Santas e Santos de 22 de maio

Santa Rita de Cássia (também na Folhinha do Coração de Jesus), re­li­giosa, que, ca­sada com um es­poso vi­o­lento, su­portou pa­ci­en­te­mente a sua cru­el­dade e o re­con­ci­liou com Deus; de. ­pois de ter per­dido o es­poso e os fi­lhos, in­gressou no mos­teiro de Santo Agos­tinho em Cássia, na Úm­bria, dando a todos, exemplo su­blime de pa­ci­ência e compunção. († a. 1457). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Úmbria, Santa Rita de Cássia. Camponesa, casada com um homem dissoluto e violento, que acabou morrendo assassinado. Obteve de seus dois filhos que não praticassem nenhuma vingança. Esta graça, alcançada pela oração e por penitência, fez dela a “Santa dos impossíveis”. (M). Ver páginas 118-120: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

– Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/Rita_de_C%C3%A1ssia

– Ver também: https://www.saintritashrine.org/life-of-saint-rita/

– Ver: https://st-rita.org/the-story-of-st-rita-of-cascia/

2.   Na África Se­ten­tri­onal, os santos Casto (ou Vasto também na Folhinha do Coração de Jesus) e Emílio, már­tires, que con­su­maram a sua paixão quei­mados pelo fogo. Como es­creve São Ci­priano, a estes santos, ven­cidos no pri­meiro em­bate dos ini­migos da fé, o Se­nhor tornou-os ven­ce­dores no se­gundo com­bate, de modo que, se antes ce­deram pe­rante o fogo, fi­nal­mente foram mais fortes que o fogo. († 203). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na África, no séc. III, os Santos Vasto e Emílio, martirizados pelo fogo. São Cipriano relata que, vencidos em seu primeiro combate, o Senhor os fez triunfar em seguida, transformando sua fraqueza humana pelo poder da graça. (M)

3.   Em Co­mana, no Ponto, hoje Gu­menek, na Tur­quia, São Ba­si­lisco, bispo e mártir. († s. IV)

4.   Na ilha da Cór­sega, re­gião da França, a co­me­mo­ração de Santa Júlia, virgem e mártir. († data inc) Conforme o Martirológio Romano-Monástico, Santa Júlia, jovem cristã africana. Aprisionada pelos muçulmanos durante uma invasão, foi crucificada na Córsega, da qual se tornou a padroeira celeste (M). Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/J%C3%BAlia,_m%C3%A1rtir_de_Cartago

5*.   Em Aire-sur-l’Adour, na Aqui­tânia, hoje na França, Santa Qui­teria, virgem. († data inc) . Conforme o Martirológio Romano-Monástico, filha de um príncipe da Galícia espanhola, Santa Quitéria, (também na Folhinha do Coração de Jesus) recebeu o martírio em Aire-Sur-Adour. Seu culto permaneceu popular na Espanha e no sul da França, onde várias igrejas lhe são dedicadas (M). Ver págs. 121-122: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

– Ver também: https://pt.wikipedia.org/wiki/Quit%C3%A9ria_de_Br%C3%A1cara_Augusta

6.   Em An­gou­lême, também na Aqui­tânia, Santo Au­sónio, con­si­de­rado o pri­meiro bispo desta cidade. († s. IV/V)

7*.   Em Li­moges, na mesma re­gião da Aqui­tânia, São Lopo  (ou Lobo), bispo, que aprovou a fun­dação do mos­teiro de Solignac. († 637)

– Ver páginas 125-126: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

8*.   Em Parma, na Emília-Ro­manha, re­gião da Itália, São João, abade, que, se­guindo os con­se­lhos de São Maiolo de Cluny, con­tri­buiu com muitas ori­en­ta­ções para pro­mover a ob­ser­vância re­li­giosa no seu mosteiro. († s. X)

9.   Em Pis­tóia, na Etrúria, hoje na Tos­cana, também re­gião da Itália, Santo Atão, bispo, que, de­pois de ter sido abade da Ordem de Va­lum­brosa, foi eleito para a sede epis­copal de Pistóia. († c. 1153). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, No ano de 1155, Santo Aton (ou Atão), abade beneditino de Valumbrosa. Redigiu a biografia de São João Gualberto, e mais tarde foi nomeado bispo de Pistóia, na Toscana. (M)

10*. Em Flo­rença, também na Etrúria, hoje na Tos­cana, a Beata Hu­mil­dade (Ro­sana), que, com a anuência do es­poso, viveu re­clusa du­rante doze anos, e de­pois, a pe­dido do bispo, edi­ficou um mos­teiro, do qual foi aba­dessa e que as­so­ciou à Ordem de Valumbrosa. († 1310)

-Ver págs. 127-128: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

11*.   Em Lon­dres, na In­gla­terra, o Beato João Forest, pres­bí­tero da Ordem dos Frades Me­nores e mártir, que, no rei­nado de Hen­rique VIII, por de­fender a uni­dade ca­tó­lica, so­freu o mar­tírio na praça de Smith­field, onde foi quei­mado vivo jun­ta­mente com as ima­gens sa­gradas de madeira. († 1538)

12*.   Em Kori, ci­dade do Japão, os be­atos Pedro da Assunção, da Ordem dos Frades Me­nores, e João Bap­tista Machado, da Com­pa­nhia de Jesus, pres­bí­teros e már­tires, que, por exer­cerem o mi­nis­tério clan­des­ti­na­mente, foram de­ca­pi­tados em ódio à fé cristã. († 1617)

13*.   Em Omura, também no Japão, o Beato Ma­tias de Arima, mártir, que era ca­te­quista e, por não querer de­nun­ciar um mis­si­o­nário, foi tor­tu­rado até à morte. († 1620)

14*.   No Aname, no ac­tual Vi­etnam, São Mi­guel Ho Dinh Hy, mártir, um man­darim, membro da casa im­pe­rial e ca­te­quista, que, de­nun­ciado por ser cristão, foi atroz­mente tor­tu­rado e fi­nal­mente decapitado.(† 1857)

15.   Em An-Xá, ci­dade do Ton­quim, também no ac­tual Vi­etnam, São Do­mingos Ngon, mártir, pai de fa­mília e agri­cultor, que se ajo­e­lhou e adorou a cruz que os sol­dados lhe ti­nham or­de­nado calcar e, tendo pro­fes­sado in­tre­pi­da­mente di­ante do juiz a sua fé cristã, ime­di­a­ta­mente foi degolado. († 1862)

16*.   Em Lucca, na Tos­cana, re­gião da Itália, a Beata Maria Do­mingas Brun Barbantíni, re­li­giosa, que fundou a Con­gre­gação das Irmãs Mi­nis­tras dos En­fermos de São Camilo. († 1868)

17. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano do Senhor de 127, São Marciano, bispo de Ravena, que apesar da perseguição, por seu zelo conseguiu aumentar o número de cristãos. (M)

18. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no séc. VI, São Romão, abade, que deu vida a uma comunidade monástica na região de Auxerre. (M). Ver págs. 123-124: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

19. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no séc. XII, São Folco (ou Fulco), que, de volta da Cruzada, levou vida solitária perto de Aquino, no Lácio. (M)

20. Outros santos do dia 21 de maio: páginas: 118-130 (vol.09): http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%209.pdf

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores e Santas virgens.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi escrito. 

– Sobre o dia 22 de maio, ver ainda: https://pt.wikipedia.org/wiki/22_de_maio

1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/

2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004

ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 414-416:  Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf

3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997

5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com

6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.

OBSERVAÇÃO: MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS/OS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA. SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDEI POR NÓS! MUITO OBRIGADO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.