Santas e Santos de 17 de abril

1.   Em Me­li­tene, na an­tiga Ar­ménia, hoje na Tur­quia, os santos már­tires Pedro, diá­cono e Her­mó­genes (também na Folhinha do Coração de Jesus) seu auxiliar. († c. s. IV)

2.   Na an­tiga Pérsia, a paixão de São Si­meão bar Sabas, bispo de Se­lêucia e de Cte­si­fonte, que, preso e car­re­gado de ca­deias por ordem de Sapor II rei da Pérsia, por ter re­cu­sado adorar o sol e dar tes­te­munho livre e fir­me­mente da sua fé em Jesus Cristo, foi pri­mei­ra­mente en­car­ce­rado e me­tido num es­treito ca­la­boiço, onde per­ma­neceu du­rante algum tempo com mais de cem companheiros, entre os quais es­tavam bispos, pres­bí­teros e clé­rigos de ou­tras or­dens ecle­siás­ticas; de­pois, numa Sexta-Feira da Paixão do Se­nhor, todos os com­pa­nheiros de Si­meão foram de­go­lados na sua pre­sença, en­quanto ele exor­tava ar­den­te­mente cada um deles, sendo por fim também ele degolado. († 341)

3.   Co­me­moram-se também muitos mártires, que, de­pois da morte de São Si­meão, em toda a Pérsia foram de­go­lados pelo nome de Cristo no tempo do mesmo rei Sapor, entre os quais Santo Us­ta­zades, eu­nuco da corte real, que tinha sido pre­ceptor do rei Sapor e, no pri­meiro ím­peto da per­se­guição, so­freu o mar­tírio no pa­lácio de Ar­ta­xerxes, irmão do pró­prio Sapor, na pro­víncia de Adi­a­bena, no ac­tual Iraque. († 341)

4.   Em Tor­tona, na Li­gúria, hoje no Pi­e­monte, re­gião da Itália, Santo Ino­cêncio, bispo. († s. IV)

5.   Em Me­li­tene, na an­tiga Ar­ménia, hoje na Tur­quia, Santo Acácio, bispo, que no Con­cílio de Éfeso de­fendeu a recta fé contra Nes­tório e de­pois foi in­jus­ta­mente de­posto da sua sede episcopal. († c. 435)

6.   Em Vi­enne, na Bor­gonha, na ac­tual França, Santo Pan­tá­gato, bispo. († 540)

7*.   Na ilha de Eigg,   Hé­bridas, ao largo da Es­cócia, os santos Do­nano, abade, e cin­quenta e dois companheiros monges, que foram as­sas­si­nados pelos pi­ratas, quei­mados na fo­gueira ou pas­sados ao fio da es­pada quando ce­le­bravam a so­le­ni­dade da Páscoa. († 617)

8.   Em Cór­dova, na An­da­luzia, re­gião da His­pânia, os santos már­tires Elias, pres­bí­tero já de avan­çada idade, Paulo e Isi­doro, monges ainda jo­vens, que du­rante a per­se­guição dos Mouros foram mortos por pro­fes­sarem a fé cristã. († 856). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Córdova, no ano da graça de 856, os Santos Elias, sacerdote, e Isidoro, monge, que foram condenados à morte ao confessarem sua fé cristã diante do Islamismo (M)

9.   No mos­teiro de Chaise-Dieu, junto de Cler­mont-Fer­rand, na França, São Ro­berto (também na Folhinha do Coração de Jesus), abade, que no lugar de­serto onde ha­bi­tava so­li­tário reuniu vá­rios ir­mãos e con­quistou um grande nú­mero de pes­soas para o Se­nhor pela pa­lavra da sua pre­gação e pelo exemplo da sua vida. († 1067).

Ver também páginas 17-20: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%207.pdf

– Ver: Conforme o Martirológio Romano-Monástico de 15 de abril, no ano do Senhor de 1067, São Roberto, fundador e primeiro abade de Chaise-Dieu, na Auvergne, mosteiro que prosperou rapidamente sob a direção de seus nove primeiros abades, todos canonizados, e que se tornou a casa mãe de uma nova e vasta congregação. (M).

