Santas e Santos de 31 de maio

FESTAS DE NOSSA SENHORA EM 31 DE MAIO

A. Festa da VI­SI­TAÇÃO DA VIRGEM SANTA MARIA em 31 de maio (no DIRETÓRIO DA LITURGIA DA CNBB de 2021), em que a Mãe de Deus foi ao en­contro da sua pa­renta Isabel, que em avan­çada idade tinha con­ce­bido um filho, e a saudou. No feliz en­contro das duas fu­turas mães, o Re­dentor que vinha ao mundo san­ti­ficou o pre­cursor ainda no seio da sua mãe, e Maria, res­pon­dendo à sau­dação de Isabel e exul­tando na ale­gria do Es­pí­rito Santo, deu glória ao Se­nhor com um cân­tico de louvor, o “Magnificat”.

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico de 31 de maio, Festa da Visitação da Santa Virgem Maria. Habitada pela presença divina e saudada como a Arca da Nova Aliança por sua prima Isabel, grávida, a quem ela tinha vindo prestar seus serviços. Nossa Senhora respondeu com o “Magnificat”, em que exalta as maravilhas de Deus Todo-Poderoso em Sua serva, sua misericórdia para com os pobres e sua fidelidade para com os pobres e sua fidelidade para com Israel. (R)

– Ver também 02 de julho: NO “VIDA DOS SANTOS deste dia 02 de julho”: É LEMBRADO NESTE 02 DE JULHO A VISITAÇÃO DE NOSSA SENHORA A SANTA ISABEL. Por que se estabeleceu no dia de hoie, 2 de julho, a festa da Visitação? Porque se crê que seja o último dia de Maria em casa de Isabel. Ver páginas 122-133: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

Observação: Buscando combinar o calendário, Maria teria ficado com Isabel de 31 de maio a 02 de julho.

Ver: https://www.dehonianos.org/portal/visitacao-da-virgem-santa-maria0/

– Ver também ““…Em 1389, o papa Urbano VI, com o objetivo de terminar o Grande Cisma do Ocidente, a inseriu no calendário romano, para celebração em 2 de julho[1]. No calendário tridentino, era uma festa dupla. Quando o missal do papa Pio V foi substituído pelo de Clemente VIII em 1604, a Visitação se tornou uma festa dupla de segunda classe. Ela permaneceu assim até que o papa João XXIII a recassificou como um festa de segunda classe em 1962. Ela continuou a ser comemorada no dia 2 de julho, o dia depois da oitava seguinte à festa do nascimento de João Batista, que estava ainda no ventre de Isabel na época da Visitação. Em 1969, porém, o papa Paulo VI a moveu para 31 de maio, “entre a Solenidade da Anunciação do Senhor (25 de março) e a do Nascimento de João Batista (24 de junho), para que ela se harmonize melhor com o relato do Evangelho[2].

Os católicos romanos que se utilizam do calendário pré-1969 (os chamados vétero-católicos) e os anglicanos, que se utilizam do Livro de Oração Comum (Book of Commom Prayer), de 1662, comemoram a festa em 2 de julho. Assim também o fazem os católicos da Alemanha e a Igreja Luterana…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Visita%C3%A7%C3%A3o”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Visita%C3%A7%C3%A3o

– Ver MARIA A MÃE DE JESUS Maria (em hebraico: מִרְיָם; romaniz.: Miriam; em aramaicoMaryām; em árabe: مريم; romaniz.: Maryam; em grego coiné: Μαριας ou Μαριαμ),[4] também conhecida como Maria de Nazaré e chamada pelos católicos e ortodoxos de Virgem Maria, de Santíssima Virgem e de Nossa Senhora, foi a mulher israelita [5] de Nazaré, identificada no Novo Testamento e no Alcorão como a mãe de Jesus através da intervenção divina.[6] Jesus é visto como o messias — o Cristo — em ambas as tradições, dando origem ao nome comum de Jesus Cristo. Maria teria vivido na Galileia no final do século I a.C. e início do século I d.C., é considerada pelos cristãos como a primeira adepta ao cristianismo…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Maria_(m%C3%A3e_de_Jesus)

