Santas e Santos de 05 de fevereiro (atualizado em 24.02.2022)

1. Me­mória de Santa Águeda (Ágata), virgem e mártir, que, em Ca­tânia, na Si­cília, ainda jovem, no furor da per­se­guição con­servou através do mar­tírio a pu­reza do corpo e a in­te­gri­dade da fé, dando tes­te­munho de Cristo Senhor. († c. 251).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, memória de Santa Águeda (também na Folhinha do Coração de Jesus), virgem, martirizada em Catânia no séc. III. Pelo poder do Espírito Santo triunfou sobre uma perseguição que havia provocado muitas apostasias ao seu redor. Vários prodígios tornaram-na célebre na Sicília e em Roma. (R).

Ver páginas 9-10: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%203.pdf

-Ver “Águeda de CatâniaÁgueda de Palermo ou Águeda da Sicília, também conhecida como Ágata (em italianoAgata; em sicilianoAgata; em latimAgatha; em grego clássico: Αγαθη; romaniz.: AgatheCatânia ou Palermoc. 235?[1] – Catânia5 de fevereiro de 251) foi uma virgem e mártir das tradições cristãs do século III. Segundo seus “atos” era oriunda duma família rica de Catânia ou Palermo e teria vivido quando sua cidade era controlada pelo consular Quinciano. Foi martirizada por ele durante a perseguição do imperador Décio (r. 251–253). Sua festa litúrgica é celebrada aos 5 de fevereiro.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/%C3%81gueda_de_Cat%C3%A2nia

– Ver ainda “… Embora tenhamos evidências de que Ágata era venerada pelo menos desde o século VI, os únicos fatos que temos sobre ela são que ela nasceu em Sicília e ali morreu mártir.
Na lenda de sua vida, conta-se que ela pertencia a uma família rica e importante. Quando ela era jovem, ela dedicou sua vida a Deus e resistiu a qualquer homem que quisesse se casar com ela ou fazer sexo com ela. Um desses homens, Quintian, era de uma posição alta o suficiente para sentir que poderia forçá-la a aquiescer. Sabendo que ela era uma cristã em um tempo de perseguição, ele a prendeu e a trouxe perante o juiz – ele mesmo. Ele esperava que ela cedesse diante da tortura e da possível morte, mas ela simplesmente afirmou sua crença em Deus orando: “Jesus Cristo, Senhor de tudo, você vê meu coração, conhece meus desejos. Possui tudo o que sou. Eu sou sua ovelha: faça-me digno de vencer o diabo”.
 A lenda nos diz que Quintian a aprisionou em um bordel para fazê-la mudar de ideia. Quintian a trouxe de volta a ele depois de ela ter sofrido um mês de agressão e humilhação no bordel, mas Agatha nunca vacilou, proclamando que sua liberdade vinha de Jesus. Quintian mandou-a para a prisão, em vez de voltar para o bordel – um movimento destinado a deixá-la com mais medo, mas que provavelmente foi um grande alívio para ela. Quando ela continuou a professar sua fé em Jesus, Quintian a torturou. Ele recusou-lhe qualquer tratamento médico, mas Deus deu-lhe todo o cuidado que ela precisava na forma de uma visão de São Pedro. Quando foi torturada novamente, ela morreu depois de fazer uma oração final: “Senhor, meu Criador, você sempre me protegeu desde o berço; você me tirou do amor ao mundo e me deu paciência para sofrer. Receba minha alma.”
Porque uma das torturas que ela supostamente sofreu foi ter seus seios cortados, ela era frequentemente retratada carregando seus seios em um prato. Pensa-se que a bênção do pão que acontece em sua festa pode ter vindo da noção equivocada de que ela estava carregando pães.
Por ter sido solicitada ajuda durante a erupção do Monte Etna, ela é considerada uma protetora contra o início do fogo. Ela também é considerada a padroeira dos fabricantes de sinos por uma razão desconhecida – embora alguns especulem que pode ter algo a ver com o fato de que os sinos eram usados ​​como alarmes de incêndio.
Oração: Santa Ágata, você sofreu agressão sexual e indignidade por causa de sua fé. Ajude a curar todos aqueles que são sobreviventes de agressão sexual e proteja as mulheres que estão em perigo. Amém …”

… Como no caso de Inês, outra virgem-mártir da Igreja primitiva, quase nada é historicamente certo sobre esta santa, exceto que ela foi martirizada na Sicília durante a perseguição do imperador Décio em 251…

Agatha é a padroeira de Catania, onde ela preserva o Monte Etna da erupção. Ela também é padroeira dos fundadores de sinos (em forma de seus seios, ou possivelmente porque os sinos são usados ​​para alertar sobre o fogo), bombeiros, cintos, joalheiros, maltadores, enfermeiras, amas de leite, tecelãs e pastoras. Agatha é invocada contra terremotos, fogo, raios, tempestades, esterilidade, lobos e doenças do peito (Roeder, White).

