Santas e Santos de 05 de junho

SOLENIDADE DE PENTECOSTES: 05 DE JUNHO DE 2022

Pentecostes (“quinquagésimo” em grego) é uma das celebrações mais importantes do calendário cristão e comemora a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos de Jesus Cristo, sua mãe Maria e outros seguidores. O Pentecostes é celebrado 50 dias depois do domingo de Páscoa, e ocorre no décimo dia depois da celebração da Ascensão de Jesus. Isto porque ele ficou quarenta dias, após Sua ressurreição, dando os últimos ensinamentos a seus discípulos. E para os cinquenta dias que se completam da Páscoa até o último dia da grande festa de Pentecostes, sobram dez dias [1]. Foram estes os dias em que os discípulos permaneceram no cenáculo até a descida do Espírito Santo no dia de Pentecostes.

Pentecostes é historicamente e simbolicamente ligado ao festival judaico da colheita (Shavuot), que comemora a entrega dos Dez Mandamentos no Monte Sinai cinquenta dias depois do Êxodo. Para os cristãos, o Pentecostes celebra a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos e seguidores de Cristo, através do dom de línguas, como descrito no Novo Testamento, durante aquela celebração judaica do quinquagésimo dia em JerusalémPor esta razão o dia de Pentecostes é, às vezes, considerado o dia do nascimento da igreja cristã. O movimento pentecostal tem seu nome derivado desse evento.

A ocasião (o Domingo de Pentecostes) é o último dia da Festa do Divino Espírito Santo, muito difundida no catolicismo popular brasileiro e de outros países.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Pentecostes

– Ver também: https://avida.livingwater.me/2019/01/16/pentecost/?gclid=CjwKCAjwiMj2BRBFEiwAYfTbCr1BGP81ANwMHFK28rQlE9-JwaAQbCqhgcClMTQXXMouETXVCHWfaxoChx4QAvD_BwE

– Ver ainda: http://www.festadodivino.org.br/page6.html

– Ver também: páginas 418-450: (NÃO TEM LINK):  Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

– Ver “… A festa de Pentecostes. Jesus Cristo nos deu parte de tudo o que Ele possuía. Como Deus, Ele tinha um Pai; Ele o deu a nós quando nos ensinou a orar “Pai nosso que estás nos céus”. Como homem Ele teve uma mãe; ela se tornou nossa no Calvário. Na Encarnação, Sua Divindade foi revestida de corpo e alma; Ele nos apresenta na Eucaristia, com sua natureza divina, para que se tornem nosso alimento. Rei do céu, Ele foi lá para preparar um lugar para nós. O que tem Jesus Cristo que o homem não possuiu por sua vez? Seu Espírito; e eis que Ele nos dá na grande solenidade de Pentecostes.

Neste dia Nosso Senhor deu o último toque na obra de nossa redenção. A aliança perfeita de Deus com o homem, prometida por quarenta séculos, foi então cumprida. O que o ano do jubileu, ou o quinquagésimo ano, era para os judeus, o quinquagésimo dia era para os discípulos de Jesus Cristo e do mundo inteiro. O jubileu trouxe liberdade a todos; O Pentecostes a deu à terra; pois, diz São Paulo, “onde está o Espírito do Senhor, há liberdade”. (2 Coríntios 3:17)

A Igreja, como mãe cheia de sabedoria, deseja que as alegrias das quais seu Esposo a fez depositária sejam a recompensa dos cristãos por suas orações e seus desejos. O Advento nos preparou para as alegrias do presépio; Quaresma para os da Ressurreição; tempo pascal para os de Pentecostes…”: https://catholicsaints.info/catholic-ceremonies-pentecost-time/

================

SANTAS E SANTOS DE 05 DE JUNHO

1. Me­mória de São Bo­ni­fácio (também na Folhinha do Coração de Jesus), bispo e mártir. Era monge de nome Vin­fredo e, vindo da In­gla­terra para Roma, foi re­ce­bido pelo papa Gre­gório II, que o or­denou bispo; to­mando o nome de Bo­ni­fácio, foi en­viado à Ale­manha para anun­ciar o nome de Cristo àqueles povos; ali ga­nhou para a re­li­gião cristã mul­ti­dões inu­me­rá­veis e go­vernou a sede epis­copal de Mo­gúncia; fi­nal­mente, em Dokkum, na Frísia, ac­tu­al­mente na Ho­landa, mas­sa­crado à es­pada por gen­tios fu­ri­osos, con­sumou o martírio. († 754).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, memória de São Bonifácio. Monge beneditino inglês enviado em missão à Germânia, lá organizou a Igreja criando novos bispados e fundando mosteiros. Nomeado arcebispo de Mogúncia pela Sé Romana, foi martirizado em pleno trabalho evangelizador na Frísia. Seu corpo foi enterrado na abadia de Fulda, que ele fundara em 744, e onde se tornou objeto de veneração de toda a Alemanha católica. (R).

