01 de julho de 2022

Misericórdia para o pecador

1º de julho de 2022
Sexta-feira da 13ª Semana do Tempo Comum

“Os sãos não precisam de médico, mas sim os doentes. Vá e aprenda o significado das palavras, eu desejo misericórdia, não sacrifício.  Não vim chamar justos, mas pecadores”.  Mateus 9:12-13

Jesus não veio para os “justos”, mas veio para os “pecadores”. Isso pode ser surpreendente no início porque parece que Jesus deveria ter dito que Ele veio para todas as pessoas, os justos e os pecadores. Mas o que devemos entender é que ninguém é verdadeiramente justo. Em outras palavras, todos são pecadores que precisam do Salvador.

Ao falar dessa maneira, Jesus está se referindo à atitude de justiça própria dos fariseus que pareciam pensar que Jesus deveria se associar apenas com aqueles que não tinham pecado. Os fariseus agiam como se fossem “justos” e que Jesus só deveria se associar a eles e a quaisquer outros que não fossem publicamente conhecidos como pecadores.

Infelizmente, o pecado dos fariseus era de natureza muito mais grave do que os pecados dos cobradores de impostos e dos outros pecadores que vieram a Jesus. Os fariseus eram culpados do pecado do orgulho espiritual e pecavam por presumir que eram justos. Quando alguém deixa de ver seu pecado, Deus não pode perdoá-los, pois eles não se arrependem.

Embora esta seja uma condenação poderosa dos fariseus e outros que são culpados de serem auto-justos, é também um convite de Jesus a todos os que prontamente admitem seus pecados. Quando pudermos nos humilhar diante da perfeição de Deus e ver nossos pecados à luz de Sua glória, seremos tentados a nos desesperar e sentir vergonha por nossos pecados. Mas a vergonha se transformará em alegria e liberdade quando permitirmos que nosso Senhor aja como o Médico Divino em nossas vidas. O propósito de Sua vida terrena era trazer cura às nossas feridas do pecado. Quando percebemos como Sua perfeita misericórdia nos cura perfeitamente, prontamente corremos para Ele.

Reflita, hoje, sobre como você está pronto e disposto a confessar seus pecados a Jesus. Não hesite em confiar em Seu amor perfeito por você e abrir-se totalmente à Sua misericórdia divina.

Senhor de perfeita misericórdia, volto-me para Ti em minha necessidade e admito meu pecado e culpa. Sinto muito por tê-lo ofendido e sei que você é a única resposta para o meu pecado. Por favor, tenha misericórdia de mim, querido Senhor, e perdoe-me por todos os meus pecados. Jesus eu confio em vós.

Santas e Santos de 01 de julho

SOBRE JULHO:

Ver “… Julho é o sétimo mês do ano no Calendário gregoriano, tendo a duração de 31 dias. Julho deve o seu nome ao Cônsul e ditador romano Júlio César (100-44 a.C) sendo antes chamado Quintilis em latim,[1] dado que era o quinto mês do Calendário Romano, que começava em março.[2] Também recebeu esse nome por ser o mês em que César nasceu… Na Igreja Católica julho é dedicado ao Preciosíssimo Sangue de Jesus.”:  https://pt.wikipedia.org/wiki/Julho

DESTAQUE DE 01 DE JULHO: CULTO DO PRECIOSO

SANGUE DE NOSSO SENHOR

O grande propagador do culto do Precioso Sangue de Nosso Senhor foi o bem-aventurado GASPAR DEL BUFALO. Ver 2 de janeiro, páginas 117-118: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf  

– Ver também: “… O grande propagador do culto do Precioso Sangue de Nosso Senhor foi o bem-aventurado Gaspar del Búfalo (Ver 2 de janeiro), instituidor dos padres missionários do Precioso Sangue. Festa particular que era, estendeu-a Pio IX a toda Igreja latina, e Pio X fixou-a na data de hoje. Festa particular que a estendeu Pio IX a toda Igreja latina, e Pio X fixou-a na data de hoje.

