Santas e Santos de 03 de setembro

1. Em anotações de 12 de março, em Roma, junto de São Pedro, o se­pul­ta­mento de São Gre­gório Magno, papa, cuja me­mória se ce­lebra a três de Se­tembro, dia da sua ordenação. († 604).

– Me­mória de São Gre­gório Magno (também na Folhinha do Coração de Jesus), papa e doutor da Igreja. De­pois de ter en­trado na vida mo­nás­tica, exerceu a missão de le­gado pon­ti­fício a Cons­tan­ti­nopla e foi eleito neste dia para a Sede Ro­mana; exerceu a missão de con­ci­li­ador em as­suntos tem­po­rais e atendeu como servo dos servos às suas fun­ções sa­gradas. Pro­cedeu como bom pastor no go­verno da Igreja, no cui­dado dos po­bres, na pro­moção da vida mo­nás­tica e es­pe­ci­al­mente na con­so­li­dação e pro­pa­gação da fé em toda a parte; es­creveu muitas obras ex­ce­lentes sobre te­o­logia moral e te­o­logia pas­toral. Morreu no dia doze de Março. († 604).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Roma, no ano da graça de 590, a ordenação episcopal de São Gregório Magno, papa e doutor da Igreja. Após ter exercido a função de prefeito de Roma, levou vida monástica em sua casa no Monte Célio. Chamado pelo povo Romano para assumir a direção da Igreja, dedicou-se a ela com zelo, codificando textos e cantos litúrgicos e exortando tanto por sua palavra como por seus escritos. Por seus “Diálogos”, particularmente, favoreceu o monaquismo ao popularizar a vida de São Bento e mereceu ser cognominado “Dialogós” pelos gregos. (R)

Ver mais da história de São Gregório Magno nas págs. 368-374: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%204.pdf

– Ver também “Papa Gregório I (em latimGregorius I; originalmente Gregório Anício, em latim: Gregorius Anicius), conhecido como São GregórioGregório Magno ou Gregório, o Grande[2] foi papa entre 3 de setembro de 590 e sua morte, em 12 de março de 604. É conhecido principalmente por suas obras, mais numerosas que as de seus predecessores.[3] Gregório é também conhecido como Gregório, o Dialogador na Ortodoxia por causa de seus “Diálogos” e é por isso que seu nome aparece em algumas obras listado como “Gregório Dialogus”. Foi o primeiro papa a ter sido monge antes do pontificado.

Gregório é reconhecido como um Doutor da Igreja e um dos Padres latinos. É também venerado como santo por católicosortodoxosanglicanos e alguns luteranos. Foi canonizado assim que morreu, por aclamação popular, como era o costume.[4] O reformador protestante João Calvino admirava Gregório e declarou em seus “Institutos” que ele teria sido o “último bom papa”.[5]”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Papa_Greg%C3%B3rio_I

– Ver PAPA SÃO GREGÓRIO MAGNO

Também conhecido como

  • Gregório I
  • Gregory Dialogos
  • Gregório, o Dialogo
  • Pai dos padres
  • Gregório I Magno

Memorial

Perfil

Filho de Gordiano, um regionarius romano , e de Santa Silvia de Roma . Sobrinho de Santa Emiliana e Santa Tarsilla . Bisneto do Papa São Félix III . Educado pelos melhores professores de Roma , Itália . Prefeito de Roma por um ano, depois vendeu seus bens, transformou sua casa em um mosteiro beneditino e usou seu dinheiro para construir seis mosteiros na Sicília e um em Roma . beneditino monge . Ao ver crianças inglesas sendo vendidas no Fórum Romano, tornou-se missionário na Inglaterra .

Eleito 64º Papa por aclamação unânime em 3 de setembro de 590 , o primeiro monge a ser escolhido. Enviou Santo Agostinho de Cantuária e uma companhia de monges para evangelizar a Inglaterra , e outros missionários à França , Espanha e África . Coletou as melodias e os cantos simples tão associados a ele que agora são conhecidos como cantos gregorianos. Um dos quatro grandes Doutores da Igreja Latina . Escreveu obras seminais sobre a Missa e o Ofício Divino, vários deles ditaram ao seu secretário , São Pedro Diácono .

Nascer

Ascensão Papal

Morreu

Canonizado

Patrocínio

Representação

informação adicional

Leituras

A prova de amor está nas obras. Onde o amor existe, ele produz grandes coisas. Mas quando deixa de agir, deixa de existir. – São Gregório Magno

Se soubéssemos a que horas partiríamos deste mundo, seríamos capazes de selecionar uma época para o prazer e outra para o arrependimento. Mas Deus, que prometeu perdão a todo pecador arrependido, não nos prometeu amanhã. Portanto, devemos sempre temer o dia final, que nunca podemos prever. Este mesmo dia é um dia de trégua, um dia de conversão. E ainda assim nos recusamos a chorar pelo mal que fizemos! Não só não choramos pelos pecados que cometemos, como até acrescentamos a eles…. Se estamos, de fato, agora ocupados em boas ações, não devemos atribuir a nós mesmos a força com que as fazemos. Não devemos contar com nós mesmos, porque mesmo que saibamos que tipo de pessoa somos hoje, não sabemos o que seremos amanhã. Ninguém deve se alegrar com a segurança de suas próprias boas ações.  São Gregório Magno, deSeja Amigo de Deus

Citação MLA

VER 12 DE MARÇO (nº 6)

2.   Co­me­mo­ração de Santa Febe, serva do Se­nhor entre os fiéis de Cên­creas, na ac­tual Grécia, que au­xi­liou muito São Paulo, como ele con­firma na Epís­tola aos Romanos.

– Ver “… No último capítulo de sua carta aos cristãos de Roma, São Paulo envia suas saudações a muitos de seus amigos ali, mas antes de tudo se refere a uma Febe, da qual ele escreve: “E eu te recomendo Phoebe, nossa irmã, que é no ministério da igreja que está em Cenchrae, que você a receba no Senhor como se tornasse santo e que você a ajudasse em todos os negócios que ela precisar de você. Pois ela também ajudou muitos, e eu também.” Cenchrae era o porto de Corinto de onde a Epístola aos Romanos foi escrita por volta do ano 57, e parece que St Phoebe era a portadora da carta. Além do que São Paulo nos diz em seu depoimento, nada se sabe dela; ela foi nomeada neste dia no Martirológio Romano, e São João Crisóstomo elogiou seus méritos.
  Os Bollandistas dedicam algumas páginas a Santa Febe, refutando em particular a alegação de que ela tinha sido a esposa de São Paulo, mas depois passou a tratá-lo como uma irmã querida. A noção de que São Paulo tinha sido casado parece ter sido sugerida por uma frase na carta interpolada de Santo Inácio aos Filadélfia e por uma observação de Clemente de Alexandria. A inserção do nome de Febe (assim como de outros personagens do Novo Testamento) no martirológio se deve a Ado no século IX. Ver Dora H. Quentin, Les martyrologes historiques , p. 665.”:  https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DaySeptember03.html

3.   Em Ni­co­média, na Bi­tínia, hoje Izmit, na Tur­quia, Santa Ba­si­lissa (também na Folhinha do Coração de Jesus), virgem e mártir. († s. IV).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no séc. IV, o martírio de Santa Basilissa, jovem cristã de nove anos, que confessou com sua própria voz a fé que trazia em seu coração. (M)

4.   Em Cór­dova, na His­pânia Bé­tica, São San­dálio, mártir. († s. IV)

5.   Em Toul, na Gália Bél­gica, ac­tu­al­mente na França, São Man­sueto, pri­meiro bispo desta cidade. († s. IV).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, igualmente no séc. IV, São Mansueto, primeiro bispo de Toul, que plantou a semente da Boa Nova naquela região. (M)

6.   No monte Ti­tano, pró­ximo de Rí­mini, no ter­ri­tório que hoje na pe­nín­sula itá­lica tem o seu nome, São Ma­rino, diá­cono e ana­co­reta, que, se­gundo consta, con­duziu o povo ainda pagão à luz do Evan­gelho e à li­ber­dade de Cristo. († s. IV/V).

