Santas e Santos 05 de maio

1.   Em Au­tis­si­o­doro, na Gália Li­o­nense, hoje Au­xerre, na França, São Jo­vi­niano (também na Folhinha do Coração de Jesus), leitor e mártir. († s. III)

2.   Em Ale­xan­dria, no Egipto, Santo Eu­tímio, diá­cono e mártir. († c. 305)

3.   Co­me­mo­ração de São Má­ximo, bispo de Je­ru­salém, que, por ordem do im­pe­rador Ma­xi­mino Daïa, de­pois de lhe ti­rarem um olho e queimar um pé com ferro em brasa, foi con­de­nado ao tra­balho for­çado nas minas; mas, tendo sido li­berto, re­gressou à sede de Je­ru­salém, onde, pres­ti­giado pela sua glo­riosa con­fissão da fé, fi­nal­mente des­cansou em paz. († c. 350)

4*.   Em Tré­veris, na Gália Bél­gica, ac­tu­al­mente na Ale­manha, São Bretão, bispo, que de­fendeu a sua grei dos erros de Pris­ci­liano, mas em vão tentou, jun­ta­mente com Santo Am­brósio de Milão e São Mar­tinho de Tours, opor-se à fe­ro­ci­dade da­queles que pe­diram a morte de Pris­ci­liano e dos seus sequazes. († 386)

5.   Em Arles, na Pro­vença, na ac­tual França, Santo Hi­lário, bispo, que, pro­mo­vido com re­lu­tância da so­lidão de Lé­rins ao epis­co­pado, tra­ba­lhando por suas mãos, usando a mesma tú­nica no in­verno e no verão e ca­mi­nhando a pé, a todos ma­ni­festou o seu amor da po­breza; as­síduo à oração, às vi­gí­lias e aos je­juns, e in­can­sa­vel­mente en­tregue ao mi­nis­tério da pa­lavra, re­velou aos pe­ca­dores a mi­se­ri­córdia de Deus, aco­lheu os ór­fãos e des­tinou todo o di­nheiro re­co­lhido nas ba­sí­licas para a re­denção dos cativos. († 449)

– Ver páginas 105-107: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf  

6.   Em Vi­enne, na Gália Li­o­nense, também na ac­tual França, São Ni­cécio (também na Folhinha do Coração de Jesus, São Niceto), bispo. († s. V)  

7.   Em Milão, na Li­gúria, hoje na Lom­bardia, re­gião da Itália, São Gerôncio, bispo. († c. 472)

8*.   Em Mar­chi­ennes, na Gália Bél­gica, ac­tu­al­mente na França, São Mau­ronto, abade e diá­cono, que foi dis­cí­pulo de Santo Amando. († 702)

9.   Em Li­moges, na Aqui­tânia, também na ho­di­erna França, São Sa­cer­dote, que, de­pois de ser monge e abade, foi eleito bispo, mas fi­nal­mente quis voltar à vida monástica. († s. VIII)

10.     Em Hil­desheim, na Sa­xónia, re­gião da Ale­manha, São Go­tardo ou Go­de­ardo, bispo, que, sendo abade do mos­teiro de Ni­e­de­ral­taich, vi­sitou e ins­taurou ou­tros mos­teiros; de­pois su­cedeu a São Ber­nardo nesta sede epis­copal, onde pro­moveu o bem na sua Igreja, res­ta­be­leceu a dis­ci­plina re­gular do clero e abriu escolas. († 1038)

– Ver anotações do dia 04 de maio

11*.   Na Ca­lá­bria, re­gião da Itália, São Leão, ere­mita, que se en­tregou à con­tem­plação e ao au­xílio dos po­bres e morreu no mos­teiro de Áfrico, perto de Réggio, por ele fundado. († c. s. XII)

12*.   Em Vençay, junto de Tours, na França, Santo Aver­tino, diá­cono, que acom­pa­nhou São Tomás Becket no exílio e, de­pois da morte deste santo, re­gressou para Vençay, onde se­guiu vida eremítica. († 1189)

13*.   Em Li­cata, na Si­cília, re­gião da Itália, Santo Ân­gelo, pres­bí­tero da Ordem dos Car­me­litas e mártir. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, nascido em Jerusalém em uma família judia convertida a Cristo, fez profissão religiosa no Monte Carmelo, e recebeu depois a missão de ir a Roma para obter a confirmação da Regra de sua Ordem M). († 1225)

– Ver páginas 108-109: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf

14*.   Em Re­ca­náti, no Pi­ceno, hoje nas Marcas, re­gião da Itália, o Beato Ben­vindo Maréni, re­li­gioso da Ordem dos Menores. († 1289)

 

15*.   Em Ná­poles, na Cam­pânia, também re­gião da Itália, o Beato Núncio Sulprício, que, tendo fi­cado órfão, en­fermo de gan­grena numa perna e fi­si­ca­mente muito de­bi­li­tado, tudo su­portou com alegre e pa­ci­ente se­re­ni­dade e a todos as­sistiu com grande so­li­ci­tude, con­for­tando as­si­du­a­mente os com­pa­nheiros de so­fri­mento e, apesar da sua ex­trema po­breza, so­cor­rendo de todos os modos pos­sí­veis os indigentes. († 1836)

16*.   Em So­masca, perto de Bér­gamo, na Itália, a Beata Ca­ta­rina Cittadíni, virgem, que, tendo fi­cado órfã desde a in­fância, foi edu­ca­dora hu­milde e sábia; de­dicou-se ab­ne­ga­da­mente e sem des­canso à for­mação das jo­vens po­bres e ao en­sino da dou­trina cristã, fun­dando com esta fi­na­li­dade o Ins­ti­tuto das Irmãs Ur­su­linas de Somasca. († 1857)

17*.   Em Dresda, na Ale­manha, o Beato Gre­gório Frackowiak, re­li­gioso da So­ci­e­dade do Verbo Di­vino e mártir, que, preso du­rante a guerra, com um golpe da gui­lho­tina morreu por Cristo. († 1943)

18. Em Edessa, na Síria, perto de 382, Santo Eulógio, bispo. Foi vítima de uma decisão das autoridades civis, que ordenaram a substituição da hierarquia católicas por pastores arianos (M)

19. São Silvano, na Folhinha do Coração de Jesus.  Ver página 110: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf

20. Outros santos do dia 05 de maio: págs. 97-11 (vol.08): http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf

 “E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores e Santas virgens.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi publicado.

BIBLIOGRAFIA e DIVERSOS

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf
  3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf
  4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.