Santas e Santos de 22 de junho

1. São Pau­lino (também na Folhinha do Coração de Jesus), bispo, que re­cebeu o ba­tismo em Bor­déus, re­nun­ciou ao con­su­lado e, sendo um homem nobre e rico, se fez pobre e hu­milde por amor de Cristo; trans­fe­rindo-se para Nola, na Cam­pânia, perto do se­pulcro de São Félix, pres­bí­tero, e para se­guir o seu exemplo, abraçou a vida as­cé­tica com a es­posa e al­guns com­pa­nheiros; or­de­nado bispo, foi in­signe pela sua cul­tura e san­ti­dade e em­pe­nhou-se ge­ne­ro­sa­mente em ajudar os pe­re­grinos e ali­viar os indigentes. († 431).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, No ano da graça de 431, o nascimento no céu de São Paulino. Originário de uma família senatorial romana residente em Bordeaux, renunciou a um rico e bem consolidado patrimônio para colocar-se a serviço da Igreja. Ordenado sacerdote em Barcelona, fixou-se junto ao sepulcro de São Félix, em Nola, na Campânia. Quando chegou a hora de sua eleição episcopal, zelou com grande solicitude por seus fiéis, que estavam sofrendo com a invasão dos godos. (R).

– Conforme a Folhinha do Coração de Jesus de 21.06.2020, “22/06: SÃO PAULINO DE NOLA. Paulino nasceu na França pelo ano de 355, filho de nobre família romana, proprietária de muitas terras na França, Espanha e Itália. Desde cedo foi educado na fé cristã. Foi cônsul e governador da província de Campânia, no sul da Itália. Teve contato com a devoção do povo de Nola a São Félix, cujo sepulcro ficava perto da cidade. Renunciou, pelo ideal evangélico, à carreira e às riquezas, e depois de pedir conselhos a São Jerônimo, retirou-se com a esposa junto ao sepulcro de São Félix. Construiu várias celas e uma capela, que mais tarde foi ampliada em uma basílica. Ali, viveram ele, a esposa e companheiros ao modo de uma ordem religiosa. Em 409 foi eleito bispo de Nola, dirigindo essa igreja por vinte e dois anos com grande sabedoria e paternidade para com seu povo.” (Frei Marcos Antônio de Andrade, OFM-Petrópolis/RJ).

– Ver páginas 94-100 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

– Ver também “Paulino de Nola (em latimPaulinus Nolanus), nascido Pôncio Merópio Anício Paulino (em latimPontius Meropius Anicius Paulinus), é considerado um dos Padres da Igreja do ocidente. Na sua juventude foi cônsul e exerceu importantes cargos civis até ser batizado. Vendeu seus bens, distribuindo o dinheiro aos pobres e, com sua esposa Terásia, passou a viver vida eremítica.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Paulino_de_Nola

– Ver São Paulino de Nola

Também conhecido como

  • Meropius Pontius Anicius Paulinus

Memorial

Perfil

Amigo de Santo Agostinho de Hipona e de São Nicetas de Remesiana , e mencionado por sua santidade por pelo menos seis de seus santos contemporâneos .

Advogado ilustre. Exerceu vários cargos públicos no Império, depois se aposentou do ministério público com sua esposa, Therasia, primeiro para Bordeaux , na França , onde foram batizados , e depois para a propriedade de Therasia na Espanha . Após a morte de seu único filho com apenas algumas semanas de idade, o casal decidiu passar o resto de suas vidas dedicados a Deus . Eles doaram a maior parte de suas propriedades e se dedicaram a aumentar sua santidade.

Paulino foi ordenado , então ele e Therasia se mudaram para Nola , Itália , doaram o resto de suas propriedades e se dedicaram a ajudar os pobres . Paulino foi escolhido bispo de Nola por demanda popular, e governou a diocese por mais de 21 anos, vivendo em sua própria casa como monge e continuando a ajudar os pobres . Seus escritos contêm um dos primeiros exemplos de uma canção de casamento cristã .

Nascer

Morreu

Canonizado

Patrocínio

Representação

informação adicional

Leituras

Ó Deus , que o bispo São Paulino de Nola, notável por amor à pobreza e pelo cuidado pastoral, concedei-nos graciosamente que, celebrando seus méritos, possamos imitar o exemplo de sua caridade. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que vive e reina convosco na unidade do Espírito Santo, um só Deus, pelos séculos dos séculos. – coleta litúrgica

Citação MLA

2. Os santos João Fisher (também na Folhinha do Coração de Jesus), bispo, e Tomás Moro, ou More (também na Folhinha do Coração de Jesus), már­tires, que, por se terem oposto ao rei Hen­rique VIII na con­tro­vérsia sobre o seu ma­tri­mónio e sobre o pri­mado do Ro­mano Pon­tí­fice, foram en­car­ce­rados na Torre de Lon­dres, na In­gla­terra. João Fisher, bispo de Ro­chester, homem ilus­trís­simo pela sua eru­dição e dig­ni­dade de vida, foi de­go­lado neste dia di­ante do cár­cere por ordem do pró­prio rei. Tomás Moro, pai de fa­mília dig­nís­simo e pre­si­dente do con­selho real, por causa da sua per­se­ve­rança na fi­de­li­dade à Igreja ca­tó­lica, no dia seis de Julho foi as­so­ciado ao mar­tírio do ve­ne­rável pontífice. († 1535).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Londres, no ano do Senhor de 1535, São João Fisher, professor da universidade de Cambridge, e São Tomás More, Lorde Chanceler do rei Henrique VIII da Inglaterra. Humanistas da Renascença, amigos de Erasmo e de Holbein, serviram à Coroa com inteligência e lealdade, o que não os impediu de ficar ao lado da Igreja até à morte. (R)

– São João Fischer, ver páginas 107-114 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

– Dia 06 de julho ver: Em Lon­dres, na In­gla­terra, São Tomás Moro, que é co­me­mo­rado no dia 22 de junho, jun­ta­mente com São João Fischer. († 1535).

