Santas e Santos de 20 de março

1.   Co­me­mo­ração de Santo Ar­quipo, com­pa­nheiro do após­tolo São Paulo, que o men­ciona nas suas epís­tolas a Fi­lémon e aos Colossenses.

2.   Em An­ti­o­quia, na Síria, ac­tu­al­mente na Tur­quia, os santos Paulo, Ci­rilo e outro, mártires. († data inc.)

3*.   Em Metz, na Gália Bél­gica, hoje na França, Santo Ur­bício, bispo. († c. 450)

4*.   Em Braga, ci­dade da Ga­lécia, hoje em Por­tugal, São Mar­tinho, bispo, oriundo da Pa­nónia, na ac­tual Hun­gria. A sua me­mória ce­lebra-se em Por­tugal, jun­ta­mente com a dos santos bispos Fru­tuoso e Ge­raldo, no dia cinco de Dezembro. († c. 579)

– Ver também páginas 184-185: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

5.   Na ilha de Farne, na Nor­túm­bria, na ac­tual In­gla­terra, o pas­sa­mento de São Cut­berto, bispo de Lin­dis­farne, que no seu mi­nis­tério pas­toral res­plan­deceu pela mesma di­li­gência an­te­ri­or­mente de­mons­trada no mos­teiro e no ermo, e con­se­guiu con­ci­liar pa­ci­fi­ca­mente a aus­te­ri­dade e modo de viver dos Celtas com os cos­tumes romanos. († 687)

– Ver também às páginas 168-170: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf 

6.   No mos­teiro de Fon­te­nelle, na Nêus­tria, ac­tu­al­mente na França, a de­po­sição de São Vul­frano, que, sendo monge, foi eleito bispo de Sens e se de­dicou a levar ao povo dos Fri­sões a men­sagem evan­gé­lica; fi­nal­mente, re­gressou ao mos­teiro de Fon­te­nelle, onde morreu em paz. († c. 700)

– Ver também sobre São Volfrão àspáginas 181-183: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

7.   Co­me­mo­ração de São Ni­cetas, bispo de Apo­lónia, na Ma­ce­dónia, que foi exi­lado pelo im­pe­rador Leão o Ar­ménio por de­fender o culto das sa­gradas imagens. († 733)

8.   Na laura de São Sabas, na Pa­les­tina, a paixão dos santos vinte monges, que du­rante a in­cursão dos Sar­ra­cenos mor­reram su­fo­cados pelo fumo na igreja da Mãe de Deus. († 797)

9*.   Em Sena, na Etrúria, hoje na Tos­cana, re­gião da Itália, o Beato Am­brósio Sansedóni, pres­bí­tero da Ordem dos Pre­ga­dores, dis­cí­pulo de Santo Al­berto Magno, que, apesar da sua emi­nente sa­be­doria e pre­gação, pro­cedeu sempre com a maior sim­pli­ci­dade para com todos. († 1287)

– Ver também às páginas 171-178 http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

10.    Em Praga, na Boémia, ac­tu­al­mente na Ché­quia, São João Ne­po­mu­ceno, pres­bí­tero e mártir, que, pela de­fesa da Igreja so­freu a per­sis­tente per­se­guição do rei Ven­ceslau IV e, de­pois de muitos tor­mentos e atro­ci­dades, foi lan­çado vivo ao rio Mol­dávia. († 1393)

11*.   Em Mântua, na Lom­bardia, re­gião da Itália, o Beato Bap­tista Spag­nóli, pres­bí­tero da Ordem dos Car­me­litas, que res­ta­be­leceu a paz entre os prín­cipes e re­formou a sua Ordem, da qual foi no­meado, contra o seu de­sejo, su­pe­rior geral. († 1516)

12*.   Em Flo­rença, na Etrúria, ac­tu­al­mente na Tos­cana, re­gião da Itália, o Beato Hi­pó­lito Ga­lan­tíni, que fundou a Ir­man­dade da Dou­trina Cristã e tra­ba­lhou ar­do­ro­sa­mente na for­mação ca­tequé­tica dos po­bres e dos humildes. († 1619)

– Ver também páginas 179-180: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

13*.   Em Ernée, lo­ca­li­dade do ter­ri­tório de Mayenne, na França, a Beata Joana Verón, virgem e mártir, que se en­tregou ao cui­dado das cri­anças e dos en­fermos e, du­rante a Re­vo­lução Fran­cesa, por ter ocul­tado sa­cer­dotes aos per­se­gui­dores, foi morta ao fio da espada. († 1794)

14*.   Em Tar­ra­gona, na Es­panha, o Beato Fran­cisco de Jesus Maria e José (Fran­cisco Palau Quer), pres­bí­tero da Ordem dos Car­me­litas Des­calços, que no seu mi­nis­tério su­portou graves per­se­gui­ções e, acu­sado in­jus­ta­mente, foi man­dado para a ilha de Ibiza e aí aban­do­nado a si mesmo du­rante vá­rios anos. († 1872)

15.   Em Bilbau, no País Basco, re­gião da Es­panha, Santa Maria Jo­sefa do Co­ração de Jesus (Maria Jo­sefa Sancho de Guerra), virgem, fun­da­dora da Con­gre­gação das Irmãs Servas de Jesus, que ori­entou es­pe­ci­al­mente para o cui­dado dos en­fermos e dos pobres. († 1912)

16*.   Em L’viv, na Ucrânia, São José Bilczewski, bispo, que se de­dicou com ar­dente ca­ri­dade à edi­fi­cação dos cos­tumes e à for­mação dou­trinal do clero e do povo e, no tempo da guerra, so­correu por todos os meios os po­bres e os necessitados. († 1923)

17. Em Amiso na Paflagônia, as sete santas mulheres, Alexandra (também na Folhinha do Coração de Jesus), Claudia, Eufrásia, Matrona, Juliana, Eufêmia, Teodósia (também na Folhinha do Coração de Jesus)que sofreram a morte pela fé. Foram seguidas de duas outras mulheres, Santa Derfuta e sua irmã. Ver página 187: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

18. Outros santos do dia 20 de março: págs: 168-187 (vol.05):  http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

 “E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores e Santas virgens.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi publicado.

BIBLIOGRAFIA e DIVERSOS

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal – http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf
  3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf
  4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.