Santas e Santos de 14 de outubro

São Ca­listo I (também na Folhinha do Coração de Jesus), papa e mártir, que, sendo diá­cono, de­pois de um longo exílio na ilha da Sar­denha, teve a seu cui­dado o ce­mi­tério da Via Ápia que é de­sig­nado com o seu nome, onde deixou para ve­ne­ração da pos­te­ri­dade as me­mó­rias dos már­tires; de­pois, eleito papa, pro­moveu a recta dou­trina e re­con­ci­liou be­nig­na­mente os após­tatas, ter­mi­nando o seu in­tenso pon­ti­fi­cado com a glória do mar­tírio. Neste dia co­me­mora-se a de­po­sição do seu corpo no ce­mi­tério de Ca­le­pódio, junto à Via Au­rélia, em Roma. († c. 222). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Roma, no ano da graça de 222, o martírio de São Calixto. Antigo escravo egresso das galés, depois de ter confessado sua fé, viu-se-lhe confiar, quando se tornou diácono, a administração temporal da Igreja. Eleito Papa em 218, resistiu ao cisma de Hipólito e ao rigorismo de Tertuliano, amenizando as normas de admissão ao catecumenato e as de perdão aos apóstatas. (R)

2.   Em Cápua, na Cam­pânia, re­gião da Itália, São Lú­pulo, mártir. († data inc.). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no mesmo dia, receberam a coroa do martírio os Santos Lúpulo, em Cápua, e Gaudêncio, bispo de Rímini, no séc. II (M).

3.   Em Rí­mini, na Emília, também na Itália, São Gau­dêncio, que é ve­ne­rado como pri­meiro bispo desta ci­dade du­rante o tempo de perseguição. († s. IV)

4.   Em Bruges, no ter­ri­tório da ac­tual Bél­gica, a co­me­mo­ração de São Do­na­ciano, bispo de Reims, cujas re­lí­quias se con­servam nesta cidade. († 389)

5.   Em Tódi, na Úm­bria, re­gião da Itália, São For­tu­nato (também na Folhinha do Coração de Jesus), , bispo, que, como re­fere o papa São Gre­gório Magno, ma­ni­festou es­pe­ci­al­mente a sua vir­tude na as­sis­tência aos enfermos. († s. V). Ver páginas 187-188: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2018.pdf  

6*.     No ter­ri­tório de Cha­lons, na Cham­pagne, re­gião da Gália, hoje na França, Santa Ma­ne­quilde, virgem. († s. V)

7*.     Em Lúni, na Li­gúria, re­gião da Itália, a co­me­mo­ração de São Ve­nâncio, bispo, que de­dicou es­pe­cial atenção ao clero e aos monges e teve a es­tima e ami­zade do papa São Gre­gório Magno. († s. VI)

8*.     Em Be­au­vais, ci­dade da Nêus­tria, ac­tu­al­mente na França, Santa An­ga­drisma, aba­dessa do mos­teiro fun­dado por Santo Ebrulfo e cha­mado Ora­tório, hoje Oroër-des-Vi­erges, porque tinha vá­rios lu­gares de oração, onde o Se­nhor era ve­ne­rado sem interrupção. († c. 695)

9*.     Em San Se­ve­rino, no Pi­ceno, hoje nas Marcas, re­gião da Itália, São Do­mingos – cha­mado Lo­ri­cato, porque le­vava cin­gida ao corpo uma cou­raça de ferro – pres­bí­tero da Ordem Ca­mal­du­lense, o qual, tendo sido or­de­nado si­mo­ni­a­ca­mente, de­pois se fez ere­mita e, dis­cí­pulo de São Pedro Da­mião, levou uma vida de aus­te­ri­dade e ri­go­rosa observância. († 1060). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano do Senhor de 1060, São Domingos, eremita, cognominado “o Encouraçado”, por causa dos instrumentos de penitência que trazia sobre o corpo, em reação à decadência dos costumes e da moral do clero de sua época. (M). Ver páginas 175-178: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2018.pdf

10♦.   Em Ko­kura, no Japão, o Beato Diogo Ka­gayama Haito, mártir. († 1619)

11*.   Em An­gers, na França, o Beato Tiago Laig­neau de Lan­gel­lerie, pres­bí­tero e mártir, que, du­rante a Re­vo­lução Fran­cesa, por ser sa­cer­dote foi decapitado. († 1794)

12*.   Em Pi­ca­dero de Pa­terna, lo­ca­li­dade da pro­víncia de Va­lência, na Es­panha, a Beata Ana Maria Aranda Riera, virgem e mártir, que, em tempo de per­se­guição contra a fé cristã, der­ramou o seu sangue por Cristo. († 1936)

13*.   No campo de con­cen­tração de Da­chau, pró­ximo de Mu­nique, na Ba­viera, re­gião da Ale­manha, os be­atos Es­ta­nislau Mysakowski e Fran­cisco Ros­la­niec, pres­bí­teros e már­tires, que, du­rante a ocu­pação mi­litar da Po­lónia por ini­migos de Deus e da hu­ma­ni­dade, con­su­maram o mar­tírio na câ­mara de gás. († 1942)

14*.   Em L’viv, na Ucrânia, o Beato Ro­mano Lysko, pres­bí­tero e mártir, que, em tempo de per­se­guição contra a fé, se­guindo os passos de Cristo, pela sua graça chegou ao reino celeste. († 1949)

15. Santo Evaristo (também na Folhinha do Coração de Jesus)

16. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, perto de 382, São Justo, bispo de Lião, que defendeu a fé de Nicéia antes de se retirar na Tebaida com o Leitor de sua Igreja, São Viator. Ambos morreram com intervalo de poucos meses, e seus corpos foram levados mais tarde de volta para Lião. (M). Ver páginas 184-186: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2018.pdf

17. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Palestina, perto de 760, a volta para Deus de São Cosmas, poeta e teólogo, que foi monge da laura de São Sabas na mesma ocasião que São João Damasceno, antes de se tornar bispo de Maiúna. (X). Ver páginas 179-183: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2018.pdf

18. Outros santos do dia 14 de outubro: págs. 175-191, em: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2018.pdf

 Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XVII – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores e Santas virgens.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi escrito.

– Sobre o dia 14 de outubro, ver ainda:  

BIBLIOGRAFIA e DIVERSOS

1.MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/

2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf

3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para  Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997

5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com

6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.