Comentário: A mente científica moderna estremece ao pensar no poder de um vulcão sendo contido por Deus por causa das orações de uma garota siciliana. Ainda menos bem-vinda, provavelmente, é a noção de que aquela santa seja a padroeira de profissões tão variadas como as de operários de fundição, enfermeiros, mineiros e guias alpinos. No entanto, em nossa precisão histórica, perdemos uma qualidade humana essencial de admiração e poesia, e até mesmo nossa crença de que chegamos a Deus ajudando uns aos outros, tanto em ação quanto em oração? 

Citação: Quando Agatha foi presa, diz a lenda, ela orou: “Jesus Cristo, Senhor de todas as coisas! Você vê meu coração, você conhece meus desejos. Possuir tudo o que eu sou – você sozinho. Eu sou sua ovelha; torna-me digna de vencer o diabo”. E na prisão: “Senhor, meu criador, você me protegeu desde o berço. Você me tirou do amor ao mundo e me deu paciência para sofrer. Agora receba meu espírito…”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayFebruary05.html

2.   No Ponto, ter­ri­tório da ac­tual Tur­quia, a co­me­mo­ração de vá­rios santos mártires na per­se­guição do im­pe­rador Ma­xi­miano: uns sub­mer­gidos em chumbo der­re­tido, ou­tros ator­men­tados com canas agudas por entre as unhas e a carne e com muitos e re­pe­tidos su­plí­cios, me­re­ceram do Se­nhor a palma e a coroa de glória por tão ilustre martírio. († s. III f.). Ver página 54: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%203.pdf

3.   Em Vi­enne, na Gália Li­o­nense, na ac­tual França, Santo Avito, bispo, cuja fé e ac­ti­vi­dade pas­toral, no tempo do rei Gon­de­baldo, de­fendeu as Gá­lias da he­resia ariana. († 518). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano do Senhor de 525, o Bem-Aventurado Avito, bispo de Vienne. Por sua doutrina e personalidade, reconduziu os gauleses à verdade e à unidade católicas, livrando-os do erro ariano. (M). Ver páginas 11-16: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%203.pdf

– Ver “Ávito (em latimAlcimus Ecdicius Avitus ou Avitus Viennensis) foi um poeta latino e um arcebispo de Vienne, na Gália romana. Ele nasceu numa proeminente família senatorial galo-romana e era parente do imperador romano Ávito[2]”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/%C3%81vito_de_Vienne

4.   Em Sa­biona, na Récia, no ac­tual Alto Ádige, re­gião da Itália, São In­ge­nuíno, que foi o pri­meiro bispo desta sede. († c. 605). Em Seben, na Vindelícia São Genuino (também na Folhinha do Coração de Jesus), Conf. Pág. 54:

Clique para acessar o VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%203.pdf

5*.   Na Lu­cânia, hoje na Ba­si­li­cata, re­gião da Itália, São Lucas, abade se­gundo os Pa­dres Ori­en­tais, que ob­servou uma in­tensa vida mo­nás­tica, pri­mei­ra­mente na Si­cília, sua terra natal; de­pois em vá­rios lu­gares por causa da in­vasão dos Sar­ra­cenos; fi­nal­mente, morreu perto de Ar­mento, no mos­teiro dos Santos Elias e Anas­tásio de Car­none, por ele fundado. († 995)

6*.   Em Roma, no mos­teiro de São Ce­sário, São Sabas o Jovem, monge, que, com o seu irmão Ma­cário, du­rante a in­cursão dos Sar­ra­cenos, pro­pagou in­can­sa­vel­mente a vida ce­no­bí­tica nas re­giões da Ca­lá­bria e da Lucânia. († 995)

7.   Em Bres­sa­none, no ter­ri­tório de Trento, hoje Tren­tino – Alto Ádige, re­gião da Itália, a co­me­mo­ração de Santo Al­buíno, bispo, que trans­feriu para esta ci­dade a sede epis­copal de Sabiona. († 1005/1006)

