Santas e Santos de 07 de julho

1.   Co­me­mo­ração de São Pan­teno de Alexandria, homem de grande zelo apos­tó­lico e do­tado de ci­ência e sa­be­doria, que, se­gundo a tra­dição, tinha tão grande co­nhe­ci­mento e zelo da pa­lavra de Deus que, in­fla­mado pela sua fé e pi­e­dade, partiu para pregar o Evan­gelho de Cristo aos povos des­co­nhe­cidos das lon­gín­quas re­giões do Ori­ente, re­gres­sando fi­nal­mente a Ale­xan­dria, onde des­cansou em paz, no tempo do im­pe­rador An­to­nino Caracala. († s. III).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no séc. II, São Panteno, filósofo estóico convertido ao cristianismo. Fundou o célebre centro de ensino de filosofia e teologia conhecido como “Escola de Alexandria”. (M).

Ver página 276: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

– Ver também “Panteno (em latimPantaenusSicília, ? – Alexandria200)[1] foi um filósofo e teólogo cristão do século II. Foi o fundador da Escola Catequética de Alexandria, também chamada de Didascaleu (Didaskaleion), em 190. Esta escola, a primeira do gênero no mundo, se tornou muito influente durante o Cristianismo primitivo e no desenvolvimento da teologia cristã.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Panteno

2.   Em Fa­re­mou­tiers-en-Brie, no ter­ri­tório de Meaux, na Aqui­tânia, ac­tu­al­mente na França, Santa Edil­burga, aba­dessa do mos­teiro deste lugar, que, sendo filha de um rei dos An­glos ori­en­tais, deu glória a Deus com a sua se­vera pe­ni­tência cor­poral e per­pétua virgindade. († 695).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Diocese de Meaux, no séc. VIII, Santa Etelburga. Filha de um rei inglês, dedicou-se ao serviço das monjas de Faremoutiers, das quais foi abadessa (M).

Santa Edelburga e Santa Ercongota, virgens.Ver página 280: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

– Ver “…664 – Ethelburga de Faremoutiers viveu em uma família de santos que incluía sua irmã Santa Etheldreda, irmã mais velha; O corpo foi encontrado incorrupto Abadessa de OSB (RM) (também conhecida como Aubierge, Ædilburh)… St Ethelburga é mencionada em romanos, franceses (sob o nome de Aubierge) e alguns martirológios ingleses. Com ela estava sua sobrinha, Santa Ercongota. Ela era filha de Erconbert, Rei de Kent e St Sexburga…”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJuly07.html

3.   Em Win­chester, na In­gla­terra, Santo Heda (Edda), bispo dos sa­xões oci­den­tais, homem de emi­nente sa­be­doria, que tras­ladou de Do­chester o corpo de São Bi­rino para esta ci­dade, onde es­ta­be­leceu a sua sede episcopal. († 706).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Inglaterra, no ano do Senhor de 705, a morte de Santo Edo, bispo de Winchester, que teve grande papel na organização política e jurídica de seu país (M). Ver página 281: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

4.   Em Ei­chs­tadt, na Fran­cónia, na ac­tual A,le­manha, São Vi­li­baldo (Willibaldo (também na Folhinha do Coração de Jesus), bispo, que era monge quando fez pe­re­gri­na­ções aos Lu­gares Santos e per­correu vá­rias re­giões para res­taurar a vida mo­nás­tica; de­pois foi or­de­nado bispo desta ci­dade por São Bo­ni­fácio, com quem co­la­borou na evan­ge­li­zação da Ger­mânia e con­verteu muitos povos a Cristo. († 787).

Conforme o Martirológio Romano-Monástico, perto de 787, a volta para Deus de São Wilibaldo. Filho de São Ricardo, rei dos ingleses, colaborou com São Bonifácio na evangelização da Germânia. Fundou a Igreja de Eichstadt, na Baviera. (M).

– São Guilebaldo ou Vilebaldo. Ver páginas 282-285: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

5*.   Em Tam­lacht, na Ir­landa, São Mael Ruain, bispo e abade, que tra­ba­lhou ar­du­a­mente para res­taurar a ce­le­bração da sa­grada li­turgia, o culto dos Santos e a dis­ci­plina monástica. († 789)

6.   Em Urgel, na Ca­ta­lunha, re­gião da Es­panha, Santo Odão ou Odo, bispo, que foi eleito por unâ­nime acla­mação do povo quando ainda era leigo e, con­fir­mado para esta sede epis­copal, de­fendeu sempre os mais hu­mildes e se mos­trou be­né­volo para com todos. († 1122).

Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em 1122, Santo Odo, bispo de Urgel, na Espanha. (M)

– Ver página 287: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

7*.   Em Pe­rúgia, na Úm­bria, re­gião da Itália, o pas­sa­mento do Beato Bento XI, papa, da Ordem dos Pre­ga­dores, que, do­tado de grande be­nig­ni­dade e man­sidão, con­ci­li­ador de con­tendas e amante da paz, pro­moveu du­rante o seu breve pon­ti­fi­cado a paz da Igreja, a re­no­vação do en­sino e o in­cre­mento da prá­tica religiosa. († 1304).

Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Perúgia, em 1304, o sepultamento de São Bento XI. Mestre geral dos dominicanos, depois de eleito papa favoreceu a cultura e a paz no Ocidente. (M).  

– Ver páginas 289-290: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

8*.   Em Fos­sano, no Pi­e­monte, também na Itália, o Beato Oddino Ba­rótti, pres­bí­tero, pá­roco pobre e de vida aus­tera, que, na de­fla­gração de uma epi­demia, con­sumiu todas as suas forças cui­dando dia e noite dos en­fermos e dos moribundos. († 1400)

9*.   Em Win­cester, na In­gla­terra, os be­atos Ro­gério Dic­kinson, pres­bí­tero, e Ro­dolfo Milner, agri­cultor e pai de fa­mília, pobre e in­culto, mas firme na fé, que, no rei­nado de Isabel I, foram ao mesmo tempo presos e mortos no su­plício do pa­tí­bulo; com eles se co­me­mora o Beato Lou­renço Humphrey, um jovem que morreu en­for­cado no mesmo lugar em dia in­certo por ter abra­çado a fé católica. († 1591)

10*.   Ao largo de Ro­che­fort, na França, o Beato João José Juge de Saint-Martin, pres­bí­tero e mártir, que, sendo có­nego de Li­moges, foi preso du­rante a Re­vo­lução Fran­cesa por ser sa­cer­dote e, de­su­ma­na­mente re­cluído num barco-prisão, con­su­mido pela en­fer­mi­dade partiu ao en­contro do Senhor. († 1794)

11*.   Em Orange, também na França, a Beata Ifi­génia de São Ma­teus (Fran­cisca Ga­briela Maria Su­zana de Gail­lard dela Valdène), virgem da Ordem de São Bento e mártir no tempo da Re­vo­lução Francesa. († 1794)

12.   Perto da ci­dade de Heng­chow, no Hunan, pro­víncia da China, os santos An­to­nino Fan­to­sáti, bispo, e José Maria Gam­baro, pres­bí­tero da Ordem dos Me­nores, que foram mortos pelos se­quazes dos “Yihe­tuan” quando se apro­xi­maram da costa para prestar au­xílio aos cris­tãos perseguidos. († 1900)

13.   Junto à ci­dade de Weihweu, no Hebei, também pro­víncia da China, São Marcos Ji Tianxiang, mártir, que, per­ma­ne­cendo trinta anos afas­tado da Eu­ca­ristia por não ter que­rido abster-se do ópio, não cessou con­tudo de orar e in­vocar uma santa morte; cha­mado ao tri­bunal e dando firme tes­te­munho da sua fé em Cristo, foi ad­mi­tido ao ban­quete eterno. († 1900)

14.   Em Hu­ji­acun, perto de Shen­xian, ci­dade do Hebei, também pro­víncia da China, Santa Maria Guo Lizhi, mártir, que, na mesma per­se­guição, como uma se­gunda mãe dos Ma­ca­beus, exortou à fir­meza de ânimo sete pa­rentes seus que acom­pa­nhava ao lugar do su­plício e pediu que também ela fosse morta de­pois deles; fi­nal­mente co­roou o seu mar­tírio, se­guindo aqueles que ela tinha en­ca­mi­nhado para o Céu. († 1900)

15♦.   Em Le Mans, na França, o Beato Carlos Liviero, bispo de Città del Cas­tello e fun­dador da Con­gre­gação das Pe­quenas Servas do Sa­grado Coração. († 1932)

