança, a Vós, ó Virgem entre todas singular,

como à Mãe recorro, de Vós me valho e, gemendo sob o peso dos meus pecados,

me prostro a vossos pés.

Não rejeiteis as minhas súplicas, ó Mãe do Verbo de Deus humanado,

mas dignai-Vos de as ouvir propícia, e de me alcançar o que vos rogo. Amém.” (https://pt.wikipedia.org/wiki/Lembrai-vos) [Oração de São Bernardo]

================

* 21 DE AGOSTO: SÃO PIO X

Nasci pobre, vivi pobre e desejo morrer pobre

================

* 23 DE AGOSTO: SANTA ROSA DE LIMA

Que todos os homens saibam que a graça vem depois da tribulação. Que eles saibam que sem o fardo das aflições é impossível alcançar o cume da graça. Deixe-os saber que os dons da graça aumentam à medida que as lutas aumentam. Que os homens tomem cuidado para não se desviarem e serem enganados. Esta é a única escada verdadeira para o paraíso, e sem a cruz eles não podem encontrar nenhum caminho para subir ao céu…” (Dos escritos de Santa Rosa de Lima)

================

* 27 DE AGOSTO: SÃO PEMEN / PASTOR / POEMAS

               À questão de saber se é melhor falar ou calar, o Ancião disse:
Quem fala por Deus, faz bem, e quem cala por Deus, também faz bem.”
Ele também disse: “Se o homem parece estar em silêncio, mas seu coração condena os outros, então ele está sempre falando. Pode haver um homem que fala o dia todo, mas na verdade ele fica em silêncio, porque não diz nada que não seja lucrativo.”

O santo disse: “É útil observar três coisas: temer a Deus, orar com frequência e fazer o bem ao próximo”.
…”A maldade nunca erradica a maldade. Se alguém faz o mal a você, faça o bem a ele e a sua bondade vencerá a maldade.”

O começo do mal é a falta de vigilância. – São Poema

O silêncio não é uma virtude quando a caridade exige discurso. – São Poema

Uma fé viva consiste em pensar pouco de si mesmo e mostrar consideração pelos outros. – São Poema

Ensine seu coração a guardar o que sua língua ensina. – São Poema

Quando seu irmão o ataca, sejam quais forem os insultos, se você ficar com raiva dele, você está ficando com raiva sem motivo. Mesmo se ele arrancasse seu olho direito e cortasse sua mão direita, se você ficar com raiva dele, você está ficando com raiva sem motivo. No entanto, se ele tentar afastá-lo de Deus, fique com raiva! – São Poema

Não abra sua consciência para quem você não confia em seu coração. – São Poema

Instruir o próximo é o mesmo que repreendê-lo. – São Poema

Se você der pouca importância a si mesmo, terá paz onde quer que viva. – São Poema

Lançar-se diante de Deus, não medir seu progresso, deixar para trás toda vontade própria; estes são os instrumentos para o trabalho da alma. – São Poema

Deixe de lado uma pequena parte da sua justiça e em poucos dias você estará em paz. – São Poema

Lançar-se diante de Deus, não medir seu progresso, deixar para trás toda vontade própria – esses são os instrumentos para o trabalho da alma. – São Poema

Você deve fugir das coisas sensuais. Na verdade, toda vez que um homem chega perto de uma luta com a sensualidade, ele é como um homem à beira de um lago profundo, e o Inimigo o joga quando quer. Mas se o homem vive longe das coisas sensuais, ele é como aquele que está à distância do lago, de modo que mesmo que o Inimigo o seduza para jogá-lo no fundo, Deus lhe envia ajuda no exato momento em que o inimigo o está afastando e fazendo-lhe violência. – São Poema

NÃO DÊ SEU CORAÇÃO AO QUE NÃO SATISFAZ SEU CORAÇÃO

– São Poema

Se você estiver em silêncio, terá paz onde quer que viva. – São Poema

A natureza da água é macia, e a natureza da pedra é dura; mas se uma garrafa é pendurada acima da pedra, deixando a água cair gota a gota, ela desgasta a pedra. Assim é com a Palavra de Deus: é mole e nosso coração é duro, mas o homem que ouve a Palavra de Deus muitas vezes abre seu coração ao temor de Deus. – São Poema

Citação MLA

================

* 28 DE AGOSTO: SANTO AGOSTINHO

“… O que você possui se você não possui Deus? – Santo Agostinho

Infeliz é a alma escravizada pelo amor de tudo o que é mortal. – Santo Agostinho

O amor às posses mundanas é uma espécie de linha de pássaro, que enreda a alma e a impede de voar para Deus. – Santo Agostinho

Neste exato momento posso, se desejar, tornar-me amigo de Deus– Santo Agostinho

Deus concede mais consideração à pureza da intenção com a qual nossas ações são realizadas do que às próprias ações. – Santo Agostinho