– Ver páginas 70-80: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

– Ver ainda Carta Apostólica de São João XXIII “… Dado em Roma, junto a S. Pedro, no dia 30 de junho de 1960, vigília da Festa do Preciosíssimo Sangue de N. S. J. C., segundo ano do nosso Pontificado”: https://cleofas.com.br/carta-apostolica-do-papa-joao-xxiii-inde-a-primis-o-culto-do-preciosissimo-sangue-de-jesus-cristo/

– Ver  “…A devoção ao Preciosíssimo Sangue de Jesus remonta a Igreja nascente, sobretudo em referência ao sangue de Jesus derramado na cruz e também em alusão ao sangue de Cristo na Eucaristia. Foi, porém, no século XIX, que São Gaspar del Búfalo empreendeu grande campanha na propagação dessa devoção, cujo reconhecimento pela Sé Apostólica permitiu a composição da missa e ofício próprio por ordem do Papa Bento XIV. Por isso, até hoje São Gaspar é reconhecido pela Igreja Católica como o “Apóstolo do Preciosíssimo Sangue”… Devido a Papa Pio IX, a devoção foi estendida à toda Igreja e foi estabelecido o 1 de julho como o seu dia. Isso porque em 1848, ele foi expulso de Roma por forças revolucionárias e no ano seguinte, em 1849, invocando e dando graças pelo “sangue derramado por Jesus por amor aos homens de todos os tempos”, os exércitos franceses permitiram-lhe voltar após um ataque que durou de 28 de Junho a 1 de Julho. Assim o Sumo Pontífice seguinte, São Pio X, criou esta festa, situando-a no dia em que o seu antecessor lhe foi possível voltar a Roma.[1] …”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Precios%C3%ADssimo_sangue

– Ver ainda “… O SANGUE PRECIOSO DE NOSSO SENHOR JESUS ​​CRISTO.  EMBORA o Precioso Sangue de Nosso Senhor tenha sido usado como sinônimo da Redenção desde os tempos dos Apóstolos, a difusão de uma especial devoção em sua homenagem foi devida principalmente a São Gaspar del Bufalo (2 de janeiro).
Mas a celebração de uma festa do Precioso Sangue era observada em algumas poucas igrejas muito antes de seu tempo.
Por exemplo, um ofício “do Sangue de Cristo” foi concedido à arquidiocese de Valência na Espanha em 1582, e um ofício semelhante foi aprovado para a diocese de Sarzana na Toscana em 1747; a festa foi concedida à congregação de São Gaspar no início de século XIX. Papa Pio IX estendeu-o a toda a igreja ocidental em 1849, em meio às provações da revolução que o expulsou de Roma. A festa foi inicialmente fixada para o primeiro domingo de julho; isso foi alterado pelo Papa Pio X para o primeiro dia do mês. Pelos Passionistas e alguns outros uma segunda festa é mantida na sexta-feira após o Domingo de Laetare. A igreja-catedral da arquidiocese de Westminster é dedicada ao Preciosíssimo Sangue…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJuly01.html

– Ver ainda FESTA DO PRECIOSÍSSIMO SANGUE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO

Memorial

  • 1º de julho
  • anteriormente 1º domingo de julho
  • Sexta-feira após o quarto domingo da Quaresma em alguns calendários

Artigo

Celebra o Sangue de Nosso Salvador, derramado para a redenção da humanidade, mencionado repetidamente no Novo Testamento. Como os teólogos do Concílio de Trento geralmente sustentam que era uma parte essencial da Sagrada Humanidade e, portanto, hipostaticamente unida à Segunda Pessoa da Santíssima Trindade e, portanto, objeto de adoração. Embora a honra especial tenha sido conferida pelos Apóstolos e Padres e muitos santos , uma festa em sua honra não foi celebrada até o início do século XIX , quando São Gaspare del Búfalo obteve permissão para celebrá-la na Sociedade Missionária da Precioso Sangue . Papa O Beato Pio IX estendeu a festa a toda a Igreja em 1849 . Existe uma arqui-confraria do Precioso Sangue desde 1815 .

informação adicional

Citação MLA

SANTAS E SANTOS DE 01 DE JULHO

01 DE JULHO: BEM-AVENTURADA ASSUNTA MARCHETTI. Consta no DIRETÓRIO DA LITURGIA DA CNBB de 2022 (pág. 41) na lista dos BEM-AVENTURADOS BRASILEIROS QUE AINDA NÃO ESTÃO INSCRITOS NO CALENDÁRIO LITÚRGICO DO BRASIL.

Bem-Aventurada Assunta Marchetti (também na Folhinha do Coração de Jesus).

