Santas e Santos de 22 de agosto

DESTAQUE DE 22 DE AGOSTO: NOSSA SENHORA RAINHA

22 DE AGOSTO, NOSSA SENHORA RAINHA (antes de 1969 era 31 de maio): A encíclica Ad Caeli Reginam (Rainha do Céu), do Papa Pio XII, de 11 de outubro de 1954 trata sobre a Realeza de Maria e a instituição Festa de Nossa Senhora Rainha, celebrada a cada dia 31 de maio com o costume de coroar-se a imagem da Virgem e da recitação pública da Consagração do Gênero Humano ao Imaculado Coração de Maria..

NOSSA SENHORA RAINHA, 22 DE AGOSTO: … O dia 22 de agosto era reservado à homenagem ao Coração Imaculado de Maria. Mas a Igreja, desejando aproximar a festa da realeza de Maria à da sua gloriosa assunção ao céu, inverteu estas datas a partir da última reforma do seu calendário litúrgico, em 1969.”.

“…Na Encíclica, a data da festa foi estabelecida para o dia 31 de maio, mês de Maria. Atualmente, porém, a celebração acontece oito dias após a festa da Assunção de Nossa Senhora (22 de agosto): assim, fica manifesta a íntima ligação entre a Assunção de Maria e sua coroação no céu.”: https://pt.aleteia.org/daily-prayer/terca-feira-22-de-agosto/

– Ver “CARTA ENCÍCLICA AD CAELI REGINAM DO SUMO PONTÍFICE PAPA PIO XII – AOS VENERÁVEIS IRMÃOS PATRIARCAS, PRIMAZES, ARCEBISPOS E BISPOS E OUTROS ORDINÁRIOS DO LUGAR EM PAZ E COMUNHÃO COM A SÉ APOSTÓLICA SOBRE A REALEZA DE MARIA E A INSTITUIÇÃO DA SUA FESTA…”:

Na Encíclica, a data da festa foi estabelecida para o dia 31 de maio, mês de Maria. Atualmente, porém, a celebração acontece oito dias após a festa da Assunção de Nossa Senhora (22 de agosto): assim, fica manifesta a íntima ligação entre a Assunção de Maria e sua coroação no céu… Na festa de Nossa Senhora Rainha de 2012, o Papa Bento XVI declarou: “… esta realeza da Mãe de Deus se faz concreta no amor e no serviço a seus filhos, em seu constante velar pelas pessoas e suas necessidades”.: http://www.vatican.va/content/pius-xii/pt/encyclicals/documents/hf_p-xii_enc_11101954_ad-caeli-reginam.html


– Ver: O reinado de Nossa Senhora se faz visível concretamente, para nós que ainda caminhamos neste mundo, através da intercessão, proteção e orientação concedidas por ela para nos conduzir ao Seu Filho…”:

https://pt.aleteia.org/daily-prayer/terca-feira-22-de-agosto/

Ver VIDAS DOS SANTOS, 31 de maio, páginas 341-365 “…Sobre a realeza de Nossa Senhora e a instituição de sua festa, assim se referiu o grande papa Pio XII, na Encíclica Ad Caeli Reginam, o mais importante documento pontifício do Ano Mariano: “Desde os primeiros séculos da Igreja Católica, elevou o povo cristão orações e cânticos de louvor e devoção à Rainha do céu tanto nos momentos de alegria, como, sobretudo, quando se via ameaçado por graves perigos; e nunca foi baldada a esperança posta na Mãe do Rei Divino, Jesus Cristo, nem se enfraqueceu a fé que nos ensina que reina com materno coração, no universo inteiro, a Virgem Maria, Mãe de Deus, assim como está coroada de glória na bem aventurança celeste… {https://www.vatican.va/content/pius-xii/pt/encyclicals/documents/hf_p-xii_enc_11101954_ad-caeli-reginam.html }”: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico de 22 de agosto, comemoração da Bem-Aventurada Virgem Maria Rainha, em quem a Igreja celebra a mulher que apareceu no céu vestida de sol, com a lua sob os pés, e trazendo na cabeça uma coroa de doze estrelas, Mãe d’Aquele que deve reinar sobre todas as nações (cf. Ap. 12). (R).

– Ver também “…Em 1954, o Papa Pio XII com a Encíclica Ad Coeli Reginam, instituiu pela primeira vez a festa de Nossa Senhora Rainha do Universo, fixando-a para o dia 31 de maio

Bento XVI dedicou a Nossa Senhora Rainha a Audiência geral de 22 de agosto de 2012 explicando a sua realeza:

Como exerce Maria esta realeza de serviço e amor? Velando sobre nós, seus filhos: os filhos que se dirigem a Ela na oração, para lhe agradecer ou para lhe pedir a sua tutela maternal e a sua ajuda celestial, talvez depois de se ter extraviado pelo caminho, oprimidos pela dor ou angústia, pelas vicissitudes tristes e difíceis da vida. Na serenidade ou na escuridão da existência, dirijamo-nos a Maria confiando-nos à sua intercessão continua, porque do Filho nos possa alcançar toda a graça e misericórdia necessárias para o nosso peregrinar ao longo das sendas do mundo …

{ https://www.vatican.va/content/benedict-xvi/pt/audiences/2012/documents/hf_ben-xvi_aud_20120822.html

Celebra-se hoje (22 de agosto) a memória litúrgica da Bem-Aventurada Virgem Maria invocada com o título: «Rainha». É uma festa de instituição recente, embora sejam antigas a sua origem e devoção: com efeito, foi estabelecida pelo Venerável Pio XII em 1954, no encerramento do Ano Mariano, fixando a sua data em 31 de Maio (cf. Carta encíclica Ad caeli Reginam, 11 de Outubro de 1954: aas, 46 [1954], 625-640). Nesta circunstância, o Papa disse que Maria é Rainha mais do que qualquer outra criatura em virtude da elevação da sua alma e da excelência dos dons recebidos. Ela não cessa de conceder todos os tesouros do seu amor e dos seus desvelos à humanidade (cf. Discurso em honra de Maria Rainha, 1 de Novembro de 1954). Pois bem, após a reforma pós-conciliar do calendário litúrgico, foi inserida oito dias depois da solenidade da Assunção para ressaltar o vínculo entre a realeza de Maria e a sua glorificação em alma e corpo ao lado do seu Filho. Na Constituição sobre a Igreja, do Concílio Vaticano II, lemos assim: «Maria foi elevada à glória celeste e exaltada por Deus como Rainha do universo, para assim se conformar mais plenamente com o seu Filho» (cf. Lumen gentium, 59)… : https://www.vatican.va/content/benedict-xvi/pt/audiences/2012/documents/hf_ben-xvi_aud_20120822.html }

Enquanto o Papa Francisco no ano passado, na vídeo-mensagem pelo 300º aniversário da coroação de Nossa Senhora de Częstochowa na Polônia disse: Maria não é uma Rainha distante, sentada num trono, mas a Mãe que abraça o Filho e com Ele todos nós, seus filhos. É uma Mãe verdadeira, com o rosto marcado, uma Mãe que sofre porque se preocupa pelos problemas da nossa vida”…:”: https://www.vaticannews.va/pt/igreja/news/2018-08/rainha-virgem-maria-nossa-senhora-memoria-liturgica.html

– Ver ainda “Nossa Senhora Rainha ( também na Folhinha do Coração de Jesus de 22 de agosto)é um dos títulos de Maria, mãe de Jesus segundo a Igreja católica. Maria é invocada como rainha doze vezes: Rainha dos anjos, dos patriarcas, dos profetas, dos apóstolos, dos confessores, das virgens, dos mártires, de todos os Santos, da pazconcebida sem pecado original e levada aos céus[1].

Nossa Senhora Rainha é festejada em 22 de agosto.[2] Três das antífonas marianas mais conhecidas pelos cristãos invocam Maria com o título de RainhaSalve RainhaRegina caeli e Ave Regina Caelorum. Entre estas, a mais conhecida é a Salve Rainha, composta por São Bernardo de Claraval, o último padre entre os padres latinos.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_Rainha

Ver no VIDAS DOS SANTOS, 31 de maio, NOSSA SENHORA RAINHA, páginas 341-365: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

– Ver ainda RAINHA MARIA:

Também conhecido como

  • Nossa Senhora Rainha do Mundo
  • Nossa Senhora, Rainha dos Anjos
  • Nossa Senhora, Rainha do Céu

Memorial

Artigo

Uma festa mariana decretada pelo Papa Pio XII em sua encíclica Ad caeli reginam para reconhecer e celebrar a Bem-Aventurada Virgem Maria como Rainha do mundo, dos anjos , do céu, etc. O movimento para reconhecer oficialmente a Realeza de Maria foi inicialmente promovido por vários congressos mariológicos católicos em Lyon, França , Freiburg, Alemanha , e Einsiedeln, Suíça . A Pro Regalitate Mariae , uma sociedade internacional para promover a realeza de Maria, foi fundada em Roma , Itália , pelo famoso marioligista e escritor Padre Gabriel Roschini.