– Ver também ISABEL Isabel (do hebraico: אֱלִישֶׁבַע / אֱלִישָׁבַע “Meu Deus jurou”; hebraico padrãoElišévaʿ ~ ElišávaʿTiberianoʾĔlîšéḇaʿ ~ ʾĔlîšāḇaʿ) (em árabe: إليزابيث, Ilizabith) é uma personagem do Novo Testamento da Bíblia, mencionada no Evangelho segundo Lucas como esposa do sacerdote Zacarias e mãe de João Batista.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Isabel_(B%C3%ADblia) 

                                               ================

B. No Martirológio Romano-Monástico, festa de NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS, titular da Diocese Brasileira de Pinheiro (Maranhão).

 Nossa Senhora do Sagrado Coração (em francês Notre Dame du Sacré Coeur; em espanhol, Nuestra Señora del Sagrado Corazón; em inglês, Our Lady of the Sacred Heart; em italiano, Nostra Signora del Sacro Cuore). A devoção mariana é um título dado à Santíssima Virgem Maria pelo padre Julio Chevalier em 1857. Na iconografia, Maria mostra o coração de seu filho enquanto Jesus aponta para sua mãe…

ORAÇÃO: Lembrai-vos, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração, do poder inefável que vosso divino filho vos concedeu sobre seu Coração adorável. Com a maior confiança em vossos merecimentos, vimos implorar a vossa proteção. Sois Celeste Tesoureira do Coração de Jesus, daquele coração que é o manancial inexaurível de todas as graças e que podeis abrir a vosso bel prazer para fazer descer sobre os homens todos os tesouros de amor e misericórdia, de luz e salvação que Ele encerra; concedei-nos , vo-lo pedimos, os favores que suplicamos ( fazer o pedido).
Mãe, não nos recuseis coisa alguma, e já que sois nossa Mãe, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração, acolhei benignamente as nossas preces e dignai-vos a deferi-las. Amém.
Nossa Senhora do Sagrado Coração, rogai por nós.[4]Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_do_Sagrado_Cora%C3%A7%C3%A3o

– Ver também “… O nome “Missionários do Sagrado Coração” provém de Nossa Senhora do Sagrado Coração, pois toda a obra de fundação desta congregação é tão visivelmente levada a efeito por Nossa Senhora… Explicação do título: Deus não nos dá sua graça senão pelas mãos de Maria. As graças de misericórdia e de amor que se encerram na fonte do Coração de Jesus, podemos recebê-las somente por intermédio de Maria. O título é uma forma de unir as duas grandes devoções da época e para ensinar aos fiéis o meio de ir a Jesus, ao seu Coração, por Maria. Na imagem, Jesus aponta para sua Mãe e ela o Coração do Filho. Quer dizer que Maria, devido a sua maternidade divina, possui um grande poder sobre o Coração de Jesus e que é por meio d’Ela que devemos ir para este divino Coração.

Portanto, por ser uma intuição e não uma aparição, sua imagem é diversa e inculturada onde está. Se está na China, ela traz traços chineses no corpo, roupas, etc. Na Índia, na Coreia, na Espanha, na África, acontece do mesmo modo. É Maria que caminha com seu povo e entra na sua história.”: http://www.misacor-rj.org.br/noticia/detalhe/34/nossa-senhora-do-sagrado-coracao

Antes y después del cambio.– Ver ainda “… Chevalier estabeleceu vários objetivos, com a nova invocação: honrar o amor, a obediência de Jesus a Maria: 1. Reconhecer e propagar o poder suplicante que Cristo deu a Maria sobre seu próprio Coração.
2. Ensinar que o Coração de Maria nos leva ao Coração de Jesus.
3. Juntar-se a Maria em seu louvor e adoração ao Coração de Jesus.
4. Confiar a ele todas as causas difíceis e desesperadas, espirituais e materiais… A imagem teve que ser mudada…  a imagem do Padre Chevalier foi proibida e sua mudança foi ordenada, de modo que a Criança “se ergueria” nos braços de Maria e seria Ela quem o apontaria para Ele, já que o objetivo final de toda devoção é Jesus Cristo. A variante mais conhecida é aquela em que Maria segura o Coração da Criança no peito da criança, às vezes ela também carrega seu próprio coração… na igreja de La Merced em Guadalajara, há uma imagem como era originalmente…”: https://www.religionenlibertad.com/santo_de_hoy/57043/nuestra-senora-del-sagrado-corazon-jesus.html