10. No mos­teiro de Mo­lesmes, na França, São Ro­berto (ver dias 26 de janeiro, 17 de abril e 29 de abril), abade, que, pro­cu­rando pra­ticar a vida mo­nás­tica de ob­ser­vância mais sim­ples e aus­tera, foi in­can­sável fun­dador e di­rector de ce­nó­bios, bem como di­rector de ere­mitas e in­signe res­tau­rador da dis­ci­plina mo­nás­tica, e fundou o mos­teiro de Cister, do qual foi o pri­meiro abade; fi­nal­mente re­gressou como abade ao mos­teiro de Mo­lesmes, onde des­cansou em paz. († 1111).

Ver páginas 351-355: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%207.pdf

– Ver: https://caminhocisterciense.com/2018/01/26/os-fundadores-de-cister-i-s-roberto-de-molesmes/

– Ver ainda: http://users.skynet.be/am012324/scriptorium/fundadores/roberto.htm

– Ver também: https://en.wikipedia.org/wiki/Robert_of_Molesme

* Em Cister, na Bor­gonha, na ac­tual França, Santo Al­be­rico, abade, foi um dos pri­meiros monges vindos de Mo­lesmes para o novo mos­teiro, que de­pois, eleito seu abade, o di­rigiu com sumo ardor e pru­dência, en­si­nando e dando exemplo de per­feita vida mo­nás­tica, com ver­da­deiro amor à Regra e aos irmãos. († 1109). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no início do séc. XII o nascimento no céu dos santos abades fundadores de Cister. A São Roberto de Molesme se deve essa orientação mais despojada do monaquismo beneditino, para a qual Santo Alberico elaborou as primeiras Instituições.

– Santo Estevão Harding, finalmente, garantiu o definitivo brilho da Ordem Cisterciense redigindo a Carta de Caridade e fundando as primeiras grandes casas dependentes de Cister. (B).

Santo Estêvão, abade de Citeaux. Ver páginas 09-13: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%207.pdf

– Ver “… são importantíssimas as figuras de são Roberto de Molesme (1029-1111) e de santo Estêvão Harding (1060-1134) ambos fundadores do mosteiro de Citeaux, de onde surgiu o nome “Cisterciense” (de cistercium, o nome latino de Citeaux.”: https://pt.aleteia.org/daily-prayer/quarta-feira-28-de-marco/

– Ver também “Santo Estevão Harding ( DorsetInglaterra, segunda metade do XI século 1060 [1] – 28 de março de 1134), é um santo católico, prior e depois abade da abadia de Cister de 1099 a 1133, editor em particular da Carta de Caridade de Cister . Foi um dos fundadores da Ordem de Cister junto com São Roberto de Molesme e Santo Alberico de Cister.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Estev%C3%A3o_Harding

– Ver também “Estêvão Harding, o futuro sucessor de Roberto e Alberico, nasceu na Inglaterra por volta de 1059. A sua infância e juventude decorreram durante a conquista deste país por Guilherme o Conquistador. As circunstâncias dessa mesma guerra orientaram a sua vida para o continente, onde o esperava uma tarefa importante…”: http://users.skynet.be/am012324/scriptorium/fundadores/estevao.htm

 VER TAMBÉM 26 DE JANEIRO

– Ver Santo Alberico na página 197: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%202.pdf  

– Ver Ordem de Cister: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Ordem_de_Cister

https://caminhocisterciense.com/2018/01/31/os-fundadores-de-cister-iii-s-estevao-harding/

11*.   Em Pe­rúgia, na Úm­bria, re­gião da Itália, o Beato Tiago de Cerqueto, pres­bí­tero da Ordem dos Ere­mitas de Santo Agos­tinho, que deu exemplo de se­rena acei­tação da enfermidade. († 1367)

12*.   Em Pisa, na Etrúria, hoje na Tos­cana, re­gião da Itália, a Beata Clara Gam­ba­córti, que, tendo fi­cado viúva ainda jovem, ani­mada por Santa Ca­ta­rina de Sena aqui fundou o pri­meiro mos­teiro do­mi­ni­cano de es­tricta ob­ser­vância e, per­do­ando aos as­sas­sinos de seu pai e seus ir­mãos, ori­entou as irmãs com grande pru­dência e caridade. († 1419)

13*.   Em Ma­drid, na Es­panha, a Beata Ma­riana de Jesus (Ma­riana Na­varro de Gue­vara), virgem, que, ven­cendo a opo­sição do pai, tomou o há­bito da Ordem de Nossa Se­nhora das Mercês e ofe­receu as suas ora­ções e pe­ni­tên­cias es­pe­ci­al­mente pelos mais ne­ces­si­tados e aflitos. († 1624)