Ver páginas 32-60: Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS (não tem link) – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

– Ver também sobre São Bonifácio no dia 13 de fevereiro em São Gregório II, páginas 210-229, especialmente a partir da página 211: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%203.pdf

–  Ver também “Bonifácio (em latimBonifacius – “aquele que faz o bem”;ca. 672 — 5 de Junho de 754 ou 755), de seu nome verdadeiro Vinfrido (Wynfrith ou Winfrid; com o mesmo significado em anglo-saxão), e cognominado Apóstolo dos Germanos…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Bonif%C3%A1cio_de_Mog%C3%BAncia

– Ver ainda “… Bonifácio, conhecido como o apóstolo dos alemães, foi um monge beneditino inglês que desistiu de ser eleito abade para dedicar sua vida à conversão das tribos germânicas. Duas características se destacam: sua ortodoxia cristã e sua fidelidade ao papa de Roma…

… Ele estava lendo em silêncio em sua tenda enquanto esperava a chegada dos novos convertidos, quando um bando hostil de repente desceu sobre o acampamento. Os atendentes teriam defendido o santo, mas ele não permitiu. Enquanto ele os exortava a confiar em Deus e a acolher a perspectiva de morrer pela fé, eles foram atacados – São Bonifácio foi um dos primeiros a cair. Seus companheiros compartilhavam seu destino. O corpo de Bonifácio foi finalmente levado para Fulda, onde ainda repousa. Também é precioso o livro que o santo estava lendo, e que ele teria erguido acima de sua cabeça para salvá-lo quando estava sendo atacado. Está amassado com cortes de espada e em sua tampa de madeira há marcas que dizem ser manchas de sangue do mártir.

O julgamento de Christopher Dawson de que Bonifácio “teve uma influência mais profunda na história da Europa do que qualquer inglês que já viveu” (The Making of Europe , 194-6, p. 166) é difícil de contestar. E à sua extraordinária santidade, ao seu tremendo poder e previdência como missionário e reformador, à sua glória como mártir deve ser acrescentada a amabilidade pessoal e a simplicidade de que as suas cartas em particular testemunham. Já seu contemporâneo, o Arcebispo Cuthbert de Canterbury, poderia escrever que, “Nós, na Inglaterra, amorosamente o consideramos um dos melhores e maiores mestres da verdadeira fé”, e acrescentar que sua festa deve ser celebrada todos os anos como patrono da Inglaterra igualmente com São Gregório, o Grande, e São Austin …

… As pessoas eram atraídas pelo cristianismo, mas não conseguiam abandonar sua velha religião e superstições, talvez por medo de serem diferentes ou de como seus antigos “deuses” reagiriam. Sabendo que o povo precisava de um motivo para desistir, Bonifácio convocou as tribos para uma demonstração de poder. Enquanto as pessoas observavam, Bonifácio se aproximou do carvalho gigante de Geismar, uma árvore sagrada dedicada a Thor, com um machado. Algumas pessoas devem ter tremido a cada golpe de seu machado, mas nada aconteceu. Finalmente, com um estalo, a árvore se partiu em quatro partes que, segundo nos dizem, caíram no chão em forma de cruz. Lá estava Bonifácio, machado na mão, ileso por seus antigos deuses, forte no poder do único Deus…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune05.html

2. No Egipto, os santos Mar­ciano, Ni­candro, Apo­lónio e com­pa­nheiros, már­tires, que, se­gundo a tra­dição, por causa da pro­fissão da fé cristã so­freram grandes tor­mentos e, por fim, en­cer­rados num re­cinto cer­cado por um muro e ex­postos ao calor do sol ar­dente, mor­reram ex­te­nu­ados pela sede e pela fome. († s. III)

3. Em Tiro, na Fe­nícia, hoje no Lí­bano, São Do­roteu, bispo, que, ainda pres­bí­tero, so­freu muitas tri­bu­la­ções no tempo do im­pe­rador Di­o­cle­ciano e viveu até ao tempo do im­pe­rador Ju­liano, sob cuja ju­ris­dição, com a idade de cento e sete anos, se­gundo consta, honrou a sua ve­ne­rável ve­lhice com o mar­tírio na Trácia. († s. IV).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, perto de 362, São Doroteu, bispo de Tiro, que, como verdadeiro pastor, deu sua vida por suas ovelhas. (M).