Patrocínio

informação adicional

Citação MLA

OUTROS SANTAS E SANTOS DE 22 DE AGOSTO

2.   Em Autun, na Gália Li­o­nense, actu­al­mente na França, São Sin­fo­riano, mártir, a quem sua mãe, quando ele era con­du­zido ao su­plício, exor­tava dos muros da ci­dade, di­zendo: «Filho, filho, pensa bem no Deus vivo. Hoje não perdes a vida, mas al­canças uma vida melhor». († s. III-IV).

Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no séc. III, São Sinforiano, jovem mártir de Autun, que segundo sua paixão testemunhou diante do juiz: “Eu sou cristão, adoro o verdadeiro Deus que reina nos céus”. Uma abadia renomada foi construída sob seu patrocínio. (M).

– Ver páginas 154-156: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2015.pdf

– Ver “… Sinforiano (em latimSymphorianus), Timóteo (em latimTimotheus) e Hipólito são três mártires cristãos que, apesar de não relacionados entre si e mortos em diferentes lugares, compartilhavam um mesmo dia de festa no Calendário Geral Romano, pelo menos entre 1568 (Calendário Tridentino) e 1969 (Mysterii Paschalis)…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Sinforiano_e_Tim%C3%B3teo

Santo Hipólito, bispo de Porto e seus Companheiros Mártires. Ver páginas 144-153: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2015.pdf

– Ver Santo Hipólito, Timóteo e Sinforiano

2º-4º – … Em Roma, na Via Óstia, aniversário do santo mártir Timóteo. Depois de ter sido preso por Tarquínio, prefeito da cidade, e mantido por muito tempo na prisão, porque se recusou a sacrificar aos ídolos, foi açoitado três vezes, submetido aos mais severos tormentos e finalmente decapitado.

    No Porto, S. Hipólito, bispo, mais conhecido pela erudição. Tendo gloriosamente confessado a fé, no tempo do imperador Alexandre, ele foi amarrado de mãos e pés, jogado em uma vala profunda cheia de água, e assim recebeu a palma do martírio. Seu corpo foi sepultado pelos cristãos naquele local.

    Em Autun, São Sinforiano, mártir, no tempo do imperador Aureliano. Recusando-se a oferecer sacrifício aos ídolos, ele foi primeiro açoitado, depois confinado à prisão e finalmente terminou seu martírio com a decapitação.
Neste dia a Igreja comemora três mártires totalmente desvinculados um do outro. 

ST TIMÓTEO foi um mártir sob Diocleciano, que foi sepultado na Via Óstia em Roma, em frente à basílica de São Paulo-fora-dos-Muros.
 SÃO HIPÓLITO é descrito tanto na lição das Matinas como no Martirológio Romano como um bispo do Porto, um “homem muito conhecido pela sua erudição que, seja naquele lugar ou em Óstia, foi pela sua confissão de fé condenado à morte por afogamento e foi sepultado no local do seu martírio. Não há certeza sobre quem foi este mártir, mas é possível que seja idêntico ao Santo Hipólito que foi mencionado no dia 13 deste mês (SANTO HIPÓLITO DE ROMA).
  SÃO SIMPÓRIO (Sinforiano) sofreu em Autun no século II ou III. A cidade de Autun era uma das mais antigas e famosas da Gália, mas naquela época particularmente, viciado no culto de Berecynthia (Cybele), Apollo e Diana. Em certo dia do ano, a estátua de Cibele era com grande pompa transportada pelas ruas em uma carruagem. Symphorian, por ter tratado a imagem com desrespeito, foi apreendido pela turba e levado perante Heráclio, governador da província. Heráclio perguntou por que ele se recusou a honrar a imagem da mãe dos deuses. Ele respondeu, porque era cristão e adorava o verdadeiro Deus e que, além disso, se alguém lhe desse um martelo, ele estava preparado para quebrar o ídolo deles. Ao juiz essa resposta tinha sabor de rebeldia, além de ímpia, e ele perguntou aos oficiais se era cidadão do lugar. Um deles respondeu: “Ele é, e de família nobre”. O juiz disse a Symphorian: ” Você se lisonjeia por causa de seu nascimento, ou talvez não conheça as ordens do imperador.” Ele então ordenou que o edito imperial fosse lido e disse a ele: “O que você diz sobre isso, Sinforiano?” O mártir continuou a expressar sua aversão ao ídolo, Heráclio mandou espancá-lo e mandou-o para a prisão. Mais tarde, ele foi trazido para fora e apresentado ao tribunal quando, Sinforiano ainda firme, Heráclio o condenou a morrer pela espada por traição a deuses e homens. Quando ele foi levado para fora da cidade para execução, sua mãe, de pé no muro da cidade para vê-lo passar, gritou para ele: “Meu filho, meu filho Symphorian, lembro-me do Deus vivo e tenha bom ânimo. Não tenha medo! Você vai para uma morte que leva a uma vida certa.” Sua cabeça foi cortada e seu corpo enterrado em uma caverna, perto de uma fonte, e em meados do século V, Santo Eufrônio, bispo de Autun, construiu sobre ela uma igreja em sua homenagem. A vila e a igreja de Veryan na Cornualha têm o nome deste mártir (Sci Simphoriani em 1278, Severian em 1545), a única igreja na Grã-Bretanha dedicada em seu nome.

A conjunção desses três santos totalmente desconexos em uma oração comum, como a dita no ofício romano e na missa deste dia, é uma característica litúrgica curiosa. Originalmente, a mesma oração foi dita apenas com o nome de Timóteo, como pode ser visto no sacramentário gregoriano, os outros dois nomes foram inseridos posteriormente. O que quer que se pense da história do martírio de São Timóteo, contada nos Atos de São Silvestre, seu nome e seu sepultamento na Via Ostiana estão inscritos no Depositio martyrumde 354 dC, para não falar de outros testemunhos antigos que o Padre Delehaye expôs em CMH., pp. 456-457. Uma menção de Timóteo neste dia no famoso calendário cartaginês e uma declaração na crônica conhecida como “O Bárbaro de Scaliger” que “Timóteo, o bispo, gloriosamente sofreu o martírio em Cartago” levantou uma dúvida se não pode haver dois Timóteos apenas pois a questão de um segundo Hipólito (do Porto) tem sido muito discutida. Symphorian novamente é um mártir cuja existência é estabelecida por alusões e dedicatórias muito antigas. Sobre seus respeitáveis ​​”atos”, impressos por Ruinart e em outros lugares, ver W. Meyer, “Fragmenta Burana”, no Festschrift publicado para a Academia de Göttingen em 1901, pp. 161-163. Outras referências serão encontradas no comentário de Delehaye que acabamos de mencionar, pp. 456-458. Veja também GH Doble, St Symphorian (1931), em sua série Cornish Saints…: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayAugust22.html#2nd-4th_v._Ss._Timothy_Hippolytus_And

3.   Em Roma, junto à Via Os­ti­ense, São Ti­móteo, mártir. († 303).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no mesmo dia o martírio de Santo Agatônico e Zótico, cujo culto teve grande fama no Oriente; e o de São Timóteo, honrado na Via Óstia, em Roma (M)

4.   Em Tódi, na Úm­bria, re­gião da Itália, São Fi­lipe Benício (São Felipe Benício, também na Folhinha do Coração de Jesus), pres­bí­tero de Flo­rença, homem de exímia hu­mil­dade e grande im­pul­si­o­nador da Ordem dos Servos de Maria, que con­si­de­rava Cristo cru­ci­fi­cado como seu único livro. († 1285).

Conforme o Martirológio Romano-Monástico de 23 de agosto, em Todi, no ano do Senhor de 1285, São Felipe Benizi. Trinta anos depois da fundação da Ordem dos Servos de Maria, este jovem e brilhante médico italiano resolveu viver na humildade entre os irmãos daquela nova congregação. Nomeado mais tarde mestre dos noviços, e depois eleito seu quinto Geral, dedicou-se até à morte aos interesses da Mãe do Redentor, organizando a Ordem e se esforçando para resolver os conflitos entre guelfos e guibelinos. (M)

– Ver no VIDAS DOS SANTOS do dia 23 de agosto, páginas 159-164: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2015.pdf

– Ver também (wikipedia de 23 de agosto), “Filippo Benizzi, ou Benício, foi um religioso[1] e sacerdote católico italiano da Ordem dos Servos de Maria, venerado como santo pela Igreja Católica.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Filipe_Ben%C3%ADcio

5*.   Em Be­vagna, também na Úm­bria, o Beato Tiago Biancóni (também na Folhinha do Coração de Jesus de 23 de agosto, Tiago de Bevagna), pres­bí­tero da Ordem dos Pre­ga­dores, que fundou neste lugar um con­vento e re­futou os erros dos Nicolaítas. († 1301)

