Santas e Santos de 30 de março

1.   Em Ásti, na Trans­pa­dana, hoje na Itália, São Se­gundo, mártir. († data inc.). Em 29 de março: Em Asti, no Piemonte, perto de 134, o martírio de São Segundo (também na Folhinha do Coração de Jesus), preso e decapitado por haver cuidado da sepultura de um cristão que o havia convertido e instruído (Conforme o Martirológio Romano-Monástico – M).

2.   Em Tes­sa­ló­nica, na Ma­ce­dónia, na ac­tual Grécia, São Se­nho­rinho (Donino), mártir. († s. IV). Em Tessalônica, perto de 304, São Donino (também na Folhinha do Coração de Jesus), que deu um corajoso testemunho de Cristo ao ser torturado (conforme Martirológio Romano-Monástico – M)

3.   Em Senlis, na Gália Lug­du­nense, na ac­tual França, São Ré­gulo (também na Folhinha do Coração de Jesus), bispo. († s. IV). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no séc. III, São Régulo, bispo de Senlis, que foi, juntamente com São Dionísio de Paris e São Luciano de Beauvais, um dos primeiros evangelizadores da Gália. (M). Ver também às páginas 377-379: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

4.   Co­me­mo­ração de muitos santos mártires, que, em Cons­tan­ti­nopla, hoje Is­tambul, na Tur­quia, no tempo do im­pe­rador Cons­tâncio, por ordem do bispo ariano Ma­ce­dónio, foram man­dados para o exílio e tor­tu­rados com inau­ditos tormentos. († s. IV)

5.   No monte Sinai, no Egipto, São João, abade (também na Folhinha do Coração de Jesus), que es­creveu para ins­trução dos monges o me­mo­rável tra­tado «Es­cada do Pa­raíso», no qual apre­senta o ca­minho da per­feição es­pi­ri­tual na forma de uma es­cada de trinta graus na su­bida da alma para Deus, o que lhe me­receu o so­bre­nome de «Clí­maco». († 649). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em meados do séc. VII, São João Clímaco, monge. Originário da Palestina, retirou-se, após brilhantes estudos, ao deserto do Monte Sinai. Escreveu uma obra intitulada A Escada do Paraíso, verdadeira suma de espiritualidade monástica, que lhe conferiu, na Igreja Bizantina, o primeiro lugar entre os doutores místicos, e lhe valeu o sobrenome de “Clímaco”. (M). Ver também páginas 367-371: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

– Ver também: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Jo%C3%A3o_Cl%C3%ADmaco

6.   Em Si­ra­cusa, na Si­cília, re­gião da Itália, São Zó­simo, bispo, que foi pri­mei­ra­mente o hu­milde guarda do tú­mulo de Santa Luzia e de­pois abade no mos­teiro desta localidade. († c. 600). Ver também páginas 384-386: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

7*.   Em Co­ventry, na In­gla­terra, Santa Os­burga, pri­meira aba­dessa do mos­teiro deste lugar. († c. 1018)

8.   Em Aquino, no Lácio, re­gião da Itália, São Clínio, abade. († d. 1030)

9.   Em Agui­lera, lo­ca­li­dade da re­gião de Cas­tela, na Es­panha, São Pedro Re­ga­lado de Valladolid, pres­bí­tero da Ordem dos Me­nores, que foi in­signe pela sua hu­mil­dade e ri­go­rosa pe­ni­tência e fundou dois ce­nó­bios, onde só doze ir­mãos de­viam viver em cada eremitério. († 1456)

10*.   Em Ver­celas, no Pi­e­monte, re­gião da Itália, o Beato Amadeu IX, duque de Sa­bóia, que no seu go­verno pro­moveu por todos os meios a paz e fa­vo­receu com seus bens e ar­dente zelo a causa dos po­bres, das viúvas e dos órfãos. († 1472). Ver: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Amadeu_IX,_Duque_de_Saboia

11.   Em Su-Ryong, na Co­reia, os santos már­tires An­tónio Daveluy, bispo, Pedro Aumaître, Mar­tinho Lucas Huin, pres­bí­teros, José Chang Chu-gi, Tomé Son Cha-son e Lucas Hwang Sok-tu, ca­te­quistas, que pela fé em Cristo mor­reram decapitados. († 1866)

12*.   Em Ná­poles, na Itália, São Luís de Casória (Ar­cân­gelo Pal­men­tiéri), pres­bí­tero da Ordem dos Frades Me­nores, que, mo­vido pelo ardor da ca­ri­dade para com os po­bres de Cristo, fundou duas con­gre­ga­ções: os Ir­mãos da Ca­ri­dade e as Irmãs Fran­cis­canas de Santa Isabel. († 1885)

13.   Em Turim, também na Itália, São Le­o­nardo Murialdo, pres­bí­tero, que fundou a pi­e­dosa So­ci­e­dade de São José, para que as cri­anças aban­do­nadas pu­dessem sentir os efeitos da fé e ca­ri­dade cristãs. († 1900)

14.   Em San Ju­lián, lo­ca­li­dade do ter­ri­tório de Gua­da­la­jara, no Mé­xico, São Júlio Ál­varez, pres­bí­tero e mártir, que, du­rante a per­se­guição re­li­giosa, com o der­ra­ma­mento do seu sangue deu tes­te­munho da fi­de­li­dade a Cristo e à sua Igreja. († 1927)

15*.   Em Viena, na Áus­tria, a Beata Maria Res­ti­tuta (He­lena Kafka), virgem da Con­gre­gação das Irmãs Fran­cis­canas da Ca­ri­dade Cristã e mártir, que, oriunda da Mo­rávia, exerceu o ofício de en­fer­meira no Hos­pital, quando, du­rante a guerra, foi de­ca­pi­tada pelos ini­migos da fé.  († 1943)

16. Profeta Joad – Antigo Testamento: ver páginas 372-376: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

17. São João, o da cisterna, ermitão e confessor. Ver páginas380-381: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOVer S%20-%205.pdf

18. São Mamertino, confessor. Ver páginas 382-383: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

19. Bem-aventurado Joaquim de Flore, confessor. Ver páginas 387-388: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

– Ver também: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Joaquim_de_Fiore

20. São Quirino. É invocado contra a paralisia, reumatismo (mãos e pernas) e dores de ouvidos. Ver página 388: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

– Ver também: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Quirino_de_Neuss

21. Outros santos do dia 30 de março: págs. 367-389 (vol.5): http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores e Santas virgens.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi escrito. 

– Sobre o dia 30 de março, ver ainda: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/30_de_mar%C3%A7o

1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/

2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004

ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 290-292: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf

3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997

5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com

6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.