Ver página 61 não tem link): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

– Ver ainda “Doroteu de Tiro, também conhecido como Pseudo-Doroteu, bispo de Tiro, é tradicionalmente creditado como o autor dos “Atos” dos Setenta Apóstolos (que pode ser a mesma obra chamada de “Evangelho dos Setenta“), que foram enviados numa missão evangélica em Lucas 10:1.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Doroteu_de_Tiro

– Ver São Doroteu, anacoreta de Tebas, conforme página 62, (não tem link): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

– Ver São Doroteu, o jovem, abade. Página 63, (não tem link): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

– Ver São Doroteu, o arquimandrita página 64, (não tem link): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

ABAIXO, VÁRIAS REFERÊNCIAS SOBRE SÃO DOROTEU (vários santos com este nome).:

– Ver também “Doroteu de Gaza (505 — 565/620), também chamado de Aba Doroteu e Doroteu, o Eremita, foi um monge e abade cristão. Ele se juntou ao mosteiro de São Seridão, perto de Gaza, por influência dos anciãos Barsanúfio e João, o Profeta. Por volta de 540, ele fundou seu próprio mosteiro nas proximidades e se tornou abade. Ele escreveu instruções para os monges, das quais uma considerável quantidade sobreviveu e foram compiladas numa obra chamada “Instruções sobre o treinamento espiritual”.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Doroteu_de_Gaza

– Ver ainda: http://www.orthodoxphotos.com/readings/instructions/dorotheus.shtml

– Ver “Doroteu de Gaza, humildade e comunhão”: https://www.taize.fr/pt_article5261.html

– Ver: https://en.wikisource.org/wiki/Dictionary_of_Christian_Biography_and_Literature_to_the_End_of_the_Sixth_Century/Dorotheus_(3),_presbyter_at_Antioch

– Ver ainda: https://en.wikisource.org/wiki/Dictionary_of_Christian_Biography_and_Literature_to_the_End_of_the_Sixth_Century/Dorotheus_(10),_bp._of_Thessalonica

4. Em Ar­vena, na Aqui­tânia, hoje Cler­mont-Fer­rand, na França, Santo Ilídio, bispo, que, cha­mado pelo im­pe­rador a Tré­veris para li­bertar sua filha do es­pí­rito imundo, no re­gresso à sua sede, partiu ao en­contro do Senhor. († 384)

5*. Em Como, na Li­gúria, hoje na Lom­bardia, re­gião da Itália, Santo Eu­tí­quio, bispo, in­signe pela sua oração in­tensa e seu amor da so­lidão com Deus. († 539)

6. Em Dokkum, na Frísia, na ho­di­erna Ho­landa, Santo Eu­bano, bispo, Ade­lário e nove companheiros, már­tires, que, jun­ta­mente com São Bo­ni­fácio, foram co­ro­ados no mesmo com­bate glorioso. São estes os nomes: santos Vin­trungo e Gualter, pres­bí­teros; Amundo, Se­vi­baldo e Bosa, diá­conos; Va­caro, Gun­de­caro, Eluro e Ate­vulfo, monges. († 754)

7. Em Cór­dova, na An­da­luzia, re­gião da Es­panha, o Beato Sancho, mártir, que, ainda ado­les­cente, le­vado pri­si­o­neiro da ci­dade de Albi e ins­truído em Cór­dova na corte do rei, du­rante a per­se­guição dos Mouros não he­sitou em so­frer o mar­tírio pela fé em Cristo. († 851).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Córdova, em 851, o Bem-Aventurado Sancho, jovem cristão que confessou Cristo até o martírio, diante do Islamismo. (M).

8*. Em As­sérgi, nos Abruzos, re­gião da Itália, São Franco, ere­mita, que cons­truiu uma es­treita cela numa ca­verna entre os ro­chedos e aí viveu em suma as­pe­reza e frugalidade. († s. XII)

9. Em Ciano, perto de Mi­leto, na Ca­lá­bria, também re­gião da Itália, São Pedro Spanò, ere­mita, in­signe pela sua po­breza e es­pí­rito de compunção. († s. XII)

10♦. Em Shiki, no Japão, o Beato Adão Arakawa, pai de fa­mília e mártir. († 1614)

11. Em Hanói, no Ton­quim, hoje no Vi­etnam, São Lucas Vu Ba Loan, pres­bí­tero e mártir, de­go­lado no tempo do im­pe­rador Minh Mang pela sua fé em Cristo. († 1840)

12. Em Tang Gia, também no Ton­quim, os santos Do­mingos Toai e Do­mingos Huyen, már­tires, pais de fa­mília e pes­ca­dores, que, no tempo do im­pe­rador Tu Duc, apesar de serem ator­men­tados com vá­rios gé­neros de tor­tura du­rante o seu longo ca­ti­veiro, com grande co­ragem exor­tavam os com­pa­nheiros de prisão a con­servar a fé, con­su­mando de­pois na fo­gueira o seu martírio. († 1862)

13. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Cesareia da Palestina, a paixão das Santas Círia (também na Folhinha do Coração de Jesus) Valéria e Márcia.

Ver Mártires de Cesareia.