– Ver “…Padre Chevalier escreveu: “Pouco depois de eu ser batizado, minha mãe me levou à igreja e eu fui consagrado para a Virgem Santíssima e o Coração de Jesus.”…: https://webcache.googleusercontent.com/search?q=cache:snbevbrwie8J:https://santavirgenmaria.com/2016/05/28/oracion-nuestra-senora-del-sagrado-corazon/+&cd=1&hl=es-419&ct=clnk&gl=ec

                                               ================

C. 31 DE MAIO E 22 DE AGOSTO: NOSSA SENHORA RAINHA: A encíclica Ad Caeli Reginam (Rainha do Céu), do Papa Pio XII, de 11 de outubro de 1954 trata sobre a Realeza de Maria e a instituição Festa de Nossa Senhora Rainha, celebrada a cada dia 31 de maio com o costume de coroar-se a imagem da Virgem e da recitação pública da Consagração do Gênero Humano ao Imaculado Coração de Maria… NOSSA SENHORA RAINHA, 22 DE AGOSTO: … O dia 22 de agosto era reservado à homenagem ao Coração Imaculado de Maria. Mas a Igreja, desejando aproximar a festa da realeza de Maria à da sua gloriosa assunção ao céu, inverteu estas datas a partir da última reforma do seu calendário litúrgico, em 1969.”. “…Na Encíclica, a data da festa foi estabelecida para o dia 31 de maio, mês de Maria. Atualmente, porém, a celebração acontece oito dias após a festa da Assunção de Nossa Senhora: assim, fica manifesta a íntima ligação entre a Assunção de Maria e sua coroação no céu.”: https://pt.aleteia.org/daily-prayer/terca-feira-22-de-agosto/

– Ver “CARTA ENCÍCLICA AD CAELI REGINAM DO SUMO PONTÍFICE PAPA PIO XII – AOS VENERÁVEIS IRMÃOS PATRIARCAS, PRIMAZES, ARCEBISPOS E BISPOS E OUTROS ORDINÁRIOS DO LUGAR EM PAZ E COMUNHÃO COM A SÉ APOSTÓLICA SOBRE A REALEZA DE MARIA E A INSTITUIÇÃO DA SUA FESTA…”: http://www.vatican.va/content/pius-xii/pt/encyclicals/documents/hf_p-xii_enc_11101954_ad-caeli-reginam.html

– Ver também: “…Na Encíclica, a data da festa foi estabelecida para o dia 31 de maio, mês de Maria. Atualmente, porém, a celebração acontece oito dias após a festa da Assunção de Nossa Senhora (22 de agosto): assim, fica manifesta a íntima ligação entre a Assunção de Maria e sua coroação no céu… Na festa de Nossa Senhora Rainha de 2012, o Papa Bento XVI declarou: “… esta realeza da Mãe de Deus se faz concreta no amor e no serviço a seus filhos, em seu constante velar pelas pessoas e suas necessidades”.
O reinado de Nossa Senhora se faz visível concretamente, para nós que ainda caminhamos neste mundo, através da intercessão, proteção e orientação concedidas por ela para nos conduzir ao Seu Filho…”:

https://pt.aleteia.org/daily-prayer/terca-feira-22-de-agosto/

– Ver ainda “……Após a revisão do Calendário Geral, o Papa Paulo VI decidiu mudar as festas do Imaculado Coração e a Rainha de Maria. A festa do Imaculado Coração de Maria uniu-se à festa do Sagrado Coração de Jesus (celebrada no sábado seguinte à festa do Sagrado Coração, tipicamente em junho) e a Rainha de Maria foi transferida para o dia 22 de agosto…”: https://pt.aleteia.org/2019/08/01/por-que-agosto-e-dedicado-ao-imaculado-coracao-de-maria/

– Ver também:  https://www.a12.com/academia/titulos-de-nossa-senhora?s=nossa-senhora-rainha-22-de-agosto

