Santas e Santos de 24 de setembro

Solenidade de NOSSA SENHORA DAS MERCÊS. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, Solenidade de Nossa Senhora das Mercês (também na Folhinha do Coração de Jesus), nas catedrais de Bom Jesus de Gurguéia, Itapipoca e Porto Nacional, das quais é titular. Também no Diretório da Liturgia da CNBB, que acrescenta NOSSA SENHORA DA GUIA, na Diocese de Patos.

– No VIDAS DOS SANTOS, 10 de agosto, pág. 330: “Na Espanha, aparição da bem-aventurada Virgem Maria, para que se instituísse, sob o nome de Nossa Senhora das Mercês, a ordem da Redenção dos cativos (24 de set.): http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2014.pdf

– Ver ainda pág. 425 “No mesmo dia (24 de setembro), a festa da Bem-aventurada Virgem Maria, dita das Mercês, ordem que Ela mesma instituiu, sob êste nome, para o resgate de cativos. A origem da Ordem dos Mercedários, que se ocupou com a “liberdade dos cristãos cativos dos muçulmanos, calca-se numa vontade mesma de Nossa Senhora, que, aparecendo a São Pedro Nolasco, a São Raimundo de Penhaforte e ao rei de Aragão, no século XIII, assim sugeriu que se criasse aquela ordem. A festa de Nossa Senhora das Mercês estendeu-se à Igreja universal em 1696,”: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2016.pdf

– Ver também: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_das_Mercês

1.   Em Milão, na Trans­pa­dana, hoje na Lom­bardia, re­gião da Itália, Santo Ana­tólio, que é con­si­de­rado o pri­meiro bispo desta cidade. († s. II)

2.   Em Se­de­laucum, hoje Se­au­lieu, no ter­ri­tório de Autun, na França, os santos An­dó­quio, Tirso e Félix, mártires. († data inc.). Ver Santos Andóquio, Tirso e Félix, mártires, páginas 420-421: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2016.pdf

3.   Em Ar­vena, na Aqui­tânia, hoje Cler­mont-Fer­rand, também na França, São Rús­tico, bispo, que, sendo pres­bí­tero nesta ci­dade, as­sumiu, com grande ale­gria da ci­dade, a honra do episcopado. († s. V)

4.   Em Lião, na Gália, hoje também na França, São Lopo (São Lupo), bispo, que antes tinha vi­vido como anacoreta. († d. 528)

5*.   Em Mar­selha, na Pro­vença, também na França, Santo Isarno, abade, homem aus­tero para con­sigo, mas be­ne­vo­lente e pa­cí­fico para com os ou­tros, que re­novou a vida re­gular no mos­teiro de São Vítor. († 1043). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano do Senhor de 1043, Santo Isarno, amigo de Santo Odilão de Cluny. Eleito abade de São Vítor de Marselha, favoreceu o monaquismo no sul da França e na Catalunha. (X). Ver página 424: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2016.pdf

6.   Na Pa­nónia, em ter­ri­tório da ac­tual Hun­gria, São Ge­rardo Sa­gredo, bispo de Csanad e mártir, que foi pre­ceptor de Santo Eme­rico, prín­cipe ado­les­cente, filho do rei Santo Es­têvão, e morreu ape­dre­jado junto ao rio Da­núbio numa se­dição de hún­garos pagãos. († 1046). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano da graça de 1046, São Geraldo (também na Folhinha do Coração de Jesus), monge beneditino veneziano, que feito bispo de Csanad na Hungria, sacrificou sua vida defendendo os direitos e os deveres civis e religiosos. (M). Ver páginas 414-419: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2016.pdf

7*.   Em Ge­rona, na Ca­ta­lunha, re­gião da Es­panha, o Beato Dal­mácio Moner, pres­bí­tero da Ordem dos Pre­ga­dores, in­signe pelo seu amor à so­lidão e ao silêncio. († 1341)

8*.   Em York, na In­gla­terra, os be­atos már­tires Gui­lherme Spenser, pres­bí­tero, e Ro­berto Har­desty, con­de­nados à pena ca­pital e en­for­cados no rei­nado de Isabel I, o pri­meiro por ser sa­cer­dote, o se­gundo por lhe ter dado hospitalidade. († 1589)

9.   Em Na­ga­sáki, no Japão, Santo An­tónio Gon­zález, pres­bí­tero da Ordem dos Pre­ga­dores, que, en­viado para o Japão com ou­tros cinco com­pa­nheiros e en­car­ce­rado pouco tempo de­pois, foi sub­me­tido duas vezes ao su­plício da água, até que, con­su­mido pela febre, pre­cedeu os seus com­pa­nheiros na morte, no tempo do chefe su­premo To­ku­gawa Yemitsu. († 1637)