Vou sugerir um meio pelo qual você pode louvar a Deus o dia todo, se desejar. Faça o que fizer, faça bem-feito, e você louvou a Deus. – Santo Agostinho

Este é o negócio da nossa vida. Pelo trabalho e oração, avançar na graça de Deus, até chegarmos àquela altura de perfeição na qual, com corações puros, podemos contemplar a Deus. – Santo Agostinho

Deus em sua onipotência não podia dar mais, em sua sabedoria não sabia dar mais, em suas riquezas não tinha mais para dar, do que a Eucaristia. – Santo Agostinho

Deus não ordena impossibilidades, mas ao ordenar adverte-te a fazer o que podes e a orar pelo que não podes, e ajuda-te para que possas– Santo Agostinho

Nossa vida e nossa morte estão com nosso próximo. – Santo Agostinho

Conquiste a si mesmo e o mundo está aos seus pés. – Santo Agostinho…”

* “O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

================

* 31 DE AGOSTO: SÃO RAIMUNDO NONATO

“…Trabalhar já é bom,
  Melhor ainda é orar;
O melhor – amar teu Deus,
  E nem uma palavra a dizer
.
    – do alemão de Angelus Silesius

Prática favorita – Pregar o amor de Cristo pelo nosso silêncio, bem como pelo nosso discurso….” (de VIDAS CURTAS DOS SANTOS “São Raimundo, Confessor, de Eleanor Cecilia Donnelly):

{ Angelus Silesius: https://pt.wikipedia.org/wiki/Angelus_Silesius }

================

04 de setembro: BEATA CATARINA DE RACCONIGI

Beata Catarina de Racconigi

Jesus, é minha única esperança!” – uma frase que a Beata Caterina repetia sempre que estava sob estresse

Grandes são as inIquidades do mundo, e meus pecados me tornam indigno de ser ouvido. Mas, Jesus, ó minha Esperança, Tua bondade não permitirá que eu me canse em suplicar-te em vão.” – Beata Catarina

================

04 DE SETEMBRO: NOSSA SENHORA DA CONSOLAÇÃO E CORREIA

“…Senhor Jesus Cristo, Vós que vos sensibilizastes ao ver o povo sofrendo, os apóstolos cansados, os jovens desesperançados, os doentes tristes, as crianças esquecidas, os pobres oprimidos, os mulheres marginalizadas, e vos comprometestes e os consolastes exclamando: “vinde a mim todos que estais aflitos e eu os aliviarei” (MT. 11.29), nós vos pedimos luz para imitar o exemplo de Maria a quem nós amamos e invocamos como nossa Mãe da Consolação. Fazei-nos, por ela, descobrir a forma de sermos solidários com aqueles que choram, com os pobres, os mansos, os que têm fome e sede de justiça, os misericordiosos, os puros de coração, os que buscam a paz e os que são perseguidos por causa da justiça.

Senhor, que dessa forma, com a ajuda de NOSSA MÃE DA CONSOLAÇÃO, consigamos realizar o vosso reino de justiça, de serviço, de liberdade e fraternidade.

Senhor, que MARIA, MÃE DA CONSOLAÇÃO, seja nossa companheira de caminhada e nos ajude a chegar até vós, que sois o CAMINHO, a VERDADE e a VIDA. AMÉM!…” {http://arquisp.org.br/liturgia/santo-do-dia/nossa-senhora-da-consolacao}

================

05 DE SETEMBRO SANTA TERESA DE CALCUTÁ

“…Deixe que qualquer um que vier até você vá embora se sentindo melhor e mais feliz. Todos deveriam ver bondade em seu rosto, em seus olhos, em seu sorriso. A alegria aparece nos olhos. Aparece quando falamos e andamos. Não pode ser mantida fechada dentro de nós. Ela reage lá fora. A alegria é muito contagiante…” – Santa Teresa de Calcutá

================

09 DE SETEMBRO: SÃO PEDRO CLÁVER

Jesus Cristo, Filho de Deus, você será meu pai e minha mãe e todo o meu bem. Eu o amo muito. Sinto muito por ter pecado contra você. Senhor, eu o amo muito, muito, muito.” – São Pedro Claver

================

13 DE SETEMBRO: SÃO JOÃO CRISÓSTOMO

            “… Certamente quem quer riqueza e abundância escolherá as coisas que duram ao invés das que perecem, o inesgotável ao invés do que se esvai, o muito ao pouco, o incorruptível ao invés do corruptível. Então o outro tipo seguirá também. Quem busca a terra antes do céu certamente também perderá a terra, mas quem preferir o céu à terra desfrutará de ambos no mais alto grau…” ( São João Crisóstomo nos diz para investir no céu):  {https://www.patheos.com/blogs/catholicbookblogger/2015/02/25/church-fathers-day-219-st-john-chrysostom-tells-us-to-invest-in-heaven/ }