14*.   Em Lon­dres, na In­gla­terra, o Beato Paulo de Santa Ma­da­lena (Hen­rique Heath), pres­bí­tero da Ordem dos Frades Me­nores e mártir, que, no rei­nado de Carlos I, foi con­de­nado à morte em Ty­burn por causa da sua con­dição de sacerdote. († 1643)

15.   Em Salt, no Quebec, pro­víncia do Ca­nadá, Santa Ca­ta­rina Tekakwitha, virgem, oriunda dos ín­dios na­tivos e bap­ti­zada num dia de Páscoa, que, apesar de muitas ame­aças e ve­xames, ofe­receu a Deus a vir­gin­dade que ainda antes da con­versão sempre pro­curou conservar. († 1680).

Ver “Kateri Tekakwitha (ˈgaderi degaˈgwita em mohawk), batizada como Catarina Tekakwitha[2][3] informalmente conhecida como “Lírio dos Mohawks”, foi uma índia algonquinomohawk nascida no atual estado de Nova Iorque e que se tornou a primeira índia norte-americana a ser venerada na Igreja Católica.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Kateri_Tekakwitha

– Ver Sanra Kateri Tekakwitha. Também conhecido como

  • Catherine Tekakwitha
  • Lírio dos Moicanos
  • Protetora do Canadá
  • Tegakouita
  • Tegakwitha

Memorial

Perfil

Filha de uma mulher cristã algonquina capturada por iroqueses e casada com um chefe mohawk não cristão. Ficou órfã durante uma epidemia de varíola, que a deixou com cicatrizes no rosto e visão prejudicada. Convertido e batizado em 1676 pelo padre Jacques de Lamberville, missionário jesuíta . Evitada e abusada por parentes por sua  . Escapou por 200 milhas de deserto para a aldeia cristã nativa americana de Sault-Sainte-Marie. Fez voto de castidade em 1679 . Conhecido pela espiritualidade e estilo de vida austero. Operador de milagres . Seu túmulo tornou-se um local de peregrinação e local de milagres para cristãos nativos americanos e colonos franceses . Primeira nativa americana proposta para canonização , sua causa foi iniciada em 1884 sob o Papa Leão XIII . A Conferência Tekakwitha , uma associação internacional de católicos nativos americanos e aqueles que estão no ministério com eles, foi nomeada em sua homenagem.

Nascer

Faleceu

Venerado

Beatificado

Canonizado

Patrocínio

Orações

Representação

Vitrine

informação adicional

Leituras

“Kateri Tekakwitha nasceu no atual estado de Nova York em dezesseis e cinquenta e seis, filha de pai mohawk e mãe algonquina cristã que lhe deu uma sensação do Deus vivo. Ela foi batizada aos vinte anos de idade e, para escapar da perseguição, refugiou-se na Missão São Francisco Xavier, perto de Montreal. Lá ela trabalhou, fiel às tradições de seu povo, embora renunciando às suas convicções religiosas até sua morte aos vinte e quatro anos. Levando uma vida simples, Kateri permaneceu fiel ao seu amor por Jesus, à oração e à missa diária. Seu maior desejo era conhecer e fazer o que agradasse a Deus. Ela viveu uma vida radiante de fé e pureza. Kateri nos impressiona pela ação da graça em sua vida apesar da ausência de ajuda externa e pela coragem de sua vocação, tão incomum em sua cultura. Nela, fé e cultura se enriquecem mutuamente! Que seu exemplo nos ajude a viver onde estamos, amando Jesus sem negar quem somos. Santa Kateri, Protetora do Canadá e a primeira santa nativa americana, confiamos a você a renovação da fé nas primeiras nações e em toda a América do Norte! Que Deus abençoe as primeiras nações!”– Homilia de canonização do Papa Bento XVI para Santa Catarina

Citação MLA

16.  Em Roma, perto de 166, o martírio de Santo Aniceto (também na Folhinha do Coração de Jesus de 17 de abril), Papa. Em tempos particularmente difíceis, recebeu a visita de São Policarpo de Esmirna, que tratou com ele o estabelecimento da data da festa da Páscoa (Conforme Martirológio Romano-Monástico – M).

