Santas e Santos de 31 de maio

DESTAQUES DE 31 DE MAIO: FESTAS DE NOSSA SENHORA EM 31 DE MAIO

  1. VISITAÇÃO DE NOSSA SENHORA
  2. NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS
  3. NOSSA SENHORA RAINHA
  4. NOSSA SENHORA MEDIANEIRA DE TODAS AS GRAÇAS

A. Festa da VI­SI­TAÇÃO DA VIRGEM SANTA MARIA em 31 de maio (no DIRETÓRIO DA LITURGIA DA CNBB de 2022), em que a Mãe de Deus foi ao en­contro da sua pa­renta Isabel, que em avan­çada idade tinha con­ce­bido um filho, e a saudou. No feliz en­contro das duas fu­turas mães, o Re­dentor que vinha ao mundo san­ti­ficou o pre­cursor ainda no seio da sua mãe, e Maria, res­pon­dendo à sau­dação de Isabel e exul­tando na ale­gria do Es­pí­rito Santo, deu glória ao Se­nhor com um cân­tico de louvor, o “Magnificat”.

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico de 31 de maio, Festa da Visitação da Santa Virgem Maria. Habitada pela presença divina e saudada como a Arca da Nova Aliança por sua prima Isabel, grávida, a quem ela tinha vindo prestar seus serviços. Nossa Senhora respondeu com o “Magnificat”, em que exalta as maravilhas de Deus Todo-Poderoso em Sua serva, sua misericórdia para com os pobres e sua fidelidade para com os pobres e sua fidelidade para com Israel. (R)

– Ver também 02 de julho: NO “VIDA DOS SANTOS deste dia 02 de julho”: É LEMBRADO NESTE 02 DE JULHO A VISITAÇÃO DE NOSSA SENHORA A SANTA ISABEL. Por que se estabeleceu no dia de hoie, 2 de julho, a festa da Visitação? Porque se crê que seja o último dia de Maria em casa de Isabel. Ver páginas 122-133: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

Observação: Buscando combinar o calendário, Maria teria ficado com Isabel de 31 de maio a 02 de julho.

Ver: https://www.dehonianos.org/portal/visitacao-da-virgem-santa-maria0/

– Ver também ““…Em 1389, o papa Urbano VI, com o objetivo de terminar o Grande Cisma do Ocidente, a inseriu no calendário romano, para celebração em 2 de julho[1]. No calendário tridentino, era uma festa dupla. Quando o missal do papa Pio V foi substituído pelo de Clemente VIII em 1604, a Visitação se tornou uma festa dupla de segunda classe. Ela permaneceu assim até que o papa João XXIII a recassificou como um festa de segunda classe em 1962. Ela continuou a ser comemorada no dia 2 de julho, o dia depois da oitava seguinte à festa do nascimento de João Batista, que estava ainda no ventre de Isabel na época da Visitação. Em 1969, porém, o papa Paulo VI a moveu para 31 de maio, “entre a Solenidade da Anunciação do Senhor (25 de março) e a do Nascimento de João Batista (24 de junho), para que ela se harmonize melhor com o relato do Evangelho[2].

Os católicos romanos que se utilizam do calendário pré-1969 (os chamados vétero-católicos) e os anglicanos, que se utilizam do Livro de Oração Comum (Book of Commom Prayer), de 1662, comemoram a festa em 2 de julho. Assim também o fazem os católicos da Alemanha e a Igreja Luterana…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Visita%C3%A7%C3%A3o”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Visita%C3%A7%C3%A3o

– Ver MARIA A MÃE DE JESUS Maria (em hebraico: מִרְיָם; romaniz.: Miriam; em aramaicoMaryām; em árabe: مريم; romaniz.: Maryam; em grego coiné: Μαριας ou Μαριαμ),[4] também conhecida como Maria de Nazaré e chamada pelos católicos e ortodoxos de Virgem Maria, de Santíssima Virgem e de Nossa Senhora, foi a mulher israelita [5] de Nazaré, identificada no Novo Testamento e no Alcorão como a mãe de Jesus através da intervenção divina.[6] Jesus é visto como o messias — o Cristo — em ambas as tradições, dando origem ao nome comum de Jesus Cristo. Maria teria vivido na Galileia no final do século I a.C. e início do século I d.C., é considerada pelos cristãos como a primeira adepta ao cristianismo…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Maria_(m%C3%A3e_de_Jesus)

– Ver também ISABEL Isabel (do hebraico: אֱלִישֶׁבַע / אֱלִישָׁבַע “Meu Deus jurou”; hebraico padrãoElišévaʿ ~ ElišávaʿTiberianoʾĔlîšéḇaʿ ~ ʾĔlîšāḇaʿ) (em árabe: إليزابيث, Ilizabith) é uma personagem do Novo Testamento da Bíblia, mencionada no Evangelho segundo Lucas como esposa do sacerdote Zacarias e mãe de João Batista.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Isabel_(B%C3%ADblia)

                                               ================

Nossa Senhora do Sagrado Coração | Paróquia de Nossa Senhora do ...B. No Martirológio Romano-Monástico, festa de NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS, titular da DIOCESE BRASILEIRA DE PINHEIRO (MARANHÃO).

–  NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO (em francês Notre Dame du Sacré Coeur; em espanhol, Nuestra Señora del Sagrado Corazón; em inglês, Our Lady of the Sacred Heart; em italiano, Nostra Signora del Sacro Cuore). A devoção mariana é um título dado à Santíssima Virgem Maria pelo padre Julio Chevalier em 1857. Na iconografia, Maria mostra o coração de seu filho enquanto Jesus aponta para sua mãe…

ORAÇÃO: Lembrai-vos, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração, do poder inefável que vosso divino filho vos concedeu sobre seu Coração adorável. Com a maior confiança em vossos merecimentos, vimos implorar a vossa proteção. Sois Celeste Tesoureira do Coração de Jesus, daquele coração que é o manancial inexaurível de todas as graças e que podeis abrir a vosso bel prazer para fazer descer sobre os homens todos os tesouros de amor e misericórdia, de luz e salvação que Ele encerra; concedei-nos, vo-lo pedimos, os favores que suplicamos (fazer o pedido).
Mãe, não nos recuseis coisa alguma, e já que sois nossa Mãe, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração, acolhei benignamente as nossas preces e dignai-vos a deferi-las. Amém.
Nossa Senhora do Sagrado Coração, rogai por nós
.[4]Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_do_Sagrado_Cora%C3%A7%C3%A3o

– Ver também “… O nome “Missionários do Sagrado Coração” provém de Nossa Senhora do Sagrado Coração, pois toda a obra de fundação desta congregação é tão visivelmente levada a efeito por Nossa Senhora… Explicação do título: Deus não nos dá sua graça senão pelas mãos de Maria. As graças de misericórdia e de amor que se encerram na fonte do Coração de Jesus, podemos recebê-las somente por intermédio de Maria. O título é uma forma de unir as duas grandes devoções da época e para ensinar aos fiéis o meio de ir a Jesus, ao seu Coração, por Maria. Na imagem, Jesus aponta para sua Mãe e ela o Coração do Filho. Quer dizer que Maria, devido a sua maternidade divina, possui um grande poder sobre o Coração de Jesus e que é por meio d’Ela que devemos ir para este divino Coração.

Portanto, por ser uma intuição e não uma aparição, sua imagem é diversa e inculturada onde está. Se está na China, ela traz traços chineses no corpo, roupas, etc. Na Índia, na Coreia, na Espanha, na África, acontece do mesmo modo. É Maria que caminha com seu povo e entra na sua história.”: http://www.misacor-rj.org.br/noticia/detalhe/34/nossa-senhora-do-sagrado-coracao

Antes y después del cambio.– Ver ainda “… Chevalier estabeleceu vários objetivos, com a nova invocação: honrar o amor, a obediência de Jesus a Maria: 1. Reconhecer e propagar o poder suplicante que Cristo deu a Maria sobre seu próprio Coração.
2. Ensinar que o Coração de Maria nos leva ao Coração de Jesus.
3. Juntar-se a Maria em seu louvor e adoração ao Coração de Jesus.
4. Confiar a Ele todas as causas difíceis e desesperadas, espirituais e materiais… A imagem teve que ser mudada…  a imagem do Padre Chevalier foi proibida e sua mudança foi ordenada, de modo que a Criança “se ergueria” nos braços de Maria e seria Ela quem o apontaria para Ele, já que o objetivo final de toda devoção é Jesus Cristo. A variante mais conhecida é aquela em que Maria segura o Coração da Criança no peito da criança, às vezes ela também carrega seu próprio coração… na igreja de La Merced em Guadalajara, há uma imagem como era originalmente…”: https://www.religionenlibertad.com/santo_de_hoy/57043/nuestra-senora-del-sagrado-corazon-jesus.html

