Santas e Santos de 06 de junho

São Nor­berto, bispo, homem de vida aus­tera, to­tal­mente con­sa­grado à união com Deus e à pre­gação do Evan­gelho, que fundou a Ordem de Có­negos Re­grantes Pre­mons­tra­tenses em Laon, na França; eleito de­pois bispo de Mag­de­burgo, na Sa­xónia, na ac­tual Ale­manha, em­pe­nhou-se na re­foma da vida cristã e na ex­pansão da fé entre os povos vizinhos. († 1134)

– Ver páginas 72-109: – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

2.   Na Via Au­rélia, a duas mi­lhas de Roma, os santos Ar­témio e Pau­lina (também na Folhinha do Coração de Jesus), mártires. († c. s. IV)

3.   Em Cete, no Egipto, São Bes­sa­rião, ana­co­reta, que viveu como men­digo e pe­re­grino por amor de Deus. († s. IV)

4*.   Em Gre­noble, na Bor­gonha, ac­tu­al­mente na França, São Ce­rázio, bispo, que agra­deceu ao papa São Leão Magno as cartas es­critas a Fla­viano e pre­servou o seu re­banho do con­tágio da heresia. († c. 452)

5.   Em Milão, na Li­gúria, hoje na Lom­bardia, re­gião da Itália, Santo Eus­tórgio II, bispo, que foi in­signe pela sua pi­e­dade, jus­tiça e vir­tudes pas­to­rais e edi­ficou um cé­lebre baptistério. († 518)

6*.   Na Ir­landa, São Jarlat, bispo. († c. 550)

7.   No ma­ciço do Jura, na Bor­gonha, re­gião da França, São Cláudio, que é ve­ne­rado como bispo e abade do mos­teiro de Condat. († c. 703)

8.   No ter­ri­tório de Bo­lonha, na Emília-Ro­manha, re­gião da Itália, o pas­sa­mento de Santo Ale­xandre, bispo de Fié­sole, que, ao re­gressar da ci­dade de Pavia, aonde tinha ido re­clamar ao rei dos Lom­bardos os bens da sua Igreja usur­pados, foi lan­çado ao rio e afogado. († 823)

9.   Em Cons­tan­ti­nopla, hoje Is­tambul, na Tur­quia, Santo Hi­la­rião, pres­bí­tero e he­gú­meno do mos­teiro de Dal­mácio, que, por de­fender o culto das sa­gradas ima­gens, su­portou in­ven­ci­vel­mente o cár­cere, as fla­ge­la­ções e o exílio. († 845)

10*.   Nas ilhas Ór­cades, ao largo da Es­cócia, São Col­mano, bispo. († c. 1010)

11*.   No mos­teiro de Cava de’ Tir­réni, na Cam­pânia, re­gião da Itália, o Beato Falcão, abade. († 1146). Ver página 119: – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

12*.   Em Cler­mont-Fer­rand, na Aqui­tânia, re­gião da França, São Gil­berto, abade da Ordem Pre­mons­tra­tense, que, de­pois de ter vi­vido como ere­mita, cons­truiu o mos­teiro e o hos­pital de Neufontaines. († 1152). Ver páginas 123-124, São Gilberto, abade, e Santas Petronilha e a Bem-Aventurada Pôncia, abadessas: – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

13*.   Em Údine, no Friúli-Ve­nézia Giúlia, re­gião da Itália, o Beato Bel­trão, bispo de Aqui­leia e mártir, que pro­moveu com ardor a for­mação do clero, sus­tentou com os seus bens os po­bres no tempo da fome, de­fendeu vi­go­ro­sa­mente os di­reitos da sua Igreja e morreu no­na­ge­nário, fe­rido pelos golpes de al­guns sicários. († 1350)

14*.   Em Or­tona, nos Abruzos, também re­gião da Itália, o Beato Lou­renço de Más­culis de Villamagna, pres­bí­tero da Ordem dos Frades Me­nores, in­signe na pre­gação da pa­lavra de Deus. († 1535). Ver página 122: – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

15*.   Em Lon­dres, na In­gla­terra, o Beato Gui­lherme Gre­enwood, mártir, da Car­tuxa desta ci­dade, que, pela sua tenaz fi­de­li­dade à Igreja, no rei­nado de Hen­rique VIII, so­freu o mar­tírio, con­su­mido pela sor­didez do cár­cere, pela fome e pelas enfermidades. († 1537)

16.   Em Saint-Cha­mond, ci­dade do ter­ri­tório de Lião, na França, São Mar­ce­lino Cham­pagnat (também na Folhinha do Coração de Jesus), pres­bí­tero da So­ci­e­dade de Maria, que fundou o Ins­ti­tuto dos Pe­quenos Ir­mãos de Maria para a for­mação cristã das crianças. († 1840)

17.   Em Luong My, ci­dade do Ton­quim, hoje no Vi­etnam, os santos már­tires Pedro Dung e Pedro Thuan, pes­ca­dores, e Vi­cente Duong, agri­cultor, que, por se re­cu­sarem fir­me­mente a pisar a cruz, foram con­de­nados à fo­gueira no tempo do im­pe­rador Tu Duc. († 1862)

18*.   Na Ci­dade do Mé­xico, o pas­sa­mento de São Ra­fael Guizar Valência, bispo de Vera Cruz, no Mé­xico, que, no tempo da per­se­guição, apesar da sua si­tu­ação de exi­lado e clan­des­tino, exerceu va­lo­ro­sa­mente o mi­nis­tério episcopal. († 1938)

19*.   Em Sa­ch­se­nhausen, na Ale­manha, o Beato Ino­cêncio Guz, pres­bí­tero da Ordem dos Frades Me­nores Con­ven­tuais e mártir, na­tural da Po­lónia, que, du­rante a ocu­pação mi­litar da sua pá­tria por sec­tá­rios de uma dou­trina hostil à dig­ni­dade hu­mana e à re­li­gião, pela sua fé em Cristo foi cru­el­mente morto pelos guardas do campo de concentração. († 1940)

20. No Martirológio Romano-Monástico, na Palestina, São Filipe, que foi um dos sete primeirow diáconos ordenados pelos Apóstolos. Evangelizou a Samaria, converteu o mago Simão e batizou um criado da rainha da Etiópia, depois de haver-lhe anunciado a Boa Nova de Jesus, o Cordeiro de Deus e Servo Sofredor profetizado por Isaías (M).

– Ver páginas 110-115: – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

21. São Cerácico, bispo e confessor. Ver página 116: – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

22. Santo Agobardo, arcebispo. Ver páginas 117-118: – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

23. São Geraldo de Monza. Ver páginas 120-121: – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

24. São Bertrand de Angoulème. Ver páginas 125-126: – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

25. Outros santos do dia 06 de Junho: págs. 72-128 – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores e Santas virgens.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi publicado.

BIBLIOGRAFIA e DIVERSOS

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf
  3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf
  4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular
  7. Especialmente para este dia: Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959 – páginas 72-128

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.