Ver 20 de abril: no Martirológio Italiano: em Roma, Santo Ani­ceto, papa, que re­cebeu fra­ter­nal­mente o hós­pede in­signe São Po­li­carpo, para di­a­logar com ele sobre o dia da Páscoa. († c.166).  Ver ainda página 31: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%207.pdf

– Ver também “Aniceto (em latim, Anicetus) foi o décimo primeiro papa católico, entre 154 e 166. Pensa-se que tenha nascido em Emesa (atual Homs) na Síria. Como pontífice, Aniceto destaca-se por ter sido o primeiro papa a condenar oficialmente uma doutrina como heresia, em concreto o montanismo.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Papa_Aniceto

17. São Mapálico e companheiros, mártires. Ver “O elogio de São Mapálico vem numa carta de Cipriano, bispo de Cartago… O bispo de Cartago diz-nos também que Mapálico e muitos outros cristãos haviam sido aprisionados no início da perseguição. Foram companheiros de Mapálico: Paulo, Fortunião, Fortunata, Vitorino, Vítor, Herênio, Crédula, Herena, Donato, Firmo, Venuto, Fruto, Júlio. Marçal e Aristão. Quase todos morreram de fome nas masmorras, em 250, na África, vítimas da perseguição de Decio.” às páginas 14-16: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%207.pdf

– Ver “… 250 SS. MAPPALICUS E SEUS COMPANHEIROS, MÁRTIRES
A perseguição sob Décio foi o ataque mais sistemático e geral que o cristianismo já havia experimentado. O imperador havia determinado exterminar completamente um corpo em rápido crescimento que ele considerava uma ameaça porque obedecia a uma autoridade diferente da sua. Em um determinado dia cada habitante do império foi ordenado a sacrificar aos deuses e ao gênio do imperador, pessoas suspeitas sendo especialmente convocadas pelo nome, e severas penalidades sendo decretadas para aqueles que se recusassem. Assim que a notícia do edito chegou a Cartago, São Cipriano, o bispo, sabendo que seria o primeiro a ser preso, retirou-se para um esconderijo fora da cidade, de onde poderia dirigir e sustentar seu rebanho. O rigor total do edital não foi experimentado até a chegada do procônsul em abril de 250. Ele não se contentou em permanecer na cidade, mas fez um passeio pela província, com tanta severidade que muitos que até então permaneceram fiéis caíram. O protomártir desta perseguição em Cartago foi um confessor de nome Mappalicus, a quem São Cipriano em sua Epístola aos Mártires e Confessores destaca para um louvor especial. Depois de ter sofrido a tortura da garra de ferro, ele foi levado ao tribunal, a quem anunciou triunfante que no dia seguinte testemunhariam de fato uma disputa. No dia seguinte, ele foi novamente torturado e morreu sob a inflição. Ele foi logo seguido por outros mártires que ganharam sua coroa de várias maneiras, um sob tortura, outro nas minas,

Sabemos pouco desses mártires além do que aprendemos da correspondência de São Cipriano (ed. Hartel), pp. 492, 534, 541. Seus nomes aparecem no Calendarium Cathaginense e no “Hieronymianum”.

Ele e seus companheiros foram torturados e martirizados por se recusarem a sacrificar aos deuses pagãos durante as perseguições do imperador Trajano Décio . Eles foram elogiados por São Cipriano.
Mappalicus & Companions MM (RM). Dezoito mártires africanos que sofreram tortura e fome em Cartago sob Décio. Eles são muito elogiados por São Cipriano (Attwater2, Beneditinos, Coulson)…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayApril17.html#250_St._Mappalicus_Martyr_of_Africa_with

18. Bem-aventurada Clara Gambacorta, viúva. Ver páginas 21-27: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%207.pdf

– Ver “Chiara Gambacorti (1362 – 17 de abril de 1420) – nascida Vittoria – era uma religiosa professa católica romana italiana da Ordem dos Pregadores . [1] Gambacorti nasceu em uma família de comerciantes ricos e ficou viúva após um breve casamento. Ela escapou de um segundo casamento depois de se tornar uma religiosa professa, apesar da forte resistência de seu pai. [2]”: https://en.wikipedia.org/wiki/Chiara_Gambacorti