– Ver “…Padre Chevalier escreveu: “Pouco depois de eu ser batizado, minha mãe me levou à igreja e eu fui consagrado para a Virgem Santíssima e o Coração de Jesus.”…: https://webcache.googleusercontent.com/search?q=cache:snbevbrwie8J:https://santavirgenmaria.com/2016/05/28/oracion-nuestra-senora-del-sagrado-corazon/+&cd=1&hl=es-419&ct=clnk&gl=ec

– Ver ainda: “… (Anexo III): Um novo mundo! “Do coração arrancado pela lança, outra vida aparece para nós. É a vida dos filhos de Deus. A Palavra, que sai do Coração de seu Pai, traz à tona o mundo do nada, e do Coração da palavra encarnada, perfurado no Calvário, vejo um novo mundo emergir, o mundo dos eleitos. E essa criação, cheia de grandeza e frutificação, inspirada no amor e na misericórdia, é a Igreja, este corpo místico de Cristo, que a perpetuará na terra até a consumação do tempo, e viverá de sua vida divina por toda a eternidade.” (O Sagrado Coração, 1ª edição 1883)

O centro… o pivô… Você percebe o que eu sempre imaginei. Você faz do Coração do Divino Mestre o centro em que tudo converge no Velho como no Novo Testamento, a base na qual tudo avança no catolicismo, o sol da Igreja, a alma de nossas almas e o lar do nosso amor, o berço de nossa santa religião, a fonte de nossos mistérios, a origem de nossos sacramentos, a vestimenta de nossa reconciliação, a salvação do mundo, o remédio para todos os males e o arsenal do cristão. É assim que eu entendo a devoção ao Sagrado Coração de Jesus, ele abraça tudo, responde a tudo.”

(Carta de 9 de dezembro de 1862 ao Padre Ramière, jesuíta, que havia fundado em Toulouse a revista: “O Mensageiro do Coração de Jesus“.)

Nossa Senhora do Sagrado Coração, é o vínculo entre o Coração de Cristo e o coração do homem, na verdade:

·        O Coração de Cristo é o coração “humano” no qual o amor de Deus foi totalmente revelado.

·        Nossa Senhora tem sido amada por Deus mais do que qualquer outra pessoa.

·        Nossa Senhora formou o coração humano de Jesus Cristo.

·        Nossa Senhora respondeu ao amor de Deus melhor do que ninguém.

·        Nossa Senhora pode nos ajudar – melhor do que ninguém – a responder-nos ao amor de Deus…”: Nossa Senhora do Sagrado Coração – uma espiritualidade mariana e missionária (mscperu.org) ou https://www.mscperu.org/msc/nscc/NsscEspiritMision.htm

– Ver ainda “… A devoção a Nossa Senhora do Sagrado Coração é muito cara aos Missionários do Sagrado Coração, pois está intimamente ligada a sua história e carisma. O que a torna tão singular entre tantas devoções é que sua origem não está associada a uma aparição ou milagre, mas a uma inspiração dada a Padre Júlio Chevalier, quando este buscava honrar Maria de um modo especial.

Este título revela o projeto de Chevalier de promover de todos os modos que estivessem ao seu alcance a devoção ao Sagrado Coração de Jesus, como remédio para os males de seu tempo. É interessante destacar, que o título de Nossa Senhora do Sagrado Coração, segundo os estudiosos da vida de Chevalier, deve ser lido da direita para a esquerda, ou seja, levando-se em conta que trata-se de um título mariano cristocêntrico, onde o centro do título e também da imagem que o representa, será o Coração de Jesus, apontado por Maria como fonte e origem de tudo: “é obvio que na mente de Chevalier havia somente uma devoção central: a Devoção ao Sagrado Coração de Jesus. No entanto, para ele, a Virgem Maria estava inseparavelmente relacionada com o Sagrado Coração de seu Filho

Todas as graças, incluídas as graças de estender a Devoção ao Sagrado Coração, vinham do Sagrado Coração através de Nossa Senhora. Para Chevalier, Nossa Senhora era a primeira Missionária do Amor do Sagrado Coração, e a Missionária do Sagrado Coração por excelência. […] A devoção à Nossa Senhora do Sagrado Coração torna-se parte essencial da Devoção ao Sagrado Coração, e um elemento vital do carisma de Chevalier será viver e estender essa devoção.

Após revelar o novo título aos seus companheiros, ele próprio explica o seu significado, resumindo-o em 4 pontos: 
  1. Por este título, damos graças e glorificamos a Deus por ter escolhido Maria para formar o Sagrado Coração de Jesus. O texto se refere a formação física do Coração de Jesus como base para posteriores relações;
  2. Honramos os sentimentos que Jesus teve para com sua Mãe em seu Coração. A relação de amor entre Jesus e Maria é mútua.
  3. Honramos o poder que Jesus lhe deu sobre o seu Coração;
  4. Pedimos a Maria que nos guie até o Coração de Jesus como fonte de vida.

E posteriormente acrescenta mais dois pontos: 

  1. Reparar com NSSC e através dela os ultrajes cometidos contra o Sagrado Coração de Jesus, e consolar sua dor e amargura através de uma vida mais edificante;
  2. Confiar a NSSC a solução de todas as dificuldades, casos extremos e desesperados, tanto em ordem espiritual como temporal.

Fonte: Site dos MSC – Província de São Paulo

Em 03 de julho de 1950, com Decreto da Sagrada Congregação dos Ritos, Nossa Senhora do Sagrado Coração de Jesus foi declarada PADROEIRA PRINCIPAL DA PRELAZIA DE PINHEIRO, cuja festa pelo mesmo Decreto foi fixada para o dia 08 de maio. 

Em 1974, a Sagrada Congregação pelo Culto Divino houve por bem transferir a mencionada festa de Nossa Senhora do Sagrado Coração para o dia 31 de maio, encerramento do mês mariano.

A MANIFESTAÇÃO DE NOSSA SENHORA EM PINHEIRO

Nas primeiras horas da noite do dia 10 de setembro de 1953, na Praça da Matriz, aconteceu um sinal admirável, através do qual a Bem-aventurada Virgem Maria, Mãe de Deus, manifestou aos seus filhos de Pinheiro a sua materna benevolência. Era precisamente 19 horas quando a cidade fora surpreendida com a curiosa notícia de que as lâmpadas que circundavam o extinto pedestal da estátua de Nossa Senhora do Sagrado Coração de Jesus, em frente à Matriz de Santo Inácio, tinham-se acendido inexplicável, extraordinária e prodigiosamente por três vezes. Na época, a cidade de Pinheiro não possuía energia elétrica e o motor gerador que fornecia energia estava queimado há meses.
Logo correram à casa dos Padres para informar o ocorrido. Frei José foi o responsável por levar a notícia a Dom Afonso, que estava no quintal de casa rezando o Terço. Várias foram as pessoas que presenciaram o milagre, pois estavam sentadas no limiar das portas, conversando ao ar livre, e todos foram unânimes em afirmar o fato. Nesse momento, passava perto do pedestal da Virgem Maria, o Sr. Djalma Schalcher Veloso, morador da Praça da Matriz, o qual afirmou que em três vezes se acenderam e apagaram as luzes dos quatro ângulos ao pé da estátua de Nossa Senhora, sendo que, na terceira vez, se iluminou também as pequenas lâmpadas da sua coroa.

Desenho de uma flor

Descrição gerada automaticamente com confiança baixaLogo pensaram que o motor elétrico tivesse voltado a funcionar, muita gente acudiu à praça, muitos ainda acenderam velas, rezaram o Terço, tudo isso numa manifestação espontânea e empolgante. No processo canônico instalado por Dom Afonso, ele citaria que “o fato inexplicável do dia 10 de setembro aconteceu quando o Maranhão estava esperando do Pará a imagem de Nossa Senhora de Fátima, oriunda do seu Santuário em Portugal, que estava em peregrinação pelo nosso país.” Dom Afonso havia recebido a proposta de recebê-la em Pinheiro, mas não teve coragem de aceitar por dois motivos: o motivo econômico, pois os recursos eram poucos e as despesas poderiam ser muito altas e fora do orçamento; o segundo motivo foi por questões de prudência, uma vez que havia em Pinheiro um espírita que “vomitava” a cada dia insultos pesados contra nossa religião e com ele alguns adeptos, e com a chegada da imagem de Nossa Senhora isso poderia acontecer, causando uma explosão injuriosa contra a Mãe de Deus. Julgou, então, conveniente renunciar a oportunidade, mas sentiu muito não poder prestar homenagens à Nossa Senhora que visitava as Dioceses do Brasil.