6*.   Em Ocre, junto de Fossa, nos Abruzos, também re­gião da Itália, o Beato Ti­móteo de Montícchio, pres­bí­tero da Ordem dos Me­nores, ad­mi­rável pela sua aus­te­ri­dade de vida e fervor de oração. († 1504)

7*.   Em York, na In­gla­terra, o Beato Tomás Percy, mártir, conde de No­túm­bria, que, no rei­nado de Isabel I, por causa da sua fi­de­li­dade à Igreja Ro­mana, foi de­ca­pi­tado e assim al­cançou a palma do martírio. († 1572)

8*.   Na mesma ci­dade e no mesmo rei­nado de Isabel I, os be­atos Gui­lherme Lacey e Ri­cardo Kirkman, pres­bí­teros e már­tires, que, por terem en­trado na In­gla­terra na con­dição de sa­cer­dotes, foram con­du­zidos ao su­plício do patíbulo. († 1582)

– Ver “… 1582 Bl. Richard Kirkman. Nascido em Addedham, Yorkshire, ele deixou a Inglaterra e estudou na famosa escola católica de Douai, França, a instituição preparatória para católicos ingleses que voltariam para casa e trabalhar para a reconversão da ilha. Ordenado em 1579, em Reims, ele navegou para a Inglaterra e serviu como tutor para a família de Richard Dymake em Scrivelsby. Richard então foi para Yorkshire e Northumberland e foi preso perto de Wakefield. Ele foi enforcado, desenhado e esquartejado perto de York com o beato William Lacey, em 22 de agosto, por negar a supremacia da rainha Elizabeth I como chefe da Igreja da Inglaterra…

Bl. William Lacey, o mártir da Inglaterra, distinguiu-se como advogado e como católico fervoroso, usando sua casa como refúgio para os católicos oprimidos da época. Após a morte de sua segunda esposa em 1579, ele deixou a Inglaterra e estudou em Reims, França, em preparação para sua eventual ordenação em Roma… William Lacey nasceu em Horton, perto de Settle, em West Riding of Yorkshire; ele era casado com a viúva de um homem da família do condado chamado Creswell e era advogado em um cargo oficial. Por muito tempo ele foi considerado um papista de coração e após a visita do Dr. (posteriormente Cardeal) William Allen ao norte da Inglaterra em 1565 essa suspeita tornou-se uma certeza. Ele quase imediatamente perdeu seu cargo e por quatorze anos foi sujeito a uma perseguição amarga, na qual sua esposa nobremente desempenhou seu papel; ele foi multado repetidamente, visitado, examinado e uma vez foi preso em Kingston-on-Hull, até que finalmente fugiu de sua casa com sua família e foi caçado de um lugar para outro.
  Por fim, a Sra. Lacey cedeu à tensão e adoeceu gravemente; isso não impediu o arcebispo de York, dr. Sandys, de tomar providências para que ela fosse presa como não-conformista, mas a boa senhora morreu primeiro. No ano seguinte, 1580, Lacey, já um homem de idade considerável, entrou como estudante em Rheims e finalmente foi para Roma, onde foi ordenado…

… Ele foi preso na prisão de York enquanto participava da cerimônia eucarística que era cantada na cela do Beato Thomas Bell. Condenado, ele foi executado em Knavesmaire, nos arredores de York, com o beato Richard Kirkman. William foi beatificado em 1886 .”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayAugust22.html

9.   Em Wor­cester, também na In­gla­terra, São João Wall, pres­bí­tero da Ordem dos Frades Me­nores e mártir, que, de­pois de ter exer­cido clan­des­ti­na­mente o mi­nis­tério pas­toral du­rante mais de vinte anos, no rei­nado de Carlos II foi sus­penso da forca e de­pois es­quar­te­jado, por causa do seu sacerdócio. († 1679).

– Ver “… São João Wall (Frei Joaquim de Sant Ana) (Chingle Hall, perto de Preston, Inglaterra1620 – Worcester, Inglaterra22 de agosto de 1679) foi sacerdote e mártir da Primeira Ordem. É venerado em 22 de agosto.[1]…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/S%C3%A3o_Jo%C3%A3o_Wall

10.   Em He­re­ford, também na In­gla­terra, no mesmo dia e ano, São João Kemble, pres­bí­tero e mártir, que, no tempo da per­se­guição, exerceu o mi­nis­tério pas­toral du­rante mais de cin­quenta anos, até que, já oc­to­ge­nário, por causa do seu sa­cer­dócio con­sumou o seu mar­tírio na forca. († 1679)

11*.   Em Óf­fida, no Pi­ceno, hoje nas Marcas, re­gião da Itália, o Beato Ber­nardo (Do­mingos Pe­róni), re­li­gioso da Ordem dos Frades Me­nores Ca­pu­chi­nhos, in­signe pela sua sim­pli­ci­dade de co­ração, ino­cência de vida e ad­mi­rável ca­ri­dade para com os pobres. († 1694)

12*.   Num barco-prisão an­co­rado ao largo de Ro­che­fort, na França, o Beato Elias Ley­marie de Laroche, pres­bí­tero e mártir, que, du­rante a Re­vo­lução Fran­cesa, in­tro­du­zido na sór­dida ga­lera e fe­roz­mente fla­ge­lado, ex­pirou con­su­mido pelas enfermidades. († 1794)

– Ver MÁRTIRES DOS HULKS DE ROCHEFORT (10 DE JUNHO)

Também conhecido como

  • Mártires dos Pontões de Rochefort
  • Mártires de La Rochelle
  • Mártires de Rochefort
  • Mártires da Prisão Hulks de Rochefort
  • Mártires dos Navios Rochefort

Perfil

Em 1790 , as autoridades revolucionárias francesas aprovaram uma lei exigindo que os padres jurassem fidelidade à constituição civil, o que efetivamente os removeria da autoridade e fidelidade a Roma. Muitos se recusaram e, em 1791 , o governo começou a deportá-los para a Guiana Francesa. 827 padres e religiosos foram presos em hulks (navios antigos não mais dignos do mar e usados ​​para armazenamento, 

prisões , hospitais etc. ) abrigar escravos ouprisioneiros . Lá eles foram basicamente ignorados até a morte , pois havia pouca provisão de comida e água, menos saneamento e nenhuma ajuda médica. 542 dos prisioneiros morreram lá.

Os sobreviventes foram libertados em 12 de fevereiro de 1795 e autorizados a voltar para suas casas. Muitos deles escreveram sobre seu tempo nos hulks, e muitos deles escreveram sobre a fé e o ministério daqueles que morreram . 64 deles foram identificados positivamente e confirmados como mortos como mártires , morrendo por sua fé –

Memorial

Mártires dos Hulks de Rochefort“. CatholicSaints.Info . 3 de dezembro de 2019. Web. 11 de agosto de 2022. < https://catholicsaints.info/martyrs-of-the-hulks-of-rochefort/ >

13♦.   Em Pe­ral­villo Bajo, perto de Ciudad Real, na Es­panha, o be­atos már­tires Nar­ciso de Es­te­naga y Echeverria, bispo, e Júlio Melgar Salgado, pres­bí­tero, ambos da di­o­cese de Ciudad Real, que, du­rante a per­se­guição re­li­giosa, con­su­maram o seu mar­tírio fu­zi­lados junto ao muro do ce­mi­tério em ódio ao sacerdócio. († 1936)

– VER “MÁRTIRES DA GUERRA CIVIL ESPANHOLA”: http://catholicsaints.info/martyrs-of-the-spanish-civil-war/

14*.   Em Sta­runya, lo­ca­li­dade do ter­ri­tório de Sta­nis­laviv, na Ucrânia, o Beato Si­meão Lukac, bispo e mártir, que, du­rante um re­gime ini­migo da fé, por ter exer­cido clan­des­ti­na­mente o mi­nis­tério pas­toral dos gregos ca­tó­licos do Rito Bi­zan­tino, pro­clamou pela sua morte fiel a glória e a honra de Cristo Se­nhor e Deus. († 1964)

– Ver Beato Simeão Lukach

Também conhecido como

  • Simeon Lukac

Memorial

Perfil

Greco-católico . Nascido em uma família de agricultores . Entrou no seminário em 1913 ; seus estudos foram interrompidos pela Primeira Guerra Mundial, mas ele se formou e foi ordenado em 1919 . Lecionou teologia moral no seminário de Ivano-Franksivsk. Acredita-se que foi secretamente ordenado bispo em abril de 1945 ; o segredo foi necessário pela perseguição soviética da Igreja . Preso por sua fé pela polícia secreta soviética em 26 de outubro de 1949 ; mantido até11 de fevereiro de 1955 . Trabalhou como padre disfarçado após sua libertação. Preso novamente em julho de 1962 . Contraiu tuberculose e morreu na prisão . Mártir .

Nascer

Morreu

Venerado

Beatificado

informação adicional

Citação MLA

15. São Fabriciano (também na Folhinha do Coração de Jesus).

– Ver São Fabrício “… É venerado na Diocese de Toledo (Espanha), seguindo a tradição do Missal “moçarábico” e do apêndice do Breviário do rito dos santos, de autoria do Cardeal Francesco Jiménez de Cisneros, feito entre 1500 e 1506.