19. Bem-aventurada Maria Ana de Jesus, virgem. Ver “…A bem-aventurada dedicou-se fervorosamente a três coisas, que lhe eram capitais: aos pecadores, a orar pelas almas do purgatório, a mortificar-se pelos cristãos cativos na África. A 17 de abril de 1624, com cinqüenta e nove anos de idade, depois cie insidiosa moléstia, que soube levar com verdadeiro espírito cristão, faleceu calmamente. Muitos milagres, então, foram operados à beira do seu túmulo. Pio VI beatificou-a em 1 783, cento e cinqüenta e nove anos depois da morte.” às páginas 28-29: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%207.pdf

20. Bem-aventurado Gervino, confessor. Ver “Gervino, também conhecido como Gervásio, era da Flandres, filho de pais pobres…” às páginas 30-31: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%207.pdf  

– Ver “… 1117 Beato Gervinus de Oudenburg monge eremita governador da abadia de Aldenbury (Oudenburg) na Flandres OSB Abbot (AC)
(também conhecido como Gervais ou Geruln) Nasceu na Flandres. Gervinus tinha a alma de um peregrino viajando de Roma a Jerusalém; embora por obediência ele se estabeleceu primeiro como monge de Saint-Winnoc, depois como eremita em Munster e, finalmente, a partir de 1095, como governador da abadia de Aldenbury (Oudenburg) em Flandres (Benedictines, Encyclopedia) …”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayApril17.html#1117_Blessed_Gervinus_of_Oudenburg_monk  

21. Beato Battista Mantovanno. Ver “Battista Mantovano (em latimBaptista Spagnuoli Mantuanus), também Johannes Baptista Spagnolo, foi um religioso carmelita católico italiano.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Battista_Mantovano

– Ver em 20 de março: Em Mântua, na Lom­bardia, re­gião da Itália, o Beato Bap­tista Spag­nóli, pres­bí­tero da Ordem dos Car­me­litas, que res­ta­be­leceu a paz entre os prín­cipes e re­formou a sua Ordem, da qual foi no­meado, contra o seu de­sejo, su­pe­rior geral. († 1516).

22. VER SANTAS E SANTOS DO DIA 17 DE ABRIL (alguns destacados acima):

Ambrósio de Massa Arnaldo de Metz Donnan de Eigg Fortunato do Norte da África Gervino de Aldenberg Henry Heath Inocente de Tortona Tiago de Cerqueto Kateri Tekakwitha Landericus de Soignies Marciano do Norte da África Mariana de Jesus Pantagathus de Viena Pedro de Antioquia Roberto de Chaise Dieu Roberto de MolesmeUsthazade Vilico de Metz Wando de FontenelleMártires de Córdoba Elias Isidoro Paulus Martirizado em Melitene Hermógenes Peter — Acácio de Militene Chiara Gambacorta Eberhard de Obermarchtal
todos esses memoriais em uma única página

23. Outros santoas e santos do dia 17 de abril: págs: 09-33 (vol.07):   http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%207.pdf

Obs. Às vezes entra com o Edge, mas mais com  Google chrome,.

Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XXI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

 * “E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

– Sobre 17 de abril, ver também: 17 de abril – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (Todas da internet, foram consultadas no dia de hoje)

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia –Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 332-334: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-
  3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%2 0-%201.pdf
  4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.
  7. https://catholicsaints.info/17-april/
  8. https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayApril17.html

(este site mostra os santos do dia, em inglês. Tradução Google)

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* SENHOR, NOSSO DEUS E PAI AMADO, OBRIGADO POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEM DADO E PERMITIDO VIVER!

QUERIDA MÃE VIRGEM MARIA, SOCORRA-NOS, PROTEJA-NOS!

SÃO JOSÉ, SANTAS/OS E ANJOS, INTERCEDAM POR NÓS! OBRIGADO! AMÉM!

================

* PAI AMADO, DÊ-NOS ESPÍRITO DE ORAÇÃO, VIGILÂNCIA, RENÚNCIA, PENITÊNCIA! DÊ-NOS ARDOR MISSIONÁRIO PARA E PELO E PARA O SENHOR! TIRE-NOS O TORPOR E A TIBIEZA! DÊ-NOS, AMADO PAI, CORAGEM DE LUTAR COM ENTUSIASMO E FORÇA DE VONTADE, MESMO EM SITUAÇÕES SEDUTORAS, DIFÍCEIS E ESPINHOSAS, PARA ALCANÇAR AQUELA PERFEIÇÃO CRISTÃ DE BONS COSTUMES E SANTIDADE POR MEIO DA ORAÇÃO, ESFORÇO E TRABALHO. DÊ-NOS A DOCILIDADE DAS OVELHAS! SOBRETUDO, DÊ-NOS A GRAÇA! PEDIMOS EM NOME DE JESUS, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

* MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA, ESCREVA-NOS:

barpuri@uol.com.br

================

* SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

================

  * “O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

================

Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu só lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

================

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

================

* “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”, mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível”.