O máximo que conseguira foi que a aeronave sobrevoasse por alguns instantes a cidade, mesmo estando às escuras. E justamente nesse dia, nessa noite, com sua materna bondade, Nossa Senhora nos visitou à sua maneira, com este sinal prodigioso a este povo que tanto a ama e a venera.

O fato foi noticiado no Jornal Cidade de Pinheiro (edição de 13/09/1953) e também foi objeto de processo canônico para o qual Dom Afonso erigiu um Tribunal Eclesiástico…”: https://diocesedepinheiro.com.br/padroeira/

– Ver também Decreto diocesano 22/2022 “… Pelas presentes letras, DECRETAMOS:
1. A Solenidade da Padroeira Diocesana SEJA CELEBRADA ANUALMENTE NO DIA 31 DE MAIO, NA CATEDRAL E EM TODAS AS PARÓQUIAS, ÁREAS PASTORAIS, COMUNIDADES, SEMINÁRIOS, ORGANISMOS DIOCESANOS E ENTIDADES CATÓLICAS, não sendo permitido transferir esta Celebração para outra data;
2. Que a Festa da Visitação de Nossa Senhora seja celebrada nesta Diocese de Pinheiro no dia 30 de maio, conforme autorização da Sagrada Congregação do Culto Divino;
3. Estabelecemos em todas as Paróquias, Organismos Diocesanos e Entidades Católicas o Dia da Padroeira como feriado e dia santo de guarda a data de 31 de maio. Neste dia nenhum estabelecimento ligado à Mitra Diocesana exercerá atividades laborais;
4. As Celebrações Solenes da Santa Missa em honra à nossa Padroeira obedeçam os textos litúrgicos aprovados pela Diocese, e também outras atividades, como o repicar dos sinos, procissões ou coroações. 

Dado e passado nesta episcopal cidade de Pinheiro, aos 24 de maio do Ano do Senhor de 2022, Memória de Nossa Senhora Auxiliadora, Sexta Semana da Páscoa, sob o nosso sinal e o selo de nossas armas…”: https://diocesedepinheiro.com.br/sobre-a-solenidade-de-nss-do-sagrado-coracao-padroeira-diocesana/

                                               ================

C. 31 DE MAIO E 22 DE AGOSTO: NOSSA SENHORA RAINHA: A encíclica Ad Caeli Reginam (Rainha do Céu), do Papa Pio XII, de 11 de outubro de 1954 trata sobre a Realeza de Maria e a instituição Festa de Nossa Senhora Rainha, celebrada a cada dia 31 de maio com o costume de coroar-se a imagem da Virgem e da recitação pública da Consagração do Gênero Humano ao Imaculado Coração de Maria… NOSSA SENHORA RAINHA, 22 DE AGOSTO: … O dia 22 de agosto era reservado à homenagem ao Coração Imaculado de Maria. Mas a Igreja, desejando aproximar a festa da realeza de Maria à da sua gloriosa assunção ao céu, inverteu estas datas a partir da última reforma do seu calendário litúrgico, em 1969.”. “…Na Encíclica, a data da festa foi estabelecida para o dia 31 de maio, mês de Maria. Atualmente, porém, a celebração acontece oito dias após a festa da Assunção de Nossa Senhora: assim, fica manifesta a íntima ligação entre a Assunção de Maria e sua coroação no céu… … Na festa de Nossa Senhora Rainha de 2012, o Papa Bento XVI declarou: “… esta realeza da Mãe de Deus se faz concreta no amor e no serviço a seus filhos, em seu constante velar pelas pessoas e suas necessidades…”.
O reinado de Nossa Senhora se faz visível concretamente, para nós que ainda caminhamos neste mundo, através da intercessão, proteção e orientação concedidas por ela para nos conduzir ao Seu Filho…”:

: https://pt.aleteia.org/daily-prayer/terca-feira-22-de-agosto/

– Ver “CARTA ENCÍCLICA AD CAELI REGINAM DO SUMO PONTÍFICE PAPA PIO XII – AOS VENERÁVEIS IRMÃOS PATRIARCAS, PRIMAZES, ARCEBISPOS E BISPOS E OUTROS ORDINÁRIOS DO LUGAR EM PAZ E COMUNHÃO COM A SÉ APOSTÓLICA SOBRE A REALEZA DE MARIA E A INSTITUIÇÃO DA SUA FESTA…”: http://www.vatican.va/content/pius-xii/pt/encyclicals/documents/hf_p-xii_enc_11101954_ad-caeli-reginam.html

– Ver ainda “……Após a revisão do Calendário Geral, o Papa Paulo VI decidiu mudar as festas do Imaculado Coração e a Rainha de Maria. A festa do Imaculado Coração de Maria uniu-se à festa do Sagrado Coração de Jesus (celebrada no sábado seguinte à festa do Sagrado Coração, tipicamente em junho) e a Rainha de Maria foi transferida para o dia 22 de agosto…”: https://pt.aleteia.org/2019/08/01/por-que-agosto-e-dedicado-ao-imaculado-coracao-de-maria/

– Ver também:  https://www.a12.com/academia/titulos-de-nossa-senhora?s=nossa-senhora-rainha-22-de-agosto

Ver páginas 341-365: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

– No VIDAS DOS SANTOS, Festa do Coração Imaculado da Bem-aventurada Virgem Maria, o qual Coração é símbolo de santidade, de amor de Deus e Jesus Cristo, de bondade para com os homens salvos pelo divino Sacrifício. Pio VII, em 1805 instituiu uma festa do Coração puríssimo de Maria, para as dioceses e os institutos religiosos que a desejavam celebrar, no domingo depois da oitava da Assunção. Pio IX conferiu-lhe ofício e missa próprios. Pio, XII, em plena II Guerra Mundial, a 31 de outubro de 1942, consagrou o mundo inteiro ao Coração Imaculado de Maria. O mesmo grande papa, a 4 de maio de 1944, estendeu à Igreja universal a festa do Coração Imaculado de Maria com ofício e missa próprios, a 22 de agosto dia da oitava Assunção sob rito duplo de segunda classe. Ver páginas 157-158: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2015.pdf  

– Ver também: https://www.acidigital.com/noticias/hoje-a-igreja-celebra-o-imaculado-coracao-de-maria-55109

– Ver: https://formacao.cancaonova.com/nossa-senhora/devocao-nossa-senhora/conheca-origem-da-devocao-ao-imaculado-coracao-de-maria/

– Ver também: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Imaculado_Coração_de_Maria   

– Ver ainda: https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_Rainha

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, comemoração da Bem-Aventurada Virgem Maria Rainha, em quem a Igreja celebra a mulher que apareceu no céu vestida de sol, com a lua sob os pés, e trazendo na cabeça uma coroa de doze estrelas, Mãe d’Aquele que deve reinar sobre todas as nações (cf. Ap. 12). (R).

– Ver também “…Em 1954, o Papa Pio XII com a Encíclica Ad Coeli Reginam, instituiu pela primeira vez a festa de Nossa Senhora Rainha do Universo, fixando-a para o dia 31 de maio… Bento XVI dedicou a Nossa Senhora Rainha a Audiência geral de 22 de agosto de 2012 explicando a sua realeza:

“Como exerce Maria esta realeza de serviço e amor? Velando sobre nós, seus filhos: os filhos que se dirigem a Ela na oração, para lhe agradecer ou para lhe pedir a sua tutela maternal e a sua ajuda celestial, talvez depois de se ter extraviado pelo caminho, oprimidos pela dor ou angústia, pelas vicissitudes tristes e difíceis da vida. Na serenidade ou na escuridão da existência, dirijamo-nos a Maria confiando-nos à sua intercessão continua, porque do Filho nos possa alcançar toda a graça e misericórdia necessárias para o nosso peregrinar ao longo das sendas do mundo … Enquanto que o Papa Francisco no ano passado, na videomensagem pelo 300º aniversário da coroação de Nossa Senhora de Częstochowa na Polônia disse: “Maria não é uma Rainha distante, sentada num trono, mas a Mãe que abraça o Filho e com Ele todos nós, seus filhos. É uma Mãe verdadeira, com o rosto marcado, uma Mãe que sofre porque se preocupa pelos problemas da nossa vida”…:”: https://www.vaticannews.va/pt/igreja/news/2018-08/rainha-virgem-maria-nossa-senhora-memoria-liturgica.html

– Ver ainda “Nossa Senhora Rainha é um dos títulos de Maria, mãe de Jesus segundo a Igreja católica. Maria é invocada como rainha doze vezes: Rainha dos anjos, dos patriarcas, dos profetas, dos apóstolos, dos confessores, das virgens, dos mártires, de todos os Santos, da pazconcebida sem pecado original e levada aos céus[1].

