Santas e Santos de 12 de junho

12 DE JUNHO: DIA DOS NAMORADOS. Dia dos Namorados, em alguns países chamado Dia de São Valentim[1][2][3][4] é uma data especial e comemorativa na qual se celebra a união amorosa entre casais e namorados, em alguns lugares é o dia de demonstrar afeição entre amigos, sendo comum a troca de cartões e presentes com simbolo de coração, tais como as tradicionais caixas de bombons. Em Portugal e em Angola, assim como em muitos outros países, comemora-se no dia 14 de Fevereiro. No Brasil a data é comemorada no dia 12 de junho, véspera do dia de Santo António de Lisboa, conhecido pela fama de “Santo Casamenteiro… No Brasil, a data foi criada pelo publicitário João Doria, sendo comemorada no dia 12 de Junho por ser véspera do 13 de JunhoDia de Santo António, santo português com tradição de casamenteiro. João Doria[10] trouxe a ideia do exterior e a apresentou aos comerciantes paulistas, iniciando em junho de 1949 uma campanha com o slogan “não é só com beijos que se prova o amor”. A ideia se expandiu pelo Brasil, amparada pela correlação com o Dia de São Valentim — que nos países do hemisfério norte, ocorre em 14 de fevereiro e é utilizada para incentivar a troca de presentes entre o casal apaixonado.”: Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/Dia_dos_Namorados

SANTOS DE 12 DE JUNHO

1.   Em Ló­rium, an­tiga ci­dade da Etrúria, na Via Au­rélia, a doze mi­lhas de Roma, São Ba­sí­lides (ou Basilídio), mártir. († data inc.). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no séc. IV, o martírio de São Basilídio. (M)

2.   No Egipto, Santo Onofre (também na Folhinha do Coração de Jesus), ana­co­reta, que passou ses­senta anos de vida re­li­giosa na am­plidão do deserto. († 400). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, foi muito venerado no Oriente e seu culto estendeu-se ao Ocidente na época das Cruzadas (M). Ver páginas 258-259 (NÃO TEM LINK): – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959. Ver também: https://pt.wikipedia.org/wiki/Onofre_do_Egito

3.   Em Roma, junto de São Pedro, São Leão III, papa, que impôs a coroa do Im­pério Ro­mano a Carlos Magno, rei dos Francos, e de­fendeu com grande ardor a ver­da­deira fé sobre a dig­ni­dade di­vina do Filho de Deus. († 816). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Roma, São Leão III, papa. Favoreceu a política cristã de Carlos Magno, a quem coroou imperador no dia de Natal do ano 800. (M). Ver páginas 227-252 (NÃO TEM LINK): – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959. Ver também: https://pt.wikipedia.org/wiki/Papa_Le%C3%A3o_III

4*.   Em Utrecht, no ter­ri­tório de Guel­dres, na Lo­ta­ríngia, hoje na Ho­landa, Santo Odolfo (ou Odulfo), pres­bí­tero, que evan­ge­lizou os Frisões. († c. 865). Ver página 262 (NÃO TEM LINK): – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

5*.   Na Suécia, Santo Es­quilo (Eskill), bispo e mártir, na­tural da In­gla­terra, que, or­de­nado bispo por São Sig­fredo, seu mestre, se de­dicou com in­tensa ac­ti­vi­dade na pro­víncia de Söder­man­land para con­verter os pa­gãos a Cristo, pelos quais morreu lapidado. († c. 1080). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Suécia, no ano da graça de 1080, o martírio de Santo Eskill. Missionário proveniente da Grã-Bretanha, recebeu a consagração episcopal, e depois exerceu o apostolado na região sudoeste de Estocolmo. Como verdadeiro pastor, deu sua vida por seu rebanho. (M).  Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/%C3%89squilo_de_Tuna