– Ver páginas 251-252: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

– Ver “Thomas MoreThomas Morus ou Tomás Moro[1] (Londres7 de fevereiro de 1478 — Londres6 de julho de 1535) foi filósofo, homem de estado, diplomata, escritor, advogado e homem de leis, ocupou vários cargos públicos, e em especial, de 1529 a 1532, o cargo de “Lord Chancellor” (Chanceler do Reino – o primeiro leigo em vários séculos) de Henrique VIII da Inglaterra. É geralmente considerado como um dos grandes humanistas do Renascimento. Sua principal obra literária é Utopia.[2].Foi canonizado como mártir da Igreja Católica em 19 de maio de 1935 e sua festa litúrgica celebra-se em 22 de junho.[3]”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Thomas_More

– Ver também: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Thomas_More

– Ver ainda “John Fisher (BeverleyYorkshireInglaterra, c. 1469 — Tower Hill, Tyburn, Londres22 de junho de 1535) foi cardeal e bispo de Rochester, na Inglaterra, durante o reinado de Henrique VIII. É venerado como mártir e santo pela Igreja Católica e pela Igreja Anglicana.”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/John_Fisher

– Ver: https://pt.wikisource.org/wiki/%C3%9Altima_carta_de_Thomas_More

– Ver ainda: http://caritaschrist.blogspot.com/2013/06/de-uma-carta-de-sao-tomas-more-escrita.html

3.   Em Roma, a co­me­mo­ração de São Flávio Cle­mente, mártir, que, por ordem do im­pe­rador Do­mi­ciano (de quem era primo, conforme o Martirológio Romano-Monástico), com o qual exer­cera o con­su­lado, acu­sado de re­negar do nome dos deuses, foi con­de­nado à morte pela fé de Cristo. († 96).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Roma, no fim do séc. I, a paixão do cônsul Flávio Clemente. Seu primo, o imperador Domiciano, o fez condenar à morte sob acusação de ateísmo, porque ele adorava Cristo com exclusão de todos os deuses pagãos oficiais. (M)

4.   Em Ve­rulam, na Bre­tanha, ter­ri­tório da ac­tual In­gla­terra, Santo Al­bano, mártir, que, se­gundo a tra­dição, ainda não bap­ti­zado se en­tregou em lugar de um clé­rigo que tinha re­co­lhido em sua casa e do qual re­ce­bera os en­si­na­mentos da fé cristã, tro­cando com ele as vestes. Por isso, foi fla­ge­laLdo, atroz­mente ator­men­tado e fi­nal­mente decapitado. († c. 287).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico (de 22 de junho), no tempo do imperador Diocleciano, Santo Albano, primeiro mártir da Grã-Bretanha. Ele havia salvo um padre cristão, que depois o converteu à fé. Um célebre mosteiro beneditino foi fundado sobre seu túmulo. (M).

– Lembrado dia 21 de junho na Folhinha do Coração de Jesus.

– Ver páginas 101-102 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

– Ver “Santo Albano é um santo, primeiro mártir da Grã-Bretanha. Faleceu em Verulâmio, sítio da atual São Albano, e sua festa é celebrada em 17 e 22 de junho.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Albano_de_Verul%C3%A2mio

– Ver 21 de junho: Santo Albano, na Folhinha do Coração de Jesus. No Martirológio Romano, 22 de junho.

– Ver “Também chamado de Albinus em algumas listas. Ele é tradicionalmente conhecido como um padre grego ou albanês que foi com Santo Ursus à cidade de Milão, na Itália. Eles haviam deixado a ilha de Naxos, na Grécia, para escapar dos arianos que controlavam a Igreja naquela área. Santo Ambrósio deu as boas-vindas a Albano e Ursus, enviando-os à França e Alemanha para converter as tribos pagãs de lá. Ursus foi morto no caminho, mas Alban se estabeleceu em Mainz. Lá ele se tornou famoso como pregador, atacando as falsas doutrinas dos arianos. Acredita-se que ele tenha sido morto pelos vândalos, que atacaram a região. Alban foi decapitado em Hanum após ser morto.
 Alban (Albinus) de Mainz M (RM) Quando o padre grego Santo Alban foi banido de Naxos pelos arianos, ele pregou o Evangelho na Alemanha. Novamente ele foi atacado pelos arianos e foi martirizado em Mainz, Alemanha…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune21.html

5.   Em Ca­er­leon, na Bre­tanha Menor, re­gião da a­tual França, os santos Júlio e Aarão, már­tires, que, du­rante a per­se­guição do im­pe­rador Di­o­cle­ciano, so­freram o mar­tírio de­pois de Santo Al­bano. No mesmo tempo e no mesmo lugar, muitos ou­tros cris­tãos, tor­tu­rados com di­versos su­plí­cios e cru­de­lis­si­ma­mente fla­ge­lados, su­pe­raram o com­bate e al­can­çaram as ale­grias da ci­dade eterna. († s. IV in.).

– Ver Santo Aarão de Aleth “Aarão de Aleth (em bretãoAihran) foi um ermitãomonge e abade que viveu na metade do século VI em um monastério em Cézembre, uma pequena ilha próxima de Aleth, atualmente Saint-Servan, e de Saint-Malo, na região da BretanhaFrança. Algumas fontes dão conta de que ele nasceu de mercadores britânicos na Armória Dumnônia, um antigo reino na Britânia pós-romana, numa área que hoje cobre o sudoeste da Inglaterra.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Aar%C3%A3o_de_Aleth

6.   Em Do­liche, na Síria, ac­tu­al­mente na Tur­quia, Santo Eu­sébio, bispo de Sa­mo­sata, que, no tempo do im­pe­rador ariano Cons­tâncio, dis­far­çado com veste mi­litar vi­si­tava as Igrejas de Deus para as for­ta­lecer na fé ca­tó­lica; pos­te­ri­or­mente, no tempo do im­pe­rador Va­lente, foi des­ter­rado para a Trácia; mas, res­ta­be­le­cida a paz da Igreja, re­gressou do exílio no tempo do im­pério de Te­o­dósio; fi­nal­mente, ao vi­sitar no­va­mente as Igrejas, morreu mártir com a ca­beça par­tida com uma telha ati­rada contra ele por uma mu­lher ariana. († 379).