Nossa Senhora Rainha é festejada em 22 de agosto.[2] Três das antífonas marianas mais conhecidas pelos cristãos invocam Maria com o título de RainhaSalve RainhaRegina caeli e Ave Regina Caelorum. Entre estas, a mais conhecida é a Salve Rainha, composta por São Bernardo de Claraval, o último padre entre os padres latinos.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_Rainha

Ver páginas 341-365: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

                                               ================

D. 31 DE MAIO: NOSSA SENHORA MEDIANEIRA DE TODAS AS GRAÇAS

Ver “Era desígnio de Deus”, diz Leão XIII, que, após ter Maria servido de intermediária no mistério da Redenção, “continuasse igualmente a ser intermediária das graças que esse mistério faria correr em todos os tempos…

… O título de Nossa Senhora Medianeira de Todas as Graças temum fundamento especial.  Sendo Jesus Cristo o único Salvador, Deus concedeu a alguns o dom de interceder pela humanidade junto a Deus Pai.  A fé na comunhão dos santos nos dá desde já a certeza de que alguns já intercedem por nós.

No caso de Maria, o papel de intercessora tem proporções maiores e diferenciadas daquele dado aos santos.  Desde seu ”sim”, Ela desempenha um papel especial na história da redenção humana.  Quando, na cruz, Jesus entrega Maria ao discípulo amado, é à humanidade toda que Ele A entrega, proclamando-A com seu gesto, Mãe de todos nós.

A cooperação de Maria na salvação de almas e na maternidade espiritual de homens e mulheres a torna a grande mediadora não só de nossos pedidos junto ao Pai e ao Filho, mas sobretudo das graças de Deus derramadas sobre toda a humanidade.

 … ORAÇÃO A NOSSA SENHORA MEDIANEIRA:

Ó MARIA, MEDIANEIRA DE TODAS AS GRAÇAS. Oferecei a Deus o Brasil e todo o gênero humano. Ó MARIA, MEDIANEIRA DA PAZ dai a paz aos corações e a todas as nações.

Ó MARIA, RAINHA DO FOYER, reinai em nossa casa e em todos os lares que vos amam.
Ó MARIA, RAINHA DOS CORAÇÕES, reinai em todos e em cada um de nós.
GLÓRIA AO PAI, GLÓRIA AO FILHO, GLÓRIA AO ESPÍRITO SANTO, GLÓRIA A VÓS, Ó SANTÍSSIMA VIRGEM MARIA, Mãe de Deus e nossa Mãe, Rainha do céu e da terra, agora, sempre, e na eternidade dos séculos. Amém.
Escolho-vos, hoje, ó Maria, em presença de toda a Corte Celeste, por minha Mãe e Mestra. Entrego-vos e consagro-vos, na qualidade de escravo de amor, o meu corpo, a minha alma, os meus bens interiores e exteriores, e mesmo o merecimento das minhas ações boas, passadas, presentes e futuras, deixando-vos um inteiro e pleno direito de dispor de mim e de tudo quanto me pertence, sem exceção de coisa alguma, segundo o vosso agrado, para a maior glória de Deus, no tempo e na eternidade. Amém. (Oração utilizada pelos irmãos do Foyer de Charité)”: https://www.portalsaofrancisco.com.br/historia-geral/nossa-senhora-medianeira-de-todas-as-gracas

– Ver também “Em 1921, Bento XVI, a pedido do Cardeal Mercier, concedeu à Bélgica o ofício e a missa da Bem-aventurada Virgem Maria “Medianeira de todas as graças”, a celebrar no dia 31 de Maio. Depois, a Sé Apostólica concedeu o mesmo ofício e missa a numerosas dioceses e congregações religiosas. Daí que a memória da Bem-aventurada Maria Medianeira se tenha tornado quase universal. A Virgem Maria é Medianeira de graça, porque foi associada a Cristo na aquisição da graça maior, a Redenção, isto é, a salvação, a vida divina e a glória eterna (cf. LG 61).”: https://www.dehonianos.org/portal/nossa-senhora-medianeira-de-todas-as-gracas0/

História de Nossa Senhora Medianeira - Santos e Ícones Católicos - Cruz  Terra Santa-Ver ainda: “Medianeira (em latimMediatrix) na mariologia da Igreja Católica refere-se ao papel da Virgem Maria como uma mediadora de graças e bençãos através de Jesus. É um conceito distinto de Co-Redentora. Essa doutrina é baseada no fato de que Maria deu à luz Jesus, que é a responsável por todas as graças e bençãos concedidas à humanidade, assim ela participou da mediação dessas graças, devido ao seu Filho. Papas, como Leão XIII e Pio XII têm tradicionalmente apoiado esta interpretação. O conceito de medianeira não é um dogma mariano, embora tenham sido feitas petições por vários cardeais e bispos ao Papa para declará-lo (juntamente com o Co-Redentora) um dogma. Este conceito se tornaria o quinto dogma mariano aprovado pela Santa Sé.[1]”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Medianeira

– Ver também: https://www.google.com/search?safe=active&sxsrf=ALeKk01YEgZR00AxSH099RB5BZIOBnGR8w%3A1601413300165&source=hp&ei=tKBzX4TAB4C05OUP1pKLyAo&q=nossa+senhora+medianeira&oq=nossa+senhora+medianeira&gs_lcp=CgZwc3ktYWIQAzIECCMQJzICCAAyAggAMgIIADICCAAyAgguMgIIADoFCAAQsQM6BQguELEDOggIABCxAxCDAToECAAQClDQE1iKLGCyL2gAcAB4AIABzgGIAf8ikgEGMC4yMi4ymAEAoAEBqgEHZ3dzLXdpeg&sclient=psy-ab&ved=0ahUKEwiE6pG3oY_sAhUAGrkGHVbJAqkQ4dUDCAc&uact=5

MARIA MEDIADORA. Ver páginas 207-217 (VIDAS DOS SANTOS de 01 de outubro): http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2017.pdf

Festa de NOSSA SENHORA MEDIANEIRA DE TODAS AS GRAÇAS – SÁBADO ANTES DO SEGUNDO DOMINGO DE NOVEMBRO 13 de novembro de 2021. 

Basílica da Medianeira - Santuário Basílica Nossa Senhora da Medianeira de  Todas as GraçasEm 202O, conforme o site da Diocese, dia 08 de novembro de 2020 é o dia da grande romaria (77ª ROMARIA OFICIAL DE NOSSA SENHORA MEDIANEIRA DE TODAS AS GRAÇAS), “Iniciamos a preparação para nossa grande Romaria que ocorrerá dia 08 de novembro! Neste ano com o Tema: “Maria, não tenhas medo, pois achaste graça diante de Deus” (Lc 1,30); e o Lema: “Vida eu te quero! Vida eu te quero! Vida és tu meu Deus”. Em 2021 é dia 13 de novembro”: http://www.diocesesantamaria.org.br/content/news/news_item.asp?content_ID=140

– Ver ainda:

FESTA, conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Província Eclesiástica do Rio Grande do Sul. Esta festa é celebrada NO SÁBADO ANTES DO SEGUNDO DOMINGO DE NOVEMBRO. Em 2021 é dia 13 de novembro. No DIRETÓRIO DA LITURGIA DA CNBB de 2020, diz que a celebração é 09 de novembro. Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/Medianeira

– Ver também: https://cruzterrasanta.com.br/historia-de-nossa-senhora-medianeira/47/102/

– Ver ainda: https://formacao.cancaonova.com/nossa-senhora/dogma/o-que-significa-ser-medianeira-de-todas-as-gracas/

– Ver ainda: https://www.google.com/search?q=Nossa+Senhora+Medianeira&oq=Nossa+Senhora+Medianeira&aqs=chrome..69i57j0l5.10413j0j8&sourceid=chrome&ie=UTF-8

================

OUTROS SANTAS E SANTOS DE 31 DE MAIO

2.   Em Roma, no ce­mi­tério de Do­mi­tila, junto à Via Ar­de­a­tina, Santa Pe­tro­nila (também na Folhinha do Coração de Jesus), virgem e mártir. († data inc.).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no mesmo dia, Santa Petronilha, virgem e mártir romana, pertencente ao ramo cristão – não reinante – da família Flávia Domitila. Segundo uma tradição, foi batizada pelo Apóstolo São Pedro, de quem foi então considerada como filha espiritual. (M).