– Conforme o Martirológio Romano-monástico do dia 04 de setembro, no séc. IV, São Marino. Cortador de pedras originário da Dalmácia, trabalhou na construção da Igreja e das muralhas de Rímini. Ordenado Diácono, levou vida eremítica sobre o rochedo onde foi construída a cidade de San Marino, que tomou o seu nome. (M)

7*.   Na Ir­landa, São Ma­ca­nísio, bispo. († 514)

– Ver “… Os registros de São Macanísio (Aengus MacNisse) consistem principalmente de milagres, muitos deles fantásticos e referências conflitantes.Ele teria sido batizado por São Patrício, que no devido tempo o consagrou bispo. Conta-se que fez uma peregrinação à Terra Santa e na volta fez uma estada em Roma. Ele retornou à Irlanda, onde estabeleceu uma igreja e um mosteiro que se desenvolveram na diocese de Connor, da qual ele é venerado como o primeiro bispo…”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DaySeptember03.html

8.   Em Milão, na Lom­bardia, re­gião da Itália, Santo Au­xano, bispo. († c. 589)

– Ver “… Também chamado de Sant ‘Ansano em Milão, Itália. Ele era um bispo reverenciado daquela cidade…”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DaySeptember03.html

9*.   Em Mon­te­sár­quio, na Cam­pânia, também na Itália, São Vi­ta­liano, bispo. († s. VII/VIII)

10*.   No mos­teiro de Sta­velot, no Bra­bante, ac­tu­al­mente na Bél­gica, São Ri­má­gilo, bispo e abade, que, de­pois de ter vi­vido no mos­teiro de So­lignac, fundou os mos­teiros de Sta­velot e de Mal­medy, no ermo da flo­resta das Ardenas. († c. 671-679).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, perto de 675, São Remaclo. Nascido na Aquitânia, entrou para o mosteiro de Luxeuil, e depois a pedido de Santo Elói, foi colocado na direção da abadia de Solignac, na diocese de Limoges, da qual foi abade durante dez anos. Perto de 650, fundou nas Ardenas os mosteiros de Stavelot e o de Malmédy. (X)

11.   Na ilha de Lé­rins, na Pro­vença, ac­tu­al­mente na França, Santo Ai­gulfo (Aigolfo), abade, e com­pa­nheiros monges, que, se­gundo a tra­dição, so­freram o mar­tírio numa in­cursão dos Sarracenos. († c. 675).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na mesma época a paixão de Santo Aigulfo, abade de Lérins, que morreu vítima de sua dedicação ao serviço do mosteiro. (M).

– Ver Santo Agilulfo, mártir, páginas 17-18: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2016.pdf

12*.   Em Séez, na Nêus­tria, também na ac­tual França, São Cro­do­gango ou Cro­de­gango, bispo e mártir. († s. VIII)

13*.   No ter­ri­tório de As­tino, na Lom­bardia, re­gião da Itália, o Beato Guala, bispo de Bréscia, da Ordem dos Pre­ga­dores, que, no tempo do im­pe­rador Fre­de­rico II, tra­ba­lhou com muito em­penho e pru­dência pela paz da Igreja e da so­ci­e­dade civil e fi­nal­mente foi con­de­nado ao exílio. († 1244)

14*.   Em Na­ga­sáki, no Japão, os be­atos Bar­to­lomeu Gutiérrez, pres­bí­tero da Ordem dos Ere­mitas de Santo Agos­tinho, e cinco com­pa­nheiros, már­tires, que, em ódio à fé cristã, foram imersos em águas sul­fú­rias a ferver e de­pois lan­çados ao fogo. São estes os seus nomes: pres­bí­teros Vi­cente Car­valho e Fran­cisco Torres, da Ordem dos Ere­mitas de Santo Agos­tinho; An­tónio Ishida, da Com­pa­nhia de Jesus; Je­ró­nimo Jo; Ga­briel da Ma­da­lena, re­li­gioso da Ordem dos Frades Menores. († 1632)

15*.   Em Pi­a­cenza, na Emília-Ro­manha, re­gião da Itália, a Beata Brí­gida de Jesus Morello, que, fi­cando viúva, se con­sa­grou ao Se­nhor, de­di­cando-se à pe­ni­tência e a muitas obras de ca­ri­dade e, para a for­mação cristã da ju­ven­tude fe­mi­nina, fundou a Con­gre­gação das Irmãs Ur­su­linas de Maria Imaculada. († 1679)

16*.   Em Paris, na França, a paixão dos be­atos André Abel Al­ricy, pres­bí­tero, e se­tenta e um companheiros, már­tires, entre os quais muitos pres­bí­teros, que, de­pois da cha­cina do dia an­te­rior, foram re­cluídos no Se­mi­nário de São Fir­mino e por fim as­sas­si­nados em ódio à Igreja. São estes os seus nomes: Re­nato Maria An­drieu, Pedro Paulo Balzac, João Fran­cisco Maria Be­noit ou Vourlat, Mi­guel André Sil­vestre Bi­nard, Ni­colau Bize, Pedro Bonzé, Pedro Bri­quet, Pedro Brisse, Carlos Carnus, Bel­trão An­tónio de Cau­penne, Tiago Du­four, Dinis Cláudio Duval, José Falcoz, Gil­berto João Fau­trel, Fi­li­berto Fougère, Pedro João Gar­ri­gues, Ni­colau Gau­dreau, Es­têvão Mi­guel Gillet, Jorge Je­ró­nimo Gi­roust, José Maria Gros, Pedro Guérin du Ro­cher, Ro­berto Fran­cisco Guérin du Ro­cher, Ivo André Guillon de Ke­ranrun, Ju­lião Fran­cisco Hé­douin, Pedro Fran­cisco Hé­nocq, Elísio Herque ou du Roule, Pedro Luís Joret, Tiago de la Lande, Gil Luís Sin­fo­riano Lan­chon, Luís João Ma­teus La­nier, João José de Lavèse-Belay, Mi­guel Leber, Pedro Flo­rêncio Le­clercq, João Carlos Le­grand, João Pedro le Lai­sant, Ju­lião le Lai­sant, João Lemaître, João Tomás Leroy, Mar­tinho Fran­cisco Aleixo Lou­blier, Cláudio Luís Mar­mo­tant de Sa­vigny, Cláudio Sil­vano May­neau de Bi­ze­franc, Hen­rique João Millet, Fran­cisco José Mon­nier, Maria Fran­cisco Mouffle, José Luís Ovi­efre, João Mi­guel Phi­lippot, Tiago Rabé, Pedro Ro­berto Régnet, Ivo João Pedro Rey de Ker­vizic, Ni­colau Cláudio Roussel, Pedro Saint-James, Tiago Luís Schmid, João An­tónio Se­conds, Pedro Tiago de Tur­mé­nies, Re­nato José Urvoy, Ni­colau Maria Verron, Carlos Vítor Véret, todos pres­bí­teros; e ainda João Carlos Maria Ber­nard du Cor­nillet, có­nego da abadia de São Vítor de Paris; João Fran­cisco Bonnel de Pradel e Cláudio Pons, có­negos da abadia de Santa Ge­no­veva de Paris; João Carlos Caron, Ni­colau Colin, Luís José Fran­çois e João Hen­rique Gruyer, da Con­gre­gação da Missão; Cláudio Bo­chot e Eus­tá­quio Félix, da Con­gre­gação dos Pa­dres da Dou­trina Cristã; Cosme (João Pedro Duval), da Ordem dos Frades Me­nores Ca­pu­chi­nhos; Pedro Cláudio Pot­tier, da So­ci­e­dade de Jesus e Maria; e Se­bas­tião Des­bri­elles, Mestre es­cola de Paris, Luís Fran­cisco Rigot e João An­tónio José de Villette. († 1792)

– Ver “Mártires de Setembro… Um grupo de 191 mártires que morreram na Revolução Francesa . Eles foram presos na Abadia de St-Germain-des-Prés, Hôtel des Carmes na rue de Rennes, Prison de la Force e Seminaire de Saint-Firmin em Paris , França pela Assembleia Legislativa por se recusar a prestar juramento a apoiar a constituição civil do clero . Este ato colocou os padres sob o controle do Estado e foi condenado pelo Vaticano. Mártires perfilados neste site incluem”. CatholicSaints.Info . 19 de maio de 2022. Web. 3 de setembro de 2022. < https://catholicsaints.info/martyrs-of-september/ >

17*.   Também em Paris, no mesmo dia e ano, os be­atos már­tires João Bap­tista Bottex, Mi­guel Maria Fran­cisco de la Gardette e Fran­cisco Ja­cinto le Livec de Trésurin, que, du­rante a mesma per­se­guição, mor­reram por Cristo no cár­cere “La Force”. († 1792)

18.   Em Seul, na Co­reia, a paixão dos santos João Pak Hu-jae e cinco com­pa­nheiras, már­tires, que, le­vados ao tri­bunal por serem cris­tãos, su­por­taram cruéis su­plí­cios e por fim foram degolados. São estes os seus nomes: Maria Pak Kin-a-gi Hui-sun, irmã de Santa Lúcia Pak Hui-sun; Bár­bara Kwon-hui, irmã de Santo Agos­tinho Yi Kwang-hon; Bár­bara Yi Chong-hui; Maria Yi Yon-hui, es­posa de São Da­mião Nam Myong-hyog; Inês Kim Hyo-ju. († 1839)