Ver páginas 341-365: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

– No VIDAS DOS SANTOS, Festa do Coração Imaculado da Bem-aventurada Virgem Maria, o qual Coração é símbolo de santidade, de amor de Deus e Jesus Cristo, de bondade para com os homens salvos pelo divino Sacrifício. Pio VII, em 1805 instituiu uma festa do Coração puríssimo de Maria, para as dioceses e os institutos religiosos que a desejavam celebrar, no domingo depois da oitava da Assunção. Pio IX conferiu-lhe ofício e missa próprios. Pio, XII, em plena II Guerra Mundial, a 31 de outubro de 1942, consagrou o mundo inteiro ao Coração Imaculado de Maria. O mesmo grande papa, a 4 de maio de 1944, estendeu à Igreja universal a festa do Coração Imaculado de Maria com ofício e missa próprios, a 22 de agosto dia da oitava Assunção sob rito duplo de segunda classe. Ver páginas 157-158: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2015.pdf  

– Ver também: https://www.acidigital.com/noticias/hoje-a-igreja-celebra-o-imaculado-coracao-de-maria-55109

– Ver: https://formacao.cancaonova.com/nossa-senhora/devocao-nossa-senhora/conheca-origem-da-devocao-ao-imaculado-coracao-de-maria/

– Ver também: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Imaculado_Coração_de_Maria   

– Ver ainda: https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_Rainha

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, comemoração da Bem-Aventurada Virgem Maria Rainha, em quem a Igreja celebra a mulher que apareceu no céu vestida de sol, com a lua sob os pés, e trazendo na cabeça uma coroa de doze estrelas, Mãe d’Aquele que deve reinar sobre todas as nações (cf. Ap. 12). (R).

– Ver também “…Em 1954, o Papa Pio XII com a Encíclica Ad Coeli Reginam, instituiu pela primeira vez a festa de Nossa Senhora Rainha do Universo, fixando-a para o dia 31 de maio… Bento XVI dedicou a Nossa Senhora Rainha a Audiência geral de 22 de agosto de 2012 explicando a sua realeza:

“Como exerce Maria esta realeza de serviço e amor? Velando sobre nós, seus filhos: os filhos que se dirigem a Ela na oração, para lhe agradecer ou para lhe pedir a sua tutela maternal e a sua ajuda celestial, talvez depois de se ter extraviado pelo caminho, oprimidos pela dor ou angústia, pelas vicissitudes tristes e difíceis da vida. Na serenidade ou na escuridão da existência, dirijamo-nos a Maria confiando-nos à sua intercessão continua, porque do Filho nos possa alcançar toda a graça e misericórdia necessárias para o nosso peregrinar ao longo das sendas do mundo … Enquanto que o Papa Francisco no ano passado, na videomensagem pelo 300º aniversário da coroação de Nossa Senhora de Częstochowa na Polônia disse: “Maria não é uma Rainha distante, sentada num trono, mas a Mãe que abraça o Filho e com Ele todos nós, seus filhos. É uma Mãe verdadeira, com o rosto marcado, uma Mãe que sofre porque se preocupa pelos problemas da nossa vida”…:”: https://www.vaticannews.va/pt/igreja/news/2018-08/rainha-virgem-maria-nossa-senhora-memoria-liturgica.html

– Ver ainda “Nossa Senhora Rainha é um dos títulos de Maria, mãe de Jesus segundo a Igreja católica. Maria é invocada como rainha doze vezes: Rainha dos anjos, dos patriarcas, dos profetas, dos apóstolos, dos confessores, das virgens, dos mártires, de todos os Santos, da pazconcebida sem pecado original e levada aos céus[1].