            “…Desejas honrar o corpo de Cristo? Não o ignores quando está nu. Não o homenageies no templo vestido com seda quando o negligencias do lado de fora, onde ele está malvestido e passando frio. Ele, que disse “Este é o meu corpo”, é o mesmo que diz “tive fome e destes-me de comer” [18] e «quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes» (Mateus 25:40)…

            Que importa se a mesa eucarística está lotada de cálices de ouro quando teu irmão está morrendo de fome? Começa por satisfazer a sua fome e, depois, com o que sobrar, poderás adornar também o altar…” (comentário de São João Crisóstomo sobre Mateus) …”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/João_Crisóstomo

================

  • 15 DE SETEMBRO (OU 22 DE MARÇO): SANTA CATARINA DE GÊNOVA:

“… a oração por um ente querido é, para o crente, uma forma de apagar qualquer distância, até mesmo a morte. Em oração, permanecemos na presença de Deus na companhia de alguém que amamos, mesmo que essa pessoa tenha morrido antes de nós

Não devemos transformar o purgatório em um campo de concentração em chamas à beira do inferno – ou mesmo em um ‘inferno por um curto período’. É uma blasfêmia pensar nisso como um lugar onde um Deus mesquinho cobra a última libra – ou grama – de carneSanta Catarina de Gênova (Festa dia 15 de setembro, mística do século 15), escreveu ‘fogo’ do purgatório é o amor de Deus ‘queimando’ a alma para que, por fim, a alma esteja totalmente em chamas. É a dor de querer ser feito totalmente digno de Alguém que é visto como infinitamente amável, A DOR DO DESEJO DE UNIÃO que agora está absolutamente assegurada, mas ainda não completamente experimentada

(Leonard Foley, OFM, Crendo em Jesus) …”:

================

* 16 DE SETEMBRO: SÃO CIPRIANO

Ditos de São Cipriano: “… Deus não escuta a voz, mas o coração…”; “... Não pode ter Deus por pai quem não tem a Igreja por mãe…”: https://www.pensador.com/autor/sao_cipriano/

================

* 17 DE SETEMBRO: SÃO ROBERTO BELARMINO

… A CARIDADE É AQUILO COM O QUAL NENHUM HOMEM SE PERDE, E SEM O QUAL NENHUM HOMEM SE SALVA.” – São Roberto Belarmino

               Diz o Papa Bento XVI: … “De arte bene moriendi” – a arte de morrer bem – por exemplo, [Bellarmino] indica como norma segura do bom viver, e também do bom morrer, o meditar frequentemente e seriamente que se deverá prestar contas a Deus das próprias ações e do próprio modo de viver, bem como não buscar acumular riquezas nesta terra, mas viver de modo simples e com caridade, de modo a acumular bens no Céu” …  As palavras de São Roberto Belarmino “recordam-nos que o fim de nossa vida é o Senhor, o Deus que se revelou em Jesus Cristo, nO qual Ele continua a chamar-nos e a prometer-nos a comunhão com Ele. Recordam-nos a importância de confiar no Senhor, de nos gastarmos em uma vida fiel ao Evangelho, de aceitar e iluminar com a fé e com a oração toda a circunstância e toda a ação da nossa vida, sempre nos esforçando para a união com Deus …

{Audiência Geral:  https://www.vatican.va/content/benedict-xvi/pt/audiences/2011/documents/hf_ben-xvi_aud_20110223.html }”:

================

* 19 DE SETEMBRO: NOSSA SENHORA DA SALETTE

“… Diz São João Paulo II AOS MISSIONÁRIOS DE NOSSA SENHORA DE LA SALETTE em 4 de maio de 2000: … Proclame com ousadia a Palavra de Deus, uma força que pode transformar corações, sociedades e culturas. Sob o olhar de Maria, presença materna entre o Povo de Deus, convida constantemente à conversão, à comunhão e à solidariedade

Não hesiteis em anunciar aos vossos irmãos que Deus caminha com os homens, que os chama a uma vida nova e os encoraja para os conduzir à verdadeira liberdadeque o missionário esteja disposto a viver em permanente estado de conversãoO verdadeiro missionário é aquele que se compromete resolutamente a seguir os caminhos da santidade… Depois do entusiasmo do primeiro encontro com Cristo nos caminhos da missão, é necessário perseverar no esforço quotidiano através de uma intensa vida de oração, penitência e dom de si” …: https://www.vatican.va/content/john-paul-ii/en/speeches/2000/apr-jun/documents/hf_jp-ii_spe_20000504_notre-dame.html

================

* 27 DE SETEMBRO: SÃO VICENTE DE PAULO

“A perfeição consiste apenas em uma coisa, que é fazer a vontade de Deus. Pois, segundo as palavras de Nosso Senhor, para a perfeição basta negar a si mesmo, tomar a cruz e segui-lo. Ora, quem nega a si mesmo e toma a sua cruz e segue a Cristo melhor do que aquele que procura não fazer a sua própria vontade, mas sempre a de Deus? Veja, agora, quão pouco é necessário para se tornar santo? Nada mais do que ADQUIRIR O HÁBITO DE QUERER, EM TODAS AS OCASIÕES, O QUE DEUS QUER. 