19. Santo Aristeu (também na Folhinha do Coração de Jesus).

– Ver “… Aristaeus, bispo, e Antoninus, um jovem rapaz Em Cápua, os santos mártires. Aristeu pode ter sido um bispo de Cápua, Itália, mas é mais provável que seja o mártir egípcio Aristeu, que é homenageado pelos gregos hoje. Em 1621, ele foi para o México e dois anos depois continuou para o Japão (Beneditinos, Delaney). Antonino é uma criança mártir, talvez idêntico a Santo Antonino de Apameia…”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DaySeptember03.html

20. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, perto de 690 a volta para Deus de São Régulo, que foi sucessor de São Nivardo na Sé episcopal de Reims. Como o seu predecessor, protegeu muito o monaquismo. (X)

21. Santa Serápia e Santa Sabina, mártires. Ver páginas 9-16: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2016.pdf

– Ver “… Serápia[1] foi uma santa romanaescrava e mártir, nascida em Antioquia, na Síria romana. Nasceu no final do século I, de pais cristãos que fugiram para a Itália tentando fugir das perseguições do imperador Adriano. Quando seus pais morreram, Serápia foi cortejada por muitos, mas, tendo decidido entregar-se a Deus somente, vendeu tudo o que tinha e distribuiu os ganhos aos pobres. Logo depois, vendeu-se em escravidão voluntária e passou a trabalhar para uma nobre romana chamada Sabina. A piedade de Serápia, seu amor pelo trabalho e sua caridade logo conquistaram o coração de sua patroa, que se converteu ao cristianismo.

Ainda durante o reinado de Adriano, Serápia recebeu ordens para prestar homenagem aos deuses de Roma.[2] Ela se recusou e foi entregue a dois homens, que tentaram estuprá-la, mas ela resistiu. Eles então tentaram atear fogo nela com tochas, mas não conseguiram. Por ordem do juiz Derillus, ela foi surrada com varas e decapitada. Seu corpo foi enterrado por Sabina no túmulo que estava reservado para ela própria, perto do campo Vindiciano, mas a memória de seu martírio é lembrada especialmente no dia 3 de setembro, dia que seu túmulo comum foi terminado, decorado e consagrado como um local de orações.[3]…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ser%C3%A1pia_de_Roma

Ver 29 de agosto, SANTA SABINA: Em Roma, a co­me­mo­ração de Santa Sa­bina (também na Folhinha do Coração de Jesus), cujo tí­tulo fun­dado no monte Aven­tino ve­nera o seu nome. (422-432).

Conforme o Martirológio Romano-Monástico (29 de agosto), em Roma, Santa Sabina, em cuja honra uma igreja foi consagrada no Monte Aventino, desde o Séc, V. (M).

– Ver “… Sabina de Roma foi uma matriarca e mártir cristã de Roma. Ela era viúva do senador Valenciano[1] e filha de Herodes Metalário. Depois que sua escrava Seráfia, que foi quem a converteu, foi denunciada e assassinada, Sabina recuperou seus restos e os fez enterrar no mausoléu da família, o local onde ela própria esperava ser enterrada. Denunciada também, Sabina foi acusada de ser cristão por um tal Elpídio. Seu martírio ocorreu no ano de 125, na cidade de Vindena, na região da ÚmbriaItália[2]”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Sabina_de_Roma

22. São Vicente de Santo Antônio: “Frei Vicente de Santo António 

(Albufeira1590 – Nagasaki1632), de seu nome de nascimento Vicente Simões de Carvalho, mas também conhecido como São Vicente de Albufeira ou Beato Vicente, foi um religioso missionário português da Ordem de Santo Agostinho.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Vicente_de_Santo_Ant%C3%B3nio

23. VER SANTAS E SANTOS DE 03 DE SETEMBRO (ALGUNS DESTACADOS ACIMA):

<- OntemCalendárioAmanhã ->
Gregório Magno , Papa (Memorial) Nossa Senhora do Milagre (Asón-Agüera, Cantábria, Espanha) — Abundus de Córdoba Aigulphus de Lérins Ambrósio de Sens Amon de Heracleia Auxanus Balin Basilissa de Nicomédia Brígida de Jesus Chariton Chrodegang de Séez Denise Leclerc Frugêncio, o Mártir Guala de Bréscia Hereswitha Herman de Heidelberg Jeanne Littlejohn Macanísio Mansueto de Toul Marco de Córdoba Marino Martiniano de Como Natalis de Casale Febe de Roma Régulo de Reims RemacluSandila de Córdoba Vitaliano de Cápua ZenãoEremitas de Etting Arqueano Gardan Haindrit Mártires de Aquileia – 4 santos Mártires de Nagasaki – 6 beati Mártires de Seul – 6 santos Mártires de setembro – 191 beati Martirizado na Guerra Civil Espanhola Andrea Calle González Baldomer Baró Riera Conceição Pérez Giral Dolores Úrsula Caro Martín Hilário De Santiago Paredes João Pastor Marco Joaquim Balcells Bosch Juan Aguilar Donis Lorenzo Gutierrez Rojo Manuel Galcerá Videllet Martín Salinas Cañizares Pio Salvans Corominas — Alberto Besozzi Comendador de Córdoba
todos esses memoriais em uma única página

24. Outros santos do dia 03 de setembro, págs. 09-20, em: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2016.pdf

 Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XVI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

 “E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

– Sobre 03 de setembro, ver ainda: 3 de setembro – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (Na internet, foram consultadas no dia de hoje):

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia –Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 693-696: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp- content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf
  3. https://idoc.pub/queue/martirologio-romanopdf-2nv8gx23j9lk
  4. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%2 0-%201.pdf
  5. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  6. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  7. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.
  8. The Book of Saints – A Comprehensive Biographical Dictionary – Dom Basil Watkins, OSB on behalf of the Benedictine monks of St Augustine’s Abbey, Ramsgate Eighth Edition Entirely revised and reset – T&T Clark; 8ª edição (19 novembro 2015)
  9. https://www.eltestigofiel.org/index.php  
  10. MÁRTIRES DE GRUPO: http://newsaints.faithweb.com/martyrs.htm
  11. SANTOS CATÓLICOS: https://catholicsaints.info/3-september/      
  12. SANTOS DO DIA: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DaySeptember03.html#

  (Sobre os sites que mostram os santos do dia e outros em inglês: Tradução Google) 

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* SENHOR, NOSSO DEUS E PAI AMADO, OBRIGADO POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEM DADO E PERMITIDO VIVER!

QUERIDA MÃE VIRGEM MARIA, SOCORRA-NOS, PROTEJA-NOS!

SÃO JOSÉ, SANTAS/OS E ANJOS, INTERCEDAM POR NÓS! OBRIGADO TODOS! BENDITO SEJA DEUS PAI, FILHO E ESPÍRITO SANTO!   AMÉM!

================

* PAI AMADO, DÊ-NOS ESPÍRITO DE ORAÇÃO, VIGILÂNCIA, RENÚNCIA, PENITÊNCIA! DÊ-NOS ARDOR MISSIONÁRIO PARA E PELO SENHOR! TIRE-NOS O TORPOR E A TIBIEZA! DÊ-NOS, AMADO PAI, CORAGEM DE LUTAR COM ENTUSIASMO E FORÇA DE VONTADE, MESMO EM SITUAÇÕES SEDUTORAS, DIFÍCEIS E ESPINHOSAS, PARA ALCANÇAR AQUELA PERFEIÇÃO CRISTÃ DE BONS COSTUMES E SANTIDADE POR MEIO  DA ORAÇÃO, ESFORÇO E TRABALHO. DÊ-NOS A DOCILIDADE DAS OVELHAS! SOBRETUDO, DÊ-NOS A GRAÇA! PEDIMOS EM NOME DE JESUS, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

* MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA, ESCREVA-NOS:

barpuri@uol.com.br

================

  • SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

================

* “O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

================

Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu só lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

================

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

================

  • “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”, mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível”.

================

* 07 de janeiro ou 09 de abril – Beata Lindalva Justo de Oliveira: Toda santidade passa pelo crisol (lugar ou circunstância apropriada a evidenciar as melhores qualidades de algo ou alguém) do sofrimento

(referente à Beata Lindalva de Oliveira, conforme http://www.santosdobrasil.org.br/?system=news&eid=294)

================

* 17 de janeiro: Santo Antão ou Antônio

Oração: “Santo Antônio, você falou da importância de perseverar em nossa fé e nossa prática. Ajude-nos a acordar a cada dia com um novo zelo pela vida cristã e um desejo de enfrentar o próximo desafio em vez de apenas ficar parado. Amém!”