No dia 21 de junho, conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano de 378, a volta para Deus de Santo Eusébio. Bispo de Samostata, na Síria, foi exilado para a Trácia pelo imperador Valêncio, por causa de sua ortodoxia. A morte do imperador permitiu-lhe voltar para sua diocese, mas foi pouco depois assassinado por uma mulher ariana. É apresentado por Teodoreto como um generoso campeão da verdade (M).

– Ver páginas 71-82 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

– Ver também: https://ecclesia.org.br/synaxarion/?p=1402

– Ver ainda: http://santosortodoxos.blogspot.com/2013/07/santo-eusebio-de-samosata.html

– Ver “…ST EUSEBIUS, BISPO DE SAMOSATA (c. AD 379). NADA se sabe sobre a origem e a história antiga de Santo Eusébio. Ele veio antes de nós em 361, quando como bispo de Samosata, ele participou de um sínodo convocado em Antioquia para selecionar um sucessor para o bispo Eudoxo… Valente emitiu uma ordem condenando-o ao exílio na Trácia. Quando o oficial encarregado de fazer cumprir este decreto se apresentou a Eusébio, o bispo o advertiu para não tornar sua missão pública, para que o povo não se levantasse e o matasse: o homem santo não desejava que ninguém perdesse a vida por sua causa… Quando a morte de Valente em 378 pôs fim à perseguição, Santo Eusébio foi devolvido ao seu assento e ao seu rebanho. Seu zelo em nenhum grau foi prejudicado por seus sofrimentos. Por meio de seus esforços, a unidade católica foi restaurada em toda a sua diocese, e as sés vizinhas foram ocupadas por prelados ortodoxos. Ele estava visitando Dolikha para colocar um bispo católico ali quando foi atingido na cabeça por uma telha jogada sobre ele de um telhado por uma mulher ariana. O ferimento foi fatal, e ele morreu vários dias depois, após arrancar de seus amigos a promessa de que eles não iriam procurar ou punir seu agressor…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune21.html

7.   Co­me­mo­ração de São Ni­cetas, bispo de Re­me­siana, na Dácia, hoje Bela Pa­lanka, na Sérvia, que São Pau­lino de Nola louva com um elo­quente poema, por ter anun­ciado o Evan­gelho aos bár­baros, trans­for­mando-os em ove­lhas de Cristo con­du­zidas ao redil da paz, e por ter con­se­guido que gente in­culta e ha­bi­tuada ao la­tro­cínio apren­desse a cantar os lou­vores de Cristo com um co­ração romano. († c. 414).

– Ver “São Nicetas de Remesiana (ca. 335414) foi um Bispo de Remesiana, atualmente Bela Palanka, a qual se situa na Sérvia, pertencente ao distrito de Pirot[1]. São Nicetas foi também teólogo e compositor de versos litúrgicos, cujas atividades missionária e de escrita efetuaram a cristianização e cultivaram uma cultura latina entre os bárbaros no baixo vale do Danúbio[2]…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Nicetas_de_Remesiana

8*.   Em Roma, no pa­lácio pon­ti­fício de La­trão, o Beato Ino­cêncio V, papa, que de­pois de ter to­mado o há­bito da Ordem dos Pre­ga­dores e en­si­nado a sa­grada te­o­logia em Paris, aceitou com re­lu­tância a sede epis­copal de Lião e ori­entou, jun­ta­mente com São Bo­a­ven­tura, o Con­cílio Ecu­mé­nico para a uni­dade entre os La­tinos e os Gregos se­pa­rados; fi­nal­mente, eleito para a cá­tedra de Pedro, pouco tempo exerceu a função de Pon­tí­fice, porque a morte só lhe per­mitiu ser quase apenas mos­trado, mais do que dado à Igreja de Roma. († 1276).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Roma, em 1276, o Bem-Aventurado Inocêncio V, dominicano da Savóia, que tornou-se provincial da sua ordem e foi pouco depois nomeado arcebispo de Lião. Como tal, recebeu o XIV Concílio Ecumênico, que discutiu a questão da unidade entre gregos e latinos. Seu pontificado durou apenas seis meses. (M).

– Ver “O Papa Inocêncio V ( latino : Inocêncio V ; c. 1225 – 22 de junho de 1276), nascido Pierre de Tarentaise, foi papa de 21 de janeiro a 22 de junho de 1276. Membro da Ordem dos Pregadores, ele adquiriu uma reputação de pregador eficaz. Ele ocupou uma das duas “cadeiras dominicanas” da Universidade de Paris e foi fundamental para ajudar a elaborar o “programa de estudos” da Ordem. Em 1269, Pedro de Tarentaise foi provincial da província francesa de dominicanos. Ele foi um colaborador próximo do Papa Gregório X, que o nomeou Bispo de Ostia e o elevou ao cardeal em 1273.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Papa_Inoc%C3%AAncio_V

– Ver “… BD INOCENTE V, PAPA (1277 DC)
O primeiro papa dominicano, Inocêncio V, foi batizado Pedro, e até sua elevação ao papado era comumente conhecido como Pedro de Tarentaise, do nome de seu local de nascimento, Tarentaise-en-Forez (Loire ). · [Não deve ser confundido com o abade e bispo cisterciense São Pedro de Tarentaise (8 de maio).] …Embora fosse um homem de físico esplêndido e de constituição tão robusta que nem austeridades nem o trabalho árduo o haviam prejudicado, ele foi acometido por uma febre maligna que o matou em poucos dias. Ele morreu em 22 de junho de 1277, aos cinquenta e um anos, após ter sido papa por apenas cinco meses. O culto de Bd Innocent foi confirmado em 1898, e seu nome adicionado ao martirológio romano como alguém que “trabalhou pela concórdia entre os cristãos”…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune21.html