– Ver “…A menina Assunta nasceu em Lombrici, de Camaiore, província de Lucca, Itália, no dia 15 de agosto, dia em que a Igreja celebra o dia da Assunção de Nossa Senhora ao céu, daí seus  pais Angelo Marchetti e Carolina Ghilarducci resolveram batizar a filha com o nome de Assunta… Hoje a Igreja celebra a memória litúrgica da Beata Assunta Marchetti. Madre Assunta é co-fundadora da Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos Borromeu (Scalabrinianas)… Uma frase muito conhecida dela foi: “Tudo o que acontece é bom, porque vem de Deus”.  Nos últimos meses viveu em uma cadeira de rodas, mas mesmo imobilizada em uma cama, interessava-se por tudo o que se passava na casa, preocupando-se com todos. Após 53 anos de vida missionária, Madre Assunta Marchetti morreu como viveu: tranquila e serena no meio dos seus órfãos em 1º de julho de 1948.
Hoje as Irmãs Carlistas são mais de 800, presentes em 20 nações de 4 continentes. Madre Assunta foi Beatificada no dia 25 de Outubro de 2014 na Catedral da Sé, em São Paulo, em celebração presidida por Cardeal Angelo Amato,Prefeito da Congregação para as Causas dos Santos e pelo Arcebispo de São Paulo , Cardeal Odilo Pedro Scherer.”: http://arquisp.org.br/bem-aventurada-assunta-marchetti

– Ver “… Maria Assunta Caterina Marchetti (Naseceu em Lombrici di Camaiore, 15 de agosto de 1871, faleceu em São Paulo, no dia 1 de julho de 1948), foi uma freira da Igreja Católica que exerceu suas atividades no Brasil, de 1895 até sua morte.

Madre Assunta foi beatificada em 25 de outubro de 2014.[1] Na Catedral da Sé, em São Paulo…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Assunta_Marchetti

2.   Co­me­mo­ração de SANTO AARÃO (também na Folhinha do Coração de Jesus), da tribo de Levi, que Moisés, seu irmão, ungiu com o óleo santo sa­cer­dote do An­tigo Tes­ta­mento e foi se­pul­tado no monte Hor.

– Ver páginas 13-25: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

– Ver também “Na bíblia hebraica e no alcorãoAarão, ou Arão (אַהֲרֹן, palavra que significa “progenitor de mártires” em hebraico possivelmente relacionado com o egípcio “Aha Rw,” “Leão Guerreiro”), foi o irmão mais velho de Moisés (Êxodo 6:20), e um profeta do Deus de Israel servindo como o primeiro sumo sacerdote dos hebreus…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Aar%C3%A3o

* SANTA MARIA (SANTA MIRIÃ), irmã de Moisés. Ver páginas 26-31: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

– Ver também “MiriãMirian ou Míriam (em hebraico מרים Miryam), foi a irmã mais velha do profeta Moisés e de Arão; foi a primeira juíza de Israel.

Depois de sua mãe Joquebede (Números 26:59), colocar seu irmão Moisés numa cesta revestida de betume e a por no Rio Nilo, postou-se de longe para ver o que aconteceria. Após ser encontrado pela filha de faraó no rio, Miriã também indicou sua própria mãe para que fosse babá de Moisés[1] Mais tarde, sofreu temporariamente de lepra alegadamente por sua rebeldia perante a autoridade executiva de Moisés [2]. . Era também profetiza e tocava tamboril.[3]; Ela morreu e foi sepultada em Cades[4] .

Há teológos que não consideram impossível que uma matriarca chamada Miriã tenha existido nas origens dos proto-israelitas. Todavia, pelo fato de não haver absolutamente nenhuma evidência material de sua existência, a posição mais aceita acadêmicamente é tratá-la como uma tradição antiga. Considerando que a Canção do Mar[3] é um dos poemas mais antigos da Bíblia, trata-se da primeira menção à personagem. Sendo assim, o cântico pode ser datado do século X ou IX a.C., descrevendo Miriã num culto extático envolvendo danças e pandeiros[5]….”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Miri%C3%A3

3.   Em Vi­enne, na Gália Li­o­nense, na ac­tual França, São Mar­tinho, bispo. († s. III f.)

– Ver “…São Martinho de Viena foi o terceiro bispo de Vienne, na França. Ele viveu no século 2. Ele é venerado como um santo pelo Igreja católica romana e a Igreja Ortodoxa, com um dia de banquete celebrado localmente em Vienne em 1º de julho. Um distrito e uma ponte na cidade velha de Vienne têm o nome dele, assim como a cidade de Saint-Martin-l’Ars, no departamento de Vienne.[1]…”: https://ao.wikiqube.net/wiki/Martin_of_Vienne