– São Vicente de Paulo

Quem quiser progredir na perfeição, tenha especial diligência em não se deixar levar por suas paixões, que destroem com uma mão o edifício espiritual que se ergue pelo trabalho da outra. Mas para ter sucesso nisso, a resistência deve ser iniciada enquanto as paixões ainda estão fracas; pois depois que elas estão completamente enraizadas e crescidas, quase não há remédio– São Vicente de Paulo

O primeiro passo a ser dado por quem deseja seguir a Cristo é, segundo as palavras do próprio Nosso Senhor, o de renunciar a si mesmo, isto é, aos próprios sentidos, às próprias paixões, à própria vontade, ao próprio juízo e a todos os movimentos da natureza, oferecendo a Deus um sacrifício de todas essas coisas e de todos os seus atos, que certamente são sacrifícios muito agradáveis ​​ao Senhor. E nunca devemos nos cansar disso; pois se alguém que tem, por assim dizer, um pé já no céu, abandonasse este exercício, quando chegasse a hora de colocar o outro lá, correria muito risco de se perder. – São Vicente de Paulo

================

* 23 DE SETEMBRO: SÃO PADRE PIO DE PIETRELCINA

Fica comigo, Senhor, pois é necessário tê-lo presente para que eu não o esqueça. Você sabe com que facilidade eu o abandono. 

Fica comigo, Senhor, porque sou fraco e preciso da sua força, para não cair tantas vezes. 

Fica comigo, Senhor, porque o Senhor é a minha vida e sem o Senhor estou sem fervor. Fica comigo, Senhor, pois o Senhor é minha luz e sem o Senhor estou nas trevas. 

Fica comigo, Senhor, para me mostrar a Sua vontade. 

Fica comigo, Senhor, para que eu ouça a Sua voz e O siga. 

Fica comigo, Senhor, pois desejo amar o Senhor muito e estar sempre na Sua companhia. 

Fica comigo, Senhor, para que eu seja fiel ao Senhor. 

Fica comigo, Senhor, por mais pobre que seja a minha alma, quero que seja um lugar de consolação para o Senhor e um ninho de Amor. 

Fica comigo, Jesus, porque está ficando tarde e o dia está chegando ao fim e a vida passa, a morte, o julgamento e a eternidade se aproximam. É preciso renovar as minhas forças, para que não pare no caminho e para isso preciso do Senhor. Está ficando tarde e a morte se aproxima, temo as trevas, as tentações, a secura, a cruz, as dores. Oh, como preciso do Senhor, meu Jesus, nesta noite de exílio! 

Fica comigo, Jesus; na vida com todos os seus perigos, eu preciso do Senhor. Deixa-me reconhecê-lo como fizeram os seus discípulos ao partir do pão, para que a celebração eucarística, a comunhão seja a Luz que dispersa as trevas, a força que me sustenta, a alegria única do meu coração. 

Fica comigo, Senhor, porque na hora da minha morte quero permanecer unido a ao Senhor, se não pela Comunhão , pelo menos pela graça e pelo amor. 

Fica comigo, Senhor, porque é só ao Senhor que procuro, Seu Amor, Sua Graça, Sua Vontade, Seu Coração, Seu Espírito, porque o amo e não peço outra recompensa senão amar o Senhor cada vez mais. 

Com um amor firme, eu o amarei de todo o meu coração enquanto estiver na terra e continuarei a amar perfeitamente por toda a eternidade. 

(Oração do Padre Pio após a Santa Comunhão)

================

* 30 DE SETEMBRO: SÃO JERÔNIMO

“… Na parte mais remota de um deserto selvagem e pedregoso, queimado pelo calor do sol escaldante que assusta até os monges que o habitam, parecia-me estar no meio das delícias e multidões de Roma. 

No exílio e na prisão a que por medo do inferno me condenara voluntariamente, muitas vezes me imaginei presenciando a dança das donzelas romanas como se estivesse no meio delas: no meu corpo frio e no meu corpo ressecado, carne, que parecia morta antes de sua morte, a paixão era capaz de viver. 