8*.   Em Co­lónia, na Lo­ta­ríngia, hoje na Ale­manha, Santa Ade­laide (também na Folhinha do Coração de Jesus), pri­meira aba­dessa do mos­teiro de Vil­lich, na qual in­tro­duziu a Regra de São Bento e, pos­te­ri­or­mente, aba­dessa também do mos­teiro de Santa Maria de Co­lónia, onde morreu. († 1015). Ver “Adelaide de Vilich (c. 970 – Colônia, Alemanha, 5 de fevereiro de 1015) foi uma Abadessa de Vilich. Era filha de Megingoz de Brunharinger, Conde de Gueldres, e de Gerberga de Metzgau, sendo, portanto, neta de Carlos, o Simples, Rei dos Francos Ocidentais.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Adelaide_de_Vilich

9.   Em Na­ga­sáki, no Japão, a paixão dos santos Paulo Miki e vinte e cinco companheiros, már­tires, cuja me­mória se ce­lebra amanhã. († 1597). Ver OS MÁRTIRES DO JAPÃO, páginas 17-36: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%203.pdf

– Ver: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Os_26_M%C3%A1rtires_do_Jap%C3%A3o

10*.   Em Laval, na França, a Beata Fran­cisca Mézière, virgem e mártir, que se de­dicou à edu­cação das cri­anças e ao cui­dado dos en­fermos e, du­rante a Re­vo­lução Fran­cesa, foi as­sas­si­nada em ódio à fé. († 1794)

11*.   Em Roma, a Beata Isabel Ca­nóri Mora, mãe de fa­mília, que, de­pois de ter so­frido du­rante muito tempo, com in­ven­cível ca­ri­dade e pa­ci­ência, a in­fi­de­li­dade do es­poso, as an­gús­tias eco­nó­micas e as cruéis hos­ti­li­dades dos pa­rentes, ofe­receu a vida ao Se­nhor pela con­versão, sal­vação, paz e san­ti­fi­cação dos pe­ca­dores, agre­gando-se à Ordem Ter­ceira da San­tís­sima Trindade. († 1825). Ver “Isabel Canori Mora (Roma21 de novembro de 1774 – Roma5 de fevereiro de 1825) foi uma mãe de família italiana, visionária, mística, profetisa e e terceira trinitarista beatificada pelo Papa João Paulo II em 1994. Sua festa é no dia 5 de fevereiro.”: Isabel Canori Mora – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

12.   Em Val­ti­er­villa, lo­ca­li­dade do Mé­xico, São Jesus Méndez, pres­bí­tero e mártir, que morreu pelo reino de Cristo na per­se­guição mexicana. († 1928).

– Ver “Jesús Méndez Montoya nasceu em Tarímbaro, Mich. (Arquidiocese de Morelia), em 10 de junho de 1880. Foi vigário de Valtierrilla, Gto. (Arquidiocese de Morelia). 

Um padre que sabia fazer tudo por todos, não poupou meios para intensificar a vida cristã entre seus paroquianos. Ele ficava longas horas no confessionário onde os cristãos vinham em busca de conversão ou com anseios por maior perfeição por causa de seus sábios conselhos. 

Morava com famílias pobres, era catequista e guia para os trabalhadores e camponeses; e um professor de música regular que formou um bom coro para as celebrações. 

Em 5 de fevereiro de 1928, as forças federais entraram para sufocar um pequeno grupo de cristeros e depois foram para a casa onde o padre Jesús se escondeu, tentando salvar um cibório com hostias consagradas. Descoberto pelos soldados, ele pediu-lhes um momento para consumir o Santíssimo Sacramento e foi lhe concedido. Então, com gentileza, ele foi até uma de suas irmãs e disse:

“É a vontade de Deus. Deixe a sua vontade ser feita”. 

Os soldados o levaram alguns metros para fora do átrio do templo e o sacrificaram com três tiros. 