16.   Em Ra­kunai, lo­ca­li­dade da Nova Bre­tanha, ilha de Papua-Nova Guiné, na Me­la­nésia, o Beato Pedro To Rot, mártir, que era ca­te­quista e pai de fa­mília e, du­rante a se­gunda guerra mun­dial, foi preso por per­se­verar no seu mi­nis­tério e, in­jec­tado com ve­neno letal, con­sumou o seu martírio. († 1945)

17*.   Em Leão, na Ni­ca­rágua, a Beata Maria Ro­mero Meneses, virgem do Ins­ti­tuto das Fi­lhas de Maria Au­xi­li­a­dora, que, nas re­giões da Costa Rica se de­dicou à for­mação das jo­vens, es­pe­ci­al­mente das mais po­bres e aban­do­nadas, e pro­pagou com grande zelo o culto da Eu­ca­ristia e da Virgem Santa Maria. († 1977)

18. Santo Ilídio (também na Folhinha do Coração de Jesus)- Ver “85 – Illidius (Allyre) de Clermont. São Gregório de Tours venerava muito Saint Allyre, o quarto bispo de Clermont, Auvergne, França. Suas relíquias são guardadas com veneração singular no subúrbio da antiga abadia beneditina de Clermont, que leva seu nome (Beneditinos, Husenbeth).”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJuly07.html

Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano da graça de 384, Santo Alírio, bispo, que ganhou a coroa de glória após ter zelado firmemente pela Igreja de Clermont, na Auvergne (M).

– Ver páginas 277-278: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

– Ver também “Santo Ilidio ( Illidius , Illydiusz , Hillidius , Allyre , Allyr ) foi o quarto bispo de Clermont ( Auvergne ), de acordo com São Gregório de Tours . Seu nome pode ter se originado do rio Allier , já que o santo nasceu em suas margens e sua veneração também começou ali . A vida de Santo Ilídio foi escrita por São Gregório de Tours seguindo a tradição da Igreja de Clermont .”: https://es.wikipedia.org/wiki/Ilidio_de_Clermont

– Ver 05 de junho: Em Ar­vena, na Aqui­tânia, hoje Cler­mont-Fer­rand, na França, Santo Ilídio, bispo, que, cha­mado pelo im­pe­rador a Tré­veris para li­bertar sua filha do es­pí­rito imundo, no re­gresso à sua sede, partiu ao en­contro do Senhor. († 384

19. São Félix de Nantes (também na Folhinha do Coração de Jesus).

– Ver página 279: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

– Ver “…584 São Félix Bispo de Nantes, França, conhecido pela catedral que erigiu lá; Um nobre da Aquitânia e casado, Félix aceitou o cargo de bispo quando sua esposa entrou para um convento em 549. Félix se destacou por suas obras de caridade e pela construção da catedral de Nantes… Félix era um homem casado de 37 anos quando foi chamado para se tornar o 16º bispo de Nantes, França, por volta de 549… Por acreditar que ninguém deveria ficar em perigo, ele considerava os rendimentos da igreja como patrimônio dos pobres e os administrava sabiamente para seu uso…”: https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJuly07.html

20. Bem-Aventurado Pedro Fourier, pároco de Mattaincourt. Ver páginas 255-275: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

– VER 09 DE DEZEMBRO:

.   Em Gray, na Bor­gonha, hoje na França, onde se tinha aco­lhido ao ser exi­lado, o pas­sa­mento de São Pedro Fourier, pres­bí­tero, que es­co­lheu para o seu mi­nis­tério e cuidou ad­mi­ra­vel­mente a pa­ró­quia pau­pér­rima de Mat­tain­court, na Lo­rena, res­taurou os Có­negos Re­grantes do Nosso Sal­vador e fundou o Ins­ti­tuto das Ca­no­nisas Re­grantes de Nossa Se­nhora, para se de­di­carem à edu­cação gra­tuita das meninas. († 1640).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Mattaincourt, em 1640, na diocese de Toul, São Pedro Fourrier, sacerdote. Após brilhantes estudos feitos no colégio dos jesuítas de Pont-à-Mousson, onde se ligou por amizade com os futuros reformadores dos premonstratenses e dos beneditinos da Lorena, entrou para a Congregação dos Cônegos Regulares, à qual dedicou sua vida, e criou com a Bem-Aventurada Alice Leclera a Congregação educadora das Cônegas de Nossa Senhora. (M).