Sozinho com esse inimigo, me joguei em espírito aos pés de Jesus, regando-os com minhas lágrimas, e domei minha carne jejuando semanas inteiras. Não me envergonho de revelar minhas tentações, mas lamento não ser agora o que era antes

Lá, também – o próprio Senhor é minha testemunha – quando eu derramei copiosas lágrimas e forcei meus olhos para o céu, às vezes me senti entre as hostes angelicais e, de alegria e alegria, cantei: “por causa do sabor dos teus bons unguentos, correremos atrás de ti.” – A carta de Jerônimo a Santa Eustóquio – 7 {https://catholicsaints.info/saint-jerome-letter-23-to-eustochium/}

{https://catholicsaints.info/saint-jerome/ >}

================

* O1 DE OUTUBRO: SANTA TERESA DE JESUS

“… Ajoelhado diante do tabernáculo, só consigo pensar em uma coisa para dizer ao nosso Senhor: “Meu Deus, você sabe que eu te amo”. E sinto que minha oração não cansa Jesus; conhecendo minha fraqueza, Ele está satisfeito com minha boa vontade

…Nosso Senhor não olha tanto para a grandeza de nossas ações, nem mesmo para sua dificuldade, mas para o amor com que as fazemos… 

… Nosso Senhor não precisa nem de grandes feitos de nossa parte, nem de pensamentos profundos, nem de inteligência, nem de talento. Ele preza a simplicidade…

… A perfeição consiste em fazer a Vontade de Deus, em ser aquilo que Ele quer que sejamos… Jesus, ajude-me a simplificar minha vida aprendendo a ser o que você quer que eu seja e me tornando essa pessoa…– Santa Teresa de Lisieux

================

* 02 DE OUTUBRO: SANTOS ANJOS DA GUARDA

“…Nossa fraqueza é tal que, se os anjos da guarda não nos tivessem sido dados, não poderíamos resistir aos muitos e poderosos ataques dos espíritos malignos. Para este propósito, precisávamos de uma natureza superior. É por isso que Deus tirou esses espíritos de seus tesouros e por meio deles deu um auxílio à fraqueza humana, para que essa assistência divina nos ajude contra os poderes deste mundo de trevas a alcançar a herança da salvação…” – Santo Hilário de Poitiers (memorial em 13 de janeiro)

================

* 04 DE OUTUBRO: SÃO FRANCISCO DE ASSIS

“Santifique-se e santificará a sociedade”. – São Francisco de Assis

================-

* 05 DE OUTUBRO: SANTA FAUSTINA

“… JESUS, EU CONFIO EM TI!…”

{https://www.vatican.va/content/john-paul-ii/pt/homilies/2000/documents/hf_jp-ii_hom_20000430_faustina.html }

================

08 DE OUTUBRO: SÃO JOÃO CALÁBRIA

1- “Somos chamados a “mostrar ao mundo que a divina Providência existe que Deus não é estrangeiro, mas é Pai, e pensa em nós, com a condição de que pensemos n’Ele e façamos a nossa parte, que é a de procurar em primeiro lugar o santo Reino de Deus e a sua justiça“.

2- “A grandeza das ações depende unicamente da medida do amor com que são feitas

3- “Encontrar caminhos é bom… Melhor ainda é abrirmos os caminhos“….:

================

*09 DE OUTUBRO: SÃO JOÃO HENRIQUE NEWMAN

“…John Henry Newman colocou nos lábios do coro dos anjos no céu:

Louvado seja o Santíssimo nas alturas
E nas profundezas seja louvado;
Em todas as suas palavras mais maravilhosas,
Mais seguro em todos os seus caminhos!
O Sonho de Gerôncio )…:
https://www.vatican.va/content/benedict-xvi/en/homilies/2010/documents/hf_ben-xvi_hom_20100919_beatif-newman.html

==============

* 11 DE OUTUBRO: SÃO JOÃO XXIII

“…Não é que o evangelho mudou; é que começamos a entendê-lo melhor. Aqueles que viveram tanto quanto eu… puderam comparar diferentes culturas e tradições, e saber que é chegado o momento de discernir os sinais dos tempos, de aproveitar a oportunidade e olhar para o futuro…” (São João XXIII, em seu leito de morte)

================

* 15 de outubro: SANTA TERESA DE ÁVILA

“… Nada te perturbe… Nada te amedronte… Tudo passa!… A paciência tudo alcança… A quem tem Deus, nada falta. Só Deus basta!…”

================

* 16 DE OUTUBRO: SANTA MARGARIDA MARIA ALACOQUE

AS DOZE PROMESSAS DE JESUS A SANTA MARGARIDA MARIA para os devotos de Seu Sagrado Coração:

