Santas e Santos de 26 de março

1.   Em Roma, junto à Via La­bi­cana, São Cás­tulo, mártir. († data inc.).

– Ver “S. CÁSTULO, MÁRTIR, NA VIA LABICANA. Funcionário do Imperador Diocleciano, escondeu cristãos durante as perseguições. Traído por um apóstata, foi preso e torturado, permanecendo fiel a Cristo até o fim. Segundo a tradição, foi sepultado vivo em uma cova de pozolana.”: https://www.vaticannews.va/pt/santo-do-dia/03/26.html

2.   Na Ana­tólia, na ac­tual Tur­quia, os santos Ma­nuel (também na Folhinha do Coração de Jesus, Emanuel), Sa­bino, Qua­drato e Te­o­dósio, mártires. († data inc.)

– Ver “Manuel: O Martirológico Romano cita só dois santos com este nome; o primeiro no dia 26 de março, era um militar de data incerta que sofreu o martírio com mais outros trinta e nove, entre os quais, se fez menção também de Quadrado e Teodósio. O martírio destes se deu na Ásia Menor.”: http://diadossantoscatolicos.blogspot.com/2012/06/sao-manoel.html

3.   Em Sir­mium, na Pa­nónia, hoje Sremska Mi­tro­vica, na Sérvia, os santos már­tires Mon­tano, pres­bí­tero, e Má­xima, es­posos, que, se­gundo a tra­dição, por con­fes­sarem a sua fé em Cristo Se­nhor foram pre­ci­pi­tados no mar por al­guns infiéis. († c. 304)

4.   Co­me­mo­ração da paixão de Santo Eu­tí­quio, sub­diá­cono de Ale­xan­dria, que, no tempo do im­pe­rador Cons­tâncio, sendo bispo da ci­dade o ariano Jorge, morreu pela sua fé católica. († 356)

5.   Em Se­baste, na an­tiga Ar­ménia, hoje Sivas, na Tur­quia, São Pedro, bispo, irmão mais novo de São Ba­sílio Magno, que foi in­signe de­fensor da recta fé contra os arianos. († c. 391). Ver “Pedro de Sebaste (340391) foi bispo de Sebaste, de 381 até o ano de sua morte. Seus pais eram Basílio, o Velho e Emelia de Cesareia, na Capadócia. Seus irmãos eram Santa Macrina, a Jovem e dois dos padres capadóciosBasílio Magno e Gregório de Níssa. Caçula de uma família grande em que sua irmã mais velha, Macrina, exercia grande influência sobre sua educação religiosa, agindo como instrutora, dirigindo-o para uma vida espiritual e ascética. Renunciando ao estudo das ciências profanas, ele se devotou inteiramente à meditação das Escrituras e a cultivar uma vida religiosa. Logo após a elevação de seu irmão à sé episcopal de Cesareia, Pedro recebeu dele a ordenação para padre, embora ele depois tenha se retirado da vida ativa para se tornar um recluso ascético. Ele ajudou sua irmã a conseguir o sonho de sua vida, apoiando-a e à mãe no estabelecimento de um mosteiro e um convento nas terras da família após a morte de seu pai.[2] Após o seu voto de castidade, Pedro na transformação da comunidade de virgens para uma comunidade cenobita mista. Ele liderou o mosteiro masculino enquanto Macrina era responsável pela comunidade das mulheres… É um padres da Igreja (padres gregos)[1][1]”: Pedro de Sebaste – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

6.   No mos­teiro de Mon­tier-en-Der, no ter­ri­tório de Cham­pagne, ac­tu­al­mente na França, São Ber­cário, pri­meiro abade de Haut­vil­lers e de Mon­tier-en-Der, que, fe­roz­mente apu­nha­lado por um per­verso monge no dia da Ceia do Se­nhor, passou ao reino ce­leste no dia da Ressurreição. († 685)

7.   Em Mon­tal­bano, na Etrúria, hoje na Tos­cana, re­gião da Itália, os santos Barôncio e De­si­dério, eremitas. († s. VII). Ver dia 25 de março, São Barôncio e São Desidério (também, dia 25 de março, na Folhinha do Coração de Jesus), confessores. Ver sua história às páginas 287-288 http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

– Ver:  São Barôncio e São Desidério (também na Folhinha do Coração de Jesus), confessores.