9. São João IV:

– Ver página 104 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

– Ver “… 835 João IV bispo de Nápoles – San Giovanni d’Acquarola, ou “o Pacificador”, B (AC)
Conhecido localmente como San Giovanni d’Acquarola, ou “o Pacificador”, São João era o bispo de Nápoles, onde agora é venerado como um dos patronos da cidade (Benedictines, Encyclopedia) …”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune22.html#835_John_IV_bishop_of_Naples_San

10. São João I, de Nápoles. Ver página 103 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

– Ver “São João foi o bispo de Nápoles que traduziu o corpo de São Januário de Puteoli para Nápoles, “que abençoou Paulino, bispo de Nola, chamado ao reino celestial”, segundo o Martirológio Romano (Beneditinos, Enciclopédia).”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune22.html

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no mesmo dia, São João (no Martirológio está São João IV), bispo de Nápoles, amigo de São Paulino de Nola, morto exatamente um ano antes dele. (M).

11. Santo Evrardo, arcebispo de Salzburgo. Ver páginas 105-106 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

– Ver “…1164 Santo Eberhard (Everard) bispo de Salzburgo maior apoiador do papa na Alemanha durante a controvérsia da investidura OSB Nasceu em Nuremberg, Alemanha, 1085; morreu em Salzburgo, Áustria, em 11 de junho de 1164…
… Santo Eberhard foi educado pelos monges de Michelberg em Bamberg. Ele obteve um canonismo em Bamberg, que, no entanto, ele desistiu para se tornar um beneditino em Prüfening em 1125. Em 1133, ele foi feito abade de Biburg, e em 1147 consagrado bispo de Salzburgo.
Eberhard foi o maior defensor do papa na Alemanha durante a controvérsia da investidura. No início da Idade Média, um imperador ou outro príncipe leigo investia um abade ou bispo eleito com o anel e o cajado e recebia homenagem antes da consagração. O Papa Nicolau II condenou a prática em 1059. Em 1075, toda investidura leiga foi proibida pelo Papa Gregório VII (Beneditinos, Enciclopédia).”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune22.html

12. Bem-Aventurado Lambert, abade. Ver páginas 115-117 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

– Ver “1125 O beato Lambert Saint-Bertin 40º abade introduz as observâncias Cluniac OSB Abade (AC). Desde a infância, Lamberto foi treinado na vida monástica na abadia beneditina de Saint-Bertin, da qual eventualmente se tornou o 40º abade. Ele terminou a igreja da abadia e introduziu as observâncias cluníacas [independente de tudo, exceto da jurisdição papal] (beneditinos) .”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune22.html

13. VER SANTAS E SANTOS DO DIA 22 DE JUNHO (alguns destacados acima):

– OntemCalendárioAmanhã ->
John Fisher de Rochester (Memorial Opcional) Paulino de Nola (Memorial Opcional) Thomas More (Memorial Opcional) Madonna Ta’ Pinu Nossa Senhora do Cabo — Arão da Bretanha Arão de Pais-de-Laon Albano da Grã-Bretanha Altrude de Roma Consórcios Cronan das Samambaias Eberhard de Salzburgo Eusébio de Samósata Exuperâncio de Como Flávio Clemente Gregório de AgrigentoHeráclio, o Soldado Hespério de Metz Inocêncio V , Papa João IV de Nápoles Júlio de Pais-de-Laon Kristina Hamm Marie Lhuilier Nicetas de Remesiana Precia de Epinal Rotrudis de Saint-Omer Rufino de AlexandriaMártires de Samaria – 1480 santos — Crunmael de Barragh Jean de la Bellière Nicetas de Aquileia
todos esses memoriais em uma única página

14. Outros santos do dia 22 DE JUNHO: páginas: 94-118 (NÃO TEM LINK):  Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

Sobre 22 de junho, ver ainda: 22 de junho – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (Na internet, foram consultadas no dia de hoje):

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia –Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 485-487: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp- content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf  e 

https://idoc.pub/queue/martirologio-romanopdf-2nv8gx23j9lk

  (este site mostra os santos do dia, em inglês. Tradução Google) 

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* SENHOR, NOSSO DEUS E PAI AMADO, OBRIGADO POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEMDADO E PERMITIDO VIVER!

QUERIDA MÃE VIRGEM MARIA, SOCORRA-NOS, PROTEJA-NOS!

SÃO JOSÉ, SANTAS/OS E ANJOS, INTERCEDAM POR NÓS! OBRIGADO! AMÉM!

================

* PAI AMADO, DÊ-NOS ESPÍRITO DE ORAÇÃO, VIGILÂNCIA, RENÚNCIA, PENITÊNCIA! DÊ-NOS ARDOR MISSIONÁRIO PARA E PELO SENHOR! TIRE-NOS O TORPOR E A TIBIEZA! DÊ-NOS, AMADO PAI, CORAGEM DE LUTAR COM ENTUSIASMO E FORÇA DE VONTADE, MESMO EM SITUAÇÕES SEDUTORAS, DIFÍCEIS E ESPINHOSAS, PARA ALCANÇAR AQUELA PERFEIÇÃO CRISTÃ DE BONS COSTUMES E SANTIDADE POR MEIO  DA ORAÇÃO, ESFORÇO E TRABALHO. DÊ-NOS A DOCILIDADE DAS OVELHAS! SOBRETUDO, DÊ-NOS A GRAÇA! PEDIMOS EM NOME DE JESUS, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

* MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA, ESCREVA-NOS:

barpuri@uol.com.br

================

  • SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

================

* “O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

================

Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu só lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

================

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

================

  • “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”, mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível”.