  • Eu lhes darei todas as graças necessárias ao seu estado de vida.
  • Eu estabelecerei a paz em suas famílias.
  • Eu os consolarei em todos os seus problemas.
  • Encontrarão em Meu Coração refúgio seguro durante a vida e especialmente na hora de sua morte.
  • Derramarei bênçãos abundantes sobre todos os seus empreendimentos.
  • Os pecadores encontrarão em Meu Coração a fonte de um oceano infinito de misericórdia.
  • Almas mornas se tornarão fervorosas.
  • Almas fervorosas se elevarão rapidamente à grande perfeição.
  • Abençoarei os lares onde uma imagem do Meu Coração for exposta e honrada.
  • Darei aos sacerdotes o poder de tocar os corações mais endurecidos.
  • Aqueles que propagarem esta devoção terão seus nomes escritos em Meu Coração, para nunca serem apagados.
  • O amor todo-poderoso do Meu Coração concederá a todos aqueles que comungarem na primeira sexta-feira de nove meses consecutivos a graça do arrependimento final; não morrerão sob meu desagrado, nem sem receber seus sacramentos. Meu coração será seu refúgio seguro naquela última hora.

================

* 17 DE OUTUBRO: SANTO INÁCIO DE ANTIOQUIA

“… É melhor calar-se e ser do que falar e não ser. É maravilhoso ensinar, quando se faz o que se diz. Assim, um é o Mestre “que falou e tudo foi feito”; também aquilo que realizou em silêncio é digno do Pai… (Santo Inácio de Antioquia, Carta aos Efésios, 15,1): http://www.cristianismo.org.br/inacio-2.htm

================

* 18 DE OUTUBRO: SÃO PEDRO DE ALCÂNTARA

Nenhuma língua pode expressar a grandeza do amor que Jesus Cristo carrega às nossas almas. Ele não queria que entre Ele e Seus servos houvesse qualquer outra promessa que não a si mesmo, para manter viva a lembrança dele (São Pedro de Alcântara). 

================

* 19 DE OUTUBRO: SÃO PAULO DA CRUZ

“… Um dia o Senhor me fez ouvir estas palavras ao pé do tabernáculo: ‘Meu filho, quem me abraça, abraça espinhos’…” – São Paulo da Cruz

================

* 21 de outubro, SANTO AGATÃO

Não há nada mais difícil do que a oração, pois não há esforços que os demônios não façam para interromper este poderoso meio de os desanimar

================

* 22 DE OUTUBRO: SÃO JOÃO PAULO II

” Santo não é aquele que não cai, santo é aquele que mesmo caindo não desiste de levantar” (São João Paulo II)

================

*        27 de outubro SANTO ABRAÃO, ERMITÃO

“… A PAIXÃO VIVE; APENAS ESTÁ REPRIMIDA… ESTÁ APENAS PRESA… AS PAIXÕES VIVEM, APENAS SÃO REPRIMIDAS PELOS SANTOS (COM A GRAÇA DE DEUS!) …”. SANTAS E SANTOS, INTERCEDAM POR NÓS PARA QUE POSSAMOS REPRIMIR AS PAIXÕES! PAI AMADO, DÊ-NOS A GRAÇA DE REPRIMIR AS PAIXÕES! SANTO

ABRAÃO, ROGUE POR NÓS! AMÉM!”, conforme páginas 52-53: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2019.pdf

================

10 de novembro: SÃO LEÃO MAGNO

“A virtude não é nada sem a prova da tentação, pois não há conflito sem inimigo, nem vitória sem luta.” – Papa São Leão Magno

================

* 23 de novembro: BEATO MIGUEL AGUSTIN PRÓ

“…Eu creio, Senhor, mas fortaleça a minha fé…
Coração de Jesus, eu O amo; mas aumente o meu amor.
Coração de Jesus, eu confio no Senhor; mas dê maior vigor à minha confiança.
Coração de Jesus, entrego-Lhe o meu coração; mas encerra-o dentro do Senhor para que nunca se separe do Senhor.
Coração de Jesus, sou todo Seu; mas cuide da minha promessa para que eu possa colocá-la em prática até o sacrifício total da minha vida…”

================

O3 DE DEZEMBRO: SÃO FRANCISCO XAVIER

“Não é o esforço físico real que conta para o progresso de um homem, nem a natureza da tarefa, mas o espírito de fé com que é realizado…”

            “… A melhor maneira de adquirir a verdadeira dignidade é lavar a própria roupa e ferver a própria panela…”

================

* 14 DE DEZEMBRO – SÃO JOÃO DA CRUZ

“No final de sua vida, você será julgado por seu amor… O caminho da perfeição não consiste em muitos artifícios, nem em muitas cogitações, mas em negar-se completamente e entregar-se a tudo sofrer por amor de Cristo…”

================

* 21 de dezembro: SÃO PEDRO CANÍSIO

“Se você tem muito o que fazer, com a ajuda de Deus encontrará tempo para fazer tudo.”

================

* 22 de dezembro: SANTA FRANCISCA XAVIER CABRINI

“Devemos orar sem cansar, pois, a salvação da humanidade não depende do sucesso material; nem nas ciências que obscurecem o intelecto. Tampouco depende de armas e indústrias humanas, mas somente de Jesus…” 

================

* ORAÇÃO DO ANO DE SÃO JOSÉ “PATRIS CORDE”

Salve, guardião do Redentor e esposo da Virgem Virgem Maria!