================

* 07 de janeiro ou 09 de abril – Beata Lindalva Justo de Oliveira:

Toda santidade passa pelo crisol (lugar ou circunstância apropriada a evidenciar as melhores qualidades de algo ou alguém) do sofrimento” (referente à Beata Lindalva de Oliveira, conforme http://www.santosdobrasil.org.br/?system=news&eid=294)

================

* 17 de janeiro: Santo Antão, ou Antônio

Oração: “Santo Antônio, você falou da importância de perseverar em nossa fé e nossa prática. Ajude-nos a acordar a cada dia com um novo zelo pela vida cristã e um desejo de enfrentar o próximo desafio em vez de apenas ficar parado. Amém!”

================

* 19 de janeiro, São Macário. “… A oração não requer muitas palavras. sobre você, você só precisa dizer: “SENHOR, TEM MISERICÓRDIA!” O Senhor sabe o que é útil para nós e nos concede misericórdia.”… Se você deseja ser salvo, seja como um morto. Não fique com raiva quando insultado (ou provocado), nem orgulhoso quando elogiado.” E ainda: “Se a calúnia (e a provocação) é como o louvor para você, a pobreza como a riqueza, a insuficiência como a abundância, então você não perecerá.“…

================

* 04 de fevereiro, SANTO ANDRÉ CORSINI: “Ele trabalhou arduamente para subjugar suas paixões por meio de humilhações extremas, obediência até mesmo à última pessoa na casa, pelo silêncio e oração (HUMILHAR-SE, OBEDECER, SILENCIAR, REZAR)”.

================

* 10 de fevereiro, SÃO JOSÉ SÁNCHEZ DEL RIO “Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio).

Ver: https://catholicsaints.info/saint-jose-sanchez-del-rio/

================

* 14 de fevereiro, SÃO JOÃO BATISTA DA CONCEIÇÃO GARCIA Ó meu Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.” (últimas palavras de São João Batista da Conceição Garcia).

Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

================

* 14 de março, Albert Einstein:Deus Todo-Poderoso não joga dadosDiante de Deus somos todos igualmente sábios – igualmente tolos!

================

* 15 de março: São Clemente-Maria Hoffbauer: “Ó Meu Redentor, chegará aquele terrível momento em que restarão poucos cristãos inspirados pelo espírito de fé, aquele momento em que Sua indignação será provocada e Sua proteção será tirada de nós? Nossos vícios e nossas vidas más moveram irrevogavelmente Sua justiça a se vingar, talvez neste mesmo dia, de Seus filhos para não deixar que a luz da fé se apague nas almas?
“Lembre das antigas misericórdias, volta os olhos compassivos para a vinha plantada com a sua destra, regada pelas lágrimas dos Apóstolos, pelo sangue precioso de inúmeros mártires, e fecundada pelas orações de tantos confessores e virgens inocentes.
“Ó divino Mediador, olhe para aquelas almas zelosas que elevam seus corações ao Senhor e oram sem cessar pela manutenção desse seu dom mais precioso, a Verdadeira Fé. Mantenha-nos seguros na verdadeira fé católica e romana. Preserve-nos em sua santa fé, pois se formos ricos com este dom precioso, suportaremos com prazer todas as tristezas e nada poderá mudar nossa felicidade. Sem este grande tesouro da fé, nossa infelicidade seria indizível e sem limites.
“Ó Bom Jesus, Autor da nossa fé, conservai-a pura em nós; guardai-nos na barca de Pedro, fiel e obediente ao seu sucessor, e Vosso vigário aqui na terra, para que se mantenha a unidade da santa Igreja, a santidade promovida, a Santa Sé protegida em liberdade e a Igreja universal estendida em benefício das almas.
“Ó Jesus, Autor da nossa fé, humilha e converte os inimigos da Sua Igreja; conceda verdadeira paz e concórdia a todos os reis e príncipes cristãos e a todos os crentes; fortalece-nos e preserva-nos no Seu santo serviço até ao fim, para que vivamos com o Senhor e morramos no Senhor.