Memorial

Perfil

Um grupo de cristãos que se converteram juntos, foram presos juntos, torturados juntos e martirizados juntos. Não sabemos mais nada sobre eles além de seus nomes…

Morreu

Canonizado

Informações adicionais

Citação MLA

– Ver também “… No ‘Martirológio Romano’ de 5 de junho são comemorados os santos Zenaide, Ciria, Valéria e Márcia mártires em Cesaréia da Palestina, sofreram muitas torturas que culminaram em sua morte gloriosa.
Os antigos Sinassari contam que Círia, Valéria e Márcia conheceram a religião cristã, abandonaram o paganismo e após uma adequada iniciação, receberam o Batismo. A adesão à fé cristã os transformou e sua vida passou em jejum, oração e penitência.
Elas foram denunciadas durante uma das perseguições, julgadas e condenadas à morte após várias torturas; o tempo do martírio, porém, não é relatado pelo Sinaxário. Em vez disso, os Sinaxários Bizantinos, ao contrário do que é relatado pelo Martirológio Romano, não associam Zenaide a essas três mártires, mas a indicam separadamente com outros cinco mártires que não são os três anteriores.

{Sinaxário é uma compilação de hagiografias da Igreja Ortodoxa e da Igreja Católica Oriental que correspondem, grosso modo, aos martirológios da Igreja Católica Romana Há dois tipos de sinaxários: Sinaxários simples: listas de santos arrumadas na ordem de seus aniversários, como o calendário de Morcelli; Wikipédia}
Também deve ser dito que Zenaide é lembrada sozinha em 5 de junho no famoso calendário de mármore de Nápoles.

Autor: Antonio Borelli…”: https://www-santiebeati-it.translate.goog/dettaglio/55950?_x_tr_sch=http&_x_tr_sl=auto&_x_tr_tl=en&_x_tr_hl=it&_x_tr_pto=wapp

14. Bem-aventurado Fernando de Portugal, também na Folhinha do Coração de Jesus. Jesus. Ver páginas 65-70 (não tem link): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

– Ver Beato Fernando de Portugal

Conhecido como

  • Fernando o Constante
  • Fernando o Príncipe
  • Fernando…
  • Fernando…

Memorial

Perfil

Um príncipe , filho do rei João I de Portugal . Ele cresceu na corte real , mas passou seu tempo livre em oração e ajudando os pobres . Embora fosse leigo , foi-lhe oferecido um cardinalato pelo Papa Eugênio IV ; ele recusou. Em 1437 , com seu irmão Henrique, comandou uma expedição ao Marrocos contra aos mouros . 

Os portugueses foram derrotados em Tânger; Fernando ofereceu-se como refém para garantir a cessão de Ceuta aos mouros. Fernando foi jogado em uma masmorra em Fez, Marrocos, onde sobreviveu a cinco anos de abuso e tortura . O escritor Calderón fez dele o herói do drama “ El Principe Constante ”.

Nascer

Morreu

Beatificado

informação adicional

Citação MLA

15. VER SANTAS E SANTOS DO DIA 05 DE JUNHO (alguns destacados acima):

<- OntemCalendárioAmanhã ->
Bonifácio de Crediton e Companheiros (Memorial) Madonna dell’Aiuto — Adalar de Erfurt Adalbert Radiouski Adam Arakawa Austreberto de Viena Cláudio do Egito e Companheiros Ðaminh Huyen Ðaminh Toai Doroteu de Tiro Elleher Eoban de Utreque Euticio de Como Evasio da África Félix de Fritzlar Fernando de Portugal Franco de Assergi Genésio, Conde de Clermont Gregório de Lilybaeum Gundekar HadulphIlídio de Clermont Empréstimo Lucas Malgorzata Lucja Szewczyk Meinwerk de Paderborn Privatus da África Sanctius de Córdoba Tudno de Caernarvon WacarMártires de Cesaréia – 4 santos Mártires do Egito – 3 santos Mártires de Perugia – 5 santos Mártires de Roma – 26 santos — Bartolomeo Plácido de Recanati Clemente Doroteu de Gaza Giusto Peter Spano Rodolfo Sanz Teodoro de Novgorod
todos esses memoriais em uma única página

16. Outros santos do dia 05 DE JUNHO: páginas: 32-71 – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume X – Editora das Américas – 10 de julho de 1959 – NÃO TEM LINK

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

Sobre 05 de junho, ver ainda: 5 de junho – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (Na internet, foram consultadas no dia de hoje);

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia –Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 450-452: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-
  3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%2 0-%201.pdf
  4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para o Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997
  5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com
  6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.
  7. The Book of Saints – A Comprehensive Biographical Dictionary – Dom Basil Watkins, OSB on behalf of the Benedictine monks of St Augustine’s Abbey, Ramsgate Eighth Edition Entirely revised and reset – T&T Clark; 8ª edição (19 novembro 2015)
  8. https://catholicsaints.info/5-june/
  9. https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune05.html#

  (este site mostra os santos do dia, em inglês. Tradução Google)

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* SENHOR, NOSSO DEUS E PAI AMADO, OBRIGADO POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEMDADO E PERMITIDO VIVER!

QUERIDA MÃE VIRGEM MARIA, SOCORRA-NOS, PROTEJA-NOS!

SÃO JOSÉ, SANTAS/OS E ANJOS, INTERCEDAM POR NÓS! OBRIGADO! AMÉM!