10.     Em San Se­ve­rino, nas Marcas, re­gião da Itália, São Pa­cí­fico (também na Folhinha do Coração de Jesus), pres­bí­tero da Ordem dos Frades Me­nores, in­signe pela suas pe­ni­tên­cias, amor à so­lidão e oração ante o San­tís­simo Sacramento. († 1721). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em San Severino, na região de Ancona, na Itália, São Pacífico, franciscano. Professor de filosofia e brilhante pregador, aceitou generosamente a doença que aos trinta e cinco anos o obrigou a cessar toda a atividade exterior. (M)

11*.   Em Ma­ribor, na Es­lo­vénia, o Beato An­tónio Mar­tinho Slomsek, bispo, que se de­dicou com todas as suas ener­gias ao cui­dado da vida cristã das fa­mí­lias, à for­mação do clero e à de­fesa da uni­dade da Igreja. († 1862)

12*.   Em Roma, a Beata Co­lomba Ga­briel (Joana Ma­tilde Ga­briel), aba­dessa do mos­teiro de L’viv, na Ucrânia, que, in­jus­ta­mente ca­lu­niada, se di­rigiu para Roma, onde viveu pobre e alegre e fundou a Con­gre­gação das Irmãs Be­ne­di­tinas da Ca­ri­dade, além da obra so­cial cha­mada Casa da Fa­mília, em favor das jo­vens ope­rá­rias po­bres ou afas­tadas da família. († 1926)

13*.   Em Ablat de la Ri­bera, po­vo­ação da pro­víncia de Va­lência, na Es­panha, o Beato José Rai­mundo Pas­coal Ferrer Botella, pres­bí­tero e mártir, que pa­deceu o mar­tírio du­rante a per­se­guição contra a fé cristã. († 1936)

14*.   Em Rotglà y Cor­bera, também na pro­víncia de Va­lência, o Beato José Maria Fer­rándiz Hernández, pres­bí­tero e mártir, que na mesma per­se­guição re­li­giosa ter­minou vi­to­ri­o­sa­mente o com­bate da fé. († 1936)

15*.   Em Ol­leria, na mesma pro­víncia de Va­lência, a Beata En­car­nação Gil Valls, virgem e mártir, que, le­vando a lâm­pada acesa, foi ao en­contro de Cristo Esposo. († 1936)

16*.   Em Al­cira, também na pro­víncia de Va­lência, o Beato José Rai­mundo Fer­ragut Girbés, mártir, pai de fa­mília que morreu como ví­tima por Cristo na mesma per­se­guição contra a fé cristã. († 1936)

17♦.   Em Bar­ce­lona, também na Es­panha, o Beato Afonso do Sa­grado Co­ração de Maria (Afonso Ari­mány Ferrer), pres­bí­tero da Ordem dos Car­me­litas Des­calços e mártir, que, du­rante a per­se­guição contra a Igreja, foi as­sas­si­nado  em ódio ao sacerdócio. († 1936)

18♦.   Em Má­laga, também na Es­panha, os be­atos Ma­nuel Gómez Contioso, pres­bí­tero, e com­pa­nheiros már­tires, que, du­rante a mesma per­se­guição, foram as­sas­si­nados em ódio à fé cristã. São estes os seus nomes: Es­têvão Garcia Garcia e Ra­fael Ro­drí­guez Mesa, re­li­gi­osos da So­ci­e­dade Salesiana. († 1936)

19♦.   Em Cu­enca, também na Es­panha, os be­atos Mel­chior do Es­pí­rito Santo (Mel­chior Ro­drí­guez Vil­las­trigo), pres­bí­tero da Ordem da San­tís­sima Trin­dade e com­pa­nheiros már­tires, que con­sumou egre­gi­a­mente o seu com­bate por Cristo. São estes os seus nomes: Luís de São Mi­guel dos Santos (Luís de Er­doíza y Za­malloa), Tiago de Jesus (Tiago Ar­riaga y Ar­ríen), pres­bí­teros, e João de Nossa Se­nhora do Cas­tellar (João Fran­cisco Joya y Cor­ra­lero), re­li­gioso, todos da Ordem da San­tís­sima Trindade. († 1936)

20. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em meados do séc. VII, São Geremário (São Germaro, também na Folhinha do Coração de Jesus), abade, que multiplicou o número de mosteiros na região de Beauvais. Morreu em um deles, que em seguida tomou o seu nome. (M). Ver páginas 422-423: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2016.pdf

21. Outros santos do dia 24 de setembro: págs. 414-426, em: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2016.pdf

 Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XIII – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores e Santas virgens.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi escrito.

– Sobre o dia 24 de setembro, ver ainda: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/24_de_setembro

BIBLIOGRAFIA e DIVERSOS

1.MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/

2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf

3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para  Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997

5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com

6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular

2 comentários em “Santas e Santos de 24 de setembro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.