================

* 19 de janeiro, São Macário. “… A oração não requer muitas palavras. sobre você, você só precisa dizer: “SENHOR, TEM MISERICÓRDIA!” O Senhor sabe o que é útil para nós e nos concede misericórdia.”… “Se você deseja ser salvo, seja como um morto. Não fique com raiva quando insultado (e provocado), nem orgulhoso quando elogiado.” E ainda: “Se a calúnia (e a provocação) é como o louvor para você, a pobreza como a riqueza, a insuficiência como a abundância, então você não perecerá.“…

================

  • 04 de fevereiro, SANTO ANDRÉ CORSINI: “Ele trabalhou arduamente para subugar suas paixões por meio de humilhações extremas, obediência até mesmo à última pessoa na casa, pelo silêncio e oração (HUMILHAR-SE, OBEDECER, SILENCIAR, REZAR)”.

================

* 10 de fevereiro, SÃO JOSÉ SÁNCHEZ DEL RIO “Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio).

Ver: https://catholicsaints.info/saint-jose-sanchez-del-rio/

================

* 14 de fevereiro, SÃO JOÃO BATISTA DA CONCEIÇÃO GARCIA Ó meu

Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.” (últimas palavras de

São João Batista da Conceição Garcia).

Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

================

* 14 de março, Albert Einstein: Deus Todo-Poderoso não joga dadosDiante de Deus somos todos igualmente sábios – igualmente tolos!

================

  • 15 DE MARÇO: SÃO CLEMENTE-MARIA HOFFBAUER:

Ó Meu Redentor, chegará aquele terrível momento em que restarão poucos cristãos inspirados pelo espírito de fé, aquele momento em que Sua indignação será provocada e Sua proteção será tirada de nós? Nossos vícios e nossas vidas más moveram irrevogavelmente Sua justiça a se vingar, talvez neste mesmo dia, de Seus filhos para não deixar que a luz da fé se apague nas almas? “Lembre das antigas misericórdias, volta os olhos compassivos para a vinha plantada com a sua destra, regada pelas lágrimas dos Apóstolos, pelo sangue precioso de inúmeros mártires, e fecundada pelas orações de tantos confessores e virgens inocentes.

“Ó divino Mediador, olhe para aquelas almas zelosas que elevam seus corações ao Senhor e oram sem cessar pela manutenção desse seu dom mais precioso, a Verdadeira Fé. Mantenha-nos seguros na verdadeira fé católica e romana. Preserve-nos em sua santa fé, pois se formos ricos com este dom precioso, suportaremos com prazer todas as tristezas e nada poderá mudar nossa felicidade. Sem este grande tesouro da fé, nossa       infelicidade seria indizível e sem limites.

“Ó Bom Jesus, Autor da nossa fé, conservai-a pura em nós; guardai-nos na barca de Pedro, fiel e obediente ao seu sucessor, e Vosso vigário aqui na terra, para que se mantenha a unidade da santa Igreja, a santidade promovida, a Santa Sé protegida em liberdade e a Igreja universal estendida em benefício das almas.

“Ó Jesus, Autor da nossa fé, humilha e converte os inimigos da Sua Igreja; conceda verdadeira paz e concórdia a todos os reis e príncipes cristãos e a todos os crentes; fortalece-nos e preserva-nos no Seu santo serviço até ao fim, para que vivamos com o Senhor e morramos no Senhor. “Ó Jesus, Autor de nossa fé, deixe-nos viver pelo Senhor e morrer pelo Senhor. Amém.”

================

  • 15 de março, SANTA LUÍSA DE MARILLAC “… SEDE DILIGENTES NO SERVIÇO AOS POBRES . . . AMEM OS POBRES, HONREM-NOS, MEUS FILHOS, COMO VOCÊS HONRARIAM O PRÓPRIO CRISTO”

================

  • 21 de março, SÃO NICOLAU DE FLUE: “Salve, ó Mãe de toda pureza, virgem imaculada, Mãe de toda misericórdia e Mãe de nosso Salvador; venho rogar-lhe que interceda por um pobre pecador junto ao Seu Divino Filho, para que me conceda Sua santa Graça. O inimigo implacavelmente me persegue e me ataca. Você uma vez esmagou a cabeça da serpente ao dar à luz nosso Salvador – ajude-me a superar suas artimanhas e enganos. Você é meu refúgio. Por que você me afastaria? …

Não, ó Virgem graciosa! Você virá em meu socorro e o inimigo será derrotado. Amém! “São Nicolau relatou que nunca invocou Maria em vão e que sempre sentiu visivelmente os efeitos de sua proteção.”

================

  • 21 de março, SÃO SERAPIÃO DE THMUIS A mente é purificada pelo conhecimento espiritual (ou pela santa meditação e oração), as paixões espirituais da alma pela caridade e os apetites irregulares pela abstinência e penitência… (regra resumida da perfeição cristã – que São Serapião repetia muitas vezes) … “Nossos corpos podem se tornar instrumentos do bem ou do mal, dependendo da disposição do coração; tanto os homens justos quanto os ímpios são frequentemente mudados para o outro tipo.” http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch21.html#370_St._Serapion_th e_Scholastic_Bishop)

================

  • 05 de abril, SÃO VICENTE FERRER “Faça o que fizer, não pense em si mesmo, mas em Deus…

Você deseja estudar a seu favor? Deixe a devoção acompanhar todos os seus estudos, e estude menos para se tornar um sábio do que para se tornar um santo.

Consulte a Deus mais do que seus livros, e peça-Lhe, com humildade, que faça você entender o que lê.

O ESTUDO CANSA E ESGOTA A MENTE E O CORAÇÃO. VÁ DE VEZ EM QUANDO, PARA REFRESCÁ-LOS, AOS PÉS DE JESUS CRISTO SOB SUA CRUZ. REPOUSE ALI.

Alguns momentos de repouso em suas chagas sagradas dão novo vigor e novas luzes.

Aplique-se por orações curtas, mas fervorosas e jaculatórias. Nunca comece ou termine seu estudo, sem ser pela oração.

A ciência é um dom do Pai das luzes“.

================

* 06 de abril: São Zeferino Agostini

Fundou a Pia União das Irmãs Devotas de Santa Ângela Merici…

Dizia a elas: “Não se assustem com o trabalho ou o sofrimento, nem com o fruto escasso de seu trabalho. Lembrem-se de que Deus recompensa não pelos resultados, mas pelo esforço.” (L’Observattore Romano).

Ele sabia que sua primeira prioridade era desenvolver seu relacionamento com Deus por meio da oração pessoal, porque Deus era a fonte de sua alegria e poder para fazer o bem…

================

*12 de abril: São David Uribe

“Perdoo todos os meus inimigos e peço a Deus e a quem ofendi que me perdoe.” -da última vontade e testamento de Saint David

PAI AMADO, QUE ESTA SEJA A MINHA (NOSSA) VONTADE E MEU (NOSSO) TESTAMENTO! AMÉM!

===============

  • 20 DE ABRIL: PROJETO DE VIDA DE SÃO CONRADO DE PARZHAM

“MEU PROJETO DE VIDA É PRINCIPALMENTE ESTE: amar e sofrer, sempre meditando, adorando e admirando o amor indizível de Deus por suas criaturas mais humildes.”

RESOLUÇÕES DE SÃO CONRADO DE PARZHAM:

  • Resolvo em primeiro lugar permanecer continuamente na presença de Deus e perguntar-me frequentemente se faria isto ou aquilo se meu confessor ou superior estivesse me observando e principalmente se Deus e meu anjo da guarda estivessem presentes.
  • Resolvo me perguntar, sempre que tenho que encontrar cruzes de sofrimento: “Conrad, por que você veio aqui?”
  • Resolvo evitar sair do convento, na medida do possível, a menos que seja por amor ao próximo, obediência, motivos de saúde, peregrinação piedosa ou outra boa causa.
  • Resolvo fomentar a caridade fraterna em mim e nos outros. Portanto, resolvo tomar cuidado para nunca dizer uma palavra

indelicada. Resolvo suportar pacientemente os defeitos e as fraquezas dos outros e, na medida do possível, escondê-los com o manto da caridade, a menos que seja obrigado a manifestá-los a alguém que possa corrigi-los.

  • Resolvo observar o silêncio conscientemente. Resolvo falar brevemente e assim evitar muitas armadilhas e ser mais capaz de conversar com Deus.
  • Quando à mesa, resolvo colocar-me na presença de Deus o máximo que puder, permanecer recolhido e deixar de lado meus pratos favoritos para praticar uma forma oculta de mortificação. Resolvo não comer entre as refeições, a menos que seja ordenado a fazê-lo sob obediência.
  • Resolvo atender ao primeiro toque da campainha, a menos que seja legitimamente impedido.
  • Resolvo evitar, na medida do possível, conversar com o sexo oposto, a menos que a obediência me imponha deveres que tornem necessário falar com mulheres. Nesse caso, resolvo ser muito reservado e manter a guarda dos olhos.
  • Resolvo cumprir as ordens pontualmente e ao pé da letra. Resolvo especialmente fazer todos os esforços para conquistar minha própria vontade em todas as coisas.
  • Resolvo me forçar a prestar muita atenção aos pequenos detalhes e, na medida do possível, evitar todas as imperfeições. Resolvo observar fielmente a santa regra e não me afastar dela um fio de cabelo, aconteça o que acontecer.
  • Resolvo cultivar uma profunda devoção à Bem-Aventurada Virgem Maria e me esforçar para imitar suas virtudes.