================

* PAI AMADO, DÊ-NOS ESPÍRITO DE ORAÇÃO, VIGILÂNCIA, RENÚNCIA, PENITÊNCIA! DÊ-NOS ARDOR MISSIONÁRIO PARA E PELO SENHOR! TIRE-NOS O TORPOR E A TIBIEZA! DÊ-NOS, AMADO PAI, CORAGEM DE LUTAR COM ENTUSIASMO E FORÇA DE VONTADE, MESMO EM SITUAÇÕES SEDUTORAS, DIFÍCEIS E ESPINHOSAS, PARA ALCANÇAR AQUELA PERFEIÇÃO CRISTÃ DE BONS COSTUMES E SANTIDADE POR MEIO  DA ORAÇÃO, ESFORÇO E TRABALHO. DÊ-NOS A DOCILIDADE DAS OVELHAS! SOBRETUDO, DÊ-NOS A GRAÇA! PEDIMOS EM NOME DE JESUS, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

* MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA, ESCREVA-NOS:

barpuri@uol.com.br

================

  • SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

================

* “O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

================

Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu só lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

================

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

================

  • “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”, mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível”.

================

* 07 de janeiro ou 09 de abril – Beata Lindalva Justo de Oliveira: Toda santidade passa pelo crisol (lugar ou circunstância apropriada a evidenciar as melhores qualidades de algo ou alguém) do sofrimento

(referente à Beata Lindalva de Oliveira, conforme http://www.santosdobrasil.org.br/?system=news&eid=294)

================

* 17 de janeiro: Santo Antão ou Antônio

Oração: “Santo Antônio, você falou da importância de perseverar em nossa fé e nossa prática. Ajude-nos a acordar a cada dia com um novo zelo pela vida cristã e um desejo de enfrentar o próximo desafio em vez de apenas ficar parado. Amém!”

================

* 19 de janeiro, São Macário. “… A oração não requer muitas palavras. sobre você, você só precisa dizer: “SENHOR, TEM MISERICÓRDIA!” O Senhor sabe o que é útil para nós e nos concede misericórdia.”… “Se você deseja ser salvo, seja como um morto. Não fique com raiva quando insultado (e provocado), nem orgulhoso quando elogiado.” E ainda: “Se a calúnia (e a provocação) é como o louvor para você, a pobreza como a riqueza, a insuficiência como a abundância, então você não perecerá.“…

================

  • 04 de fevereiro, SANTO ANDRÉ CORSINI: “Ele trabalhou arduamente para subjugar suas paixões por meio de humilhações extremas, obediência até mesmo à última pessoa na casa, pelo silêncio e oração (HUMILHAR-SE, OBEDECER, SILENCIAR, REZAR)”.

================

* 10 de fevereiro, SÃO JOSÉ SÁNCHEZ DEL RIO “Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio).

Ver: https://catholicsaints.info/saint-jose-sanchez-del-rio/

================

* 14 de fevereiro, SÃO JOÃO BATISTA DA CONCEIÇÃO GARCIA Ó meu

Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.” (últimas palavras de

São João Batista da Conceição Garcia).

Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

================

* 14 de março, Albert Einstein: Deus Todo-Poderoso não joga dadosDiante de Deus somos todos igualmente sábios – igualmente tolos!

================

  • 15 de março: São Clemente-Maria Hoffbauer: “Ó Meu Redentor, chegará aquele terrível momento em que restarão poucos cristãos inspirados pelo espírito de fé, aquele momento em que Sua indignação será provocada e Sua proteção será tirada de nós? Nossos vícios e nossas vidas más moveram irrevogavelmente Sua justiça a se vingar, talvez neste mesmo dia, de Seus filhos para não deixar que a luz da fé se apague nas almas? “Lembre das antigas misericórdias, volta os olhos compassivos para a vinha plantada com a sua destra, regada pelas lágrimas dos Apóstolos, pelo sangue precioso de inúmeros mártires, e fecundada pelas orações de tantos confessores e virgens inocentes.

“Ó divino Mediador, olhe para aquelas almas zelosas que elevam seus corações ao Senhor e oram sem cessar pela manutenção desse seu dom mais precioso, a Verdadeira Fé. Mantenha-nos seguros na verdadeira fé católica e romana. Preserve-nos em sua santa fé, pois se formos ricos com este dom precioso, suportaremos com prazer todas as tristezas e nada poderá mudar nossa felicidade. Sem este grande tesouro da fé, nossa       infelicidade seria indizível e sem limites.

“Ó Bom Jesus, Autor da nossa fé, conservai-a pura em nós; guardai-nos na barca de Pedro, fiel e obediente ao seu sucessor, e Vosso vigário aqui na terra, para que se mantenha a unidade da santa Igreja, a santidade promovida, a Santa Sé protegida em liberdade e a Igreja universal estendida em benefício das almas.