Ver Santa Petronilha, virgem e mártir, às páginas 366-368: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

3.   Em Co­mana, no Ponto, hoje Gu­menek, na Tur­quia, Santo Hér­mias, sol­dado, mártir. († s. III).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no Ponto, o Martírio de Santo Hérmias, soldado. (M)

– Ver também “…O governador Sebastião ordenou ao feiticeiro Marus que envenenasse Santa Hermias com uma poção. A bebida venenosa não fez mal ao santo. Uma segunda taça com veneno ainda mais forte também não conseguiu matar o santo. O feiticeiro creu em Cristo Salvador e foi imediatamente decapitado. São Marus foi batizado em seu próprio sangue e recebeu uma coroa de mártir.
Santa Hermias foi submetido a torturas ainda mais terríveis. Eles rasparam seu corpo com instrumentos afiados, jogaram-no em óleo fervente e arrancaram seus olhos, mas ele deu graças ao Senhor Jesus Cristo. Em seguida, eles suspenderam a cabeça do mártir para baixo. Por três dias ele ficou pendurado nesta posição.
Pessoas enviadas pelo governador para verificar sua morte o encontraram vivo. Atingidos pelo milagre, eles ficaram cegos de medo e começaram a clamar ao santo para ajudá-los. O santo mártir ordenou que os cegos se aproximassem dele e os curou em Nome de Jesus Cristo.
Furioso, o governador ordenou que a pele fosse arrancada do corpo do santo, mas ele permaneceu vivo. Então o enlouquecido Sebastian o decapitou com sua própria espada. Os cristãos enterraram secretamente o corpo da mártir Hérmias, cujas relíquias proporcionaram inúmeras curas…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMay31.html

4.   Em Aqui­leia, hoje no Friúli Ve­nézia, re­gião da Itália, os santos Câncio (também na Folhinha do Coração de Jesus), Can­ciano e Can­ci­a­nila (ou Cancianela), már­tires, que, presos pelo per­se­guidor quando saíam da ci­dade num carro, foram fi­nal­mente le­vados ao suplício.(† s. IV).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Aquiléia, perto de 290, o Martírio dos Santos Câncio, Canciano e Cancianela, irmãos carnais. (M)

5*.   Em Tou­louse, na Gália Nar­bo­nense, ac­tu­al­mente na França, São Sílvio, bispo, que em­pre­endeu a cons­trução de uma ba­sí­lica para honrar o tú­mulo de São Saturnino. († c. 400)

6*.   Em Forlí, na Emília-Ro­manha, re­gião da Itália, o Beato Tiago Sa­lo­móni, pres­bí­tero, que, sendo ainda ado­les­cente, fa­le­cido o seu pai e re­ce­bida sua mãe entre as monjas cis­ter­ci­enses, dis­tri­buiu os seus bens aos po­bres e en­trou na Ordem dos Pre­ga­dores, onde res­plan­deceu du­rante qua­renta e cinco anos, do­tado de in­signes dons ca­ris­má­ticos, amigo dos po­bres e homem de paz. († 1314)

7*.   Em Ca­me­rino, no Pi­ceno, hoje nas Marcas, re­gião da Itália, Santa Bap­tista de Varano (Ca­mila Bap­tista de Va­rano, também na Folhinha do Coração de Jesus de 30 de maio), aba­dessa do mos­teiro das Cla­rissas fun­dado por seu pai, onde ex­pe­ri­mentou grandes tri­bu­la­ções e con­so­la­ções místicas. († 1524).

Bem-aventurada Batista Varani, abadessa. Ver páginas 371-373:  http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

– Ver também “Camilla Battista da Varano OSC , (9 de abril de 1458 – 31 de maio de 1524), [1] de Camerino , Itália , foi uma princesa italiana e uma freira e abadessa Clara Pobre . Ela é venerada como uma santa na Igreja Católica… Em 8 de abril de 1821, o Papa Leão XIII aprovou as atas do processo para sua canonização. Varano foi beatificada pelo Papa Gregório XVI em 1843, após o reconhecimento de seu culto público de longa data. Em 4 de fevereiro de 1893, seus escritos também foram aprovados. Em 17 de outubro de 2010, o Papa Bento XVI a canonizou , junto com outras cinco pessoas. [10] [12]

Sua festa era originalmente celebrada na Ordem Franciscana em 2 de junho, mas é mais recentemente comemorada em 30 de maio.” No Martirológio Romano é dia 31 de maio:  https://en.wikipedia.org/wiki/Camilla_Battista_da_Varano

8*.   Em York, na In­gla­terra, os be­atos már­tires Ro­berto Thorpe, pres­bí­tero, e Tomás Wat­kinson, que, no rei­nado de Isabel I, foram con­de­nados à morte: o pri­meiro, porque era sa­cer­dote e o se­gundo, pai de fa­mília já an­cião, porque muitas vezes prestou au­xílio aos sa­cer­dotes; ambos re­ce­beram ao mesmo tempo no pa­tí­bulo a coroa do martírio. († 1591)

9*.   Em Paris, na França, o Beato Ni­colau Barré, pres­bí­tero, que foi do­cente de te­o­logia e cé­lebre di­retor de almas no es­pí­rito do Evan­gelho e ins­ti­tuiu por todas as partes da França as Es­colas Cristãs e da Ca­ri­dade, bem como as Irmãs Mes­tras do Me­nino Jesus, des­ti­nadas à ins­trução gra­tuita da ju­ven­tude mais carenciada. († 1686).

– Ver: São Nícolas Barré: “… Em 1675, ele retornou a Paris, onde continuou suas fundações de escolas e comunidades populares. As Mestres das Escolas de Caridade estão agrupadas na rue Saint-Maur de onde partem todos os dias para as várias paróquias de Paris para ensinar meninas. São apelidadas de “damas de (da rua) Saint-Maur”, e hoje são chamadas de Irmãs do Menino Jesus – Nicolas Barré . Ele era o conselheiro de João Batista de La Salle, a quem recomendava “renunciar aos seus bens e viver na pobreza com os professores para ter sucesso com os meninos como as primeiras amantes caridosas o sucederam com as meninas. CITAÇÕES DE São NICOLAS BARRÉ:

  • Aconteça o que acontecer, esteja sempre em paz e confie em Deus, isso será feito a você de acordo com sua fé, sua esperança e sua caridade e muito mais. » Carta 61 (OC p 538) – Máxima de conduta para as amantes número 21 obras completas p.128
  • “Devemos nos concentrar mais em estabelecer o bem ao invés de destruir o mal. Estabelecido o bem, o mal não poderá mais subsistir. » Máxima para a Direção das Almas 17 Obras Completas p.357
  • “Quanto mais estamos unidos a Deus, mais recebemos força de espírito e influência, pois Ele é sua fonte e oceano”. – Carta 27 (OC p 457) …”: …”: https://pt.frwiki.wiki/wiki/Nicolas_Barr%C3%A9_(pr%C3%AAtre)

Ver também “… Na sua opinião, a raiz de todos os males sociais era a falta de educação e formação para os jovens. Ficou impressionado com a ignorância das crianças, que as tornava vulneráveis ​​a muitos perigos. Ele disse: “Aquele que recebe é uma criança pobre e abandonada, recebe Jesus Cristo”. Durante quinze anos ele pediu e refletiu sobre um projeto para oferecer educação ao povo. Uma de suas primeiras ajudantes foi uma mulher conhecida por ser dura e egoísta. Mas depois de sua conversão, ela se colocou à disposição de Nikolas. Ela passava a maior parte do tempo com os pobres, vivendo como eles e vendo a vida do ponto de vista deles, compreendendo-os e tornando-se seu amigo…”: http://www.katolsk.no/biografier/historisk/nbarre

– Ver dia 07 de abril: São João Batista de la Salle

10*.   Em Ni­cósia, na Si­cília, re­gião da Itália, São Félix (Tiago Amo­roso), re­li­gioso, que, de­pois de ter sido re­cu­sado du­rante dez anos, in­gressou fi­nal­mente na Ordem dos Me­nores Ca­pu­chi­nhos, onde exerceu os mais hu­mildes ofí­cios com grande sim­pli­ci­dade e ino­cência de coração. († 1787)

– Ver também: São Félix de Nicósia. Ver “Na Wikipedia de 02 de junho: São Felix de NicósiaOFM Cap, em italiano: Felice di Nicosia; (05 de novembro de 1715 – 31 de maio de 1787) foi um frade capuchinho, e é venerado em Santidade pela Igreja Católica Romana… Ele nasceu Filippo Giacomo Amoroso em Nicósia, na Sicília, em 5 de novembro de 1715,[1]… Aos 20 anos, pediu ao Guardião do convento que falasse em seu nome ao Ministro provincial de Messina, para que ele pudesse ser admitido na Ordem como um irmão leigo. Sendo analfabeto, ele não poderia ser admitido como clérigo. Seu pedido foi rejeitado várias vezes; no entanto, vendo sua perseverança continuada, depois de oito anos ele foi admitido na Ordem e enviado para o noviciado em Mistretta.[2]

Em 19 de outubro de 1743 ingressou no noviciado, recebendo o nome de Irmão Felix (depois do primeiro santo capuchinho) e professou seus votos um ano depois.[2]