4.   No mos­teiro de Brevon, também na Gália Li­o­nense, São Do­mi­ciano (também na Folhinha do Coração de Jesus), abade, que foi o pri­meiro ere­mita nesta re­gião e, de­pois de ter reu­nido ali muitos com­pa­nheiros no ser­viço de Deus, as­pi­rando sempre ao reino ce­leste, partiu deste mundo em santa velhice. († s. V).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no séc. V, São Domiciano, monge de Lérins de origem romana, que fundou sucessivamente dois centros de vida monástica no vale do Rio Ródano (M).

– Ver página 59: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

5. No ter­ri­tório de Reims, na Nêus­tria, também na ac­tual França, São Te­o­do­rico (também na Folhinha do Coração de Jesus), pres­bí­tero, dis­cí­pulo do bispo São Re­mígio. († 533).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano do Senhor de 533, a volta para Deus de São Teodorico. Discípulo de São Remígio, fundou na região da Champagne um novo centro de oração, que mais tarde recebeu o seu nome: mosteiro de Saint-Thierry (M)

6.   Em An­goulème, na Aqui­tânia, também na ac­tual França, Santo Epár­quio, pres­bí­tero, que passou trinta e nove anos re­cluso, to­tal­mente con­sa­grado à oração, en­si­nando os seus dis­cí­pulos com esta con­signa: «A fé não teme a fome». († 581)

7*.   Na Bre­tanha Menor, também na ac­tual França, São Gol­veno, bispo, que, de­pois de ter se­guido a vida so­li­tária, conta-se que foi su­cessor de São Paulo de Léon. († s. VI)

8.   No mos­teiro de Saint-Ca­lais, no ter­ri­tório de Le Mans, na Gália, também na ac­tual França, São Ca­ri­lelfo, abade. († s. VI)

9*.   Em Lon­dres, na In­gla­terra, os be­atos Jorge Be­esley e Mont­ford Scott, pres­bí­teros e már­tires, que, no rei­nado de Isabel I, foram con­de­nados à morte por causa do sa­cer­dócio e através de ter­rí­veis tor­mentos al­can­çaram a coroa do martírio. († 1591)

10*.   Também em Lon­dres, o Beato Tomás Max­field, pres­bí­tero e mártir, que, no rei­nado de Jaime I, con­de­nado à morte por ser um sa­cer­dote che­gado à In­gla­terra, so­freu o su­plício no pa­tí­bulo de Ty­burn, que tinha sido ador­nado pelos fiéis pre­sentes com gri­naldas de flores, como sinal da sua grande veneração. († 1616).

– Ver páginas 68-69: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

11.   Também em Lon­dres, o Beato Oli­vério Plun­kett (também na Folhinha do Coração de Jesus do dia 11 de julho), bispo de Ar­magh e mártir, que, no rei­nado de Carlos II, fal­sa­mente acu­sado de traição e con­de­nado à morte, à vista da mul­tidão pre­sente, di­ante do pa­tí­bulo, per­doou aos ini­migos e pro­fessou fir­me­mente até ao fim a sua fé católica. († 1681).

– No Martirológio Romano-Monástico é lembrado dia 12 de julho. Conforme o Martirológio Romano-Monástico (de 12 de julho) no ano de 1681, o martírio de Santo Oliver Plunket, arcebispo de Armagh e Primaz da Irlanda. Suas últimas palavras, antes de subir ao patíbulo, foram para afirmar que era inocente do crime de traição do qual era acusado, e que sempre havia sido leal para com o rei da Inglaterra. Após ter perdoado seus inimigos, declarou que morria firmemente católico. (X).

– Ver “…Oliver Plunkett (1de novembro de 1625 – 1 de julho de 1681) foi o arcebispo católico de Armagh e Primaz da Irlanda que foi a última vítima da Trama Popish. Ele foi beatificado em 1920 e canonizado em 1975, tornando-se assim o primeiro novo santo irlandês por quase 700 anos. [1]…”: https://en.wikipedia.org/wiki/Oliver_Plunkett

12*.   Num barco-prisão an­co­rado ao largo de Ro­che­fort, na França, os be­atos João Bap­tista Duverneuil, da Ordem dos Car­me­litas Des­calços, e Pedro Arédio La­brouhe de Laborderie, có­nego de Cler­mont, pres­bí­teros e már­tires, que, du­rante a Re­vo­lução Fran­cesa, foram en­car­ce­rados ao mesmo tempo por causa do sa­cer­dócio e mor­reram con­su­midos pela enfermidade. († 1794)

13♦.   Em Stresa, no Pi­e­monte, re­gião da Itália, o Beato An­tónio Rosmini, pres­bí­tero, teó­logo, fi­ló­sofo e fun­dador do Ins­ti­tuto da Ca­ri­dade e da Con­gre­gação das Irmãs da Providência. († 1855).

