Santas e Santos de 11 de janeiro

1.   Em Roma, Santo Hi­gino, papa, o oi­tavo a ocupar a Cá­tedra de São Pedro. († 142). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Roma, no ano da graça de 142, Santo Higino. Filho de um filósofo ateniense, foi eleito papa e defendeu o Evangelho contra as doutrinas sincretistas e gnósticas. (M). Ver: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Papa_Higino

2.   Na África Se­ten­tri­onal, São Sálvio (também na Folhinha do Coração de Jesus), mártir, em cuja festa Santo Agos­tinho fez um sermão ao povo de Cartago. († c. s. III)

3.   Em Ti­gava, na Mau­ri­tânia, na ac­tual Ar­gélia, São Ti­pásio, mártir, que, cha­mado ao exér­cito como sol­dado ve­te­rano, por se ter re­cu­sado a sa­cri­ficar aos deuses foi degolado. († 297/298)

4.   Em Ce­sa­reia da Pa­les­tina, São Pedro, de­no­mi­nado Ap­se­lamo ou Bál­samo, mártir, que, no tempo do im­pe­rador Ma­xi­mino, ins­tado re­pe­ti­da­mente pelo go­ver­nador e por todos os cir­cuns­tantes a que pou­passe a sua ju­ven­tude, não atendeu a tais exor­ta­ções e, abra­sado no fogo como ouro pu­rís­simo, deu co­ra­joso tes­te­munho da sua fé em Cristo. († 309)

5.   Em Brindes, na Apúlia, re­gião da Itália, São Lêucio, ve­ne­rado como o pri­meiro bispo desta cidade. († s. IV)

6.   Em Pavia, na Li­gúria, igual­mente re­gião da Itália, a tras­la­dação de Santa Ho­no­rata (também na Folhinha do Coração de Jesus), virgem con­sa­grada a Deus, irmã de Santo Epi­fânio, bispo. († s. V)

7.   Num ermo da Ju­deia, São Te­o­dósio, ce­no­bi­arca, amigo de São Sabas, que após longo tempo de vida so­li­tária, aco­lheu muitos dis­cí­pulos e pra­ticou vida co­mu­ni­tária nos mos­teiros por ele cons­truídos, até que, de­pois de ter pas­sado muitas tri­bu­la­ções pela de­fesa da fé ca­tó­lica, já cen­te­nário des­cansou na paz de Cristo. († 529). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, perto de 529, São Teodósio Cenobiarco (também na Folhinha do Coração de Jesus). Originário da Capadócia, foi para a Palestina atraído pela influência de Santo Eutímio. Depois, fundou próximo a Belém um mosteiro cenobítico, onde se reuniu uma multidão de monges de línguas e nacionalidades diferentes. (M). Ver páginas 300-303: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

8*.   Em Ci­vi­dale del Friúli, na Ve­nécia, hoje Friúli-Ve­nézia Giúlia, re­gião da Itália, São Pau­lino, bispo de Aqui­leia, que se em­pe­nhou na con­versão dos Ávaros e dos Es­lo­venos e de­dicou ao rei Carlos Magno um cé­lebre poema sobre a Regra da fé. († 802). Ver página 313: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf – Ver: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Paulino_II_de_Aquileia

9*.   Em Ca­tânia, na Si­cília, também re­gião da Itália, o Beato Ber­nardo Scammaca, pres­bí­tero da Ordem dos Pre­ga­dores, que se dis­tin­guiu es­pe­ci­al­mente pelas suas obras de mi­se­ri­córdia em favor dos po­bres e dos enfermos. († 1487).

10*.   Em Lon­dres, na In­gla­terra, o Beato Gui­lherme Carter, mártir, que era homem ca­sado e, no tempo da rainha Isabel I, por ter pu­bli­cado um tra­tado sobre o cisma, foi sus­penso na forca de Ty­burn e cru­el­mente dilacerado. († 1584)

11.   Em Yat­sushiro, no Japão, os be­atos João Hat­tori Jingoro e seu filho Pedro Hattori, jun­ta­mente com Mi­guel Mit­suishi e seu filho Tomé Mitsuishi, mártires. († 1609)

12*.   Em Bé­legra, lo­ca­li­dade do Lácio, re­gião da Itália, São Tomás de Córi (Fran­cisco An­tónio Plá­cido), pres­bí­tero da Ordem dos Frades Me­nores, cé­lebre pela sua pre­gação e vida aus­tera e também pela fun­dação de ermitérios. († 1729). Ver páginas 304-305: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

13.   Em Ta­larn, lo­ca­li­dade pró­xima de Lé­rida, na Espanha, Ana Maria Janer An­gla­rill, virgem, fun­da­dora do Ins­ti­tuto das Irmãs da Sa­grada Fa­mília de Urgell. († 1885)

14*.   Perto de Gdansk, na Po­lónia, o Beato Fran­cisco Ro­gac­zewski, pres­bí­tero e mártir, que, du­rante a ocu­pação da Po­lónia por um re­gime hostil a Deus, foi fu­zi­lado e morreu pela fé. († 1940)

15. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Tebaida, cerca de 330, São Palamon, eremita, que iniciou São Pacômio na vida monástica e deu-lhe seus princípios fundamentais: vigiar e orar no jejum e na solidão. (M).

16. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, perto de 625, São Vital, monge de Gaza, que foi chamado para converter mulheres de má vida em Alexandria. (M). Ver páginas 310-311: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

Ver: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Vital_de_Gaza

17. São Tipásio, mártir. Ver páginas 306-307: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

18. Santo Anastácio, confessor. Ver páginas 308-309: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

19. Santo Egwino, bispo e confessor. Ver páginas 312-313: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

20. Outros santos do dia 11 de janeiro: págs. 300-315: 

Clique para acessar o VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores e Santas virgens.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi escrito. 

– Sobre o dia 11 de janeiro, ver ainda: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/11_de_janeiro

BIBLIOGRAFIA e DIVERSOS

1.MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/

2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004

ISBN 978-88-209-7925-6 – Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf

3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para  Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997

5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com

6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.