“Ó Jesus, Autor de nossa fé, deixe-nos viver pelo Senhor e morrer pelo Senhor. Amém.”

================

* 15 de março, SANTA LUÍSA DE MARILLAC “… SEDE DILIGENTES NO SERVIÇO AOS POBRES . . . AMEM OS POBRES, HONREM-NOS, MEUS FILHOS, COMO VOCÊS HONRARIAM O PRÓPRIO CRISTO”

================

* 21 de março, SÃO NICOLAU DE FLUE: “Salve, ó Mãe de toda pureza, virgem imaculada, Mãe de toda misericórdia e Mãe de nosso Salvador; venho rogar-lhe que interceda por um pobre pecador junto ao seu Divino Filho, para que me conceda Sua santa Graça. O inimigo implacavelmente me persegue e me ataca. Você uma vez esmagou a cabeça da serpente ao dar à luz nosso Salvador – ajude-me a superar suas artimanhas e enganos. Você é meu refúgio. Por que você me afastaria? …

Não, ó Virgem graciosa! Você virá em meu socorro e o inimigo será derrotado. Amém!São Nicolau relatou que nunca invocou Maria em vão e que sempre sentiu visivelmente os efeitos de sua proteção.”

================

* 21 de março, SÃO SERAPIÃO DE THMUIS A mente é purificada pelo conhecimento espiritual (ou pela santa meditação e oração), as paixões espirituais da alma pela caridade e os apetites irregulares pela abstinência e penitência… (regra resumida da perfeição cristã – que São Serapião repetia muitas vezes) … “Nossos corpos podem se tornar instrumentos do bem ou do mal, dependendo da disposição do coração; tanto os homens justos quanto os ímpios são frequentemente mudados para o outro tipo….”

(conf. http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch21.html#370_St._Serapion_the_Scholastic_Bishop)

================

* 05 de abril, SÃO VICENTE FERRER “Faça o que fizer, não pense em si mesmo, mas em Deus…

Você deseja estudar a seu favor? Deixe a devoção acompanhar todos os seus estudos, e estude menos para se tornar um sábio do que para se tornar um santo.

 Consulte a Deus mais do que seus livros, e peça-Lhe, com humildade, que faça você entender o que lê.

O ESTUDO CANSA E ESGOTA A MENTE E O CORAÇÃO. VÁ DE VEZ EM QUANDO, PARA REFRESCÁ-LOS, AOS PÉS DE JESUS CRISTO SOB SUA CRUZ. REPOUSE ALI.

Alguns momentos de repouso em suas chagas sagradas dão novo vigor e novas luzes.

Aplique-se por orações curtas, mas fervorosas e jaculatórias.

Nunca comece ou termine seu estudo, sem ser pela oração.

A ciência é um dom do Pai das luzes“.

================

* 06 de abril: São Zeferino Agostini

Fundou a Pia União das Irmãs Devotas de Santa Ângela Merici…

Dizia a elas: “Não se assustem com o trabalho ou o sofrimento, nem com o fruto escasso de seu trabalho. Lembrem-se de que Deus recompensa não pelos resultados, mas pelo esforço.” (L’Observattore Romano). 

Ele sabia que sua primeira prioridade era desenvolver seu relacionamento com Deus por meio da oração pessoal, porque Deus era a fonte de sua alegria e poder para fazer o bem…

================

*12 de abril: São David Uribe

“Perdoo todos os meus inimigos e peço a Deus e a quem ofendi que me perdoe.” -da última vontade e testamento de Saint David

===============

* 21 de maio, PADRE MANOEL E COROINHA ADÍLIO “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio)

================

* 31 de maio, São NICOLAS BARRÉ, citações:

  • ACONTEÇA O QUE ACONTECER, ESTEJA SEMPRE EM PAZ E CONFIE EM DEUS, ISSO SERÁ FEITO A VOCÊ DE ACORDO COM SUA FÉ, SUA ESPERANÇA E SUA CARIDADE E MUITO MAIS. » Carta 61 (OC p 538) – Máxima de conduta para as amantes número 21 obras completas p.128
  • “DEVEMOS NOS CONCENTRAR MAIS EM ESTABELECER O BEM AO INVÉS DE DESTRUIR O MAL. ESTABELECIDO O BEM, O MAL NÃO PODERÁ MAIS SUBSISTIR. » Máxima para a Direção das Almas 17 Obras Completas p.357
  • “QUANTO MAIS ESTAMOS UNIDOS A DEUS, MAIS RECEBEMOS FORÇA DE ESPÍRITO E INFLUÊNCIA, POIS ELE É SUA FONTE E OCEANO”. – Carta 27 (OC p 457)