Ver “Barôncio (Barontus) ( em francês: Baronce, em italiano: Baronto, Baronzio ) e Desidério ( em francês: Dizier, em italiano: Desiderio ) foram dois eremitas do século 8 que são venerados como santos pela Igreja Católica[1] Eles eram eremitas perto de Pistoia, na Itália.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Bar%C3%B4ncio_e_Desid%C3%A9rio

8.   No mos­teiro de Werden, na Sa­xónia, hoje na Ale­manha, o pas­samento de São Lud­gero, bispo, que, ins­truído por Al­cuíno, pregou o Evan­gelho na Frísia, na Di­na­marca e na Sa­xónia, cons­ti­tuiu a sede epis­copal de Münster e fundou vá­rios mos­teiros, ver­da­deiros cen­tros de pro­pa­gação da fé. († 809). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano do Senhor de 809, São Ludgero. Discípulo de São Gregório de Utrecht, foi enviado por Carlos Magno para evangelizar os saxões da Europa do noroeste. Lá implantou a Igreja e fundou diversos mosteiros, dos quais um deu sua denominação à sua cidade episcopal, Münster, na Westfália. (M). Ver também páginas 299-307: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

– Ver também “Ludgero (em latimLudgerZuilen, próximo a Utreque, ca. 742 — Billerbeck26 de março de 809) foi um missionário entre os frísios e os saxões, fundador da abadia de Werder e primeiro bispo de Münster na Vestfália.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Ludgero

9*.   Em Ca­tânia, ci­dade da Si­cília, na Itália, a Beata Ma­da­lena Ca­ta­rina Morano, virgem do Ins­ti­tuto das Fi­lhas de Maria Au­xi­li­a­dora, que se con­sa­grou à obra da ca­te­quese, per­cor­rendo in­can­sa­vel­mente ao longe e ao largo toda esta região. († 1908)

10. Em Pentápolis da Líbia, São Teodoro e companheiros, que sofreram por Cristo sob o imperador Diocleciano (Conforme o Martirológio Romano-Monástico -M).

11. Perto de 650, São Braulio (também na Folhinha do Coração de Jesus), bispo de Saragoça. Discípulo de Santo Isidoro de Sevilha, contribuiu para estabelecer a unidade da disciplina na Igreja da Espanha (Conforme o Martirológio Romano-Monástico -M). Ver “Bráulio de Saragoça (em latimBraulius Caesaraugustanus), bispo de Saragoça (590–651), foi um religioso do século VII na Hispânia e sucessor de seu irmão, João, na sé onde ambos foram arcediagos. Bráulio foi também conselheiro e confidente de diversos reis visigodos, incluindo Quindasvinto, cujo filho, Recesvinto, recomendou que fosse coroado “rei associado”.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Br%C3%A1ulio_de_Sarago%C3%A7a

12. São Basílio, o jovem, solitário e confessor. Ver págs. 308-309: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

13. Bem-aventurado Riciero, confessor. Ver “Riciero, fiel discípulo, admitido na familiaridade de São Francisco, tornou-se, em pouco tempo, um religioso de rara prudência e de consumada virtude…” às páginas 310-314: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

14. Na mesma cidade (Roma), os Santos Pedro, Marciano (também na Folhinha do Coração de Jesus) Jovino, Tecla, Cassiano e vários outros mártires. Ver página 316: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

15. Em Sírmio, São Montano, sacerdote, e Máxima, que foram afogados, em vista de professarem a fé em Jesus Cristo. Além desses, os Santos Quadrato, Teodósio, Emanuel (também na Folhinha do Coração de Jesus) e quarenta outros mártires.

16. Sete crianças mártires (pequenos mártires). Ver “… em Lentino, SETE PEQUENINOS MÁRTIRES, quando da perseguição de Décio e Valeriano. Mortos pela fé, por ordem do governador da Sicília, Tertullus, os nomes das crianças não foram, infelizmente, conservados (século III ).”, à página 314: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%205.pdf

17. Outros santos do dia 26 de março: págs. 299-316 (vol.5)VIDAS DOS SANTOS – 5.pdf (obrascatolicas.com)

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

– Sobre 26 de março, ver ainda26 de março – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

BIBLIOGRAFIA:

1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/

2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINA 284-285:

Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf

3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997

5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com

6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* Senhor, nosso Deus e Pai amado, obrigado por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

Querida Mãe Maria, proteja-nos!

São José, Anjos e Santos, intercedam por nós!

Amém!

* PAI AMADO DÊ-NOS, À NOSSA FAMÍLIA E A TODOS OS QUE O SENHOR JÁ CHAMOU E OS QUE ESTÃO AQUI, A GRAÇA DE ESTARMOS COM O SENHOR, A MÃEZINHA MARIA, SÃO JOSÉ E TODAS AS SANTAS E SANTOS QUANDO O SENHOR NOS CHAMAR TAMBÉM! DÊ-NOS A SUA GRAÇA! OBRIGADO PAI AMADO! PEDIMOS POR JESUS CRISTO, SEU FILHO, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO!  NÓS CONFIAMOS NO SENHOR! AMÉM!

* OBSERVAÇÃO: MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS/OS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES.

CONTATE-NOS, POR GENTILEZA:

barpuri@uol.com.br

* SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDEI POR NÓS!

* “O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

* “Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio, lembrado em 10 de fevereiro)

* “Ó meu Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.” (últimas palavras de São João Batista da Conceição Garcia, 14 de fevereiro). Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

* “Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu sempre lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

Ver:

https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.