– Ver “… Antonio Francesco Davide Ambrogio Rosmini-Serbati (Rovereto, 24 de março de 1797 – Stresa, 1 de julho de 1855) foi um padre católicoteólogo e filósofo italiano nascido no Império Austríaco no Tirol italiano. Foi declarado beato em 2007 e é considerado um dos mais originais e importantes teólogos e filósofos italianos da primeira metade do século XIX.[1]… Em meados do século XX iniciou sua reabilitação. João XXIII tomou suas Massime di perfezione cristiana como regra de vida, Paulo VI suspendeu o interdito sobre Dalle cinque piaghe della Santa ChiesaJoão Paulo II em sua encíclica Fides et Ratio elogiou sua síntese entre o pensamento filosófico e a ética cristã, e aprovou a abertura da causa para sua beatificação. Uma nota do Vaticano de 2001 declarou que estavam superadas as dificuldades e dúvidas que cercavam sua doutrina, e foi beatificado em 18 de novembro de 2007.[2][1]…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Antonio_Rosmini

14*.   Em La Val­leta, na ilha de Malta, o Beato Inácio Falzon, clé­rigo, que se con­sa­grou à oração e ao en­sino da dou­trina cristã, pres­tando grande atenção aos sol­dados e na­ve­gantes, para que abra­çassem a fé ca­tó­lica antes de partir para a guerra. († 1865)

15.   Em Zhuhe­dian, junto de Ji­eshui, no Hunan, pro­víncia da China, São Zhang Hu­ailu, mártir, que, na per­se­guição dos sec­tá­rios «Yihe­tuan», ainda ca­te­cú­meno de­clarou es­pon­ta­ne­a­mente que era cristão e, for­ta­le­cido pelo sinal da cruz, me­receu ser bap­ti­zado no seu sangue. († 1900)

16.   Em Rancho de las Cruces, lo­ca­li­dade de Gua­da­la­jara, no Mé­xico, os santos Jus­tino Orona Ma­drigal e Ati­lano Cruz Alvarado, pres­bí­teros e már­tires, que, du­rante a per­se­guição me­xi­cana, foram as­sas­si­nados ao mesmo tempo pelo reino de Cristo. († 1928)

17*.   Perto de Mu­nique, ci­dade da Ba­viera, na Ale­manha, o Beato João Ne­po­mu­ceno Chrzan, pres­bí­tero e mártir, na­tural da Po­lónia, que, em tempo de gua, morreu no campo de con­cen­tração de Da­chau por de­fender a fé di­ante dos perseguidores. († 1942)

18. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, na Inglaterra, no séc. III, o martírio dos Santos Júlio e Aarão (também na Folhinha do Coração de Jesus). (M)

19. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no séc. VI, São Simeão, chamado “o Simples”. Após ter vivido por quase trinta anos no deserto do Mar Morto, foi para Emésia, onde Deus fez que se conhecesse sua profunda sabedoria por meio de seus milagres (M).

–  São Simeão Salos. Ver páginas 60-61: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

20. São Junípero Serra. No Martirológio Romano de 28 de agosto “Em Mon­terrey, na Ca­li­fórnia, Santo Ju­ní­pero (Mi­guel Serra), pres­bí­tero da Ordem dos Frades Me­nores, que, nas tribos da­quela re­gião ainda pagã, so­bre­car­re­gado por muitas di­fi­cul­dades e tra­ba­lhos, pregou o Evan­gelho de Cristo no idioma do povo local e de­fendeu te­naz­mente os di­reitos dos po­bres e dos humildes. († 1784)”.

– Ver “São Junípero Serra O.F.M., em catalão Fra Juníper Serra[1] (24 de novembro de 1713 – 28 de agosto de 1784) foi um frade franciscano maiorquino que fundou cadeia de missões na Alta Califórnia, parte da província de Las Californias na Nova Espanha, atual CalifórniaEstados Unidos. Entre as missões fundadas encontram-se os núcleos que deram origem a Los AngelesSan FranciscoSacramento e San Diego.