6*.   Em Cor­tona, na Etrúria, hoje na Tos­cana, re­gião da Itália, o Beato Guido, pres­bí­tero, dis­cí­pulo de São Fran­cisco, que passou a vida em je­juns, po­breza e humildade. († c. 1245). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, o ano de Senhor de 1245, o Bem-Aventurado Guido de Cortona. Cristão de condição modesta, escolheu viver ainda mais pobremente depois de uma visita de São Francisco de Assis. Sua cultura permitiu-lhe receber o sacerdócio para melhor servir a seus-irmãos. (X). Ver páginas 263-266 (NÃO TEM LINK): – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

7*.   Junto de Ocre, nos Abruzos, também re­gião da Itália, o Beato Plá­cido, abade, que, de­pois de ter vi­vido como ere­mita numa gruta, reuniu os seus dis­cí­pulos no mos­teiro do Es­pí­rito Santo. († 1248). Ver páginas 267-270 (NÃO TEM LINK): – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

8*.   Em Città di Cas­tello, na Úm­bria, também re­gião da Itália, a Beata Fló­rida (Lu­crécia He­lena Cé­voli), virgem da Ordem das Cla­rissas, que, apesar das graves en­fer­mi­dades cor­po­rais, sempre de­sem­pe­nhou os ofí­cios que lhe foram con­fi­ados com grande di­li­gência e alegria. († 1767)

9.   Em Ve­rona, no Vé­neto, também re­gião da Itália, São Gaspar Bertóni, pres­bí­tero, que fundou a Con­gre­gação das Santas Chagas de Cristo, cujos mem­bros eram mis­si­o­ná­rios ao ser­viço dos bispos. († 1843). Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/Gaspar_Bertoni

10*.   Em Ca­prá­nica, no ter­ri­tório de Vi­terbo, pró­ximo de Roma, o Beato Lou­renço Maria de São Fran­cisco de Xa­vier (Lou­renço Maria Sálvi), pres­bí­tero da Con­gre­gação da Paixão, que di­fundiu a de­voção ao Me­nino Jesus. († 1856)

11*.   Em Ri­o­bamba, no Equador, a Beata Mer­cedes Maria de Jesus (Mer­cedes Mo­lina), virgem, que ins­ti­tuiu uma co­mu­ni­dade re­li­giosa com a função de aco­lher e formar as jo­vens órfãs e po­bres e li­bertar as mu­lheres da pros­ti­tuição, for­ta­le­cendo-as na vida nova da graça. († 1883)

12*.   Em Ragusa, na Sicília, província da Itália, a Beata Maria Cândida da Eucaristia (Maria Barba), virgem da Ordem das Carmelitas Descalças, que cumpriu com suprema fidelidade a observância da vida consagrada e suas regras e trabalhou intensamente para a edificação de novos mosteiros. († 1949)

13. Santa Iolanda, na Folhinha do Coração de Jesus.

14. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Ásia Menor, no séc. IV, os santos Olímpio (também na Folhinha do Coração de Jesus) e Anfião, que confessaram a fé em Cristo, verdadeiro Deus e verdadeiro homem (M).

15. São João de Sahagun ou de Santa Fagunda. Ver páginas 253-257 (NÃO TEM LINK): – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959. Ver também: https://pt.wikipedia.org/wiki/Jo%C3%A3o_de_Sahag%C3%BAn

16. São Pedro do Monte Athos. Ver páginas 260-261 (NÃO TEM LINK): – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

17. Bem-aventurado Estêvão Bandelli. Ver páginas 271-272 (NÃO TEM LINK): – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

18. Beata Hildegard Burjan (Freund). Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/Hildegard_Burjan

19. Outros santos do dia 12 DE JUNHO: páginas: 227-272 (NÃO TEM LINK):  Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores e Santas virgens.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi escrito. 

– Sobre o dia 12 de junho, ver ainda: https://pt.wikipedia.org/wiki/12_de_junho

1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/

2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004

ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 466-467:  Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf

3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997

5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com

6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.

Pai amado, obrigado por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver! Querida Mãe Maria, protegei-nos! São José, Anjos e Santos, intercedei por nós! Amém!

OBSERVAÇÃO: MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS/OS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA.

SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDEI POR NÓS! MUITO OBRIGADO!

Ver:

https://vidademartiressantasesantos.blog/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.