A sua festa é celebrada na oitava da Assunção de Maria. Na Igreja de Toledo estão manuscritos e documentos a respeito dele, mas ainda pouco se sabe a respeito de seu martírio.

Memória litúrgica em 22 de agosto.”:  https://pt.wikipedia.org/wiki/S%C3%A3o_Fabr%C3%ADcio

16. Santo André de Fiésole (na Folhinha do Coração de Jesus deste dia 22 de agosto)

– Ver Santo André de Fiésole

Também conhecido como

Memorial

Perfil

Nascido na nobreza irlandesa . Irmão de Santa Brígida, a Jovem . Educado por São Donato de Fiesoli , fez uma peregrinação a Roma , Itália com ele em 816 . Quando Donato foi milagrosamente escolhido bispo de Fiesole , Itália , André foi ordenado arquidiácono . Ele serviu por 47 anos, restaurou a igreja de São Martinho e fundou um mosteiro em Mensola, Itália , onde pode ter vivido por um tempo comomonge . Ele era conhecido como “o escocês”, comum naquele dia quando se falava de alguém da Irlanda . A lenda diz que enquanto ele estava morrendo , sua irmã foi trazida para ele ao lado de sua cama por um anjo para uma despedida final. Pouco se sabe de sua vida, o que fez com que muitos escritores posteriores preenchessem os detalhes com ficção piedosa.

Nascer

Morreu

Canonizado

informação adicional

Citação MLA

– Ver dia 09 de janeiro

Ver dia 04 de fevereiro

17. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Inglaterra, no ano da graça de 690, São Sigefredo. Entrou no mosteiro de Wearmouth, recém-fundado por São Bento Biscop, onde chegou a ser eleito abade. Segundo São Beda, era muito versado nas Escrituras. (X)

18.  VER SANTAS E SANTOS DE 22 DE AGOSTO (ALGUNS DESTACADOS ACIMA):

<- OntemCalendárioAmanhã ->
Realeza de Maria (Memorial) — André de Fiesole Antusa de Selêucia Antonino de Roma Arnulfo de Eynesbury Atanásio de Tarso Bernard Perani Élie Leymarie de Laroche Ethelgitha da Nortúmbria Fabriciano de Toledo Giacomo Bianconi de Mevania Gunifort Mauro de Reims Filipe de Toledo Philip Benizi Simeon Lukach Sigfrid de Wearmouth Sinforiano de Autun Timóteo da Monticchio Timóteo de RomaMartirizado na Inglaterra John Kemble John Wall Richard Kirkman Thomas Percy William Lacey Martirizado na Guerra Civil Espanhola Andrés Vicente Helguera Muñoz Dalmau Llebaría Torné Inés Rodríguez Fernández Joan Farriol Sabaté José González Pérez José Joaquín Erviti Insausti José Maria Urruchi Ortiz Josep Roselló Sans Josep Vidal Balsells Júlio Melgar Salgado Maria de la Concepción Rodríguez Fernández Narciso de Esténaga y Echevarría Mártires de Óstia Epicteto Félix Maprilis Marcial Saturnino — Ildebrando di Bagnoregio Stefano de Fontsanta
todos esses memoriais em uma única página

20. Outras santas e santos do dia 22 de agosto: págs. 144-158, em: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2015.pdf

Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XIII – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

“E em outras partes , muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

– Sobre 22 de agosto, ver ainda: 22 de agosto – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (Na internet, foram consultadas no dia de hoje):

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia –Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 659-661: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp- content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf
  3. https://idoc.pub/queue/martirologio-romanopdf-2nv8gx23j9lk
  4. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%2 0-%201.pdf
  5. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  6. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  7. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.
  8. The Book of Saints – A Comprehensive Biographical Dictionary – Dom Basil Watkins, OSB on behalf of the Benedictine monks of St Augustine’s Abbey, Ramsgate Eighth Edition Entirely revised and reset – T&T Clark; 8ª edição (19 novembro 2015)
  9. https://www.eltestigofiel.org/index.php  
  10. https://catholicsaints.info/22-august/
  11. https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayAugust22.html#

  (Sobre os sites que mostram os santos do dia, em inglês: Tradução Google) 

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* SENHOR, NOSSO DEUS E PAI AMADO, OBRIGADO POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEM DADO E PERMITIDO VIVER!

QUERIDA MÃE VIRGEM MARIA, SOCORRA-NOS, PROTEJA-NOS!

SÃO JOSÉ, SANTAS/OS E ANJOS, INTERCEDAM POR NÓS! OBRIGADO TODOS! BENDITO SEJA DEUS PAI, FILHO E ESPÍRITO SANTO!   AMÉM!

================

* PAI AMADO, DÊ-NOS ESPÍRITO DE ORAÇÃO, VIGILÂNCIA, RENÚNCIA, PENITÊNCIA! DÊ-NOS ARDOR MISSIONÁRIO PARA E PELO SENHOR! TIRE-NOS O TORPOR E A TIBIEZA! DÊ-NOS, AMADO PAI, CORAGEM DE LUTAR COM ENTUSIASMO E FORÇA DE VONTADE, MESMO EM SITUAÇÕES SEDUTORAS, DIFÍCEIS E ESPINHOSAS, PARA ALCANÇAR AQUELA PERFEIÇÃO CRISTÃ DE BONS COSTUMES E SANTIDADE POR MEIO  DA ORAÇÃO, ESFORÇO E TRABALHO. DÊ-NOS A DOCILIDADE DAS OVELHAS! SOBRETUDO, DÊ-NOS A GRAÇA! PEDIMOS EM NOME DE JESUS, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

* MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA, ESCREVA-NOS:

barpuri@uol.com.br

================

  • SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

================

* “O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

================

Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu só lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

================

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

================

  • “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”, mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível”.

================

* 07 de janeiro ou 09 de abril – Beata Lindalva Justo de Oliveira: Toda santidade passa pelo crisol (lugar ou circunstância apropriada a evidenciar as melhores qualidades de algo ou alguém) do sofrimento

(referente à Beata Lindalva de Oliveira, conforme http://www.santosdobrasil.org.br/?system=news&eid=294)

================

* 17 de janeiro: Santo Antão ou Antônio

Oração: “Santo Antônio, você falou da importância de perseverar em nossa fé e nossa prática. Ajude-nos a acordar a cada dia com um novo zelo pela vida cristã e um desejo de enfrentar o próximo desafio em vez de apenas ficar parado. Amém!”

================

* 19 de janeiro, São Macário. “… A oração não requer muitas palavras. sobre você, você só precisa dizer: “SENHOR, TEM MISERICÓRDIA!” O Senhor sabe o que é útil para nós e nos concede misericórdia.”… “Se você deseja ser salvo, seja como um morto. Não fique com raiva quando insultado (e provocado), nem orgulhoso quando elogiado.” E ainda: “Se a calúnia (e a provocação) é como o louvor para você, a pobreza como a riqueza, a insuficiência como a abundância, então você não perecerá.“…

================

  • 04 de fevereiro, SANTO ANDRÉ CORSINI: “Ele trabalhou arduamente para subugar suas paixões por meio de humilhações extremas, obediência até mesmo à última pessoa na casa, pelo silêncio e oração (HUMILHAR-SE, OBEDECER, SILENCIAR, REZAR)”.

================

* 10 de fevereiro, SÃO JOSÉ SÁNCHEZ DEL RIO “Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio).

Ver: https://catholicsaints.info/saint-jose-sanchez-del-rio/

================

* 14 de fevereiro, SÃO JOÃO BATISTA DA CONCEIÇÃO GARCIA Ó meu

Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.” (últimas palavras de

São João Batista da Conceição Garcia).

Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

================

* 14 de março, Albert Einstein: Deus Todo-Poderoso não joga dadosDiante de Deus somos todos igualmente sábios – igualmente tolos!

================

  • 15 de março: São Clemente-Maria Hoffbauer:

Ó Meu Redentor, chegará aquele terrível momento em que restarão poucos cristãos inspirados pelo espírito de fé, aquele momento em que Sua indignação será provocada e Sua proteção será tirada de nós? Nossos vícios e nossas vidas más moveram irrevogavelmente Sua justiça a se vingar, talvez neste mesmo dia, de Seus filhos para não deixar que a luz da fé se apague nas almas? “Lembre das antigas misericórdias, volta os olhos compassivos para a vinha plantada com a sua destra, regada pelas lágrimas dos Apóstolos, pelo sangue precioso de inúmeros mártires, e fecundada pelas orações de tantos confessores e virgens inocentes.

“Ó divino Mediador, olhe para aquelas almas zelosas que elevam seus corações ao Senhor e oram sem cessar pela manutenção desse seu dom mais precioso, a Verdadeira Fé. Mantenha-nos seguros na verdadeira fé católica e romana. Preserve-nos em sua santa fé, pois se formos ricos com este dom precioso, suportaremos com prazer todas as tristezas e nada poderá mudar nossa felicidade. Sem este grande tesouro da fé, nossa       infelicidade seria indizível e sem limites.