================

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO: “Meios de se preparar para uma boa morte: na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado…” Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém! http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

================

* 15 de setembro, SANTA CATARINA DE GÊNOVA “… a oração por um ente querido é, para o crente, uma forma de apagar qualquer distância, até mesmo a morte. Em oração, permanecemos na presença de Deus na companhia de alguém que amamos, mesmo que essa pessoa tenha morrido antes de nós

“Não devemos transformar o purgatório em um campo de concentração em chamas à beira do inferno – ou mesmo em um ‘inferno por um curto período de tempo’. É uma blasfêmia pensar nisso como um lugar onde um Deus mesquinho cobra a última libra – ou grama – de carne … Santa Catarina de Gênova (Festa dia 15 de setembro, mística do século 15), escreveu ‘fogo’ do purgatório é o amor de Deus ‘queimando’ a alma para que, por fim, a alma esteja totalmente em chamas. É a dor de querer ser feito totalmente digno de Alguém que é visto como infinitamente amável, a dor do desejo de união que agora está absolutamente assegurada, mas ainda não completamente experimentada

(Leonard Foley, OFM, Crendo em Jesus) …”:

================

* 21 de outubro, SANTO AGATÃO “… Não há nada mais difícil do que a oração, pois não há esforços que os demônios não façam para interromper este poderoso meio de os desanimar

================

*          27 de outubro SANTO ABRAÃO, ERMITÃO “… A PAIXÃO VIVE; APENAS ESTÁ REPRIMIDA… ESTÁ APENAS PRESA… AS PAIXÕES VIVEM, APENAS SÃO REPRIMIDAS PELOS SANTOS (COM A GRAÇA DE DEUS!) …”.  SANTAS E SANTOS, INTERCEDAM POR NÓS PARA QUE POSSAMOS REPRIMIR AS PAIXÕES. PAI AMADO, DÊ-NOS A GRAÇA DE REPRIMIR AS PAIXÕES. Santo Abraão, rogue por nós! Amém!”, conforme páginas 52-53: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2019.pdf

================

* ORAÇÃO DO ANO DE SÃO JOSÉ “PATRIS CORDE”

Salve, guardião do Redentor

e esposo da Virgem Maria!

A vós, Deus confiou o seu Filho;

em vós, Maria depositou a sua confiança;

convosco, Cristo tornou-Se homem.

Ó Bem-aventurado José, mostrai-vos pai também para nós

e guiai-nos no caminho da vida.

Alcançai-nos graça, misericórdia e coragem,

e defendei-nos de todo o mal. 

Amém!

(Conforme < https://radio.cancaonova.com/sao-jose-do-rio-preto/oracao-ano-de-sao-jose/ >)

================

* PAI, ABRACE-NOS!

JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO!

DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS ENCHA E NOS UNA NO AMOR!

MÃEZINHA MARIA, CUIDE DE NÓS!

SÃO JOSÉ, SANTAS, SANTOS E ANJOS, ROGUEM POR NÓS!

POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

* Após Deus, o Pai amado, chamar minha amada esposa e companheira por 38 anos, 9 meses e oito dias, em 24.09.2017, descobri:

1. Posso comunicar com a minha Frô, pela ORAÇÃO;

2. Posso VER, ESCUTAR, SENTIR a FRÔ (transformada, sem dores, linda, maravilhosa) em meu ser;

3. Ela está vivendo nos braços de Deus (bondosos, vigorosos);

4. Um dia vamos estar juntos;

5. Quando Deus me chamar, quero levar coisas boas para o banquete celeste (amor a Deus e ao próximo).

Dê-nos essa Graça, Pai amado! Dê-nos A GRAÇA! AMÉM! Obrigado, Senhor, por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

================

“Senhor, eu tenho fé. Ajude-me a ter mais fé ainda!” (Mc 9,24)

================

* Ver o blog: https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.