A vós, Deus confiou o seu Filho;

em vós Maria depositou a sua confiança;

convosco, Cristo tornou-Se homem.

Ó Bem-aventurado José, mostrai-vos pai

também para nós e guiai-nos no caminho da vida.

Alcançai-nos graça, misericórdia e coragem e coragem,

e defendei-nos de todo o mal. Amém!

(Conforme < https://radio.cancaonova.com/sao-jose-do-rio-preto/oracao-ano- de-sao-jose/ >)

================

* PAI, ABRACE-NOS!

JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO!

DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS ENCHA E NOS UNA NO AMOR!

MÃEZINHA MARIA, CUIDE DE NÓS!

SÃO JOSÉ, SANTAS, SANTOS E ANJOS,

ROGUEM POR NÓS!   

POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

BENDITO SEJA DEUS PAI, FILHO E ESPÍRITO SANTO!

================

  • APÓS DEUS, O PAI AMADO A CHAMAR (MINHA AMADA FRÔ, ESPOSA E COMPANHEIRA POR 38 ANOS, 9 MESES E OITO DIAS), EM 24.09.2017, DESCOBRI:
    • POSSO ME COMUNICAR COM A MINHA FRÔ, PELA ORAÇÃO;
    • POSSO VER, ESCUTAR, SENTIR A FRÔ (TRANSFORMADA, SEM DORES, LINDA, MARAVILHOSA) EM MEU SER;
    • ELA ESTÁ VIVENDO NOS BRAÇOS DE DEUS (BONDOSOS, VIGOROSOS);
    • UM DIA VAMOS ESTAR JUNTOS;
    • QUANDO DEUS ME CHAMAR, QUERO LEVAR COISAS BOAS PARA O BANQUETE CELESTE (MINHA CONSAGRAÇÃO A JESUS PELAS MÃOS DA MÃE MARIA) …

DÊ-NOS ESSA GRAÇA, PAI AMADO! DÊ-NOS A GRAÇA!

OBRIGADO, SENHOR, POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEM DADO E PERMITIDO VIVER!

PEDIMOS POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO!

BENDITO SEJA DEUS PAI, FILHO E ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

                                                         ================                                  

“Senhor, eu tenho fé. Ajude-me a ter mais fé ainda!” (Mc 9,24)

================

“Coração de meu Jesus, doce e terno alanceado, seja o meu no vosso amor, cada vez mais abrasado”

JESUS MANSO E HUMILDE DE CORAÇÃO, FAZ O MEU CORAÇÃO E O DA FAMÍLIA SEMELHANTE AO SEU! OBRIGADO JESUS! BENDITO SEJA O SENHOR! BENDITO SEJA DEUS PAI, FILHO E ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

“Doce coração de Maria, sede a nossa salvação”

ME LEVA A JESUS, MÃE! ME ADOTA E À FAMÍLIA, MÃE! OBRIGADO!

================

CONSAGRAÇÃO A JESUS CRISTO, A SABEDORIA ENCARNADA,

PELAS MÃOS DE MARIA – LEVANDO DEUS E A MÃE A SÉRIO

JESUS, EU O ADORO E O AMO e sei que o Senhor me ama também! O SENHOR é minha força! Entrego-me ao Senhor levando a minha cruz todos os dias da vida e amando (Jo 15,14.17). Me prostro a seus pés, trazendo-lhe o meu fardo. (Mt 11,28-30). Alivie-me! Quero ser seu e estar sempre com o Senhor na vida e na morte! Pelo Senhor quero viver e morrer! Tenha compaixão de mim! Que eu veja! ME CURE! Me ajude na minha falta de fé (Mc 9,24)! Eu confio no senhor! Quero segui-Lo sendo discípulo como MARIA! A exemplo dela, quero escutá-Lo, deixar a morada terrena e caminhar alegre rumo à celeste! Quero o meu coração no Seu amor cada vez mais abrasado e sempre no Senhor, por mais que o mundo me atraia e eu caia. AJUDE-ME a querer e agir para me levantar e não pecar mais ou viver em pecado. Incluo em tudo também a família! OBRIGADO, JESUS! BENDITO SEJA O SENHOR, JESUS FILHO DE DEUS!