O Padre Serra foi beatificado pelo Papa João Paulo II em 25 de setembro de 1988. Foi canonizado pelo Papa Francisco em 23 de setembro de 2015, por ocasião da sua viagem apostólica a Cuba e Estados Unidos.[2]”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Jun%C3%ADpero_Serra

– Ver também “1784 Bl. Junipero Serra Ordem Franciscana Miguel Jose Serra. Ordenado em 1737, ensinou filosofia e teologia na Universidade de Pádua. Aos 37 anos, desembarcou na Cidade do México em 1º de janeiro de 1750 e passou o resto de sua vida trabalhando pela conversão dos povos do Novo Mundo.
Nasceu na ilha de Maiorca a 24 de novembro de 1713 e assumiu o nome de Junipero quando, em 1730, entrou para a Ordem Franciscana. Ordenado em 1737, ele ensinou filosofia e teologia na Universidade de Pádua até 1749.
Em 1768, o padre Serra assumiu as missões dos jesuítas (que haviam sido expulsos indevidamente pelo governo) na província mexicana da Baixa Califórnia e da Alta Califórnia (atual Califórnia). Trabalhador incansável, Serra foi em grande parte responsável pela fundação e difusão da Igreja na Costa Oeste dos Estados Unidos quando ainda era território de missão.
Ele fundou 21 missões e converteu milhares de índios. Os convertidos aprenderam métodos sólidos de agricultura, pecuária e artes e ofícios.
Junipero era um religioso e missionário dedicado. Ele estava imbuído de um espírito penitencial e praticava austeridade durante o sono, alimentação e outras atividades. Em 28 de agosto de 1784, esgotado pelos labores apostólicos, o padre Serra foi chamado ao descanso eterno. Ele foi beatificado pelo Papa João Paulo II em 25 de setembro de 1988. Sua estátua, representando o estado da Califórnia, está no National Statuary Hall.”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJuly01.html

– Ver também: https://www.acidigital.com/noticias/hoje-e-celebrado-sao-junipero-serra-o-apostolo-da-california-38995

– Ver também: https://pt.aleteia.org/2015/09/24/sao-junipero-serra-quem-e-o-polemico-novo-santo-canonizado-pelo-papa-francisco/

– Ver ainda: http://www.ihu.unisinos.br/noticias/543039-junipero-serra-santo-ou-nao%20

– Ver em 28 de agosto: Em Mon­terrey, na Ca­li­fórnia, Santo Ju­ní­pero (Mi­guel Serra), pres­bí­tero da Ordem dos Frades Me­nores, que, nas tribos da­quela re­gião ainda pagã, so­bre­car­re­gado por muitas di­fi­cul­dades e tra­ba­lhos, pregou o Evan­gelho de Cristo no idioma do povo local e de­fendeu te­naz­mente os di­reitos dos po­bres e dos humildes. († 1784).

21. Santa Ester, Antigo Testamento. Ver páginas 32-58: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

22. São Galo, Bispo e Confessor. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano da graça de 551, São Gall. Nascido de uma nobre família cristã há várias gerações, abraçou a vida monástica e ocupou vários postos de confiança, antes de ser designado para a Sé episcopal de Clermont, na Auvergne. (M).  

– Ver páginas 62-64: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

23. São Cibardo, recluso. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Angoulême, pela mesma época, São Cibardo, monge. Distribuindo aos pobres as dádivas que recebia, ele tranquilizava seus discípulos, relembrando-lhes que “a fé não tem medo da fome”. (M).

– Ver páginas 65-67: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf

24. . VER SANTAS E SANTOS DE 01 DE JULHO (ALGUNS DESTACADOS ACIMA):