================

* 07 de janeiro ou 09 de abril – Beata Lindalva Justo de Oliveira: Toda santidade passa pelo crisol (lugar ou circunstância apropriada a evidenciar as melhores qualidades de algo ou alguém) do sofrimento

(referente à Beata Lindalva de Oliveira, conforme http://www.santosdobrasil.org.br/?system=news&eid=294)

================

* 17 de janeiro: Santo Antão ou Antônio

Oração: “Santo Antônio, você falou da importância de perseverar em nossa fé e nossa prática. Ajude-nos a acordar a cada dia com um novo zelo pela vida cristã e um desejo de enfrentar o próximo desafio em vez de apenas ficar parado. Amém!”

================

* 19 de janeiro, São Macário. “… A oração não requer muitas palavras. sobre você, você só precisa dizer: “SENHOR, TEM MISERICÓRDIA!” O Senhor sabe o que é útil para nós e nos concede misericórdia.”… “Se você deseja ser salvo, seja como um morto. Não fique com raiva quando insultado (e provocado), nem orgulhoso quando elogiado.” E ainda: “Se a calúnia (e a provocação) é como o louvor para você, a pobreza como a riqueza, a insuficiência como a abundância, então você não perecerá.“…

================

  • 04 de fevereiro, SANTO ANDRÉ CORSINI: “Ele trabalhou arduamente para subugar suas paixões por meio de humilhações extremas, obediência até mesmo à última pessoa na casa, pelo silêncio e oração (HUMILHAR-SE, OBEDECER, SILENCIAR, REZAR)”.

================

* 10 de fevereiro, SÃO JOSÉ SÁNCHEZ DEL RIO “Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio).

Ver: https://catholicsaints.info/saint-jose-sanchez-del-rio/

================

* 14 de fevereiro, SÃO JOÃO BATISTA DA CONCEIÇÃO GARCIA Ó meu

Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.” (últimas palavras de

São João Batista da Conceição Garcia).

Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

================

* 14 de março, Albert Einstein: Deus Todo-Poderoso não joga dadosDiante de Deus somos todos igualmente sábios – igualmente tolos!

================

  • 15 de março: São Clemente-Maria Hoffbauer: “Ó Meu Redentor, chegará aquele terrível momento em que restarão poucos cristãos inspirados pelo espírito de fé, aquele momento em que Sua indignação será provocada e Sua proteção será tirada de nós? Nossos vícios e nossas vidas más moveram irrevogavelmente Sua justiça a se vingar, talvez neste mesmo dia, de Seus filhos para não deixar que a luz da fé se apague nas almas? “Lembre das antigas misericórdias, volta os olhos compassivos para a vinha plantada com a sua destra, regada pelas lágrimas dos Apóstolos, pelo sangue precioso de inúmeros mártires, e fecundada pelas orações de tantos confessores e virgens inocentes.

“Ó divino Mediador, olhe para aquelas almas zelosas que elevam seus corações ao Senhor e oram sem cessar pela manutenção desse seu dom mais precioso, a Verdadeira Fé. Mantenha-nos seguros na verdadeira fé católica e romana. Preserve-nos em sua santa fé, pois se formos ricos com este dom precioso, suportaremos com prazer todas as tristezas e nada poderá mudar nossa felicidade. Sem este grande tesouro da fé, nossa       infelicidade seria indizível e sem limites.

“Ó Bom Jesus, Autor da nossa fé, conservai-a pura em nós; guardai-nos na barca de Pedro, fiel e obediente ao seu sucessor, e Vosso vigário aqui na terra, para que se mantenha a unidade da santa Igreja, a santidade promovida, a Santa Sé protegida em liberdade e a Igreja universal estendida em benefício das almas.

“Ó Jesus, Autor da nossa fé, humilha e converte os inimigos da Sua Igreja; conceda verdadeira paz e concórdia a todos os reis e príncipes cristãos e a todos os crentes; fortalece-nos e preserva-nos no Seu santo serviço até ao fim, para que vivamos com o Senhor e morramos no Senhor. “Ó Jesus, Autor de nossa fé, deixe-nos viver pelo Senhor e morrer pelo Senhor. Amém.”

================

  • 15 de março, SANTA LUÍSA DE MARILLAC “… SEDE DILIGENTES NO SERVIÇO AOS POBRES . . . AMEM OS POBRES, HONREM-NOS, MEUS FILHOS, COMO VOCÊS HONRARIAM O PRÓPRIO CRISTO”

================

  • 21 de março, SÃO NICOLAU DE FLUE: “Salve, ó Mãe de toda pureza, virgem imaculada, Mãe de toda misericórdia e Mãe de nosso Salvador; venho rogar-lhe que interceda por um pobre pecador junto ao Seu Divino Filho, para que me conceda Sua santa Graça. O inimigo implacavelmente me persegue e me ataca. Você uma vez esmagou a cabeça da serpente ao dar à luz nosso Salvador – ajude-me a superar suas artimanhas e enganos. Você é meu refúgio. Por que você me afastaria? …

Não, ó Virgem graciosa! Você virá em meu socorro e o inimigo será derrotado. Amém! “São Nicolau relatou que nunca invocou Maria em vão e que sempre sentiu visivelmente os efeitos de sua proteção.”

================

  • 21 de março, SÃO SERAPIÃO DE THMUIS A mente é purificada pelo conhecimento espiritual (ou pela santa meditação e oração), as paixões espirituais da alma pela caridade e os apetites irregulares pela abstinência e penitência… (regra resumida da perfeição cristã – que São Serapião repetia muitas vezes) … “Nossos corpos podem se tornar instrumentos do bem ou do mal, dependendo da disposição do coração; tanto os homens justos quanto os ímpios são frequentemente mudados para o outro tipo.” http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch21.html#370_St._Serapion_th e_Scholastic_Bishop)

================

  • 05 de abril, SÃO VICENTE FERRER “Faça o que fizer, não pense em si mesmo, mas em Deus…

Você deseja estudar a seu favor? Deixe a devoção acompanhar todos os seus estudos, e estude menos para se tornar um sábio do que para se tornar um santo.