“Ó Jesus, Autor da nossa fé, humilha e converte os inimigos da Sua Igreja; conceda verdadeira paz e concórdia a todos os reis e príncipes cristãos e a todos os crentes; fortalece-nos e preserva-nos no Seu santo serviço até ao fim, para que vivamos com o Senhor e morramos no Senhor. “Ó Jesus, Autor de nossa fé, deixe-nos viver pelo Senhor e morrer pelo Senhor. Amém.”

================

  • 15 de março, SANTA LUÍSA DE MARILLAC “… SEDE DILIGENTES NO SERVIÇO AOS POBRES . . . AMEM OS POBRES, HONREM-NOS, MEUS FILHOS, COMO VOCÊS HONRARIAM O PRÓPRIO CRISTO”

================

  • 21 de março, SÃO NICOLAU DE FLUE: “Salve, ó Mãe de toda pureza, virgem imaculada, Mãe de toda misericórdia e Mãe de nosso Salvador; venho rogar-lhe que interceda por um pobre pecador junto ao seu Divino Filho, para que me conceda Sua santa Graça. O inimigo implacavelmente me persegue e me ataca. Você uma vez esmagou a cabeça da serpente ao dar à luz nosso Salvador – ajude-me a superar suas artimanhas e enganos. Você é meu refúgio. Por que você me afastaria? …

Não, ó Virgem graciosa! Você virá em meu socorro e o inimigo será derrotado. Amém! “São Nicolau relatou que nunca invocou Maria em vão e que sempre sentiu visivelmente os efeitos de sua proteção.”

================

  • 21 de março, SÃO SERAPIÃO DE THMUIS A mente é purificada pelo conhecimento espiritual (ou pela santa meditação e oração), as paixões espirituais da alma pela caridade e os apetites irregulares pela abstinência e penitência… (regra resumida da perfeição cristã – que São Serapião repetia muitas vezes) … “Nossos corpos podem se tornar instrumentos do bem ou do mal, dependendo da disposição do coração; tanto os homens justos quanto os ímpios são frequentemente mudados para o outro tipo.” http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch21.html#370_St._Serapion_th e_Scholastic_Bishop)

================

  • 05 de abril, SÃO VICENTE FERRER “Faça o que fizer, não pense em si mesmo, mas em Deus…

Você deseja estudar a seu favor? Deixe a devoção acompanhar todos os seus estudos, e estude menos para se tornar um sábio do que para se tornar um santo.

Consulte a Deus mais do que seus livros, e peça-Lhe, com humildade, que faça você entender o que lê.

O ESTUDO CANSA E ESGOTA A MENTE E O CORAÇÃO. VÁ DE VEZ EM QUANDO, PARA REFRESCÁ-LOS, AOS PÉS DE JESUS CRISTO SOB SUA CRUZ. REPOUSE ALI.

Alguns momentos de repouso em suas chagas sagradas dão novo vigor e novas luzes.

Aplique-se por orações curtas, mas fervorosas e jaculatórias. Nunca comece ou termine seu estudo, sem ser pela oração.

A ciência é um dom do Pai das luzes“.

================

* 06 de abril: São Zeferino Agostini

Fundou a Pia União das Irmãs Devotas de Santa Ângela Merici…

Dizia a elas: “Não se assustem com o trabalho ou o sofrimento, nem com o fruto escasso de seu trabalho. Lembrem-se de que Deus recompensa não pelos resultados, mas pelo esforço.” (L’Observattore Romano).

Ele sabia que sua primeira prioridade era desenvolver seu relacionamento com Deus por meio da oração pessoal, porque Deus era a fonte de sua alegria e poder para fazer o bem…

================

*12 de abril: São David Uribe

“Perdoo todos os meus inimigos e peço a Deus e a quem ofendi que me perdoe.” -da última vontade e testamento de Saint David

===============

* 21 de maio, PADRE MANOEL E COROINHA ADÍLIO “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio)

================

  • 20 de abril: Projeto de vida de SÃO CONRADO DE PARZHAM

“MEU PROJETO DE VIDA É PRINCIPALMENTE ESTE: amar e sofrer, sempre meditando, adorando e admirando o amor indizível de Deus por suas criaturas mais humildes.”

RESOLUÇÕES DE SÃO CONRADO DE PARZHAM:

  • Resolvo em primeiro lugar permanecer continuamente na presença de Deus e perguntar-me frequentemente se faria isto ou aquilo se meu confessor ou superior estivesse me observando e principalmente se Deus e meu anjo da guarda estivessem presentes.
  • Resolvo me perguntar, sempre que tenho que encontrar cruzes de sofrimento: “Conrad, por que você veio aqui?”
  • Resolvo evitar sair do convento, na medida do possível, a menos que seja por amor ao próximo, obediência, motivos de saúde, peregrinação piedosa ou outra boa causa.
  • Resolvo fomentar a caridade fraterna em mim e nos outros. Portanto, resolvo tomar cuidado para nunca dizer uma palavra

indelicada. Resolvo suportar pacientemente os defeitos e as fraquezas dos outros e, na medida do possível, escondê-los com o manto da caridade, a menos que seja obrigado a manifestá-los a alguém que possa corrigi-los.