“Ó Bom Jesus, Autor da nossa fé, conservai-a pura em nós; guardai-nos na barca de Pedro, fiel e obediente ao seu sucessor, e Vosso vigário aqui na terra, para que se mantenha a unidade da santa Igreja, a santidade promovida, a Santa Sé protegida em liberdade e a Igreja universal estendida em benefício das almas.

“Ó Jesus, Autor da nossa fé, humilha e converte os inimigos da Sua Igreja; conceda verdadeira paz e concórdia a todos os reis e príncipes cristãos e a todos os crentes; fortalece-nos e preserva-nos no Seu santo serviço até ao fim, para que vivamos com o Senhor e morramos no Senhor. “Ó Jesus, Autor de nossa fé, deixe-nos viver pelo Senhor e morrer pelo Senhor. Amém.”

================

  • 15 de março, SANTA LUÍSA DE MARILLAC “… SEDE DILIGENTES NO SERVIÇO AOS POBRES . . . AMEM OS POBRES, HONREM-NOS, MEUS FILHOS, COMO VOCÊS HONRARIAM O PRÓPRIO CRISTO”

================

  • 21 de março, SÃO NICOLAU DE FLUE: “Salve, ó Mãe de toda pureza, virgem imaculada, Mãe de toda misericórdia e Mãe de nosso Salvador; venho rogar-lhe que interceda por um pobre pecador junto ao Seu Divino Filho, para que me conceda Sua santa Graça. O inimigo implacavelmente me persegue e me ataca. Você uma vez esmagou a cabeça da serpente ao dar à luz nosso Salvador – ajude-me a superar suas artimanhas e enganos. Você é meu refúgio. Por que você me afastaria? …

Não, ó Virgem graciosa! Você virá em meu socorro e o inimigo será derrotado. Amém! “São Nicolau relatou que nunca invocou Maria em vão e que sempre sentiu visivelmente os efeitos de sua proteção.”

================

  • 21 de março, SÃO SERAPIÃO DE THMUIS A mente é purificada pelo conhecimento espiritual (ou pela santa meditação e oração), as paixões espirituais da alma pela caridade e os apetites irregulares pela abstinência e penitência… (regra resumida da perfeição cristã – que São Serapião repetia muitas vezes) … “Nossos corpos podem se tornar instrumentos do bem ou do mal, dependendo da disposição do coração; tanto os homens justos quanto os ímpios são frequentemente mudados para o outro tipo.” http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch21.html#370_St._Serapion_th e_Scholastic_Bishop)

================

  • 05 de abril, SÃO VICENTE FERRER “Faça o que fizer, não pense em si mesmo, mas em Deus…

Você deseja estudar a seu favor? Deixe a devoção acompanhar todos os seus estudos, e estude menos para se tornar um sábio do que para se tornar um santo.

Consulte a Deus mais do que seus livros, e peça-Lhe, com humildade, que faça você entender o que lê.

O ESTUDO CANSA E ESGOTA A MENTE E O CORAÇÃO. VÁ DE VEZ EM QUANDO, PARA REFRESCÁ-LOS, AOS PÉS DE JESUS CRISTO SOB SUA CRUZ. REPOUSE ALI.

Alguns momentos de repouso em suas chagas sagradas dão novo vigor e novas luzes.

Aplique-se por orações curtas, mas fervorosas e jaculatórias. Nunca comece ou termine seu estudo, sem ser pela oração.

A ciência é um dom do Pai das luzes“.

================

* 06 de abril: São Zeferino Agostini

Fundou a Pia União das Irmãs Devotas de Santa Ângela Merici…

Dizia a elas: “Não se assustem com o trabalho ou o sofrimento, nem com o fruto escasso de seu trabalho. Lembrem-se de que Deus recompensa não pelos resultados, mas pelo esforço.” (L’Observattore Romano).

Ele sabia que sua primeira prioridade era desenvolver seu relacionamento com Deus por meio da oração pessoal, porque Deus era a fonte de sua alegria e poder para fazer o bem…

================

*12 de abril: São David Uribe

“Perdoo todos os meus inimigos e peço a Deus e a quem ofendi que me perdoe.” -da última vontade e testamento de Saint David

PAI AMADO, QUE ESTA SEJA A MINHA (NOSSA) VONTADE E MEU (NOSSO) TESTAMENTO! AMÉM!

===============

* 21 de maio, PADRE MANOEL E COROINHA ADÍLIO “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio)

================

  • 20 DE ABRIL: PROJETO DE VIDA DE SÃO CONRADO DE PARZHAM

“MEU PROJETO DE VIDA É PRINCIPALMENTE ESTE: amar e sofrer, sempre meditando, adorando e admirando o amor indizível de Deus por suas criaturas mais humildes.”

RESOLUÇÕES DE SÃO CONRADO DE PARZHAM:

  • Resolvo em primeiro lugar permanecer continuamente na presença de Deus e perguntar-me frequentemente se faria isto ou aquilo se meu confessor ou superior estivesse me observando e principalmente se Deus e meu anjo da guarda estivessem presentes.
  • Resolvo me perguntar, sempre que tenho que encontrar cruzes de sofrimento: “Conrad, por que você veio aqui?”
  • Resolvo evitar sair do convento, na medida do possível, a menos que seja por amor ao próximo, obediência, motivos de saúde, peregrinação piedosa ou outra boa causa.
  • Resolvo fomentar a caridade fraterna em mim e nos outros. Portanto, resolvo tomar cuidado para nunca dizer uma palavra

indelicada. Resolvo suportar pacientemente os defeitos e as fraquezas dos outros e, na medida do possível, escondê-los com o manto da caridade, a menos que seja obrigado a manifestá-los a alguém que possa corrigi-los.

  • Resolvo observar o silêncio conscientemente. Resolvo falar brevemente e assim evitar muitas armadilhas e ser mais capaz de conversar com Deus.
  • Quando à mesa, resolvo colocar-me na presença de Deus o máximo que puder, permanecer recolhido e deixar de lado meus pratos favoritos para praticar uma forma oculta de mortificação. Resolvo não comer entre as refeições, a menos que seja ordenado a fazê-lo sob obediência.
  • Resolvo atender ao primeiro toque da campainha, a menos que seja legitimamente impedido.
  • Resolvo evitar, na medida do possível, conversar com o sexo oposto, a menos que a obediência me imponha deveres que tornem necessário falar com mulheres. Nesse caso, resolvo ser muito reservado e manter a guarda dos olhos.
  • Resolvo cumprir as ordens pontualmente e ao pé da letra. Resolvo especialmente fazer todos os esforços para conquistar minha própria vontade em todas as coisas.
  • Resolvo me forçar a prestar muita atenção aos pequenos detalhes e, na medida do possível, evitar todas as imperfeições. Resolvo observar fielmente a santa regra e não me afastar dela um fio de cabelo, aconteça o que acontecer.
  • Resolvo cultivar uma profunda devoção à Bem-Aventurada Virgem Maria e me esforçar para imitar suas virtudes.

UMA COMUNHÃO ESPIRITUAL, À NOITE, DE SÃO CONRADO DE PARZHAM

“Vim para passar alguns momentos contigo, ó Jesus, e em espírito me prostro no pó diante do Teu Santo Tabernáculo para adorar-Te, meu Senhor e Deus, na mais profunda humildade. Mais uma vez, um dia chegou ao fim, querido Jesus, outro dia que me aproxima da sepultura e do meu amado lar celestial. Mais uma vez, ó Jesus, meu coração anseia por Ti, o verdadeiro Pão da Vida, que contém toda doçura e prazer. Ó meu Jesus, perdoa-me misericordiosamente pelas faltas e ingratidão deste dia, e vem a mim para refrescar o meu pobre coração que anseia por Ti. Como o coração anseia pelas águas, como a terra seca anseia pelo orvalho do céu, assim meu pobre coração anseia por Ti, Tu Fonte da Vida. Eu Te amo, ó Jesus, espero em Ti, Te amo, e por Ti lamento sinceramente todos os meus pecados. Que Tua paz e Tua bênção sejam minhas agora e sempre e por toda a eternidade. Um homem.”

================

  • 28 DE ABRIL, SÃO LUÍS MARIA GRIGNION DE MONTFORT. Algumas máximas… “…Você é verdadeiramente abençoado se o mundo o persegue injustamente, opondo-se a seus desígnios, por melhores que sejam, julgando mal suas intenções, caluniando sua conduta, roubando injustamente sua reputação ou sua riqueza.