Nossa Senhora Rainha é festejada em 22 de agosto.[2] Três das antífonas marianas mais conhecidas pelos cristãos invocam Maria com o título de RainhaSalve RainhaRegina caeli e Ave Regina Caelorum. Entre estas, a mais conhecida é a Salve Rainha, composta por São Bernardo de Claraval, o último padre entre os padres latinos.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_Rainha

Ver páginas 341-365: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

                                               ================

D. 31 DE MAIO: NOSSA SENHORA MEDIANEIRA DE TODAS AS GRAÇAS

Ver “Era desígnio de Deus”, diz Leão XIII, que, após ter Maria servido de intermediária no mistério da Redenção, “continuasse igualmente a ser intermediária das graças que esse mistério faria correr em todos os tempos…

… O título de Nossa Senhora Medianeira de Todas as Graças temum fundamento especial.  Sendo Jesus Cristo o único Salvador, Deus concedeu a alguns o dom de interceder pela humanidade junto a Deus Pai.  A fé na comunhão dos santos nos dá desde já a certeza de que alguns já intercedem por nós.

No caso de Maria, o papel de intercessora tem proporções maiores e diferenciadas daquele dado aos santos.  Desde seu ”sim”, Ela desempenha um papel especial na história da redenção humana.  Quando, na cruz, Jesus entrega Maria ao discípulo amado, é à humanidade toda que Ele A entrega, proclamando-A com seu gesto, Mãe de todos nós.

A cooperação de Maria na salvação de almas e na maternidade espiritual de homens e mulheres a torna a grande mediadora não só de nossos pedidos junto ao Pai e ao Filho, mas sobretudo das graças de Deus derramadas sobre toda a humanidade.

 … ORAÇÃO A NOSSA SENHORA MEDIANEIRA:

Ó MARIA, MEDIANEIRA DE TODAS AS GRAÇAS. Oferecei a Deus o Brasil e todo o gênero humano. Ó MARIA, MEDIANEIRA DA PAZ dai a paz aos corações e a todas as nações.

Ó MARIA, RAINHA DO FOYER, reinai em nossa casa e em todos os lares que vos amam.
Ó MARIA, RAINHA DOS CORAÇÕES, reinai em todos e em cada um de nós.
GLÓRIA AO PAI, GLÓRIA AO FILHO, GLÓRIA AO ESPÍRITO SANTO, GLÓRIA A VÓS, Ó SANTÍSSIMA VIRGEM MARIA, Mãe de Deus e nossa Mãe, Rainha do céu e da terra, agora, sempre, e na eternidade dos séculos. Amém.
Escolho-vos, hoje, ó Maria, em presença de toda a Corte Celeste, por minha Mãe e Mestra. Entrego-vos e consagro-vos, na qualidade de escravo de amor, o meu corpo, a minha alma, os meus bens interiores e exteriores, e mesmo o merecimento das minhas ações boas, passadas, presentes e futuras, deixando-vos um inteiro e pleno direito de dispor de mim e de tudo quanto me pertence, sem exceção de coisa alguma, segundo o vosso agrado, para a maior glória de Deus, no tempo e na eternidade. Amém. (Oração utilizada pelos irmãos do Foyer de Charité)

”: https://www.portalsaofrancisco.com.br/historia-geral/nossa-senhora-medianeira-de-todas-as-gracas

– Ver também “Em 1921, Bento XVI, a pedido do Cardeal Mercier, concedeu à Bélgica o ofício e a missa da Bem-aventurada Virgem Maria “Medianeira de todas as graças”, a celebrar no dia 31 de Maio. Depois, a Sé Apostólica concedeu o mesmo ofício e missa a numerosas dioceses e congregações religiosas. Daí que a memória da Bem-aventurada Maria Medianeira se tenha tornado quase universal. A Virgem Maria é Medianeira de graça, porque foi associada a Cristo na aquisição da graça maior, a Redenção, isto é, a salvação, a vida divina e a glória eterna (cf. LG 61).”: https://www.dehonianos.org/portal/nossa-senhora-medianeira-de-todas-as-gracas0/

História de Nossa Senhora Medianeira - Santos e Ícones Católicos - Cruz  Terra Santa-Ver ainda: “Medianeira (em latimMediatrix) na mariologia da Igreja Católica refere-se ao papel da Virgem Maria como uma mediadora de graças e bençãos através de Jesus. É um conceito distinto de Co-Redentora. Essa doutrina é baseada no fato de que Maria deu à luz Jesus, que é a responsável por todas as graças e bençãos concedidas à humanidade, assim ela participou da mediação dessas graças, devido ao seu Filho. Papas, como Leão XIII e Pio XII têm tradicionalmente apoiado esta interpretação. O conceito de medianeira não é um dogma mariano, embora tenham sido feitas petições por vários cardeais e bispos ao Papa para declará-lo (juntamente com o Co-Redentora) um dogma. Este conceito se tornaria o quinto dogma mariano aprovado pela Santa Sé.[1]”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Medianeira