Consulte a Deus mais do que seus livros, e peça-Lhe, com humildade, que faça você entender o que lê.

O ESTUDO CANSA E ESGOTA A MENTE E O CORAÇÃO. VÁ DE VEZ EM QUANDO, PARA REFRESCÁ-LOS, AOS PÉS DE JESUS CRISTO SOB SUA CRUZ. REPOUSE ALI.

Alguns momentos de repouso em suas chagas sagradas dão novo vigor e novas luzes.

Aplique-se por orações curtas, mas fervorosas e jaculatórias. Nunca comece ou termine seu estudo, sem ser pela oração.

A ciência é um dom do Pai das luzes“.

================

* 06 de abril: São Zeferino Agostini

Fundou a Pia União das Irmãs Devotas de Santa Ângela Merici…

Dizia a elas: “Não se assustem com o trabalho ou o sofrimento, nem com o fruto escasso de seu trabalho. Lembrem-se de que Deus recompensa não pelos resultados, mas pelo esforço.” (L’Observattore Romano).

Ele sabia que sua primeira prioridade era desenvolver seu relacionamento com Deus por meio da oração pessoal, porque Deus era a fonte de sua alegria e poder para fazer o bem…

================

*12 de abril: São David Uribe

“Perdoo todos os meus inimigos e peço a Deus e a quem ofendi que me perdoe.” -da última vontade e testamento de Saint David

PAI AMADO, QUE ESTA SEJA A MINHA (NOSSA) VONTADE E MEU (NOSSO) TESTAMENTO! AMÉM!

===============

* 21 de maio, PADRE MANOEL E COROINHA ADÍLIO “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio)

================

  • 20 de abril: Projeto de vida de SÃO CONRADO DE PARZHAM

“MEU PROJETO DE VIDA É PRINCIPALMENTE ESTE: amar e sofrer, sempre meditando, adorando e admirando o amor indizível de Deus por suas criaturas mais humildes.”

RESOLUÇÕES DE SÃO CONRADO DE PARZHAM:

  • Resolvo em primeiro lugar permanecer continuamente na presença de Deus e perguntar-me frequentemente se faria isto ou aquilo se meu confessor ou superior estivesse me observando e principalmente se Deus e meu anjo da guarda estivessem presentes.
  • Resolvo me perguntar, sempre que tenho que encontrar cruzes de sofrimento: “Conrad, por que você veio aqui?”
  • Resolvo evitar sair do convento, na medida do possível, a menos que seja por amor ao próximo, obediência, motivos de saúde, peregrinação piedosa ou outra boa causa.
  • Resolvo fomentar a caridade fraterna em mim e nos outros. Portanto, resolvo tomar cuidado para nunca dizer uma palavra

indelicada. Resolvo suportar pacientemente os defeitos e as fraquezas dos outros e, na medida do possível, escondê-los com o manto da caridade, a menos que seja obrigado a manifestá-los a alguém que possa corrigi-los.

  • Resolvo observar o silêncio conscientemente. Resolvo falar brevemente e assim evitar muitas armadilhas e ser mais capaz de conversar com Deus.
  • Quando à mesa, resolvo colocar-me na presença de Deus o máximo que puder, permanecer recolhido e deixar de lado meus pratos favoritos para praticar uma forma oculta de mortificação. Resolvo não comer entre as refeições, a menos que seja ordenado a fazê-lo sob obediência.
  • Resolvo atender ao primeiro toque da campainha, a menos que seja legitimamente impedido.
  • Resolvo evitar, na medida do possível, conversar com o sexo oposto, a menos que a obediência me imponha deveres que tornem necessário falar com mulheres. Nesse caso, resolvo ser muito reservado e manter a guarda dos olhos.
  • Resolvo cumprir as ordens pontualmente e ao pé da letra. Resolvo especialmente fazer todos os esforços para conquistar minha própria vontade em todas as coisas.
  • Resolvo me forçar a prestar muita atenção aos pequenos detalhes e, na medida do possível, evitar todas as imperfeições. Resolvo observar fielmente a santa regra e não me afastar dela um fio de cabelo, aconteça o que acontecer.
  • Resolvo cultivar uma profunda devoção à Bem-Aventurada Virgem Maria e me esforçar para imitar suas virtudes.

UMA COMUNHÃO ESPIRITUAL, À NOITE, DE SÃO CONRADO DE PARZHAM

“Vim para passar alguns momentos contigo, ó Jesus, e em espírito me prostro no pó diante do Teu Santo Tabernáculo para adorar-Te, meu Senhor e Deus, na mais profunda humildade. Mais uma vez, um dia chegou ao fim, querido Jesus, outro dia que me aproxima da sepultura e do meu amado lar celestial. Mais uma vez, ó Jesus, meu coração anseia por Ti, o verdadeiro Pão da Vida, que contém toda doçura e prazer. Ó meu Jesus, perdoa-me misericordiosamente pelas faltas e ingratidão deste dia, e vem a mim para refrescar o meu pobre coração que anseia por Ti. Como o coração anseia pelas águas, como a terra seca anseia pelo orvalho do céu, assim meu pobre coração anseia por Ti, Tu Fonte da Vida. Eu Te amo, ó Jesus, espero em Ti, Te amo, e por Ti lamento sinceramente todos os meus pecados. Que Tua paz e Tua bênção sejam minhas agora e sempre e por toda a eternidade. Um homem.”

================

  • 28 de abril, São Luís Maria Grignion de Montfort. Algumas máximas… “…Você é verdadeiramente abençoado se o mundo o persegue injustamente, opondo-se a seus desígnios, por melhores que sejam, julgando mal suas intenções, caluniando sua conduta, roubando injustamente sua reputação ou sua riqueza.