– Ver “Pedro Fourier (em francêsPierre Fourier) foi um religioso e reformador canonizado pela Igreja Católica. Foi o fundador da Ordem dos Cónegos Regrantes de Santo Agostinho. Também fundou, junto com Madre Alix, sua paroquiana, a Congregacion de Notre Dame, no Brasil, Congregação de Nossa Senhora – Cônegas de Santo Agostinho no natal de 1597. Foi beatificado em 29 de janeiro de 1730 pelo Papa Bento XIII e canonizado em 27 de maio de 1897 pelo Papa Leão XIII.[1] Sua data festiva no calendário litúrgico é o dia 9 de dezembro.[2]”: Pedro Fourier – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

21. Santo Angelelmo, bispo. Ver “…Querido da pobreza, amado pelo povo, respeitado pelos inimigos, Santo Angelelmo faleceu no dia 7 de julho de um ano que não se precisa, mas que se supõe seja o de 828, sendo enterrado na igreja de São Germano. São poucos os dados a respeito do santo bispo de Auxerre.” à página 286: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

22 Bem-aventurado Davanzat, confessor. Ver página 288: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

23. Em Amiens, na Gália Bél­gica, ac­tu­al­mente na França, São Fir­mino, ve­ne­rado como bispo e mártir. († data inc.).

– Ver ainda 25 de setembro: Conforme o Martirológio Romano-Monástico, igualmente São Firmino, primeiro bispo de Amiens, que para lá levou o Evangelho de Cristo. (M).

– Ver páginas 441-442: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2016.pdf

– Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/Firmino_de_Amiens

– Ver também Firmino ou Firmin, como foi batizado, nasceu na Espanha, na cidade de Pamplona, na última metade do século III. Era filho de uma família rica, influente e bem firmada nos princípios do cristianismo. Mas foi na França que seu trabalho de evangelização destacou-se, de tal forma que foi considerado uma das figuras mais importantes da Igreja daquele tempo.”: http://arquisp.org.br/liturgia/santo-do-dia/sao-firmino-ou-firmin

– Ver: “São Firmino, do latim Firminus (Pamplona272 – Amiens25 de setembro de 303) foi um missionário cristão navarro, primeiro bispo de Pamplona[1] (provável) e primeiro bispo de Amiens, onde fundou a igreja local. Foi decapitado aos 31 anos de idade. É patrono de AmiensLesaka, da diocese de Pamplona, e co-patrono de Navarra junto com São Francisco Xavier”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Firmino_de_Amiens

VER 25 DE SETEMBRO

24. Outros santos do dia 07 de JULHO, páginas 255-291:

http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XII – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

Sobre 07 de julho, ver ainda: 7 de julho – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

BIBLIOGRAFIA:

1.MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/

2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 522-525: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-

3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%2 0-%201.pdf

4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997

5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com

6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.

7. https://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJuly07.html

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* Senhor, nosso Deus e Pai amado, obrigado por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

Querida Mãe Virgem Maria, socorra-nos, proteja-nos

São José, Anjos e Santos, intercedam por nós! Obrigado! Amém!

PAI AMADO DÊ-NOS, À NOSSA FAMÍLIA E A TODOS OS QUE O SENHOR JÁ CHAMOU E OS QUE ESTÃO AQUI, A GRAÇA DE ESTARMOS COM O SENHOR, A  MÃEZINHA MARIA, SÃO JOSÉ E TODAS AS SANTAS E SANTOS QUANDO O SENHOR NOS CHAMAR TAMBÉM! DÊ-NOS A SUA GRAÇA! OBRIGADO PAI AMADO! PEDIMOS POR JESUS CRISTO, SEU FILHO, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! NÓS CONFIAMOS NO SENHOR! AMÉM!

OBSERVAÇÃO:

MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE   SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES.

ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA:

barpuri@uol.com.br

SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

“O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

“Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio, lembrado em 10 de fevereiro)

“Ó meu Deus, “sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.”  (últimas palavras de São João Batista da Conceição Garcia, 14 de fevereiro). Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

* “Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu sempre lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

* “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”,
mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível.

(conforme: Saint of the Day (lngplants.com)

ou

Saint of the Day May 20 (lngplants.com)

* “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio, lembrados em 21 de maio)

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO: Meios de se preparar para uma boa morte …: Na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado...”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém!

PAI, ABRACE-NOS! JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO! DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS UNA! MÃEZINHA MARIA, VELE POR NÓS! EM NOME DE JESUS, PAI! AMÉM!

-Ver o blog

https://vidademartiressantasesantos.blog /

MUITO OBRIGADO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.