UMA COMUNHÃO ESPIRITUAL, À NOITE, DE SÃO CONRADO DE PARZHAM

“Vim para passar alguns momentos contigo, ó Jesus, e em espírito me prostro no pó diante do Teu Santo Tabernáculo para adorar-Te, meu Senhor e Deus, na mais profunda humildade. Mais uma vez, um dia chegou ao fim, querido Jesus, outro dia que me aproxima da sepultura e do meu amado lar celestial. Mais uma vez, ó Jesus, meu coração anseia por Ti, o verdadeiro Pão da Vida, que contém toda doçura e prazer. Ó meu Jesus, perdoa-me misericordiosamente pelas faltas e ingratidão deste dia, e vem a mim para refrescar o meu pobre coração que anseia por Ti. Como o coração anseia pelas águas, como a terra seca anseia pelo orvalho do céu, assim meu pobre coração anseia por Ti, Tu Fonte da Vida. Eu Te amo, ó Jesus, espero em Ti, Te amo, e por Ti lamento sinceramente todos os meus pecados. Que Tua paz e Tua bênção sejam minhas agora e sempre e por toda a eternidade. Um homem.”

================

  • 28 DE ABRIL, SÃO LUÍS MARIA GRIGNION DE MONTFORT. Algumas máximas… “…Você é verdadeiramente abençoado se o mundo o persegue injustamente, opondo-se a seus desígnios, por melhores que sejam, julgando mal suas intenções, caluniando sua conduta, roubando injustamente sua reputação ou sua riqueza.

Cuida, então, minha filha (meu filho), de não reclamar a ninguém, a não ser a mim, dos maus-tratos que você está sendo tratado, e de buscar meios de se justificar quando, em particular, é só você que sofre com isso…

Pelo contrário, reza por aqueles que te trazem a felicidade da perseguição…

Agradeça-me por tratarem-no como fui tratado na terra, sendo um sinal de contradição…

Não desanime em suas boas intenções, por causa da contradição; é uma marca de vitória futura; uma boa obra que não está marcada com o sinal da cruz, não tem grande valor diante de mim e em breve será destruída”. Conforme: https://catholicsaints.info/saint-louis-marie-grignion-de-montfort/

================

  • 29 DE ABRIL: SANTA CATARINA DE SENA:

«Por misericórdia Vós lavastes-nos no Sangue e por misericórdia desejastes dialogar com as criaturas. Ó Louco de amor! Não vos foi suficiente encarnar, mas também quisestes morrer! …»

================

* 21 de maio, PADRE MANOEL E COROINHA ADÍLIO “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio)

================

* 31 de maio: NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

Lembrai-vos, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração, do poder inefável que vosso divino filho vos concedeu sobre seu Coração adorável.

Com a maior confiança em vossos merecimentos, vimos
implorar a vossa proteção.
Vós sois celeste Tesoureira do Coração de Jesus, daquele coração que é o
manancial inexaurível de todas as graças e que podeis abrir a vosso
bel prazer para fazer descer sobre os homens todos os tesouros de amor e
misericórdia, de luz e salvação que Ele encerra;

concedei-nos, vo-lo pedimos, os favores que suplicamos (fazer o pedido).
Sois nossa Mãe, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração.

Acolhei benignamente as nossas preces e dignai-vos a deferi-las.

Amém!
Nossa Senhora do Sagrado Coração, rogai por nós!

(conf.https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_do_Sagrado_Cora%C3%A7%C3%A3o)

================

  • 31 de maio, São NICOLAS BARRÉ, citações:
  • ACONTEÇA O QUE ACONTECER, ESTEJA SEMPRE EM PAZ E CONFIE EM DEUS, ISSO SERÁ FEITO A VOCÊ DE ACORDO COM SUA FÉ, SUA ESPERANÇA E SUA CARIDADE E MUITO MAIS. » Carta 61 (OC p 538) – Máxima de conduta para as amantes número 21 obras completas p.128
  • “DEVEMOS NOS CONCENTRAR MAIS EM ESTABELECER O BEM AO INVÉS DE DESTRUIR O MAL. ESTABELECIDO O BEM, O MAL NÃO PODERÁ MAIS SUBSISTIR. » Máxima para a Direção das Almas 17 Obras Completas p.357
  • “QUANTO MAIS ESTAMOS UNIDOS A DEUS, MAIS RECEBEMOS FORÇA DE ESPÍRITO E INFLUÊNCIA, POIS ELE É SUA FONTE E

OCEANO”. – Carta 27 (OC p 457)

================

* 08 DE JUNHO (09 de junho): SANTO EFRÉM

“As virtudes são formadas pela oração. A oração preserva a temperança. A oração suprime a raiva. A oração previne emoções de orgulho e inveja. A oração atrai para a alma o Espírito Santo e eleva o homem ao céu– Santo Efrém

Lembrem-se de mim, vocês, herdeiros de Deus, irmãos de Cristo; suplicai fervorosamente ao Salvador por mim, para que eu seja liberto por meio de Cristo daquele que luta contra mim dia a dia– Santo Efrém, O Medo no Fim da Vida

Vós, mártires vitoriosos , que suportastes com alegria os tormentos por amor de Deus e Salvador, vós que tendes ousadia de falar para com o próprio Senhor, vós santos, intercedei por nós, homens tímidos e pecadores, cheios de preguiça, para que a graça de Cristo venha sobre nós e ilumine os corações de todos nós para que possamos amá-lo– Santo Efrém, de Comentário sobre Marcos

Senhor, derrama sobre nossas almas obscurecidas a luz brilhante de tua sabedoria para que possamos ser iluminados e servi-lo com pureza renovada. O nascer do sol marca a hora para os homens começarem sua labuta, mas em nossas almas, Senhor, prepare uma morada para o dia que nunca terminará. Através do nosso zelo incessante por você, Senhor, coloca sobre nós o sinal do Seu dia que não é medido pelo sol. Em Seu sacramento, todos os dias O abraçamos e O recebemos em nossos corpos; torna-nos dignos de experimentar a ressurreição pela qual esperamos. Ensina-nos a encontrar a nossa alegria a Seu favor! Salvador, sua crucificação marcou o fim de sua vida mortal; ensina-nos a crucificar-nos e a abrir caminho para a nossa vida no Espírito– de um sermão de Santo Efrém”

================

* 13 DE JUNHO: SANTO ANTÔNIO DE PÁDUA

“…. António de Pádua, ou de Lisboa como é conhecido, definiu a oração «como uma relação de amor, que leva o homem ao diálogo o Senhor”, e descreveu quatro “atitudes” que devem caracterizá-la: “(1) abrir com confiança o nosso coração a Deus, (2) conversar afetuosamente com Ele, (3) apresentar-lhe as nossas necessidades, (4) dar-lhe louvor e gratidão…” Conforme:

http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune13.html#1231_St._Anthony_or_Antonio_Of_Padua_a

================

* 21 DE JUNHO: SÃO LUÍS GONZAGA

“Não há sinal mais evidente de que alguém é santo e do número dos eleitos, do que vê-lo levando uma vida boa e ao mesmo tempo vítima de desolação, sofrimento e provações”– São Luís Gonzaga

“Aquele que deseja amar a Deus não o ama verdadeiramente se não tiver um desejo ardente e constante de sofrer por Ele”– São Luís Gonzaga

“Ó Santa Maria! Minha mãe; em tua bendita confiança e custódia especial, e no seio de tua misericórdia, eu neste dia, e todos os dias, e na hora de minha morte, entrego minha alma e meu corpo. A ti entrego todas as minhas ansiedades e dores, minha vida e o fim de minha vida, para que por tua santíssima intercessão e por teus méritos, todas as minhas ações sejam dirigidas e governadas por tua vontade e a de teu Filho– São Luís Gonzaga