Cuida, então, minha filha (meu filho), de não reclamar a ninguém, a não ser a mim, dos maus-tratos que você está sendo tratado, e de buscar meios de se justificar quando, em particular, é só você que sofre com isso…

Pelo contrário, reza por aqueles que te trazem a felicidade da perseguição…

Agradeça-me por tratarem-no como fui tratado na terra, sendo um sinal de contradição…

Não desanime em suas boas intenções, por causa da contradição; é uma marca de vitória futura; uma boa obra que não está marcada com o sinal da cruz, não tem grande valor diante de mim e em breve será destruída”. Conforme: https://catholicsaints.info/saint-louis-marie-grignion-de-montfort/

================

  • 29 DE ABRIL: SANTA CATARINA DE SENA:

«Por misericórdia Vós lavastes-nos no Sangue e por misericórdia desejastes dialogar com as criaturas. Ó Louco de amor! Não vos foi suficiente encarnar, mas também quisestes morrer! …»

================

* 31 de maio: NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

Lembrai-vos, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração, do poder inefável que vosso divino filho vos concedeu sobre seu Coração adorável.

Com a maior confiança em vossos merecimentos, vimos
implorar a vossa proteção.
Vós sois celeste Tesoureira do Coração de Jesus, daquele coração que é o
manancial inexaurível de todas as graças e que podeis abrir a vosso
bel prazer para fazer descer sobre os homens todos os tesouros de amor e
misericórdia, de luz e salvação que Ele encerra;

concedei-nos, vo-lo pedimos, os favores que suplicamos (fazer o pedido).
Sois nossa Mãe, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração.

Acolhei benignamente as nossas preces e dignai-vos a deferi-las.

Amém!
Nossa Senhora do Sagrado Coração, rogai por nós!

(conf.https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_do_Sagrado_Cora%C3%A7%C3%A3o)

================

  • 31 de maio, São NICOLAS BARRÉ, citações:
  • ACONTEÇA O QUE ACONTECER, ESTEJA SEMPRE EM PAZ E CONFIE EM DEUS, ISSO SERÁ FEITO A VOCÊ DE ACORDO COM SUA FÉ, SUA ESPERANÇA E SUA CARIDADE E MUITO MAIS. » Carta 61 (OC p 538) – Máxima de conduta para as amantes número 21 obras completas p.128
  • “DEVEMOS NOS CONCENTRAR MAIS EM ESTABELECER O BEM AO INVÉS DE DESTRUIR O MAL. ESTABELECIDO O BEM, O MAL NÃO PODERÁ MAIS SUBSISTIR. » Máxima para a Direção das Almas 17 Obras Completas p.357
  • “QUANTO MAIS ESTAMOS UNIDOS A DEUS, MAIS RECEBEMOS FORÇA DE ESPÍRITO E INFLUÊNCIA, POIS ELE É SUA FONTE E

OCEANO”. – Carta 27 (OC p 457)

================

* 08 DE JUNHO (09 de junho): SANTO EFRÉM

As virtudes são formadas pela oração. A oração preserva a temperança. A oração suprime a raiva. A oração previne emoções de orgulho e inveja. A oração atrai para a alma o Espírito Santo e eleva o homem ao céu. – Santo Efrém

Lembrem-se de mim, vocês, herdeiros de Deus, irmãos de Cristo; suplicai fervorosamente ao Salvador por mim, para que eu seja liberto por meio de Cristo daquele que luta contra mim dia a dia. – Santo Efrém, O Medo no Fim da Vida

Vós, mártires vitoriosos , que suportastes com alegria os tormentos por amor de Deus e Salvador, vós que tendes ousadia de falar para com o próprio Senhor, vós santos, intercedei por nós, homens tímidos e pecadores, cheios de preguiça, para que a graça de Cristo venha sobre nós e ilumine os corações de todos nós para que possamos amá-lo. – Santo Efrém, de Comentário sobre Marcos

Senhor, derrama sobre nossas almas obscurecidas a luz brilhante de tua sabedoria para que possamos ser iluminados e servi-lo com pureza renovada. O nascer do sol marca a hora para os homens começarem sua labuta, mas em nossas almas, Senhor, prepare uma morada para o dia que nunca terminará. Através do nosso zelo incessante por você. Senhor, coloca sobre nós o sinal do teu dia que não é medido pelo sol. Em seu sacramento, todos os dias te abraçamos e te recebemos em nossos corpos; torna-nos dignos de experimentar a ressurreição pela qual esperamos. Ensina-nos a encontrar a nossa alegria a teu favor! Salvador, sua crucificação marcou o fim de sua vida mortal; ensina-nos a crucificar-nos e a abrir caminho para a nossa vida no Espírito. – de um sermão de Santo Efrém”

================

* 13 DE JUNHO: SANTO ANTÔNIO DE PÁDUA

“…. António de Pádua, ou de Lisboa como é conhecido, definiu a oração «como uma relação de amor, que leva o homem ao diálogo o Senhor”, e descreveu quatro “atitudes” que devem caracterizá-la: “(1) abrir com confiança o nosso coração a Deus, (2) conversar afetuosamente com Ele, (3) apresentar-lhe as nossas necessidades, (4) dar-lhe louvor e gratidão…” Conforme:

http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune13.html#1231_St._Anthony_or_Antonio_Of_Padua_a

================

* 21 DE JUNHO: SÃO LUÍS GONZAGA

“Não há sinal mais evidente de que alguém é santo e do número dos eleitos, do que vê-lo levando uma vida boa e ao mesmo tempo vítima de desolação, sofrimento e provações”– São Luís Gonzaga

“Aquele que deseja amar a Deus não o ama verdadeiramente se não tiver um desejo ardente e constante de sofrer por Ele”– São Luís Gonzaga