Cuida, então, minha filha (meu filho), de não reclamar a ninguém, a não ser a mim, dos maus-tratos que você está sendo tratado, e de buscar meios de se justificar quando, em particular, é só você que sofre com isso…

Pelo contrário, reza por aqueles que te trazem a felicidade da perseguição…

Agradeça-me por tratarem-no como fui tratado na terra, sendo um sinal de contradição…

Não desanime em suas boas intenções, por causa da contradição; é uma marca de vitória futura; uma boa obra que não está marcada com o sinal da cruz, não tem grande valor diante de mim e em breve será destruída”. Conforme: https://catholicsaints.info/saint-louis-marie-grignion-de-montfort/

================

  • 29 DE ABRIL: SANTA CATARINA DE SENA:

«Por misericórdia Vós lavastes-nos no Sangue e por misericórdia desejastes dialogar com as criaturas. Ó Louco de amor! Não vos foi suficiente encarnar, mas também quisestes morrer! …»

================

* 31 de maio: NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

Lembrai-vos, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração, do poder inefável que vosso divino filho vos concedeu sobre seu Coração adorável.

Com a maior confiança em vossos merecimentos, vimos
implorar a vossa proteção.
Vós sois celeste Tesoureira do Coração de Jesus, daquele coração que é o
manancial inexaurível de todas as graças e que podeis abrir a vosso
bel prazer para fazer descer sobre os homens todos os tesouros de amor e
misericórdia, de luz e salvação que Ele encerra;

concedei-nos, vo-lo pedimos, os favores que suplicamos (fazer o pedido).
Sois nossa Mãe, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração.

Acolhei benignamente as nossas preces e dignai-vos a deferi-las.

Amém!
Nossa Senhora do Sagrado Coração, rogai por nós!

(conf.https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_do_Sagrado_Cora%C3%A7%C3%A3o)

================

  • 31 de maio, São NICOLAS BARRÉ, citações:
  • ACONTEÇA O QUE ACONTECER, ESTEJA SEMPRE EM PAZ E CONFIE EM DEUS, ISSO SERÁ FEITO A VOCÊ DE ACORDO COM SUA FÉ, SUA ESPERANÇA E SUA CARIDADE E MUITO MAIS. » Carta 61 (OC p 538) – Máxima de conduta para as amantes número 21 obras completas p.128
  • “DEVEMOS NOS CONCENTRAR MAIS EM ESTABELECER O BEM AO INVÉS DE DESTRUIR O MAL. ESTABELECIDO O BEM, O MAL NÃO PODERÁ MAIS SUBSISTIR. » Máxima para a Direção das Almas 17 Obras Completas p.357
  • “QUANTO MAIS ESTAMOS UNIDOS A DEUS, MAIS RECEBEMOS FORÇA DE ESPÍRITO E INFLUÊNCIA, POIS ELE É SUA FONTE E

OCEANO”. – Carta 27 (OC p 457)

================

* 08 DE JUNHO (09 de junho): SANTO EFRÉM

“As virtudes são formadas pela oração. A oração preserva a temperança. A oração suprime a raiva. A oração previne emoções de orgulho e inveja. A oração atrai para a alma o Espírito Santo e eleva o homem ao céu– Santo Efrém

Lembrem-se de mim, vocês, herdeiros de Deus, irmãos de Cristo; suplicai fervorosamente ao Salvador por mim, para que eu seja liberto por meio de Cristo daquele que luta contra mim dia a dia– Santo Efrém, O Medo no Fim da Vida

Vós, mártires vitoriosos , que suportastes com alegria os tormentos por amor de Deus e Salvador, vós que tendes ousadia de falar para com o próprio Senhor, vós santos, intercedei por nós, homens tímidos e pecadores, cheios de preguiça, para que a graça de Cristo venha sobre nós e ilumine os corações de todos nós para que possamos amá-lo– Santo Efrém, de Comentário sobre Marcos

Senhor, derrama sobre nossas almas obscurecidas a luz brilhante de tua sabedoria para que possamos ser iluminados e servi-lo com pureza renovada. O nascer do sol marca a hora para os homens começarem sua labuta, mas em nossas almas, Senhor, prepare uma morada para o dia que nunca terminará. Através do nosso zelo incessante por você, Senhor, coloca sobre nós o sinal do Seu dia que não é medido pelo sol. Em Seu sacramento, todos os dias O abraçamos e O recebemos em nossos corpos; torna-nos dignos de experimentar a ressurreição pela qual esperamos. Ensina-nos a encontrar a nossa alegria a Seu favor! Salvador, sua crucificação marcou o fim de sua vida mortal; ensina-nos a crucificar-nos e a abrir caminho para a nossa vida no Espírito– de um sermão de Santo Efrém”

================

* 13 DE JUNHO: SANTO ANTÔNIO DE PÁDUA

“…. António de Pádua, ou de Lisboa como é conhecido, definiu a oração «como uma relação de amor, que leva o homem ao diálogo o Senhor”, e descreveu quatro “atitudes” que devem caracterizá-la: “(1) abrir com confiança o nosso coração a Deus, (2) conversar afetuosamente com Ele, (3) apresentar-lhe as nossas necessidades, (4) dar-lhe louvor e gratidão…” Conforme:

http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune13.html#1231_St._Anthony_or_Antonio_Of_Padua_a

================

* 21 DE JUNHO: SÃO LUÍS GONZAGA

“Não há sinal mais evidente de que alguém é santo e do número dos eleitos, do que vê-lo levando uma vida boa e ao mesmo tempo vítima de desolação, sofrimento e provações”– São Luís Gonzaga

“Aquele que deseja amar a Deus não o ama verdadeiramente se não tiver um desejo ardente e constante de sofrer por Ele”– São Luís Gonzaga

“Ó Santa Maria! Minha mãe; em tua bendita confiança e custódia especial, e no seio de tua misericórdia, eu neste dia, e todos os dias, e na hora de minha morte, entrego minha alma e meu corpo. A ti entrego todas as minhas ansiedades e dores, minha vida e o fim de minha vida, para que por tua santíssima intercessão e por teus méritos, todas as minhas ações sejam dirigidas e governadas por tua vontade e a de teu Filho– São Luís Gonzaga

“Que o conforto e a graça do Espírito Santo sejam seus para sempre, honrada senhora. Sua carta me encontrou ainda nesta região dos mortos, mas agora devo me levantar para finalmente fazer meu caminho para o céu e louvar a Deus para sempre na terra dos vivos; na verdade, eu esperava que antes dessa época minha viagem tivesse terminado. Se a caridade, como diz São Paulo, significa “chorar com os que choram e alegrar-se com os que se alegram”, então, querida mãe, você se alegrará muito que Deus em sua graça e seu amor por você está me mostrando o caminho para a verdadeira felicidade e me assegurando que nunca o perderei. Cuide-se acima de tudo, honrada senhora, para não insultar a infinita bondade de Deus; você certamente faria isso se lamentasse como morto um vivo face a face com Deus , alguém cujas orações podem lhe trazer em seus problemas uma ajuda mais poderosa do que jamais poderiam na terra. E nossa separação não será por muito tempo; nos veremos novamente no céu; estaremos unidos com nosso Salvador; lá o louvaremos de coração e alma, cantaremos suas misericórdias para sempre e desfrutaremos da felicidade eterna”– de uma carta à mãe de São Luís Gonzaga

Ó Deus, doador de dons celestiais, que em São Luís Gonzaga uniu a penitência a uma maravilhosa inocência da vida, concede por seus méritos e intercessão que, embora não o tenhamos seguido na inocência, possamos imitá-lo na penitência. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que vive e reina convosco na unidade do Espírito Santo, um só Deus, pelos séculos dos séculos– coleta para a memória litúrgica de São Luís Gonzaga

Citação MLA

================

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO: “Meios de se preparar para uma boa morte: na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado…” Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém! http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

================

27 de junho: NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO

Em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. Amém!

Ó Mãe do Perpétuo Socorro, nós vos suplicamos, com toda a força do nosso coração, amparar a cada um de nós em Vosso colo materno, nos momentos de insegurança e sofrimento.

Que o Vosso olhar esteja sempre atento, para não nos deixar cair em tentação e, que em vosso silêncio, aprendamos a aquietar nosso coração e fazer a vontade do Pai.

Intercedei junto a Ele pela paz no mundo e por nossas famílias.

Abençoai todos os Vossos filhos e filhas enfermos.

Iluminai nossos governantes e representantes para que sejam sempre servidores do grande povo de Deus.

Concedei-nos, ainda, muitas e santas vocações religiosas, sacerdotais e missionárias para a maior difusão do Reino de Vosso Filho Jesus Cristo. Enfim, derramai no coração dos Vossos filhos e filhas a Vossa bênção de amor e misericórdia. Sede sempre o nosso Perpétuo Socorro na vida e, principalmente, na hora da morte.

Amém.

Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, rogai por nós!

================

* 15 de julho: SÃO BOAVENTURA

A oração é, portanto, a fonte e a origem de todo caminho ascendente em direção a Deus. Que cada um de nós, então, volte-se para a oração e diga ao nosso Senhor Deus: ‘Guia-me, Senhor, no teu caminho, para que eu possa andar na tua verdade.’ “

Cristo é tanto o caminho quanto a porta. Cristo é a escada e o veículo, como o “trono da misericórdia sobre a Arca da Aliança” e “o mistério oculto dos séculos”. 