“Que o conforto e a graça do Espírito Santo sejam seus para sempre, honrada senhora. Sua carta me encontrou ainda nesta região dos mortos, mas agora devo me levantar para finalmente fazer meu caminho para o céu e louvar a Deus para sempre na terra dos vivos; na verdade, eu esperava que antes dessa época minha viagem tivesse terminado. Se a caridade, como diz São Paulo, significa “chorar com os que choram e alegrar-se com os que se alegram”, então, querida mãe, você se alegrará muito que Deus em sua graça e seu amor por você está me mostrando o caminho para a verdadeira felicidade e me assegurando que nunca o perderei. Cuide-se acima de tudo, honrada senhora, para não insultar a infinita bondade de Deus; você certamente faria isso se lamentasse como morto um vivo face a face com Deus , alguém cujas orações podem lhe trazer em seus problemas uma ajuda mais poderosa do que jamais poderiam na terra. E nossa separação não será por muito tempo; nos veremos novamente no céu; estaremos unidos com nosso Salvador; lá o louvaremos de coração e alma, cantaremos suas misericórdias para sempre e desfrutaremos da felicidade eterna”– de uma carta à mãe de São Luís Gonzaga

Ó Deus, doador de dons celestiais, que em São Luís Gonzaga uniu a penitência a uma maravilhosa inocência da vida, concede por seus méritos e intercessão que, embora não o tenhamos seguido na inocência, possamos imitá-lo na penitência. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que vive e reina convosco na unidade do Espírito Santo, um só Deus, pelos séculos dos séculos– coleta para a memória litúrgica de São Luís Gonzaga

Citação MLA

================

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO: “Meios de se preparar para uma boa morte: na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado…” Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém! http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

================

27 de junho: NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO

Em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. Amém!

Ó Mãe do Perpétuo Socorro, nós vos suplicamos, com toda a força do nosso coração, amparar a cada um de nós em Vosso colo materno, nos momentos de insegurança e sofrimento.

Que o Vosso olhar esteja sempre atento, para não nos deixar cair em tentação e, que em vosso silêncio, aprendamos a aquietar nosso coração e fazer a vontade do Pai.

Intercedei junto a Ele pela paz no mundo e por nossas famílias.

Abençoai todos os Vossos filhos e filhas enfermos.

Iluminai nossos governantes e representantes para que sejam sempre servidores do grande povo de Deus.

Concedei-nos, ainda, muitas e santas vocações religiosas, sacerdotais e missionárias para a maior difusão do Reino de Vosso Filho Jesus Cristo. Enfim, derramai no coração dos Vossos filhos e filhas a Vossa bênção de amor e misericórdia. Sede sempre o nosso Perpétuo Socorro na vida e, principalmente, na hora da morte.

Amém.

Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, rogai por nós!

================

* 15 de julho: SÃO BOAVENTURA

A oração é, portanto, a fonte e a origem de todo caminho ascendente em direção a Deus. Que cada um de nós, então, volte-se para a oração e diga ao nosso Senhor Deus: ‘Guia-me, Senhor, no teu caminho, para que eu possa andar na tua verdade.’ “

Cristo é tanto o caminho quanto a porta. Cristo é a escada e o veículo, como o “trono da misericórdia sobre a Arca da Aliança” e “o mistério oculto dos séculos”. 

Um homem deve voltar toda a sua atenção para este trono de misericórdia, e deve olhar para ele pendurado na cruz, cheio de fé, esperança e caridade, devoto, cheio de admiração e alegria, marcado pela gratidão e aberto ao louvor e júbilo. 

Então, tal homem fará com Cristo uma “pasch”, {uma páscoa} isto é, uma passagem. Pelos ramos da cruz ele passará o Mar Vermelho, deixando o Egito e entrando no deserto. Lá ele provará o maná escondido e descansará com Cristo no sepulcro, como se estivesse morto para as coisas de fora. Ele experimentará, tanto quanto for possível para quem ainda vive, o que foi prometido ao ladrão pendurado ao lado de Cristo: “Hoje você estará comigo no paraíso”.

================

* 19 DE JULHO: SANTO AMBROSIO AUTPERTO:

…ressaltando a prioridade que em cada busca teológica da verdade compete ao amor, ele dirige-se a Deus com estas palavras:Quando por nós és perscrutado intelectualmente, não és descoberto como és realmente; quando és amado, és alcançado“.

================

* 30 DE JULHO: SÃO PEDRO CRISÓLOGO

Ouça o apelo de Deus: Em mim, quero que você veja seu próprio corpo, seus membros, seu coração, seus ossos, seu sangue. Você pode temer o que é divino, mas por que não amar o que é humano? Você pode fugir de mim como o Senhor, mas por que não correr para mim como seu pai? Talvez você esteja cheio de vergonha por causar minha amarga paixão. Não tenha medo. Esta cruz inflige um dano mortal, não em mim, mas na morte. Esses pregos não me doem mais, mas apenas aprofundam meu amor por você. Eu não clamo por causa dessas feridas, mas através delas eu o atraio para o meu coração. Meu corpo foi esticado na cruz como um símbolo, não do quanto eu sofri, mas do meu amor abrangente. Não considero menos que derramar meu sangue: é o preço que paguei pelo seu resgate. Venha, então, volte para mim e aprenda a me conhecer como seu pai, que retribui o mal com o bem, a injúria com o amor e a caridade sem limites nas feridas penetrantes”.

… Ouça agora o que o Apóstolo nos exorta a fazer. Apelo a vocês, diz ele, para que apresentem seus corpos como sacrifício vivo. Por esta exortação dele, Paulo elevou todos os homens ao status sacerdotal. Quão maravilhoso é o sacerdócio do cristão, pois ele é tanto a vítima que é oferecida em seu próprio nome, quanto o sacerdote que faz a oferta. Ele não precisa ir além de si mesmo para buscar o que deve imolar a Deus: consigo mesmo e em si mesmo traz o sacrifício que deve oferecer a Deus por si mesmo. A vítima permanece e o padre permanece, sempre um e o mesmo. Imolada, a vítima ainda vive: o padre que imola não pode matar. Verdadeiramente é um sacrifício incrível em que um corpo é oferecido sem ser morto e sangue é oferecido sem ser derramado. 

O Apóstolo diz: Apelo-vos, pela misericórdia de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo. Irmãos, este sacrifício segue o padrão do sacrifício de Cristo pelo qual ele deu seu corpo como imolação viva pela vida do mundo. Ele realmente fez do seu corpo um sacrifício vivo, porque, embora morto, continua a viver. Em tal vítima, a morte recebe seu resgate, mas a vítima permanece viva. A própria morte sofre o castigo. É por isso que a morte para os mártires é realmente um nascimento, e seu fim um começo. Sua execução é a porta para a vida, e aqueles que se pensava terem sido apagados da terra brilham brilhantemente no céu. Paulo diz: Rogo-vos, pela misericórdia de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo e santo. O profeta disse a mesma coisa: Sacrifício e oferta não quiseste, mas preparaste um corpo para mim. Cada um de nós é chamado a ser um sacrifício a Deus e ao seu sacerdote. Não perca o que a autoridade divina lhe confere. Vista as vestes da santidade, cinge-se com o cinto da castidade. Deixe Cristo ser seu capacete, deixe a cruz em sua testa ser sua proteção infalível. Sua couraça deve ser o conhecimento de Deus que ele mesmo lhe deu. Continue queimando continuamente o cheiro doce do incenso da oração. Pegue a espada do Espírito. Deixe seu coração ser um altar. Então, com plena confiança em Deus, apresente seu corpo para o sacrifício. Deus não deseja a morte, mas a fé; Deus não tem sede de sangue, mas de auto entrega; Deus é apaziguado não pela matança, mas pela oferta de seu livre arbítrio. – de um sermão de São Pedro Crisólogo…”: https://catholicsaints.info/saint-peter-chrysologus/

================

* 31 DE JULHO: SANTO INÁCIO DE LOYOLA

“Se Deus faz com que você sofra muito, é sinal de que Ele tem grandes desígnios para você, e que certamente pretende fazer de você um santo. E se você deseja se tornar um grande santo, peça a Ele que lhe dê muitas oportunidades de sofrimento; pois não há lenha melhor para acender o fogo do amor santo do que a lenha da cruz, que Cristo usou para Seu próprio grande sacrifício de caridade sem limites…”

================

* 01 DE AGOSTO: SANTO AFONSO MARIA DE LIGÓRIO

“Eu o amo, Jesus meu amor, eu o amo mais do que a mim mesmo. Arrependo-me de todo o coração por tê-lo ofendido. Nunca permita que eu me separe de você novamente. Que eu o ame sempre, e então faça comigo o que quiser” … Santo Afonso Ligório