  • Resolvo observar o silêncio conscientemente. Resolvo falar brevemente e assim evitar muitas armadilhas e ser mais capaz de conversar com Deus.
  • Quando à mesa, resolvo colocar-me na presença de Deus o máximo que puder, permanecer recolhido e deixar de lado meus pratos favoritos para praticar uma forma oculta de mortificação. Resolvo não comer entre as refeições, a menos que seja ordenado a fazê-lo sob obediência.
  • Resolvo atender ao primeiro toque da campainha, a menos que seja legitimamente impedido.
  • Resolvo evitar, na medida do possível, conversar com o sexo oposto, a menos que a obediência me imponha deveres que tornem necessário falar com mulheres. Nesse caso, resolvo ser muito reservado e manter a guarda dos olhos.
  • Resolvo cumprir as ordens pontualmente e ao pé da letra. Resolvo especialmente fazer todos os esforços para conquistar minha própria vontade em todas as coisas.
  • Resolvo me forçar a prestar muita atenção aos pequenos detalhes e, na medida do possível, evitar todas as imperfeições. Resolvo observar fielmente a santa regra e não me afastar dela um fio de cabelo, aconteça o que acontecer.
  • Resolvo cultivar uma profunda devoção à Bem-Aventurada Virgem Maria e me esforçar para imitar suas virtudes.

UMA COMUNHÃO ESPIRITUAL, À NOITE, DE SÃO CONRADO DE PARZHAM

“Vim para passar alguns momentos contigo, ó Jesus, e em espírito me prostro no pó diante do Teu Santo Tabernáculo para adorar-Te, meu Senhor e Deus, na mais profunda humildade. Mais uma vez, um dia chegou ao fim, querido Jesus, outro dia que me aproxima da sepultura e do meu amado lar celestial. Mais uma vez, ó Jesus, meu coração anseia por Ti, o verdadeiro Pão da Vida, que contém toda doçura e prazer. Ó meu Jesus, perdoa-me misericordiosamente pelas faltas e ingratidão deste dia, e vem a mim para refrescar o meu pobre coração que anseia por Ti. Como o coração anseia pelas águas, como a terra seca anseia pelo orvalho do céu, assim meu pobre coração anseia por Ti, Tu Fonte da Vida. Eu Te amo, ó Jesus, espero em Ti, Te amo, e por Ti lamento sinceramente todos os meus pecados. Que Tua paz e Tua bênção sejam minhas agora e sempre e por toda a eternidade. Um homem.”

================

  • 28 de abril, São Luís Maria Grignion de Montfort. Algumas máximas… “…Você é verdadeiramente abençoado se o mundo o persegue injustamente, opondo-se a seus desígnios, por melhores que sejam, julgando mal suas intenções, caluniando sua conduta, roubando injustamente sua reputação ou sua riqueza.

Cuida, então, minha filha (meu filho), de não reclamar a ninguém, a não ser a mim, dos maus-tratos que você está sendo tratado, e de buscar meios de se justificar quando, em particular, é só você que sofre com isso…

Pelo contrário, reza por aqueles que te trazem a felicidade da perseguição…

Agradeça-me por tratarem-no como fui tratado na terra, sendo um sinal de contradição…

Não desanime em suas boas intenções, por causa da contradição; é uma marca de vitória futura; uma boa obra que não está marcada com o sinal da cruz, não tem grande valor diante de mim e em breve será destruída… ”

Conforme: https://catholicsaints.info/saint-louis-marie-grignion-de-montfort/

================

  • 29 DE ABRIL: SANTA CATARINA DE SENA:

«Por misericórdia Vós lavastes-nos no Sangue e por misericórdia desejastes dialogar com as criaturas. Ó Louco de amor! Não vos foi suficiente encarnar, mas também quisestes morrer! …»

================

* 31 de maio: NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

Lembrai-vos, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração, do poder
Inefável que vosso divino filho vos concedeu sobre seu Coração
adorável. Com a maior confiança em vossos merecimentos, vimos
implorar a vossa proteção.
Vós sois celeste Tesoureira do Coração de Jesus, daquele coração que é o
manancial inexaurível de todas as graças e que podeis abrir a vosso
bel prazer para fazer descer sobre os homens todos os tesouros de amor e
misericórdia, de luz e salvação que Ele encerra; concedei-nos, vo-lo pedimos, os favores que suplicamos (fazer o pedido).
Sois nossa Mãe, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração. Acolhei benignamente as nossas preces e dignai-vos a deferi-las. Amém.
Nossa Senhora do Sagrado Coração, rogai por nós!