Um homem deve voltar toda a sua atenção para este trono de misericórdia, e deve olhar para ele pendurado na cruz, cheio de fé, esperança e caridade, devoto, cheio de admiração e alegria, marcado pela gratidão e aberto ao louvor e júbilo. 

Então, tal homem fará com Cristo uma “pasch”, {uma páscoa} isto é, uma passagem. Pelos ramos da cruz ele passará o Mar Vermelho, deixando o Egito e entrando no deserto. Lá ele provará o maná escondido e descansará com Cristo no sepulcro, como se estivesse morto para as coisas de fora. Ele experimentará, tanto quanto for possível para quem ainda vive, o que foi prometido ao ladrão pendurado ao lado de Cristo: “Hoje você estará comigo no paraíso”.

================

* 19 DE JULHO: SANTO AMBROSIO AUTPERTO:

…ressaltando a prioridade que em cada busca teológica da verdade compete ao amor, ele dirige-se a Deus com estas palavras:Quando por nós és perscrutado intelectualmente, não és descoberto como és realmente; quando és amado, és alcançado“.

================

* 30 DE JULHO: SÃO PEDRO CRISÓLOGO

Ouça o apelo de Deus: Em mim, quero que você veja seu próprio corpo, seus membros, seu coração, seus ossos, seu sangue. Você pode temer o que é divino, mas por que não amar o que é humano? Você pode fugir de mim como o Senhor, mas por que não correr para mim como seu pai? Talvez você esteja cheio de vergonha por causar minha amarga paixão. Não tenha medo. Esta cruz inflige um dano mortal, não em mim, mas na morte. Esses pregos não me doem mais, mas apenas aprofundam meu amor por você. Eu não clamo por causa dessas feridas, mas através delas eu o atraio para o meu coração. Meu corpo foi esticado na cruz como um símbolo, não do quanto eu sofri, mas do meu amor abrangente. Não considero menos que derramar meu sangue: é o preço que paguei pelo seu resgate. Venha, então, volte para mim e aprenda a me conhecer como seu pai, que retribui o mal com o bem, a injúria com o amor e a caridade sem limites nas feridas penetrantes”.

… Ouça agora o que o Apóstolo nos exorta a fazer. Apelo a vocês, diz ele, para que apresentem seus corpos como sacrifício vivo. Por esta exortação dele, Paulo elevou todos os homens ao status sacerdotal. Quão maravilhoso é o sacerdócio do cristão, pois ele é tanto a vítima que é oferecida em seu próprio nome, quanto o sacerdote que faz a oferta. Ele não precisa ir além de si mesmo para buscar o que deve imolar a Deus: consigo mesmo e em si mesmo traz o sacrifício que deve oferecer a Deus por si mesmo. A vítima permanece e o padre permanece, sempre um e o mesmo. Imolada, a vítima ainda vive: o padre que imola não pode matar. Verdadeiramente é um sacrifício incrível em que um corpo é oferecido sem ser morto e sangue é oferecido sem ser derramado. 

O Apóstolo diz: Apelo-vos, pela misericórdia de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo. Irmãos, este sacrifício segue o padrão do sacrifício de Cristo pelo qual ele deu seu corpo como imolação viva pela vida do mundo. Ele realmente fez do seu corpo um sacrifício vivo, porque, embora morto, continua a viver. Em tal vítima, a morte recebe seu resgate, mas a vítima permanece viva. A própria morte sofre o castigo. É por isso que a morte para os mártires é realmente um nascimento, e seu fim um começo. Sua execução é a porta para a vida, e aqueles que se pensava terem sido apagados da terra brilham brilhantemente no céu. Paulo diz: Rogo-vos, pela misericórdia de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo e santo. O profeta disse a mesma coisa: Sacrifício e oferta não quiseste, mas preparaste um corpo para mim. Cada um de nós é chamado a ser um sacrifício a Deus e ao seu sacerdote. Não perca o que a autoridade divina lhe confere. Vista as vestes da santidade, cinge-se com o cinto da castidade. Deixe Cristo ser seu capacete, deixe a cruz em sua testa ser sua proteção infalível. Sua couraça deve ser o conhecimento de Deus que ele mesmo lhe deu. Continue queimando continuamente o cheiro doce do incenso da oração. Pegue a espada do Espírito. Deixe seu coração ser um altar. Então, com plena confiança em Deus, apresente seu corpo para o sacrifício. Deus não deseja a morte, mas a fé; Deus não tem sede de sangue, mas de auto entrega; Deus é apaziguado não pela matança, mas pela oferta de seu livre arbítrio. – de um sermão de São Pedro Crisólogo…”: https://catholicsaints.info/saint-peter-chrysologus/

================

* 31 DE JULHO: SANTO INÁCIO DE LOYOLA

“Se Deus faz com que você sofra muito, é sinal de que Ele tem grandes desígnios para você, e que certamente pretende fazer de você um santo. E se você deseja se tornar um grande santo, peça a Ele que lhe dê muitas oportunidades de sofrimento; pois não há lenha melhor para acender o fogo do amor santo do que a lenha da cruz, que Cristo usou para Seu próprio grande sacrifício de caridade sem limites…”

================

* 01 DE AGOSTO: SANTO AFONSO MARIA DE LIGÓRIO

“Eu o amo, Jesus meu amor, eu o amo mais do que a mim mesmo. Arrependo-me de todo o coração por tê-lo ofendido. Nunca permita que eu me separe de você novamente. Que eu o ame sempre, e então faça comigo o que quiser” … Santo Afonso Ligório

Santíssima e Imaculada Virgem! Ó minha Mãe! Tu que és a Mãe do meu Senhor, a Rainha do mundo, a advogada, a esperança e o refúgio dos pecadores! Eu, o mais miserável entre eles, agora venho a ti. Eu te adoro, grande Rainha, e te dou graças pelos muitos favores que me concedeste no passado; acima de tudo, agradeço-te por me ter salvado do inferno, que tantas vezes merecia. Amo-te, Senhora mais digna de todo amor, e, pelo amor que te carrego, prometo sempre no futuro servir-te e fazer o que me cabe para ganhar outros para o teu amor. Em ti ponho toda a minha confiança, toda a minha esperança de salvação. Recebe-me como teu servo e cobre-me com o manto da tua proteção, tu que és a Mãe de misericórdia! E visto que tens tanto poder com Deus, livra-me de todas as tentações, ou pelo menos obtenha para mim a graça de sempre superá-los. De ti peço um verdadeiro amor de Jesus Cristo e a graça de uma morte feliz. Ó minha Mãe! Por teu amor a Deus, suplico-te que sejas meu ajudante em todos os momentos, mas sobretudo no último momento de minha vida. Não me deixes até que me vejas seguro no céu, lá por séculos sem fim para te abençoar e cantar teus louvores. Tal é a minha esperança. Um homem. – Santo Afonso Ligório

Deus diz a cada um de nós: “Dá-me o teu coração, isto é, a tua vontade”. Nós, por nossa vez, não podemos oferecer nada mais precioso do que dizer: “Senhor, toma posse de nós; damos-te toda a nossa vontade; faça-nos entender o que você deseja de nós, e nós o realizaremos”. Se quisermos dar plena satisfação ao coração de Deus, devemos trazer nossa própria vontade em tudo em conformidade com a dele; e não apenas em conformidade, mas também em uniformidade, no que diz respeito a tudo o que Deus ordena. A confirmação significa a união de nossa própria vontade com a vontade de Deus; mas a uniformidade significa, além disso, fazer do divino e da nossa vontade uma só vontade, de modo que nada desejamos senão o que Deus deseja, e sua vontade se torna a nossa. Esta é a soma e a substância daquela perfeição à qual devemos sempre aspirar; este deve ser o objetivo de tudo o que fazemos e de todos os nossos desejos, meditações e orações. Para isso, devemos invocar a assistência de todos os nossos santos padroeiros e nossos anjos da guarda e, sobretudo, de nossa divina mãe Maria , que foi a santa mais perfeita, porque abraçou mais perfeitamente a vontade divina…” – Santo Afonso Ligório, de O amor redentor de Cristo

================

* 04 DE AGOSTO: SÃO JOÃO MARIA VIANNEY

Meus filhinhos, reflitam nestas palavras: o tesouro do cristão não está na terra, mas no céu. Nossos pensamentos, então, devem ser direcionados para onde está nosso tesouro. Este é o glorioso dever do homem: orar e amar. Se você orar e amar, é aí que reside a felicidade de um homem. A oração nada mais é do que a união com Deus. Nesta união íntima, Deus e a alma estão fundidos como dois pedaços de cera que ninguém pode separar. Essa união de Deus com uma pequena criatura é uma coisa adorável. É uma felicidade além da compreensão. 