Santíssima e Imaculada Virgem! Ó minha Mãe! Tu que és a Mãe do meu Senhor, a Rainha do mundo, a advogada, a esperança e o refúgio dos pecadores! Eu, o mais miserável entre eles, agora venho a ti. Eu te adoro, grande Rainha, e te dou graças pelos muitos favores que me concedeste no passado; acima de tudo, agradeço-te por me ter salvado do inferno, que tantas vezes merecia. Amo-te, Senhora mais digna de todo amor, e, pelo amor que te carrego, prometo sempre no futuro servir-te e fazer o que me cabe para ganhar outros para o teu amor. Em ti ponho toda a minha confiança, toda a minha esperança de salvação. Recebe-me como teu servo e cobre-me com o manto da tua proteção, tu que és a Mãe de misericórdia! E visto que tens tanto poder com Deus, livra-me de todas as tentações, ou pelo menos obtenha para mim a graça de sempre superá-los. De ti peço um verdadeiro amor de Jesus Cristo e a graça de uma morte feliz. Ó minha Mãe! Por teu amor a Deus, suplico-te que sejas meu ajudante em todos os momentos, mas sobretudo no último momento de minha vida. Não me deixes até que me vejas seguro no céu, lá por séculos sem fim para te abençoar e cantar teus louvores. Tal é a minha esperança. Um homem. – Santo Afonso Ligório

Deus diz a cada um de nós: “Dá-me o teu coração, isto é, a tua vontade”. Nós, por nossa vez, não podemos oferecer nada mais precioso do que dizer: “Senhor, toma posse de nós; damos-te toda a nossa vontade; faça-nos entender o que você deseja de nós, e nós o realizaremos”. Se quisermos dar plena satisfação ao coração de Deus, devemos trazer nossa própria vontade em tudo em conformidade com a dele; e não apenas em conformidade, mas também em uniformidade, no que diz respeito a tudo o que Deus ordena. A confirmação significa a união de nossa própria vontade com a vontade de Deus; mas a uniformidade significa, além disso, fazer do divino e da nossa vontade uma só vontade, de modo que nada desejamos senão o que Deus deseja, e sua vontade se torna a nossa. Esta é a soma e a substância daquela perfeição à qual devemos sempre aspirar; este deve ser o objetivo de tudo o que fazemos e de todos os nossos desejos, meditações e orações. Para isso, devemos invocar a assistência de todos os nossos santos padroeiros e nossos anjos da guarda e, sobretudo, de nossa divina mãe Maria , que foi a santa mais perfeita, porque abraçou mais perfeitamente a vontade divina…” – Santo Afonso Ligório, de O amor redentor de Cristo

================

* 04 DE AGOSTO: SÃO JOÃO MARIA VIANNEY

Meus filhinhos, reflitam nestas palavras: o tesouro do cristão não está na terra, mas no céu. Nossos pensamentos, então, devem ser direcionados para onde está nosso tesouro. Este é o glorioso dever do homem: orar e amar. Se você orar e amar, é aí que reside a felicidade de um homem. A oração nada mais é do que a união com Deus. Nesta união íntima, Deus e a alma estão fundidos como dois pedaços de cera que ninguém pode separar. Essa união de Deus com uma pequena criatura é uma coisa adorável. É uma felicidade além da compreensão. 

Meus filhinhos, seus corações, são pequenos, mas a oração os estica e os torna capazes de amar a Deus. Através da oração recebemos um antegozo do céu e algo do paraíso desce sobre nós. A oração nunca nos deixa sem doçura. É o mel que flui nas almas e torna todas as coisas doces. 

Quando oramos corretamente, as tristezas desaparecem como a neve diante do sol. Alguns homens mergulham tão profundamente na oração como peixes na água, porque se entregam totalmente a Deus. Oh, como amo essas nobres almas! Como somos diferentes deles! Quantas vezes chegamos à igreja sem ideia do que fazer ou do que pedir. E, no entanto, sempre que vamos a qualquer ser humano, sabemos muito bem por que vamos. E ainda pior, há alguns que parecem falar com o bom Deus assim: “Eu só direi algumas coisas para você, e então me livrarei de você”. Muitas vezes penso que, quando viermos adorar ao Senhor, receberemos tudo o que pedirmos, se pedirmos com fé viva e com o coração puro.

– das instruções catequéticas de São João Maria Vianney

================

08 DE AGOSTO: SÃO DOMINGOS DE GUSMÃO

“Um homem que governa suas paixões é senhor de seu mundo. Ou as comandamos sou somos escravizados por elas. É melhor ser um martelo do que uma bigorna” (São Domingos de Gusmão)

================

* 11 DE AGOSTO: SANTA CLARA DE ASSIS

“Vá em paz, pois você seguiu o bom caminho. Vá sem medo, pois aquele que te criou te fez santo, sempre te protegeu e te ama como uma mãe… Bendito sejas tu, meu Deus, por me ter criado”. – Santa Clara de Assis

================

            * 12 DE AGOSTO: SANTA JOANA DE CHANTAL

“… Os mártires de amor sofrem dores mil vezes mais agudas conservando a vida para cumprir a vontade de Deus, do que se tivessem de dar mil vidas para testemunhar a sua fé, o seu amor e a sua fidelidade

 MANTENHA SEUS OLHOS EM DEUS E DEIXE-O FAZER PARA ELE… ISSO É TUDO COM O QUE VOCÊ TEM QUE SE PREOCUPAR”. – Santa Joana de Chantal

================

* 14 DE AGOSTO: SÃO MAXIMILIANO KOLBE

“… AVE-MARIA!”:  esta foi a última invocação que brotou dos lábios de São Maximiliano Kolbe, estendendo o braço àquele que o matava com uma injeção de ácido fénico. É comovedor constatar que o recurso humilde e confiante a Nossa Senhora é sempre manancial de coragem e de serenidade. Enquanto nos preparamos para celebrar a solenidade da Assunção, que é uma das festas marianas mais queridas à tradição cristã, renovamos a nossa confiança naquela que, do Céu, vigia com amor maternal sobre nós em todos os momentos. Com efeito, é assim que rezamos na familiar prece da Ave-Maria, pedindo-lhe que interceda por nós “agora e na hora da nossa morte”…(Papa Bento XVI, na Audiência Geral de 13 de agosto de 2008): https://www.vatican.va/content/benedict-xvi/pt/audiences/2008/documents/hf_ben-xvi_aud_20080813.html

================

18 DE AGOSTO: BEM-AVENTURADO AIMON TAPARELI

A salvação consiste em servir a Deus; tudo o mais é ilusão.” 

================

* SÃO JOÃO EUDES: 19 DE AGOSTO

O nosso desejo, o nosso objetivo e a nossa principal preocupação deve ser formar Jesus em nós e fazer com que seu espírito, sua devoção, seus afetos, seus desejos e suas disposições reinem em nossos corações. Toda a nossa vida religiosa deve tender para isso. Tal é a tarefa que Deus nos confiou para que nela trabalhemos constantemente

================

* 20 DE AGOSTO: SÃO BERNARDO DE CLARAVAL

Nos perigos, nas dúvidas, nas dificuldades, PENSE EM MARIA , INVOQUE MARIA . Não deixe o nome dela sair de seus lábios, nunca permita que ele saia de seu coração. E para que você possa obter a ajuda de sua oração, não deixe de seguir seus passos. Com ela como guia, você nunca se desviará; ao invocá-la, você nunca desanimará; enquanto ela estiver em sua mente, você estará a salvo do engano; enquanto ela segura sua mão, você não pode cair; sob a proteção dela você não tem nada a temer; se ela andar na sua frente, você não se cansará; se ela lhe mostrar favor, você alcançará a meta– São Bernardo de Claraval

================

* 21 DE AGOSTO: SÃO PIO X

Nasci pobre, vivi pobre e desejo morrer pobre

================

* 23 DE AGOSTO: SANTA ROSA DE LIMA

Que todos os homens saibam que a graça vem depois da tribulação. Que eles saibam que sem o fardo das aflições é impossível alcançar o cume da graça. Deixe-os saber que os dons da graça aumentam à medida que as lutas aumentam. Que os homens tomem cuidado para não se desviarem e serem enganados. Esta é a única escada verdadeira para o paraíso, e sem a cruz eles não podem encontrar nenhum caminho para subir ao céu…” (Dos escritos de Santa Rosa de Lima)

================

* 27 DE AGOSTO: SÃO PEMEN / PASTOR / POEMAS

               À questão de saber se é melhor falar ou calar, o Ancião disse:
Quem fala por Deus, faz bem, e quem cala por Deus, também faz bem.”
Ele também disse: “Se o homem parece estar em silêncio, mas seu coração condena os outros, então ele está sempre falando. Pode haver um homem que fala o dia todo, mas na verdade ele fica em silêncio, porque não diz nada que não seja lucrativo.”

O santo disse: “É útil observar três coisas: temer a Deus, orar com frequência e fazer o bem ao próximo”.
…”A maldade nunca erradica a maldade. Se alguém faz o mal a você, faça o bem a ele e a sua bondade vencerá a maldade.”