– Ver também: https://www.google.com/search?safe=active&sxsrf=ALeKk01YEgZR00AxSH099RB5BZIOBnGR8w%3A1601413300165&source=hp&ei=tKBzX4TAB4C05OUP1pKLyAo&q=nossa+senhora+medianeira&oq=nossa+senhora+medianeira&gs_lcp=CgZwc3ktYWIQAzIECCMQJzICCAAyAggAMgIIADICCAAyAgguMgIIADoFCAAQsQM6BQguELEDOggIABCxAxCDAToECAAQClDQE1iKLGCyL2gAcAB4AIABzgGIAf8ikgEGMC4yMi4ymAEAoAEBqgEHZ3dzLXdpeg&sclient=psy-ab&ved=0ahUKEwiE6pG3oY_sAhUAGrkGHVbJAqkQ4dUDCAc&uact=5

MARIA MEDIADORA. Ver páginas 207-217: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2017.pdf

Festa de NOSSA SENHORA MEDIANEIRA DE TODAS AS GRAÇAS – SÁBADO ANTES DO SEGUNDO DOMINGO DE NOVEMBRO 13 de novembro de 2021. 

Basílica da Medianeira - Santuário Basílica Nossa Senhora da Medianeira de  Todas as GraçasEm 202O, conforme o site da Diocese, dia 08 de novembro de 2020 é o dia da grande romaria (77ª ROMARIA OFICIAL DE NOSSA SENHORA MEDIANEIRA DE TODAS AS GRAÇAS), “Iniciamos a preparação para nossa grande Romaria que ocorrerá dia 08 de novembro! Neste ano com o Tema: “Maria, não tenhas medo, pois achaste graça diante de Deus” (Lc 1,30); e o Lema: “Vida eu te quero! Vida eu te quero! Vida és tu meu Deus”. Em 2021 é dia 13 de novembro”: http://www.diocesesantamaria.org.br/content/news/news_item.asp?content_ID=140

– Ver ainda:

FESTA, conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Província Eclesiástica do Rio Grande do Sul. Esta festa é celebrada NO SÁBADO ANTES DO SEGUNDO DOMINGO DE NOVEMBRO. Em 2021 é dia 13 de novembro. No DIRETÓRIO DA LITURGIA DA CNBB de 2020, diz que a celebração é 09 de novembro. Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/Medianeira

– Ver também: https://cruzterrasanta.com.br/historia-de-nossa-senhora-medianeira/47/102/

– Ver ainda: https://formacao.cancaonova.com/nossa-senhora/dogma/o-que-significa-ser-medianeira-de-todas-as-gracas/

– Ver ainda: https://www.google.com/search?q=Nossa+Senhora+Medianeira&oq=Nossa+Senhora+Medianeira&aqs=chrome..69i57j0l5.10413j0j8&sourceid=chrome&ie=UTF-8

            OUTROS SANTOS DE 31 DE MAIO

2.   Em Roma, no ce­mi­tério de Do­mi­tila, junto à Via Ar­de­a­tina, Santa Pe­tro­nila (também na Folhinha do Coração de Jesus), virgem e mártir. († data inc.).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no mesmo dia, Santa Petronilha, virgem e mártir romana, pertencente ao ramo cristão – não reinante – da família Flávia Domitila. Segundo uma tradição, foi batizada pelo Apóstolo São Pedro, de quem foi então considerada como filha espiritual. (M).