Ele foi dedicado a Jesus Cristo e a Virgem Maria. Às sextas-feiras ele contemplava a paixão e a morte de Jesus Cristo. Às sextas-feiras durante a quaresma, ele jejuava em pão e água. Ele tinha uma veneração especial pelo Santíssimo Sacramento, passando horas diante do tabernáculo, mesmo depois de ter suportado as severas provações de todos os dias. Ele foi dotado com o dom de curar doenças físicas e espirituais e se deleitou em cuidar dos doentes. Ele também poderia bilocalizar da mesma maneira que outro frade capuchinho dos tempos modernos, Padre Pio. Chamado para ajudar os doentes quando uma epidemia maligna estava dizimando a cidade vizinha de Cerami, em março de 1777, ele respondeu ansiosamente. Ele cuidou dos doentes e seus esforços foram coroados com grande sucesso.[3]

O irmão Félix foi beatificado pelo papa Leão XIII em 12 de fevereiro de 1888. Em 1891, suas relíquias foram transladadas para a catedral da cidade para maior acesso do público que desejava venerá-lo. Ele foi canonizado em 23 de outubro de 2005 pelo Papa Bento XVI.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/F%C3%A9lix_de_Nic%C3%B3sia

– Ver também “…No final de maio de 1787 ele foi ultrapassado por uma súbita febre furiosa enquanto trabalhava no jardim. Seu superior, padre Macario, ordenou-lhe sob obediência para deitar-se. Irmão Felix disse ao médico que prescreveu medicamentos para ele que eles eram inúteis, porque esta era sua doença final. Sua vida terrena chegou ao fim às 2 da .m. em 31 de maio de 1787.”: Felix de Nicósia (1715-1787) – Biografia (vatican.va)

11*.   Em Bel­legra, lo­ca­li­dade pró­xima de Roma, o Beato Ma­riano de Roc­ca­ca­sale (Do­mingos) Di Ni­co­lan­tónio, re­li­gioso da Ordem dos Frades Me­nores, que, exer­cendo o ofício de por­teiro, abriu as portas do con­vento aos po­bres e aos pe­re­grinos, a quem so­correu de todos os modos com imensa caridade. († 1866)

12.   Em Mityana, lo­ca­li­dade do Uganda, São Noé Mawaggali, mártir, que, sendo fâ­mulo do rei, quando ir­rompeu a per­se­guição re­cusou des­te­mi­da­mente em­pre­ender a fuga e es­pon­ta­ne­a­mente apre­sentou o às lanças dos sol­dados, que, de­pois de o terem tres­pas­sado, o pen­du­raram numa ár­vore, até chegar à morte por Cristo. († 1886)

13. São Pascásio (na Folhinha do Coração de Jesus)

– Ver …Um diácono da Igreja Romana por volta de 500; morreu depois do 511. Quase tudo o que se sabe de Paschasius é relacionado por Gregório, o Grande, em seus “Diálogos” (IV, xl). De acordo com Gregory, ele era um homem de santidade extraordinária, e um pai dos pobres. Até sua morte, ele foi um firme adepto do antipapa Laurentius (498-505; d. antes de 514). Isso, no entanto, não foi o resultado de malícia, mas de erro e ignorância. Ele morreu durante o reinado do Papa Symmachus (498-514), e após sua morte um demônio foi curado tocando seu dalmatic. Muito depois disso, Paschasius apareceu ao Bispo Germano de Cápua nas fontes termais de Angulus (Angelum) ele disse a Germano que ele tinha que fazer penitência nestes banhos por seu antigo erro, e implorou ao bispo para orar por ele. Este Germano fez com grande zelo, e depois de alguns dias não o encontrou mais nas nascentes. Gregório observa que Paschasius havia deixado livros sobre o Espírito Santo que estavam corretos em todas as particularidades e perfeitamente inteligíveis. Na verdade, dois livros “De spiritu sancto” são atribuídos a Paschasius em vários manuscritos, e até recentemente foram impressos em seu nome. Engelbrecht, não muito tempo atrás, negou sua autoria deles, atribuiu-os ao Bispo Fausto de Riez, e publicou-os nas obras de Fausto. Se isso estiver correto, então o trabalho de Paschasius desapareceu. Uma carta escrita por ele para Eugippius (511) foi preservada. Este último implorou ao seu venerado e querido amigo Paschasius, que tinha grande habilidade literária, para escrever uma biografia de São Severino a partir dos relatos do santo que ele (Eugippius) havia reunido em forma bruta e inartística. Paschasius, no entanto, respondeu que os atos e milagres do santo não poderiam ser descritos melhor do que ele tinha feito por Eugippius. A festa de Paschasius é celebrada em 31 de maio.

Citação MLA

14. VER SANTAS E SANTOS DO DIA 31 DE MAIO (alguns destacados acima): 

– OntemCalendárioAmanhã ->
Visitação da Virgem Maria (Festa) Maria, Medianeira de Todas as Graças Nossa Senhora de Banneux — Alexandre de Auvergne Camila Battista Varano Crescente de Sassari Donaciano de Cirta Felice de Nicósia Galla de Auvergne Hermias de Comana Iacobus Chu Mun-mo James Salomone Kasper Gerarz Mariano de Roccacasale Mechtildis de Edelstetten Nicolau de Vangadizza Nicolau de Vaucelles Nicolas BarréNowa Mawaggali Pascásio de Roma Petronila de Roma Sílvio de Toulouse Vitalis de AssisMártires de Aquileia – 3 santos Mártires de Gerona – 29 santos Mártires da Via Aurélia – 4 santos Martirizado na Inglaterra Robert Thorpe Thomas Watkinson Martyed na Guerra Civil Espanhola Juan Moya Collado Santos da Cornualha Mancus Myrbad Janela
todos esses memoriais em uma única página

15. Outros santos do dia 31 de maio: 334-373 (vol.09): http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos.”

Demos graças a Deus!

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

– Sobre 31 de maio, ver ainda: https://pt.wikipedia.org/wiki/31_de_maio

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (Na internet, foram consultadas no dia de hoje);

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia –Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 436-438: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-
  3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%2 0-%201.pdf
  4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.
  7. The Book of Saints – A Comprehensive Biographical Dictionary – Dom Basil Watkins, OSB on behalf of the Benedictine monks of St Augustine’s Abbey, Ramsgate Eighth Edition Entirely revised and reset – T&T Clark; 8ª edição (19 novembro 2015)
  8. https://catholicsaints.info/31-may/
  9. https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMay31.html#

  (este site mostra os santos do dia, em inglês. Tradução Google)

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* SENHOR, NOSSO DEUS E PAI AMADO, OBRIGADO POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEMDADO E PERMITIDO VIVER!

QUERIDA MÃE VIRGEM MARIA, SOCORRA-NOS, PROTEJA-NOS!

SÃO JOSÉ, SANTAS/OS E ANJOS, INTERCEDAM POR NÓS! OBRIGADO! AMÉM!

================

* PAI AMADO, DÊ-NOS ESPÍRITO DE ORAÇÃO, VIGILÂNCIA, RENÚNCIA, PENITÊNCIA! DÊ-NOS ARDOR MISSIONÁRIO PARA E PELO SENHOR! TIRE-NOS O TORPOR E A TIBIEZA! DÊ-NOS, AMADO PAI, CORAGEM DE LUTAR COM ENTUSIASMO E FORÇA DE VONTADE, MESMO EM SITUAÇÕES SEDUTORAS, DIFÍCEIS E ESPINHOSAS, PARA ALCANÇAR AQUELA PERFEIÇÃO CRISTÃ DE BONS COSTUMES E SANTIDADE POR MEIO  DA ORAÇÃO, ESFORÇO E TRABALHO. DÊ-NOS A DOCILIDADE DAS OVELHAS! SOBRETUDO, DÊ-NOS A GRAÇA! PEDIMOS EM NOME DE JESUS, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

* MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA, ESCREVA-NOS:

barpuri@uol.com.br

================

  • SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

================

* “O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

================

Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu só lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

================

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

================

  • “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”, mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível”.

================

* 07 de janeiro ou 09 de abril – Beata Lindalva Justo de Oliveira: Toda santidade passa pelo crisol (lugar ou circunstância apropriada a evidenciar as melhores qualidades de algo ou alguém) do sofrimento

(referente à Beata Lindalva de Oliveira, conforme http://www.santosdobrasil.org.br/?system=news&eid=294)

================

* 17 de janeiro: Santo Antão ou Antônio

Oração: “Santo Antônio, você falou da importância de perseverar em nossa fé e nossa prática. Ajude-nos a acordar a cada dia com um novo zelo pela vida cristã e um desejo de enfrentar o próximo desafio em vez de apenas ficar parado. Amém!”