O começo do mal é a falta de vigilância. – São Poema

O silêncio não é uma virtude quando a caridade exige discurso. – São Poema

Uma fé viva consiste em pensar pouco de si mesmo e mostrar consideração pelos outros. – São Poema

Ensine seu coração a guardar o que sua língua ensina. – São Poema

Quando seu irmão o ataca, sejam quais forem os insultos, se você ficar com raiva dele, você está ficando com raiva sem motivo. Mesmo se ele arrancasse seu olho direito e cortasse sua mão direita, se você ficar com raiva dele, você está ficando com raiva sem motivo. No entanto, se ele tentar afastá-lo de Deus, fique com raiva! – São Poema

Não abra sua consciência para quem você não confia em seu coração. – São Poema

Instruir o próximo é o mesmo que repreendê-lo. – São Poema

Se você der pouca importância a si mesmo, terá paz onde quer que viva. – São Poema

Lançar-se diante de Deus, não medir seu progresso, deixar para trás toda vontade própria; estes são os instrumentos para o trabalho da alma. – São Poema

Deixe de lado uma pequena parte da sua justiça e em poucos dias você estará em paz. – São Poema

Lançar-se diante de Deus, não medir seu progresso, deixar para trás toda vontade própria – esses são os instrumentos para o trabalho da alma. – São Poema

Você deve fugir das coisas sensuais. Na verdade, toda vez que um homem chega perto de uma luta com a sensualidade, ele é como um homem à beira de um lago profundo, e o Inimigo o joga quando quer. Mas se o homem vive longe das coisas sensuais, ele é como aquele que está à distância do lago, de modo que mesmo que o Inimigo o seduza para jogá-lo no fundo, Deus lhe envia ajuda no exato momento em que o inimigo o está afastando e fazendo-lhe violência. – São Poema

Não dê seu coração ao que não satisfaz seu coração. – São Poema

Se você estiver em silêncio, terá paz onde quer que viva. – São Poema

A natureza da água é macia, e a natureza da pedra é dura; mas se uma garrafa é pendurada acima da pedra, deixando a água cair gota a gota, ela desgasta a pedra. Assim é com a Palavra de Deus: é mole e nosso coração é duro, mas o homem que ouve a Palavra de Deus muitas vezes abre seu coração ao temor de Deus. – São Poema

Citação MLA

================

* 28 DE AGOSTO: SANTO AGOSTINHO

“… O que você possui se você não possui Deus? – Santo Agostinho

Infeliz é a alma escravizada pelo amor de tudo o que é mortal. – Santo Agostinho

O amor às posses mundanas é uma espécie de linha de pássaro, que enreda a alma e a impede de voar para Deus. – Santo Agostinho

Neste exato momento posso, se desejar, tornar-me amigo de Deus– Santo Agostinho

Deus concede mais consideração à pureza da intenção com a qual nossas ações são realizadas do que às próprias ações. – Santo Agostinho

Vou sugerir um meio pelo qual você pode louvar a Deus o dia todo, se desejar. Faça o que fizer, faça bem-feito, e você louvou a Deus. – Santo Agostinho

Este é o negócio da nossa vida. Pelo trabalho e oração, avançar na graça de Deus, até chegarmos àquela altura de perfeição na qual, com corações puros, podemos contemplar a Deus. – Santo Agostinho

Deus em sua onipotência não podia dar mais, em sua sabedoria não sabia dar mais, em suas riquezas não tinha mais para dar, do que a Eucaristia. – Santo Agostinho

Deus não ordena impossibilidades, mas ao ordenar adverte-te a fazer o que podes e a orar pelo que não podes, e ajuda-te para que possas– Santo Agostinho

Nossa vida e nossa morte estão com nosso próximo. – Santo Agostinho

Conquiste a si mesmo e o mundo está aos seus pés. – Santo Agostinho…”

================

* 31 DE AGOSTO: SÃO RAIMUNDO NONATO

“…Trabalhar já é bom,
  Melhor ainda é orar;
O melhor – amar teu Deus,
  E nem uma palavra a dizer
.
    – do alemão de Angelus Silesius

Prática favorita – Pregar o amor de Cristo pelo nosso silêncio, bem como pelo nosso discurso….” (de VIDAS CURTAS DOS SANTOS “São Raimundo, Confessor, de Eleanor Cecilia Donnelly:

{ Angelus Silesius: https://pt.wikipedia.org/wiki/Angelus_Silesius }

================

  • 15 de setembro, SANTA CATARINA DE GÊNOVA:

“… a oração por um ente querido é, para o crente, uma forma de apagar qualquer distância, até mesmo a morte. Em oração, permanecemos na presença de Deus na companhia de alguém que amamos, mesmo que essa pessoa tenha morrido antes de nós

Não devemos transformar o purgatório em um campo de concentração em chamas à beira do inferno – ou mesmo em um ‘inferno por um curto período’. É uma blasfêmia pensar nisso como um lugar onde um Deus mesquinho cobra a última libra – ou grama – de carneSanta Catarina de Gênova (Festa dia 15 de setembro, mística do século 15), escreveu ‘fogo’ do purgatório é o amor de Deus ‘queimando’ a alma para que, por fim, a alma esteja totalmente em chamas. É a dor de querer ser feito totalmente digno de Alguém que é visto como infinitamente amável, A DOR DO DESEJO DE UNIÃO que agora está absolutamente assegurada, mas ainda não completamente experimentada

(Leonard Foley, OFM, Crendo em Jesus) …”:

================

* 21 de outubro, SANTO AGATÃO “… Não há nada mais difícil do que a oração, pois não há esforços que os demônios não façam para interromper este poderoso meio de os desanimar

================

*        27 de outubro SANTO ABRAÃO, ERMITÃO “… A PAIXÃO VIVE; APENAS ESTÁ REPRIMIDA… ESTÁ APENAS PRESA… AS PAIXÕES VIVEM, APENAS SÃO REPRIMIDAS PELOS SANTOS (COM A GRAÇA DE DEUS!) …”. SANTAS E SANTOS, INTERCEDAM POR NÓS PARA QUE POSSAMOS REPRIMIR AS PAIXÕES! PAI AMADO, DÊ-NOS A GRAÇA DE REPRIMIR AS PAIXÕES! SANTO

ABRAÃO, ROGUE POR NÓS! AMÉM!”, conforme páginas 52-53: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2019.pdf

================

* ORAÇÃO DO ANO DE SÃO JOSÉ “PATRIS CORDE”

Salve, guardião do Redentor e esposo da Virgem Virgem Maria!

A vós, Deus confiou o seu Filho;

em vós Maria depositou a sua confiança;

  convosco, Cristo tornou-Se homem.

Ó Bem-aventurado José, mostrai-vos pai

também para nós e guiai-nos no caminho da vida.

Alcançai-nos graça, misericórdia e coragem e coragem,

e defendei-nos de todo o mal. Amém!

(Conforme < https://radio.cancaonova.com/sao-jose-do-rio-preto/oracao-ano- de-sao-jose/ >)

================

” Santo não é aquele que não cai, santo é aquele que mesmo caindo não desiste de levantar” (São João Paulo II)

================

* PAI, ABRACE-NOS!

JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO!

DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS ENCHA E NOS UNA NO AMOR!

MÃEZINHA MARIA, CUIDE DE NÓS!

SÃO JOSÉ, SANTAS, SANTOS E ANJOS,

ROGUEM POR NÓS!   

POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

  • Após Deus, o Pai amado, chamar minha amada esposa e companheira por 38 anos, 9 meses e oito dias, em 24.09.2017, descobri:
    • Posso comunicar com a minha Frô, pela ORAÇÃO;
    • Posso VER, ESCUTAR, SENTIR a FRÔ (transformada, sem dores, linda, maravilhosa) em meu ser;
    • Ela está vivendo nos braços de Deus (bondosos, vigorosos);
    • Um dia vamos estar juntos;
    • Quando Deus me chamar, quero levar coisas boas para o banquete celeste (contrição … obediência ao que Jesus mandou: amor a Deus e ao próximo. Jo 15,14.17)…

Dê-nos essa Graça, Pai amado! Dê-nos A GRAÇA! AMÉM! Obrigado, Senhor, por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

                                                         ================                                  

“Senhor, eu tenho fé. Ajude-me a ter mais fé ainda!” (Mc 9,24)

================

“Coração de meu Jesus, doce e terno alanceado, seja o meu no vosso amor, cada vez mais abrasado”

JESUS MANSO E HUMILDE DE CORAÇÃO, FAZ O MEU CORAÇÃO SEMELHANTE AO SEU! OBRIGADO JESUS! BENDITO SEJA O SENHOR! AMÉM!

“Doce coração de Maria, sede a nossa salvação”

ME LEVA A JESUS, MÃE! ME ADOTA E À FAMÍLIA, MÃE! OBRIGADO!

================

* Veja o blog: https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.