Jesus, eu não guardei ou cumpri e nem guardo ainda os votos e promessas do meu Batismo, mas quero cumprir, VER! Não mereço nem sou digno de ser chamado Seu filho, irmão, servo, amigo. Misericórdia, JESUS! Peço, pelas mãos da mãe MARIA, ao PAI, pelo SENHOR, JESUS, na força do ESPÍRITO SANTO: dê-me a graça, a contrição, o perdão, a continência, a castidade, a educação das paixões, o não pecar mais, a sabedoria, a fortaleza, o sustento na penitência, mortificação, oração e vida sacramental. O Senhor sabe do que eu preciso. Dê-me! Atraia-me para o Senhor e ajude-me a viver a vida santa da luz (Ef 5,8-9) segundo o espírito, cortando e evitando o que é da carne; a abominar as más inclinações (Rm 1,3); viver sem reclamar, sem ira ou cólera e a cumprir as promessas do meu batismo, que RENOVO:

            EU, N.., INFIEL PECADOR, RENOVO E RATIFICO, AGORA, AS PROMESSAS DO MEU BATISMO: RENUNCIO COM A GRAÇA DO PAI, POR MEIO DO SENHOR JESUS E NA  FORÇA DO ESPÍRITO SANTO, PARA SEMPRE, A SATANÁS, ÀS SUAS POMPAS, SUAS OBRAS E SEUS GOZOS; RENUNCIO AO PECADO, ÀS PAIXÕES, à pornografia, à carne, ao desânimo, ao que desune, ao mundo, às más inclinações, ao desejo de ser retribuído, ao mal. Ofereço minha vontade e inteligência ao Senhor. CREIO em Deus Pai, no Filho Jesus, no Espírito Santo; na Igreja católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição e na vida eterna! DÊ-ME A GRAÇA, PAI, POR JESUS, NO ESPÍRITO SANTO, DE CUMPRIR ESSAS PROMESSAS e, caindo, levantar-me sempre!

MÃE MARIA! ME AJUDE a cumprir as promessas do meu Batismo e a ser contrito, continente, casto, a controlar-me, a recompor-me, a mortificar-me, a educar e subordinar as paixões, a abominar as más inclinações, converter-me, A SEGUIR AMOROSAMENTE A JESUS, OBEDECENDO-LHE. Me ensine e ajude a ser discípulo e imitador de Jesus! Conceda-me a graça de obter a Verdadeira Sabedoria de Deus; a contrição e o perdão; a continência e a castidade. Coloca-me entre o número daqueles que a senhora ama, ensina, guia, educa, sustenta e protege como filhos. Levante-me! PEÇA AO PAI PARA LIVRAR-ME DO PECADO MORTAL.

MÃE, QUERO, FIRMEMENTE, OBEDECER-LHE EM TODAS AS COISAS, PEDINDO E CONTANDO COM A GRAÇA DE DEUS PARA SEGUIR E FAZER O QUE JESUS MANDAR.

ENTREGO-LHE E CONSAGRO-LHE TUDO O QUE SOU E TENHO E A FAMÍLIA e todos! Que nós cheguemos um dia à glória de Jesus!

MUITO OBRIGADO À SENHORA, MÃE QUERIDA, A JESUS E AO PAI POR JESUS, NO ESPÍRITO SANTO! LEVE-NOS A JESUS, MÃE!

SOMOS SEUS FILHOS! ADOTE-NOS! GUIE-NOS!

ENSINE-NOS A SERMOS DISCÍPULOS!

VIRGEM E MÃE, FAÇA-NOS SANTOS! OBRIGADO MÃE!

“Lembrai-vos, ó piíssima Virgem Maria, que nunca se ouviu dizer

que algum daqueles que tenha recorrido à vossa proteção,

implorado a vossa assistência e reclamado o vosso socorro, fosse por Vós desamparado.

Animado eu, pois, com igual confiança, a Vós, ó Virgem entre todas singular,

como à Mãe recorro, de Vós me valho e, gemendo sob o peso dos meus pecados,

me prostro a vossos pés.

Não rejeiteis as minhas súplicas, ó Mãe do Verbo de Deus humanado,

mas dignai-Vos de as ouvir propícia, e de me alcançar o que vos rogo. Amém. (https://pt.wikipedia.org/wiki/Lembrai-vos) [Oração de São Bernardo, 20.08]

SENHOR, AFASTE A SOMBRA E QUE A LUZ SEMPRE PREDOMINE EM NÓS! FIQUE SEMPRE CONOSCO! AJUDE-ME (NOS) A ESTAR (MOS) PREPARADO (S) PARA O ENCONTRO COM O SENHOR!

O SENHOR SABE DO QUE PRECISAMOS! CONCEDA-NOS

POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO!

OBRIGADO, SENHOR, POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEM DADO E PERMITIDO VIVER! BENDITO SEJA!

BENDITO SEJA DEUS PAI, FILHO E ESPÍRITO SANTO!

AMÉM! ASSIM SEJA! PAI NOSSO… AVE MARIA… GLÓRIA…

(Adaptada de São Luís Maria Grignion Montfort (28 de abril);

também 05 de janeiro: S. João Nepomuceno Newman)

================

* Veja o blog: https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.