Santas e Santos de 04 de abril

Santo Isi­doro, bispo e doutor da Igreja, que foi dis­cí­pulo de seu irmão São Le­andro e lhe su­cedeu na sede epis­copal de Se­vilha, na His­pânia Bé­tica. Es­creveu muitas obras de grande eru­dição, reuniu e di­rigiu vá­rios con­cí­lios e tra­ba­lhou com exímia sa­be­doria e zelo pela fé ca­tó­lica e pela ob­ser­vância da dis­ci­plina eclesiástica. († 636)

– Ver também págs. 75-77: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%206.pdf

2.   Em Tes­sa­ló­nica, na Ma­ce­dónia, ac­tu­al­mente na Grécia, os santos már­tires Aga­tó­podo, diá­cono, e Teó­dulo, leitor, que, pela sua con­fissão da fé cristã, sob o re­gime do im­pe­rador Ma­xi­miano, por ordem do pre­feito Faus­tino foram lan­çados ao mar com uma pedra atada ao pescoço. († s. IV in.)

– Ver também págs. 82-83: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%206.pdf

3.   Em Milão, na Li­gúria, hoje na Lom­bardia, re­gião da Itália, o se­pul­ta­mento de Santo Am­brósio, bispo, que no dia de Sá­bado Santo foi ao en­contro de Cristo triun­fante. A sua me­mória ce­lebra-se a sete de De­zembro, dia da sua ordenação. († 397)

4.   Em Cons­tan­ti­nopla, hoje Is­tambul, na Tur­quia, São Platão (também na Folhinha do Coração de Jesus), hegú­meno, que com­bateu du­rante vá­rios anos os opo­si­tores ao culto das sa­gradas ima­gens e com seu so­brinho São Te­o­dósio Stu­dita ins­ti­tuiu o cé­lebre mos­teiro de Stúdion. († 814)

– Ver também págs. 78-81: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%206.pdf

5*.   Em Poi­tiers, na Aqui­tânia, na ac­tual França, São Pedro (também na Folhinha do Coração de Jesus), bispo, que fa­vo­receu os iní­cios da Ordem de Fon­te­vralt e, in­jus­ta­mente re­mo­vido da sua sede, morreu exi­lado em Chauvigny. († 1115)

6*.   Em Scícli, na Si­cília, re­gião da Itália, São Gui­lherme Cuf­fi­télli, ere­mita, que, aban­do­nando a paixão pela caça, passou cin­quenta e sete anos na so­lidão e na pobreza. († 1411)

7*.   Em Pa­lermo, na Si­cília, re­gião da Itália, São Bento Mas­sa­rári, cha­mado o Negro por causa da cor da pele, que foi ere­mita e de­pois re­li­gioso na Ordem dos Frades Me­nores, sempre hu­milde em todas as cir­cuns­tân­cias e cheio de con­fi­ança na di­vina providência. († 1589)

– No ano do Senhor de 1589, São Bento, o Mouro, franciscano de origem africana, eu no serviço do seu convento na Sicília, seguiu o exemplo de Cristo que veio para servir e não para ser servido (Conf. o Martirológio Romano-Monástico – M).

– Ver também SÃO BENEDITO, o PRETO, o MOURO. Págs. 90-110: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%206.pdf

– Ver ainda: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Benedito,_o_Mouro

8*.   Em Ca­tânia, na Si­cília, re­gião da Itália, o Beato José Bento Dusmet, bispo, da Ordem de São Bento, que pro­moveu di­li­gen­te­mente o culto di­vino, a ins­trução cristã do povo e o zelo do clero, e na epi­demia da peste prestou grande au­xílio aos enfermos. († 1894)

9*.   Em Al­jus­trel, lugar de Fá­tima, em Por­tugal, São Fran­cisco Marto, que, ainda cri­ança, con­su­mido ra­pi­da­mente pela en­fer­mi­dade, ma­ni­festou ad­mi­rável su­a­vi­dade de com­por­ta­mento, per­se­ve­rança na ad­ver­si­dade e na fé e as­si­dui­dade à oração. († 1919)

– Ver dia 20 de fevereiro. Ver também: https://pt.wikipedia.org/wiki/Francisco_Marto

10*.   Em Réggio Ca­lá­bria, na Itália, São Ca­e­tano Ca­ta­noso, pres­bí­tero, que fundou a Con­gre­gação das Irmãs Ve­ró­nicas da Santa Face para as­sis­tência dos po­bres e dos marginados. († 1953)

11. São Teonas, do Egito. Confessor. Ver págs. 84-85: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%206.pdf

12. São Zósimo, abade e confessor.  Ver págs. 86-89: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%206.pdf

13. Outros santos do dia 04 de abril: págs: 75-112 (vol.06):  http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%206.pdf

 “E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores e Santas virgens.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi publicado.

BIBLIOGRAFIA e DIVERSOS

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal – http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf
  3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf
  4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.