================

* 19 de janeiro, São Macário. “… A oração não requer muitas palavras. sobre você, você só precisa dizer: “SENHOR, TEM MISERICÓRDIA!” O Senhor sabe o que é útil para nós e nos concede misericórdia.”… “Se você deseja ser salvo, seja como um morto. Não fique com raiva quando insultado (e provocado), nem orgulhoso quando elogiado.” E ainda: “Se a calúnia (e a provocação) é como o louvor para você, a pobreza como a riqueza, a insuficiência como a abundância, então você não perecerá.“…

================

  • 04 de fevereiro, SANTO ANDRÉ CORSINI: “Ele trabalhou arduamente para subjugar suas paixões por meio de humilhações extremas, obediência até mesmo à última pessoa na casa, pelo silêncio e oração (HUMILHAR-SE, OBEDECER, SILENCIAR, REZAR)”.

================

* 10 de fevereiro, SÃO JOSÉ SÁNCHEZ DEL RIO “Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio).

Ver: https://catholicsaints.info/saint-jose-sanchez-del-rio/

================

* 14 de fevereiro, SÃO JOÃO BATISTA DA CONCEIÇÃO GARCIA Ó meu

Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.” (últimas palavras de

São João Batista da Conceição Garcia).

Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

================

* 14 de março, Albert Einstein: Deus Todo-Poderoso não joga dadosDiante de Deus somos todos igualmente sábios – igualmente tolos!

================

  • 15 de março: São Clemente-Maria Hoffbauer: “Ó Meu Redentor, chegará aquele terrível momento em que restarão poucos cristãos inspirados pelo espírito de fé, aquele momento em que Sua indignação será provocada e Sua proteção será tirada de nós? Nossos vícios e nossas vidas más moveram irrevogavelmente Sua justiça a se vingar, talvez neste mesmo dia, de Seus filhos para não deixar que a luz da fé se apague nas almas? “Lembre das antigas misericórdias, volta os olhos compassivos para a vinha plantada com a sua destra, regada pelas lágrimas dos Apóstolos, pelo sangue precioso de inúmeros mártires, e fecundada pelas orações de tantos confessores e virgens inocentes.

“Ó divino Mediador, olhe para aquelas almas zelosas que elevam seus corações ao Senhor e oram sem cessar pela manutenção desse seu dom mais precioso, a Verdadeira Fé. Mantenha-nos seguros na verdadeira fé católica e romana. Preserve-nos em sua santa fé, pois se formos ricos com este dom precioso, suportaremos com prazer todas as tristezas e nada poderá mudar nossa felicidade. Sem este grande tesouro da fé, nossa       infelicidade seria indizível e sem limites.

“Ó Bom Jesus, Autor da nossa fé, conservai-a pura em nós; guardai-nos na barca de Pedro, fiel e obediente ao seu sucessor, e Vosso vigário aqui na terra, para que se mantenha a unidade da santa Igreja, a santidade promovida, a Santa Sé protegida em liberdade e a Igreja universal estendida em benefício das almas.

“Ó Jesus, Autor da nossa fé, humilha e converte os inimigos da Sua Igreja; conceda verdadeira paz e concórdia a todos os reis e príncipes cristãos e a todos os crentes; fortalece-nos e preserva-nos no Seu santo serviço até ao fim, para que vivamos com o Senhor e morramos no Senhor. “Ó Jesus, Autor de nossa fé, deixe-nos viver pelo Senhor e morrer pelo Senhor. Amém.”

================

  • 15 de março, SANTA LUÍSA DE MARILLAC “… SEDE DILIGENTES NO SERVIÇO AOS POBRES . . . AMEM OS POBRES, HONREM-NOS, MEUS FILHOS, COMO VOCÊS HONRARIAM O PRÓPRIO CRISTO”

================

  • 21 de março, SÃO NICOLAU DE FLUE: “Salve, ó Mãe de toda pureza, virgem imaculada, Mãe de toda misericórdia e Mãe de nosso Salvador; venho rogar-lhe que interceda por um pobre pecador junto ao seu Divino Filho, para que me conceda Sua santa Graça. O inimigo implacavelmente me persegue e me ataca. Você uma vez esmagou a cabeça da serpente ao dar à luz nosso Salvador – ajude-me a superar suas artimanhas e enganos. Você é meu refúgio. Por que você me afastaria? …

Não, ó Virgem graciosa! Você virá em meu socorro e o inimigo será derrotado. Amém! “São Nicolau relatou que nunca invocou Maria em vão e que sempre sentiu visivelmente os efeitos de sua proteção.”

================

  • 21 de março, SÃO SERAPIÃO DE THMUIS A mente é purificada pelo conhecimento espiritual (ou pela santa meditação e oração), as paixões espirituais da alma pela caridade e os apetites irregulares pela abstinência e penitência… (regra resumida da perfeição cristã – que São Serapião repetia muitas vezes) … “Nossos corpos podem se tornar instrumentos do bem ou do mal, dependendo da disposição do coração; tanto os homens justos quanto os ímpios são frequentemente mudados para o outrotipo.” http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch21.html#370_St._Serapion_th e_Scholastic_Bishop)

================

  • 05 de abril, SÃO VICENTE FERRER “Faça o que fizer, não pense em si mesmo, mas em Deus…

Você deseja estudar a seu favor? Deixe a devoção acompanhar todos os seus estudos, e estude menos para se tornar um sábio do que para se tornar um santo.

Consulte a Deus mais do que seus livros, e peça-Lhe, com humildade, que faça você entender o que lê.

O ESTUDO CANSA E ESGOTA A MENTE E O CORAÇÃO. VÁ DE VEZ EM QUANDO, PARA REFRESCÁ-LOS, AOS PÉS DE JESUS CRISTO SOB SUA CRUZ. REPOUSE ALI.

Alguns momentos de repouso em suas chagas sagradas dão novo vigor e novas luzes.

Aplique-se por orações curtas, mas fervorosas e jaculatórias. Nunca comece ou termine seu estudo, sem ser pela oração.

A ciência é um dom do Pai das luzes“.

================

* 06 de abril: São Zeferino Agostini

Fundou a Pia União das Irmãs Devotas de Santa Ângela Merici…

Dizia a elas: “Não se assustem com o trabalho ou o sofrimento, nem com o fruto escasso de seu trabalho. Lembrem-se de que Deus recompensa não pelos resultados, mas pelo esforço.” (L’Observattore Romano).

Ele sabia que sua primeira prioridade era desenvolver seu relacionamento com Deus por meio da oração pessoal, porque Deus era a fonte de sua alegria e poder para fazer o bem…

================

*12 de abril: São David Uribe

“Perdoo todos os meus inimigos e peço a Deus e a quem ofendi que me perdoe.” -da última vontade e testamento de Saint David

===============

* 21 de maio, PADRE MANOEL E COROINHA ADÍLIO “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio)

================

  • 20 de abril: Projeto de vida de SÃO CONRADO DE PARZHAM

“MEU PROJETO DE VIDA É PRINCIPALMENTE ESTE: amar e sofrer, sempre meditando, adorando e admirando o amor indizível de Deus por suas criaturas mais humildes.”

RESOLUÇÕES DE SÃO CONRADO DE PARZHAM:

  • Resolvo em primeiro lugar permanecer continuamente na presença de Deus e perguntar-me frequentemente se faria isto ou aquilo se meu confessor ou superior estivesse me observando e principalmente se Deus e meu anjo da guarda estivessem presentes.
  • Resolvo me perguntar, sempre que tenho que encontrar cruzes de sofrimento: “Conrad, por que você veio aqui?”
  • Resolvo evitar sair do convento, na medida do possível, a menos que seja por amor ao próximo, obediência, motivos de saúde, peregrinação piedosa ou outra boa causa.
  • Resolvo fomentar a caridade fraterna em mim e nos outros. Portanto, resolvo tomar cuidado para nunca dizer uma palavra

indelicada. Resolvo suportar pacientemente os defeitos e as fraquezas dos outros e, na medida do possível, escondê-los com o manto da caridade, a menos que seja obrigado a manifestá-los a alguém que possa corrigi-los.

  • Resolvo observar o silêncio conscientemente. Resolvo falar brevemente e assim evitar muitas armadilhas e ser mais capaz de conversar com Deus.
  • Quando à mesa, resolvo colocar-me na presença de Deus o máximo que puder, permanecer recolhido e deixar de lado meus pratos favoritos para praticar uma forma oculta de mortificação. Resolvo não comer entre as refeições, a menos que seja ordenado a fazê-lo sob obediência.
  • Resolvo atender ao primeiro toque da campainha , a menos que seja legitimamente impedido.
  • Resolvo evitar, na medida do possível, conversar com o sexo oposto, a menos que a obediência me imponha deveres que tornem necessário falar com mulheres. Nesse caso, resolvo ser muito reservado e manter a guarda dos olhos.
  • Resolvo cumprir as ordens pontualmente e ao pé da letra. Resolvo especialmente fazer todos os esforços para conquistar minha própria vontade em todas as coisas.
  • Resolvo me forçar a prestar muita atenção aos pequenos detalhes e, na medida do possível, evitar todas as imperfeições. Resolvo observar fielmente a santa regra e não me afastar dela um fio de cabelo, aconteça o que acontecer.
  • Resolvo cultivar uma profunda devoção à Bem-Aventurada Virgem Maria e me esforçar para imitar suas virtudes.