(conf.https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_do_Sagrado_Cora%C3%A7%C3%A3o)

================

  • 31 de maio, São NICOLAS BARRÉ, citações:
  • ACONTEÇA O QUE ACONTECER, ESTEJA SEMPRE EM PAZ E CONFIE EM DEUS, ISSO SERÁ FEITO A VOCÊ DE ACORDO COM SUA FÉ, SUA ESPERANÇA E SUA CARIDADE E MUITO MAIS. » Carta 61 (OC p 538) – Máxima de conduta para as amantes número 21 obras completas p.128
  • “DEVEMOS NOS CONCENTRAR MAIS EM ESTABELECER O BEM AO INVÉS DE DESTRUIR O MAL. ESTABELECIDO O BEM, O MAL NÃO PODERÁ MAIS SUBSISTIR. » Máxima para a Direção das Almas 17 Obras Completas p.357
  • “QUANTO MAIS ESTAMOS UNIDOS A DEUS, MAIS RECEBEMOS FORÇA DE ESPÍRITO E INFLUÊNCIA, POIS ELE É SUA FONTE E

OCEANO”. – Carta 27 (OC p 457)

================

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO: “Meios de se preparar para uma boa morte: na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado…” Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém! http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

================

  • 15 de setembro, SANTA CATARINA DE GÊNOVA “… a oração por um ente querido é, para o crente, uma forma de apagar qualquer distância, até mesmo a morte. Em oração, permanecemos na presença de Deus na companhia de alguém que amamos, mesmo que essa pessoa tenha morrido antes de nós

Não devemos transformar o purgatório em um campo de concentração em chamas à beira do inferno – ou mesmo em um ‘inferno por um curto período de tempo’. É uma blasfêmia pensar nisso como um lugar onde um Deus mesquinho cobra a última libra – ou grama – de carneSanta Catarina de Gênova (Festa dia 15 de setembro, mística do século 15), escreveu ‘fogo’ do purgatório é o amor de Deus ‘queimando’ a alma para que, por fim, a alma esteja totalmente em chamas. É a dor de querer ser feito totalmente digno de Alguém que é visto como infinitamente amável, a dor do desejo de união que agora está absolutamente assegurada, mas ainda não completamente experimentada

(Leonard Foley, OFM, Crendo em Jesus) …”:

================

* 21 de outubro, SANTO AGATÃO “… Não há nada mais difícil do que a oração, pois não há esforços que os demônios não façam para interromper este poderoso meio de os desanimar

================

*        27 de outubro SANTO ABRAÃO, ERMITÃO “… A PAIXÃO VIVE; APENAS ESTÁ REPRIMIDA… ESTÁ APENAS PRESA… AS PAIXÕES VIVEM, APENAS SÃO REPRIMIDAS PELOS SANTOS (COM A GRAÇA DE DEUS!) …”. SANTAS E SANTOS, INTERCEDAM POR NÓS PARA QUE POSSAMOS REPRIMIR AS PAIXÕES! PAI AMADO, DÊ-NOS A GRAÇA DE REPRIMIR AS PAIXÕES! SANTO

ABRAÃO, ROGUE POR NÓS! AMÉM!”, conforme páginas 52-53: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-

%2019.pdf

================

* ORAÇÃO DO ANO DE SÃO JOSÉ “PATRIS CORDE”

Salve, guardião do Redentor e esposo da Virgem Virgem Maria!

A vós, Deus confiou o seu Filho;

em vós Maria depositou a sua confiança;

  convosco, Cristo tornou-Se homem.

Ó Bem-aventurado José, mostrai-vos pai

também para nós e guiai-nos no caminho da vida.

Alcançai-nos graça, misericórdia e coragem e coragem,

e defendei-nos de todo o mal. Amém!

(Conforme < https://radio.cancaonova.com/sao-jose-do-rio-preto/oracao-ano- de-sao-jose/ >)

================

* PAI, ABRACE-NOS!

JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO!

DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS ENCHA E NOS UNA NO AMOR!

MÃEZINHA MARIA, CUIDE DE NÓS!

SÃO JOSÉ, SANTAS, SANTOS E ANJOS, ROGUEM POR NÓS! POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

  • Após Deus, o Pai amado, chamar minha amada esposa e companheira por 38 anos, 9 meses e oito dias, em 24.09.2017, descobri:
  • Posso comunicar com a minha Frô, pela ORAÇÃO;
  • Posso VER, ESCUTAR, SENTIR a FRÔ (transformada, sem dores, linda, maravilhosa) em meu ser;
  • Ela está vivendo nos braços de Deus (bondosos, vigorosos);

 4. Um dia vamos estar juntos;

  • Quando Deus me chamar, quero levar coisas boas para o banquete celeste (amor a Deus e ao próximo).

Dê-nos essa Graça, Pai amado! Dê-nos A GRAÇA! AMÉM! Obrigado, Senhor, por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

                                                         ================                                  

“Senhor, eu tenho fé. Ajude-me a ter mais fé ainda!” (Mc 9,24)

================

* Ver o blog: https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!