O sacerdote que se aproveitou de seu conhecimento humano e seu conhecimento de Deus para fazer Jesus ser amado, com seu sangue proclamou seu grande amor por Cristo Rei.”: https://coisasdesantos.blogspot.com/2019/02/05-de-fevereiro-sao-jesus-mendez-montoya.html

13. São Filipe de Jesus. Ver “Filipe de Jesus, em castelhano Felipe de Jesús, foi um missionário franciscano mártir no Japão. Foi canonizado pelo Papa Pio IX, englobado no grupo d’Os 26 Mártires do Japão e o o primeiro santo nascido no território que hoje é o México[1].”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Filipe_de_Jesus

– Ver também: Os 26 Mártires do Japão – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

– Ver “… 1597 São Filipe de Jesus Mártir franciscano no Japão. Um espanhol nascido na Cidade do México, entrou para os franciscanos em Puebla, mas depois deixou a ordem em 1589 para viajar para as Filipinas como comerciante. Em 1590, arrependeu-se e voltou ao aprisco franciscano. Seus superiores ordenaram que ele navegasse de volta ao México para ser ordenado sacerdote e, no caminho, seu navio foi pego por uma tempestade e jogado nas águas do Japão. Desembarcando em 1596, ele logo foi preso e, com São Pedro Batista, foi condenado à morte por crucificação em Nagasaki. Foi canonizado em 1862…”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayFebruary04.html

14. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, a volta para Deus de São Bertulfo, abade. Nascido na Germânia de pais pagãos, impulsionado pelo desejo de se fazer cristão foi para o Artois, na França, onde recebeu o batismo e depois construiu um mosteiro nas terras de Renty. (X). Na Bélgica, São Bertulfo, nascido na Alemanha, quando do reinado de São Sigisberto, rei da Austrásia. Filho de pais ainda pagãos, resolveu deixar tudo o que fôsse do mundo, e passou à França, onde Santo Omer, apóstolo daquele país, ainda vivia. Batizado, recebeu a tonsura clerical. A reputação do conde Wamberto e da espôsa o levou às terras de Renty, tcrnando-se intendente da casa daqueles benfeitores. Morto Wamberto, herdou-lhe Bertulfo as terras de Renty, onde erigiu um mosteiro. Modêlo do religioso, morreu em 705, como abade, edificando todcs os membros da comunidade. Conf. pág. 52:

http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%203.pdf

15. Santa Ágata Hildegarda, viúva, desaparecida em 1024. Ver página 53: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%203.pdf

16. Patriarca Jacó. Ver páginas 37-51: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%203.pdf

17. São Gonçalo Garcia. Está incluso também nos MÁRTIRES DO JAPÃO. Ver nº 9 acima e memória amanhã. Ver “S. Gonçalo Garcia (Baçaim1556 – Nagasaki5 de fevereiro de 1597) nasceu em Baçaim, na Índia portuguesa, filho de pai português e mãe indiana. Foi canonizado pela Igreja Católica em 1862, por decisão do Papa Pio IX. Pertencente à ordem dos franciscanos, foi executado no Japão a mando de Toyotomi Hideyoshi.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/S%C3%A3o_Gon%C3%A7alo_Garcia

– Ver também: Os 26 Mártires do Japão – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

18. Outros santos do dia 05 de fevereiro, páginas 9-54: VIDAS DOS SANTOS – 3.pdf (obrascatolicas.com)

Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XXI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

 * “E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

– Sobre 05 de fevereiro, ver também: 5 de fevereiro – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (Todas da internet, foram consultadas no dia de hoje)

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia –Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 182-184: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-
  3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%2 0-%201.pdf
  4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.
  7. https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayFebruary05.html

(este site mostra os santos do dia, em inglês. Tradução Google)

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* SENHOR, NOSSO DEUS E PAI AMADO, OBRIGADO POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEM DADO E PERMITIDO VIVER!

QUERIDA MÃE VIRGEM MARIA, SOCORRA-NOS, PROTEJA-NOS!

SÃO JOSÉ, SANTAS/OS E ANJOS, INTERCEDAM POR NÓS! OBRIGADO! AMÉM!

* PAI AMADO, DÊ-NOS ESPÍRITO DE ORAÇÃO, VIGILÂNCIA, RENÚNCIA, PENITÊNCIA! DÊ-NOS ARDOR MISSIONÁRIO PELO E PARA O SENHOR! TIRE-NOS O TORPOR E A TIBIEZA! DÊ-NOS, AMADO PAI, CORAGEM DE LUTAR COM ENTUSIASMO E FORÇA DE VONTADE, MESMO EM SITUAÇÕES SEDUTORAS, DIFÍCEIS E ESPINHOSAS, PARA ALCANÇAR AQUELA PERFEIÇÃO CRISTÃ DE BONS COSTUMES E SANTIDADE POR MEIO DA ORAÇÃO, ESFORÇO E TRABALHO. DÊ-NOS A DOCILIDADE DAS OVELHAS! SOBRETUDO, DÊ-NOS A GRAÇA! PEDIMOS EM NOME DE JESUS, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

* MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA, ESCREVA-NOS:

barpuri@uol.com.br

* SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

  * “O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

* “Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio,lembrado em 10 de fevereiro)

* “Ó meu Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.” (últimas palavras de São João Batista da Conceição Garcia, 14 de fevereiro).

Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

* “… Não há nada mais difícil do que a oração, pois não há esforços que os demônios não façam para interromper este poderoso meio de os desanimar (Santo Agatão, lembrado em 21 de outubro)

Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu sempre lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

* “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”, mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível”.

* “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio, lembrados em 21 de maio)

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO: “Meios de se preparar para uma boa morte: na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

* “… A PAIXÃO VIVE; APENAS ESTÁ REPRIMIDA… ESTÁ APENAS PRESA… AS PAIXÕES VIVEM, APENAS SÃO REPRIMIDAS PELOS SANTOS (COM A GRAÇA DE DEUS!) …”.  SANTAS E SANTOS, INTERCEDAM POR NÓS PARA QUE POSSAMOS REPRIMIR AS PAIXÕES. PAI AMADO, DÊ-NOS A GRAÇA DE REPRIMIR AS PAIXÕES” (SANTO ABRAÃO, ERMITÃO, 27 DE OUTUBRO), conforme páginas 52-53: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2019.pdf

* “… a oração por um ente querido é, para o crente, uma forma de apagar qualquer distância, até mesmo a morte. Em oração, permanecemos na presença de Deus na companhia de alguém que amamos, mesmo que essa pessoa tenha morrido antes de nós

“Não devemos transformar o purgatório em um campo de concentração em chamas à beira do inferno – ou mesmo em um ‘inferno por um curto período de tempo’. É uma blasfêmia pensar nisso como um lugar onde um Deus mesquinho cobra a última libra – ou grama – de carne … Santa Catarina de Gênova (Festa dia 15 de setembro, mística do século 15), escreveu ‘fogo’ do purgatório é o amor de Deus ‘queimando’ a alma para que, por fim, a alma esteja totalmente em chamas. É a dor de querer ser feito totalmente digno de Alguém que é visto como infinitamente amável, a dor do desejo de união que agora está absolutamente assegurada, mas ainda não completamente experimentada

(Leonard Foley, OFM, Crendo em Jesus) …”:

* Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém!

* Dia 17 de janeiro: Santo Antão (ou Antônio). Oração: “Santo Antônio, você falou da importância de perseverar em nossa fé e nossa prática. Ajude-nos a acordar a cada dia com um novo zelo pela vida cristã e um desejo de enfrentar o próximo desafio em vez de apenas ficar parado. Amém!”

* 19 de janeiro, São Macário. “… A oração não requer muitas palavras. sobre você, você só precisa dizer: “SENHOR, TEM MISERICÓRDIA!” O Senhor sabe o que é útil para nós e nos concede misericórdia.”… “Se você deseja ser salvo, seja como um morto. Não fique com raiva quando insultado, nem orgulhoso quando elogiado.” E ainda: “Se a calúnia é como o louvor para você, a pobreza como a riqueza, a insuficiência como a abundância, então você não perecerá.“…

* Sobre SANTO ANDRÉ CORSINI (04 de fevereiro): “Ele trabalhou arduamente para subjugar suas paixões por meio de humilhações extremas, obediência até mesmo à última pessoa na casa, pelo silêncio e oração”.

* PAI, ABRACE-NOS!

JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO!

DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS ENCHA E NOS UNA NO AMOR!

MÃEZINHA MARIA, CUIDE DE NÓS!

SÃO JOSÉ, SANTAS, SANTOS E ANJOS, ROGUEM POR NÓS!

POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

* Após Deus, o Pai amado, chamar minha amada esposa e companheira por 38 anos, 9 meses e oito dias, em 24.09.2017, descobri:

1. Posso comunicar com a minha Frô, pela ORAÇÃO;

2. Posso VER, ESCUTAR, SENTIR a FRÔ (transformada, sem dores, linda, maravilhosa) em meu ser;

3. Ela está vivendo nos braços de Deus (bondosos, vigorosos);

4. Um dia vamos estar juntos;

5. Quando Deus me chamar, quero levar coisas boas para o banquete celeste (amor a Deus e ao próximo).

Dê-nos essa Graça, Pai amado! Dê-nos A GRAÇA! AMÉM! Obrigado, Senhor, por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

================

* Ver o blog: https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.