“Ó Santa Maria! Minha mãe; em tua bendita confiança e custódia especial, e no seio de tua misericórdia, eu neste dia, e todos os dias, e na hora de minha morte, entrego minha alma e meu corpo. A ti entrego todas as minhas ansiedades e dores, minha vida e o fim de minha vida, para que por tua santíssima intercessão e por teus méritos, todas as minhas ações sejam dirigidas e governadas por tua vontade e a de teu Filho– São Luís Gonzaga

“Que o conforto e a graça do Espírito Santo sejam seus para sempre, honrada senhora. Sua carta me encontrou ainda nesta região dos mortos, mas agora devo me levantar para finalmente fazer meu caminho para o céu e louvar a Deus para sempre na terra dos vivos; na verdade, eu esperava que antes dessa época minha viagem tivesse terminado. Se a caridade, como diz São Paulo, significa “chorar com os que choram e alegrar-se com os que se alegram”, então, querida mãe, você se alegrará muito que Deus em sua graça e seu amor por você está me mostrando o caminho para a verdadeira felicidade e me assegurando que nunca o perderei. Cuide-se acima de tudo, honrada senhora, para não insultar a infinita bondade de Deus; você certamente faria isso se lamentasse como morto um vivo face a face com Deus , alguém cujas orações podem lhe trazer em seus problemas uma ajuda mais poderosa do que jamais poderiam na terra. E nossa separação não será por muito tempo; nos veremos novamente no céu; estaremos unidos com nosso Salvador; lá o louvaremos de coração e alma, cantaremos suas misericórdias para sempre e desfrutaremos da felicidade eterna”– de uma carta à mãe de São Luís Gonzaga

Ó Deus, doador de dons celestiais, que em São Luís Gonzaga uniu a penitência a uma maravilhosa inocência da vida, concede por seus méritos e intercessão que, embora não o tenhamos seguido na inocência, possamos imitá-lo na penitência. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que vive e reina convosco na unidade do Espírito Santo, um só Deus, pelos séculos dos séculos– coleta para a memória litúrgica de São Luís Gonzaga

Citação MLA

================

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO: “Meios de se preparar para uma boa morte: na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado…” Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém! http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

================

  • 15 de setembro, SANTA CATARINA DE GÊNOVA “… a oração por um ente querido é, para o crente, uma forma de apagar qualquer distância, até mesmo a morte. Em oração, permanecemos na presença de Deus na companhia de alguém que amamos, mesmo que essa pessoa tenha morrido antes de nós

Não devemos transformar o purgatório em um campo de concentração em chamas à beira do inferno – ou mesmo em um ‘inferno por um curto período de tempo’. É uma blasfêmia pensar nisso como um lugar onde um Deus mesquinho cobra a última libra – ou grama – de carneSanta Catarina de Gênova (Festa dia 15 de setembro, mística do século 15), escreveu ‘fogo’ do purgatório é o amor de Deus ‘queimando’ a alma para que, por fim, a alma esteja totalmente em chamas. É a dor de querer ser feito totalmente digno de Alguém que é visto como infinitamente amável, a dor do desejo de união que agora está absolutamente assegurada, mas ainda não completamente experimentada

(Leonard Foley, OFM, Crendo em Jesus) …”:

================

* 21 de outubro, SANTO AGATÃO “… Não há nada mais difícil do que a oração, pois não há esforços que os demônios não façam para interromper este poderoso meio de os desanimar

================

*        27 de outubro SANTO ABRAÃO, ERMITÃO “… A PAIXÃO VIVE; APENAS ESTÁ REPRIMIDA… ESTÁ APENAS PRESA… AS PAIXÕES VIVEM, APENAS SÃO REPRIMIDAS PELOS SANTOS (COM A GRAÇA DE DEUS!) …”. SANTAS E SANTOS, INTERCEDAM POR NÓS PARA QUE POSSAMOS REPRIMIR AS PAIXÕES! PAI AMADO, DÊ-NOS A GRAÇA DE REPRIMIR AS PAIXÕES! SANTO

ABRAÃO, ROGUE POR NÓS! AMÉM!”, conforme páginas 52-53: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2019.pdf

================

* ORAÇÃO DO ANO DE SÃO JOSÉ “PATRIS CORDE”

Salve, guardião do Redentor e esposo da Virgem Virgem Maria!

A vós, Deus confiou o seu Filho;

em vós Maria depositou a sua confiança;

  convosco, Cristo tornou-Se homem.

Ó Bem-aventurado José, mostrai-vos pai

também para nós e guiai-nos no caminho da vida.

Alcançai-nos graça, misericórdia e coragem e coragem,

e defendei-nos de todo o mal. Amém!

(Conforme < https://radio.cancaonova.com/sao-jose-do-rio-preto/oracao-ano- de-sao-jose/ >)

================

” Santo não é aquele que não cai, santo é aquele que mesmo caindo não desiste de levantar” (São João Paulo II)

================

* PAI, ABRACE-NOS!

JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO!

DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS ENCHA E NOS UNA NO AMOR!

MÃEZINHA MARIA, CUIDE DE NÓS!

SÃO JOSÉ, SANTAS, SANTOS E ANJOS, ROGUEM POR NÓS! POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

  • Após Deus, o Pai amado, chamar minha amada esposa e companheira por 38 anos, 9 meses e oito dias, em 24.09.2017, descobri:
    • Posso comunicar com a minha Frô, pela ORAÇÃO;
    • Posso VER, ESCUTAR, SENTIR a FRÔ (transformada, sem dores, linda, maravilhosa) em meu ser;
    • Ela está vivendo nos braços de Deus (bondosos, vigorosos);
    • Um dia vamos estar juntos;
    • Quando Deus me chamar, quero levar coisas boas para o banquete celeste (amor a Deus e ao próximo).

Dê-nos essa Graça, Pai amado! Dê-nos A GRAÇA! AMÉM! Obrigado, Senhor, por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

                                                         ================                                  

“Senhor, eu tenho fé. Ajude-me a ter mais fé ainda!” (Mc 9,24)

================

* Ver o blog: https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!