Ver Santa Petronilha, virgem e mártir, às páginas 366-368: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

3.   Em Co­mana, no Ponto, hoje Gu­menek, na Tur­quia, Santo Hér­mias, sol­dado, mártir. († s. III).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no Ponto, o Martírio de Santo Hérmias, soldado. (M)

– Ver também “…O governador Sebastião ordenou ao feiticeiro Marus que envenenasse Santa Hermias com uma poção. A bebida venenosa não fez mal ao santo. Uma segunda taça com veneno ainda mais forte também não conseguiu matar o santo. O feiticeiro creu em Cristo Salvador e foi imediatamente decapitado. São Marus foi batizado em seu próprio sangue e recebeu uma coroa de mártir.
Santa Hermias foi submetido a torturas ainda mais terríveis. Eles rasparam seu corpo com instrumentos afiados, jogaram-no em óleo fervente e arrancaram seus olhos, mas ele deu graças ao Senhor Jesus Cristo. Em seguida, eles suspenderam a cabeça do mártir para baixo. Por três dias ele ficou pendurado nesta posição.
Pessoas enviadas pelo governador para verificar sua morte o encontraram vivo. Atingidos pelo milagre, eles ficaram cegos de medo e começaram a clamar ao santo para ajudá-los. O santo mártir ordenou que os cegos se aproximassem dele e os curou em Nome de Jesus Cristo.
Furioso, o governador ordenou que a pele fosse arrancada do corpo do santo, mas ele permaneceu vivo. Então o enlouquecido Sebastian o decapitou com sua própria espada. Os cristãos enterraram secretamente o corpo da mártir Hérmias, cujas relíquias proporcionaram inúmeras curas…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMay31.html

4.   Em Aqui­leia, hoje no Friúli Ve­nézia, re­gião da Itália, os santos Câncio (também na Folhinha do Coração de Jesus), Can­ciano e Can­ci­a­nila (ou Cancianela), már­tires, que, presos pelo per­se­guidor quando saíam da ci­dade num carro, foram fi­nal­mente le­vados ao suplício.(† s. IV).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Aquiléia, perto de 290, o Martírio dos Santos Câncio, Canciano e Cancianela, irmãos carnais. (M)

5*.   Em Tou­louse, na Gália Nar­bo­nense, ac­tu­al­mente na França, São Sílvio, bispo, que em­pre­endeu a cons­trução de uma ba­sí­lica para honrar o tú­mulo de São Saturnino. († c. 400)

6*.   Em Forlí, na Emília-Ro­manha, re­gião da Itália, o Beato Tiago Sa­lo­móni, pres­bí­tero, que, sendo ainda ado­les­cente, fa­le­cido o seu pai e re­ce­bida sua mãe entre as monjas cis­ter­ci­enses, dis­tri­buiu os seus bens aos po­bres e en­trou na Ordem dos Pre­ga­dores, onde res­plan­deceu du­rante qua­renta e cinco anos, do­tado de in­signes dons ca­ris­má­ticos, amigo dos po­bres e homem de paz. († 1314)

7*.   Em Ca­me­rino, no Pi­ceno, hoje nas Marcas, re­gião da Itália, Santa Bap­tista de Varano (Ca­mila Bap­tista de Va­rano, também na Folhinha do Coração de Jesus de 30 de maio), aba­dessa do mos­teiro das Cla­rissas fun­dado por seu pai, onde ex­pe­ri­mentou grandes tri­bu­la­ções e con­so­la­ções místicas. († 1524).

Bem-aventurada Batista Varani, abadessa. Ver páginas 371-373:  http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

– Ver também “Camilla Battista da Varano OSC , (9 de abril de 1458 – 31 de maio de 1524), [1] de Camerino , Itália , foi uma princesa italiana e uma freira e abadessa Clara Pobre . Ela é venerada como uma santa na Igreja Católica… Em 8 de abril de 1821, o Papa Leão XIII aprovou as atas do processo para sua canonização. Varano foi beatificada pelo Papa Gregório XVI em 1843, após o reconhecimento de seu culto público de longa data. Em 4 de fevereiro de 1893, seus escritos também foram aprovados. Em 17 de outubro de 2010, o Papa Bento XVI a canonizou , junto com outras cinco pessoas. [10] [12]

Sua festa era originalmente celebrada na Ordem Franciscana em 2 de junho, mas é mais recentemente comemorada em 30 de maio.” No Martirológio Romano é dia 31 de maio:  https://en.wikipedia.org/wiki/Camilla_Battista_da_Varano

