Santas e Santos de 16 de maio

1.   Em Uzális, na África Pro­con­sular, na ac­tual Tu­nísia, a co­me­mo­ração dos santos Félix e Ge­nádio, mártires. († data inc.)

2.   Em Ósimo, no Pi­ceno, hoje nas Marcas, re­gião da Itália, os santos Flo­rêncio e Di­o­cle­ciano, mártires. († data inc.)

3.   Na an­tiga Pérsia, os santos már­tires Abdas e Edésio, bispos, que foram mortos por ordem do rei Sapor II, jun­ta­mente com trinta e oito companheiros. († 375/376)

4.   Em Bouhy, lo­ca­li­dade do ter­ri­tório de Au­xerre, na Gália, hoje na França, São Pe­re­grino, mártir, ve­ne­rado como pri­meiro bispo desta cidade. († s. IV/V)

– Ver págs. 393-394: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf

5.   Co­me­mo­ração de São Pos­sídio, bispo de Guelma, na Nu­mídia, na ac­tual Ar­gélia, que foi dis­cí­pulo e amigo de Santo Agos­tinho, as­sistiu à sua morte e es­creveu a sua me­mo­rável biografia. († d. 473)

6.   Em Troyes, na Gália Li­o­nense, ac­tu­al­mente na França, São Fí­dolo, pres­bí­tero, que, se­gundo a tra­dição, foi feito pri­si­o­neiro de guerra pelo rei Te­o­do­rico, du­rante a in­vasão do Au­vergne, mas, res­ga­tado e ins­truído no ser­viço de Deus por Santo Aven­tino, abade, foi o seu sucessor. († c. 540)

7.   Na Ir­landa, São Brandão, abade de Clon­fert, ze­loso pro­pa­gador da vida mo­nás­tica, de quem se narra a cé­lebre «na­ve­gação de São Brandão». († 577/583)

– No Martirológio Romano-Monástico, no séc. VI, São Brendam, abade de Clonfert, na Irlanda, que guiou seus numerosos discípulos através das vagas deste mundo até “a terra prometida dos santos”. (M).

8.   Em Amiens, na Nêus­tria, ac­tu­al­mente na França, Santo Ho­no­rato (também na Folhinha do Coração de Jesus)bispo. († c. 600)

– Ver páginas 398-399: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf

9*.   Na Bre­tanha, em ter­ri­tório da ac­tual Grã-Bre­tanha, São Ca­ran­toco, bispo e abade de Cardigan. († s. VII)

10.   Na Pa­les­tina, a paixão de qua­renta e quatro santos monges, que, no tempo do im­pe­rador He­rá­clio, foram mas­sa­crados pelos Sar­ra­cenos que as­sal­taram o seu mos­teiro de São Sabas. († 614)

11*.   Em Tou­louse, na Aqui­tânia, na ac­tual França, São Ger­mério, bispo, que se em­pe­nhou em di­vulgar o culto de São Sa­tur­nino e vi­sitar as­si­du­a­mente o povo que lhe foi confiado. († s. VII f.)

12.   Em Gúbbio, na Úm­bria, re­gião da Itália, Santo Ubaldo, bispo, que tra­ba­lhou di­li­gen­te­mente para re­novar a vida co­mu­ni­tária dos clérigo. († 1160)

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Itália, Santo Ubaldo, bispo de Gubbio. Ao receber em seu tribunal um culpado que o havia insultado, levantou-se de sua cadeira e aproximou-se dele, dizendo-lhe: “Dá-me o abraço da paz e que o Senhor Todo-Poderoso te perdoe esta ofensa, assim como todos os teus pecados”. (M)

– Ver também páginas 400-401: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf

13*.   Em Fermo, no Pi­ceno, hoje nas Marcas, re­gião da Itália, Santo Adão, abade do mos­teiro de São Sabino. († c.1210)

14*.   Em Bor­déus, na Gas­conha, na ho­di­erna França, São Simão Stock, pres­bí­tero, que, de­pois de ter sido ere­mita na In­gla­terra, in­gressou na Ordem dos Car­me­litas, da qual foi ad­mi­rável su­pe­rior, tor­nando-se cé­lebre pela sua sin­gular de­voção à Virgem Maria. († 1265)

– Ver página 402: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf

15.   Em Janow, junto a Pinsk, nas mar­gens do rio Pripjat, na Po­lónia, Santo André Bobola, pres­bí­tero da Com­pa­nhia de Jesus, que foi ze­loso pro­motor da uni­dade dos cris­tãos, até que, ar­re­ba­tado por sol­dados, de bom grado deu o su­premo tes­te­munho da fé com o der­ra­ma­mento do seu sangue. († 1657)

– Ver págs 403-404: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf

16*.   Perto de Mu­nique, ci­dade da Ba­viera, na Ale­manha, o Beato Mi­guel Wozniak, pres­bí­tero e mártir, que foi de­por­tado da Po­lónia, ocu­pada por um re­gime hostil à dig­ni­dade hu­mana e à re­li­gião, para o campo de con­cen­tração de Da­chau e, de­pois de cruéis tor­turas, partiu para a glória celeste. († 1942)

17.   Em Drohobych, na Ucrânia, o Beato Vital Vla­di­miro Bajrak, pres­bí­tero da Ordem de São Jo­safat e mártir, que, pe­rante os per­se­gui­dores da re­li­gião, pelo com­bate da fé al­cançou o fruto da vida eterna. († 1946)

18. No ano da graça de 1383, o martírio de São João Nepomuceno (também na Folhinha do Coração de Jesus). Originário da Boêmia, exerceu seu ministério sacerdotal em Praga. Foi aprisionado e depois atiradfo no rio Moldava por ter se recusado a violar o segredo da confissão (M).

– Ver págs. 379-392: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf

19. São Luiz Orione (na Folhinha do Coração de Jesus). Canonizado em 16 de maio de 2004 por São João Paulo II. Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/Lu%C3%ADs_Orione

20. São Falo ou Fal. Ver página 395: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf

21. Santo Emano, mártir. Ver páginas 396-397: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%208.pdf

22. Outros santos do dia 16 de maio: págs. 379-406 (vol.08):

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores e Santas virgens.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi publicado.

BIBLIOGRAFIA e DIVERSOS

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf
  3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf
  4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.