Meus filhinhos, seus corações, são pequenos, mas a oração os estica e os torna capazes de amar a Deus. Através da oração recebemos um antegozo do céu e algo do paraíso desce sobre nós. A oração nunca nos deixa sem doçura. É o mel que flui nas almas e torna todas as coisas doces. 

Quando oramos corretamente, as tristezas desaparecem como a neve diante do sol. Alguns homens mergulham tão profundamente na oração como peixes na água, porque se entregam totalmente a Deus. Oh, como amo essas nobres almas! Como somos diferentes deles! Quantas vezes chegamos à igreja sem ideia do que fazer ou do que pedir. E, no entanto, sempre que vamos a qualquer ser humano, sabemos muito bem por que vamos. E ainda pior, há alguns que parecem falar com o bom Deus assim: “Eu só direi algumas coisas para você, e então me livrarei de você”. Muitas vezes penso que, quando viermos adorar ao Senhor, receberemos tudo o que pedirmos, se pedirmos com fé viva e com o coração puro.

– das instruções catequéticas de São João Maria Vianney

================

08 DE AGOSTO: SÃO DOMINGOS DE GUSMÃO

“Um homem que governa suas paixões é senhor de seu mundo. Ou as comandamos sou somos escravizados por elas. É melhor ser um martelo do que uma bigorna” (São Domingos de Gusmão)

================

* 11 DE AGOSTO: SANTA CLARA DE ASSIS

“Vá em paz, pois você seguiu o bom caminho. Vá sem medo, pois aquele que te criou te fez santo, sempre te protegeu e te ama como uma mãe… Bendito sejas tu, meu Deus, por me ter criado”. – Santa Clara de Assis

================

            * 12 DE AGOSTO: SANTA JOANA DE CHANTAL

“… Os mártires de amor sofrem dores mil vezes mais agudas conservando a vida para cumprir a vontade de Deus, do que se tivessem de dar mil vidas para testemunhar a sua fé, o seu amor e a sua fidelidade

 MANTENHA SEUS OLHOS EM DEUS E DEIXE-O FAZER PARA ELE… ISSO É TUDO COM O QUE VOCÊ TEM QUE SE PREOCUPAR”. – Santa Joana de Chantal

================

* 14 DE AGOSTO: SÃO MAXIMILIANO KOLBE

“… AVE-MARIA!”:  esta foi a última invocação que brotou dos lábios de São Maximiliano Kolbe, estendendo o braço àquele que o matava com uma injeção de ácido fénico. É comovedor constatar que o recurso humilde e confiante a Nossa Senhora é sempre manancial de coragem e de serenidade. Enquanto nos preparamos para celebrar a solenidade da Assunção, que é uma das festas marianas mais queridas à tradição cristã, renovamos a nossa confiança naquela que, do Céu, vigia com amor maternal sobre nós em todos os momentos. Com efeito, é assim que rezamos na familiar prece da Ave-Maria, pedindo-lhe que interceda por nós “agora e na hora da nossa morte”…(Papa Bento XVI, na Audiência Geral de 13 de agosto de 2008): https://www.vatican.va/content/benedict-xvi/pt/audiences/2008/documents/hf_ben-xvi_aud_20080813.html

================

18 DE AGOSTO: BEM-AVENTURADO AIMON TAPARELI

A salvação consiste em servir a Deus; tudo o mais é ilusão.” 

================

* SÃO JOÃO EUDES: 19 DE AGOSTO

O nosso desejo, o nosso objetivo e a nossa principal preocupação deve ser formar Jesus em nós e fazer com que seu espírito, sua devoção, seus afetos, seus desejos e suas disposições reinem em nossos corações. Toda a nossa vida religiosa deve tender para isso. Tal é a tarefa que Deus nos confiou para que nela trabalhemos constantemente

================

* 20 DE AGOSTO: SÃO BERNARDO DE CLARAVAL

Nos perigos, nas dúvidas, nas dificuldades, PENSE EM MARIA , INVOQUE MARIA . Não deixe o nome dela sair de seus lábios, nunca permita que ele saia de seu coração. E para que você possa obter a ajuda de sua oração, não deixe de seguir seus passos. Com ela como guia, você nunca se desviará; ao invocá-la, você nunca desanimará; enquanto ela estiver em sua mente, você estará a salvo do engano; enquanto ela segura sua mão, você não pode cair; sob a proteção dela você não tem nada a temer; se ela andar na sua frente, você não se cansará; se ela lhe mostrar favor, você alcançará a meta– São Bernardo de Claraval

================

* 21 DE AGOSTO: SÃO PIO X

Nasci pobre, vivi pobre e desejo morrer pobre

================

  • 15 de setembro, SANTA CATARINA DE GÊNOVA:

“… a oração por um ente querido é, para o crente, uma forma de apagar qualquer distância, até mesmo a morte. Em oração, permanecemos na presença de Deus na companhia de alguém que amamos, mesmo que essa pessoa tenha morrido antes de nós

Não devemos transformar o purgatório em um campo de concentração em chamas à beira do inferno – ou mesmo em um ‘inferno por um curto período’. É uma blasfêmia pensar nisso como um lugar onde um Deus mesquinho cobra a última libra – ou grama – de carneSanta Catarina de Gênova (Festa dia 15 de setembro, mística do século 15), escreveu ‘fogo’ do purgatório é o amor de Deus ‘queimando’ a alma para que, por fim, a alma esteja totalmente em chamas. É a dor de querer ser feito totalmente digno de Alguém que é visto como infinitamente amável, A DOR DO DESEJO DE UNIÃO que agora está absolutamente assegurada, mas ainda não completamente experimentada

(Leonard Foley, OFM, Crendo em Jesus) …”:

================

* 21 de outubro, SANTO AGATÃO “… Não há nada mais difícil do que a oração, pois não há esforços que os demônios não façam para interromper este poderoso meio de os desanimar

================

*        27 de outubro SANTO ABRAÃO, ERMITÃO “… A PAIXÃO VIVE; APENAS ESTÁ REPRIMIDA… ESTÁ APENAS PRESA… AS PAIXÕES VIVEM, APENAS SÃO REPRIMIDAS PELOS SANTOS (COM A GRAÇA DE DEUS!) …”. SANTAS E SANTOS, INTERCEDAM POR NÓS PARA QUE POSSAMOS REPRIMIR AS PAIXÕES! PAI AMADO, DÊ-NOS A GRAÇA DE REPRIMIR AS PAIXÕES! SANTO

ABRAÃO, ROGUE POR NÓS! AMÉM!”, conforme páginas 52-53: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2019.pdf

================

* ORAÇÃO DO ANO DE SÃO JOSÉ “PATRIS CORDE”

Salve, guardião do Redentor e esposo da Virgem Virgem Maria!

A vós, Deus confiou o seu Filho;

em vós Maria depositou a sua confiança;

  convosco, Cristo tornou-Se homem.

Ó Bem-aventurado José, mostrai-vos pai

também para nós e guiai-nos no caminho da vida.

Alcançai-nos graça, misericórdia e coragem e coragem,

e defendei-nos de todo o mal. Amém!

(Conforme < https://radio.cancaonova.com/sao-jose-do-rio-preto/oracao-ano- de-sao-jose/ >)

================

” Santo não é aquele que não cai, santo é aquele que mesmo caindo não desiste de levantar” (São João Paulo II)

================

* PAI, ABRACE-NOS!

JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO!

DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS ENCHA E NOS UNA NO AMOR!

MÃEZINHA MARIA, CUIDE DE NÓS!

SÃO JOSÉ, SANTAS, SANTOS E ANJOS, ROGUEM POR NÓS! POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

  • Após Deus, o Pai amado, chamar minha amada esposa e companheira por 38 anos, 9 meses e oito dias, em 24.09.2017, descobri:
    • Posso comunicar com a minha Frô, pela ORAÇÃO;
    • Posso VER, ESCUTAR, SENTIR a FRÔ (transformada, sem dores, linda, maravilhosa) em meu ser;
    • Ela está vivendo nos braços de Deus (bondosos, vigorosos);
    • Um dia vamos estar juntos;
    • Quando Deus me chamar, quero levar coisas boas para o banquete celeste (contrição … obediência ao que Jesus mandou: amor a Deus e ao próximo. Jo 15,14.17)…

Dê-nos essa Graça, Pai amado! Dê-nos A GRAÇA! AMÉM! Obrigado, Senhor, por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

                                                         ================                                  

“Senhor, eu tenho fé. Ajude-me a ter mais fé ainda!” (Mc 9,24)

================

“Coração de meu Jesus, doce e terno alanceado, seja o meu no vosso amor, cada vez mais abrasado”

JESUS MANSO E HUMILDE DE CORAÇÃO, FAZ O MEU CORAÇÃO SEMELHANTE AO SEU! OBRIGADO JESUS! BENDITO SEJA O SENHOR! AMÉM!

“Doce coração de Maria, sede a nossa salvação”

ME LEVA A JESUS, MÃE! ME ADOTA E À FAMÍLIA, MÃE! OBRIGADO!

================

* Veja o blog: https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.