UMA COMUNHÃO ESPIRITUAL, À NOITE, DE SÃO CONRADO DE PARZHAM

“Vim para passar alguns momentos contigo, ó Jesus, e em espírito me prostro no pó diante do Teu Santo Tabernáculo para adorar-Te, meu Senhor e Deus, na mais profunda humildade. Mais uma vez, um dia chegou ao fim, querido Jesus, outro dia que me aproxima da sepultura e do meu amado lar celestial. Mais uma vez, ó Jesus, meu coração anseia por Ti, o verdadeiro Pão da Vida, que contém toda doçura e prazer. Ó meu Jesus, perdoa-me misericordiosamente pelas faltas e ingratidão deste dia, e vem a mim para refrescar o meu pobre coração que anseia por Ti. Como o coração anseia pelas águas, como a terra seca anseia pelo orvalho do céu, assim meu pobre coração anseia por Ti, Tu Fonte da Vida. Eu Te amo, ó Jesus, espero em Ti, Te amo, e por Ti lamento sinceramente todos os meus pecados. Que Tua paz e Tua bênção sejam minhas agora e sempre e por toda a eternidade. Um homem.”

================

  • 28 de abril, São Luís Maria Grignion de Montfort. Algumas máximas… “…Você é verdadeiramente abençoado se o mundo o persegue injustamente, opondo-se a seus desígnios, por melhores que sejam, julgando mal suas intenções, caluniando sua conduta, roubando injustamente sua reputação ou sua riqueza.

Cuida, então, minha filha (meu filho), de não reclamar a ninguém, a não ser a mim, dos maus-tratos que você está sendo tratado, e de buscar meios de se justificar quando, em particular, é só você que sofre com isso…

Pelo contrário, reza por aqueles que te trazem a felicidade da perseguição…

Agradeça-me por tratarem-no como fui tratado na terra, sendo um sinal de contradição…

Não desanime em suas boas intenções, por causa da contradição; é uma marca de vitória futura; uma boa obra que não está marcada com o sinal da cruz, não tem grande valor diante de mim e em breve será destruída…”

Conforme: https://catholicsaints.info/saint-louis-marie-grignion-de-montfort/

================

  • 29 DE ABRIL: SANTA CATARINA DE SENA:

«Por misericórdia Vós lavastes-nos no Sangue e por misericórdia desejastes dialogar com as criaturas. Ó Louco de amor! Não vos foi suficiente encarnar, mas também quiseste… Ó misericórdia! O meu coração ofega-se quando penso em Vós: para onde eu me dirija a pensar, mais não encontro do que misericórdia»

================

* 31 de maio: NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

Lembrai-vos, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração, do poder
Inefável que vosso divino filho vos concedeu sobre seu Coração
Adorável. Com a maior confiança em vossos merecimentos, vimos
implorar a vossa proteção.
Vós sois celeste Tesoureira do Coração de Jesus, daquele coração que é o
manancial inexaurível de todas as graças e que podeis abrir a vosso
bel prazer para fazer descer sobre os homens todos os tesouros de amor e
misericórdia, de luz e salvação que Ele encerra; concedei-nos , vo-lo pedimos, os favores que suplicamos (fazer o pedido) .
Sois nossa Mãe, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração. Acolhei benignamente as nossas preces e dignai-vos a deferi-las. Amém.
Nossa Senhora do Sagrado Coração, rogai por nós!

(conf. https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_do_Sagrado_Cora%C3%A7%C3%A3o)

================

  • 31 de maio, São NICOLAS BARRÉ, citações:
  • ACONTEÇA O QUE ACONTECER, ESTEJA SEMPRE EM PAZ E CONFIE EM DEUS, ISSO SERÁ FEITO A VOCÊ DE ACORDO COM SUA FÉ, SUA ESPERANÇA E SUA CARIDADE E MUITO MAIS. » Carta 61 (OC p 538) – Máxima de conduta para as amantes número 21 obras completas p.128
  • “DEVEMOS NOS CONCENTRAR MAIS EM ESTABELECER O BEM AO INVÉS DE DESTRUIR O MAL. ESTABELECIDO O BEM, O MAL NÃO PODERÁ MAIS SUBSISTIR. » Máxima para a Direção das Almas 17 Obras Completas p.357
  • “QUANTO MAIS ESTAMOS UNIDOS A DEUS, MAIS RECEBEMOS FORÇA DE ESPÍRITO E INFLUÊNCIA, POIS ELE É SUA FONTE E

OCEANO”. – Carta 27 (OC p 457)

================

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO: “Meios de se preparar para uma boa morte: na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado…” Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém! http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

================

  • 15 de setembro, SANTA CATARINA DE GÊNOVA “… a oração por um ente querido é, para o crente, uma forma de apagar qualquer distância, até mesmo a morte. Em oração, permanecemos na presença de Deus na companhia de alguém que amamos, mesmo que essa pessoa tenha morrido antes de nós

Não devemos transformar o purgatório em um campo de concentração em chamas à beira do inferno – ou mesmo em um ‘inferno por um curto período de tempo’. É uma blasfêmia pensar nisso como um lugar onde um Deus mesquinho cobra a última libra – ou grama – de carneSanta Catarina de Gênova (Festa dia 15 de setembro, mística do século 15), escreveu ‘fogo’ do purgatório é o amor de Deus ‘queimando’ a alma para que, por fim, a alma esteja totalmente em chamas. É a dor de querer ser feito totalmente digno de Alguém que é visto como infinitamente amável, a dor do desejo de união que agora está absolutamente assegurada, mas ainda não completamente experimentada

(Leonard Foley, OFM, Crendo em Jesus) …”:

================

* 21 de outubro, SANTO AGATÃO “… Não há nada mais difícil do que a oração, pois não há esforços que os demônios não façam para interromper este poderoso meio de os desanimar

================

*        27 de outubro SANTO ABRAÃO, ERMITÃO “… A PAIXÃO VIVE; APENAS ESTÁ REPRIMIDA… ESTÁ APENAS PRESA… AS PAIXÕES VIVEM, APENAS SÃO REPRIMIDAS PELOS SANTOS (COM A GRAÇA DE DEUS!) …”. SANTAS E SANTOS, INTERCEDAM POR NÓS PARA QUE POSSAMOS REPRIMIR AS PAIXÕES! PAI AMADO, DÊ-NOS A GRAÇA DE REPRIMIR AS PAIXÕES! SANTO

ABRAÃO, ROGUE POR NÓS! AMÉM!”, conforme páginas 52-53: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-

%2019.pdf

================

* ORAÇÃO DO ANO DE SÃO JOSÉ “PATRIS CORDE”

Salve, guardião do Redentor e esposo da Virgem Virgem Maria!

A vós, Deus confiou o seu Filho;

em vós Maria depositou a sua confiança;

  convosco, Cristo tornou-Se homem.

Ó Bem-aventurado José, mostrai-vos pai

também para nós e guiai-nos no caminho da vida.

Alcançai-nos graça, misericórdia e coragem e coragem,

e defendei-nos de todo o mal. Amém!

(Conforme < https://radio.cancaonova.com/sao-jose-do-rio-preto/oracao-ano- de-sao-jose/ >)

================

* PAI, ABRACE-NOS!

JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO!

DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS ENCHA E NOS UNA NO AMOR!

MÃEZINHA MARIA, CUIDE DE NÓS!

SÃO JOSÉ, SANTAS, SANTOS E ANJOS, ROGUEM POR NÓS! POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

  • Após Deus, o Pai amado, chamar minha amada esposa e companheira por 38 anos, 9 meses e oito dias, em 24.09.2017, descobri:
  • Posso comunicar com a minha Frô, pela ORAÇÃO;
  • Posso VER, ESCUTAR, SENTIR a FRÔ (transformada, sem dores, linda, maravilhosa) em meu ser;
  • Ela está vivendo nos braços de Deus (bondosos, vigorosos); 4. Um dia vamos estar juntos;
  • Quando Deus me chamar, quero levar coisas boas para o banquete celeste (amor a Deus e ao próximo).

Dê-nos essa Graça, Pai amado! Dê-nos A GRAÇA! AMÉM! Obrigado, Senhor, por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

                                                         ================                                  

“Senhor, eu tenho fé. Ajude-me a ter mais fé ainda!” (Mc 9,24)

================

* Ver o blog: https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.