8*.   Em York, na In­gla­terra, os be­atos már­tires Ro­berto Thorpe, pres­bí­tero, e Tomás Wat­kinson, que, no rei­nado de Isabel I, foram con­de­nados à morte: o pri­meiro, porque era sa­cer­dote e o se­gundo, pai de fa­mília já an­cião, porque muitas vezes prestou au­xílio aos sa­cer­dotes; ambos re­ce­beram ao mesmo tempo no pa­tí­bulo a coroa do martírio. († 1591)

9*.   Em Paris, na França, o Beato Ni­colau Barré, pres­bí­tero, que foi do­cente de te­o­logia e cé­lebre di­rector de almas no es­pí­rito do Evan­gelho e ins­ti­tuiu por todas as partes da França as Es­colas Cristãs e da Ca­ri­dade, bem como as Irmãs Mes­tras do Me­nino Jesus, des­ti­nadas à ins­trução gra­tuita da ju­ven­tude mais carenciada. († 1686)

10*.   Em Ni­cósia, na Si­cília, re­gião da Itália, São Félix (Tiago Amo­roso), re­li­gioso, que, de­pois de ter sido re­cu­sado du­rante dez anos, in­gressou fi­nal­mente na Ordem dos Me­nores Ca­pu­chi­nhos, onde exerceu os mais hu­mildes ofí­cios com grande sim­pli­ci­dade e ino­cência de coração. († 1787)

11*.   Em Bel­legra, lo­ca­li­dade pró­xima de Roma, o Beato Ma­riano de Roc­ca­ca­sale (Do­mingos) Di Ni­co­lan­tónio, re­li­gioso da Ordem dos Frades Me­nores, que, exer­cendo o ofício de por­teiro, abriu as portas do con­vento aos po­bres e aos pe­re­grinos, a quem so­correu de todos os modos com imensa caridade. († 1866)

12.   Em Mityana, lo­ca­li­dade do Uganda, São Noé Mawaggali, mártir, que, sendo fâ­mulo do rei, quando ir­rompeu a per­se­guição re­cusou des­te­mi­da­mente em­pre­ender a fuga e es­pon­ta­ne­a­mente apre­sentou o às lanças dos sol­dados, que, de­pois de o terem tres­pas­sado, o pen­du­raram numa ár­vore, até chegar à morte por Cristo. († 1886)

13. São Pascásio (na Folhinha do Coração de Jesus)

14. Outros santos do dia 31 de maio: págs. 334-373 (vol.09): http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

– Sobre 31 de maio, ver ainda: 31 de maio – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

BIBLIOGRAFIA:

1.MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/

2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINA 436-438: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp- content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf

3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%2 0-%201.pdf

4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997

5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com

6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.

7. Santo do Dia 31 de Maio (lngplants.com) ou http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMay31.html

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* Senhor, nosso Deus e Pai amado, obrigado por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

Querida Mãe Virgem Maria, socorra-nos, proteja-nos

São José, Anjos e Santos, intercedam por nós! Obrigado! Amém!

PAI AMADO DÊ-NOS, À NOSSA FAMÍLIA E A TODOS OS QUE O SENHOR JÁ CHAMOU E OS QUE ESTÃO AQUI, A GRAÇA DE ESTARMOS COM O SENHOR, A  MÃEZINHA MARIA, SÃO JOSÉ E TODAS AS SANTAS E SANTOS QUANDO O SENHOR NOS CHAMAR TAMBÉM! DÊ-NOS A SUA GRAÇA! OBRIGADO PAI AMADO! PEDIMOS POR JESUS CRISTO, SEU FILHO, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! NÓS CONFIAMOS NO SENHOR! AMÉM!

OBSERVAÇÃO:

MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE   SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES.

ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA:

barpuri@uol.com.br

SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDEI POR NÓS! AMÉM!

“O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

“Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio, lembrado em 10 de fevereiro)

“Ó meu Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.” (últimas palavras de São João Batista da Conceição Garcia, 14 de fevereiro). Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

* “Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu sempre lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

* “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”,
mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível.

(conforme: Saint of the Day (lngplants.com)

ou

Saint of the Day May 20 (lngplants.com)

* “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio, lembrados em 21 de maio)

-Ver o blog:

https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.