<- OntemCalendárioAmanhã ->
Preciosíssimo Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo Saint Junipero Serra (Memorial Opcional, EUA ) Nossa Senhora do Calvário Virgen de la Guia — Arão de Caerleon Arão, o Patriarca Antonio Rosmini-Serbati Arnulfo de Mainz Assunta Marchetti Atilano Cruz Alvarado Calais de Anisole Carilefo Castus de Sinuessa Cewydd Concórdio de Toledo Cuimmein de Nendrum Domiciano de Lérins Elisabeth de Vans Eparchius de Perigord Eutíquio da Úmbria Ester a Rainha Fleuret de Estaing Gall de Clermont George Beesley Golvino de Leão Gwenyth da Cornualha Huailu Zhang Jan Nepomucen Chrzan Jean-Baptiste DuverneuilJúlio de Caerleon Justino Orona Madrigal Juthware Leonório da Bretanha Leôncio de Autun Luís Obdúlio Navarro Martinho de Viena Montford Scott Nazju Falzon Nectário de Viena Nicásio de Jerusalém Oliver Plunkett Pierre-Yrieix Labrouhe de Laborderie Secundino de Sinuessa Servo de Culross Teobaldo de Vicenza Teodorico de Mont d’Or Thomas Maxfield Túlio Maruzzo VeepMártires de Roma – 6 santos — Ailill de Cloonown Eckhart de Scheda Lughaidh Regina de Denain Shenute Teodorico de Saint Evroult
todos esses memoriais em uma única página

25. Outros santos do dia 01 de JULHO, páginas 09-81:

http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2012.pdf – Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XII – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

Sobre 01 de julho, ver ainda: 1 de julho – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (Na internet, foram consultadas no dia de hoje):

  1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia –Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/
  2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 507-509: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp- content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf  e 

https://idoc.pub/queue/martirologio-romanopdf-2nv8gx23j9lk

  (este site mostra os santos do dia, em inglês. Tradução Google) 

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* SENHOR, NOSSO DEUS E PAI AMADO, OBRIGADO POR TUDO O QUE O SENHOR NOS TEMDADO E PERMITIDO VIVER!

QUERIDA MÃE VIRGEM MARIA, SOCORRA-NOS, PROTEJA-NOS!

SÃO JOSÉ, SANTAS/OS E ANJOS, INTERCEDAM POR NÓS! OBRIGADO TODOS! AMÉM!

================

* PAI AMADO, DÊ-NOS ESPÍRITO DE ORAÇÃO, VIGILÂNCIA, RENÚNCIA, PENITÊNCIA! DÊ-NOS ARDOR MISSIONÁRIO PARA E PELO SENHOR! TIRE-NOS O TORPOR E A TIBIEZA! DÊ-NOS, AMADO PAI, CORAGEM DE LUTAR COM ENTUSIASMO E FORÇA DE VONTADE, MESMO EM SITUAÇÕES SEDUTORAS, DIFÍCEIS E ESPINHOSAS, PARA ALCANÇAR AQUELA PERFEIÇÃO CRISTÃ DE BONS COSTUMES E SANTIDADE POR MEIO  DA ORAÇÃO, ESFORÇO E TRABALHO. DÊ-NOS A DOCILIDADE DAS OVELHAS! SOBRETUDO, DÊ-NOS A GRAÇA! PEDIMOS EM NOME DE JESUS, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

* MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA, ESCREVA-NOS:

barpuri@uol.com.br

================

  • SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

================

* “O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

================

Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu só lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

================

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

================

  • “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”, mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível”.

================

* 07 de janeiro ou 09 de abril – Beata Lindalva Justo de Oliveira: Toda santidade passa pelo crisol (lugar ou circunstância apropriada a evidenciar as melhores qualidades de algo ou alguém) do sofrimento

(referente à Beata Lindalva de Oliveira, conforme http://www.santosdobrasil.org.br/?system=news&eid=294)

================

* 17 de janeiro: Santo Antão ou Antônio

Oração: “Santo Antônio, você falou da importância de perseverar em nossa fé e nossa prática. Ajude-nos a acordar a cada dia com um novo zelo pela vida cristã e um desejo de enfrentar o próximo desafio em vez de apenas ficar parado. Amém!”

================

* 19 de janeiro, São Macário. “… A oração não requer muitas palavras. sobre você, você só precisa dizer: “SENHOR, TEM MISERICÓRDIA!” O Senhor sabe o que é útil para nós e nos concede misericórdia.”… “Se você deseja ser salvo, seja como um morto. Não fique com raiva quando insultado (e provocado), nem orgulhoso quando elogiado.” E ainda: “Se a calúnia (e a provocação) é como o louvor para você, a pobreza como a riqueza, a insuficiência como a abundância, então você não perecerá.“…

================

  • 04 de fevereiro, SANTO ANDRÉ CORSINI: “Ele trabalhou arduamente para subugar suas paixões por meio de humilhações extremas, obediência até mesmo à última pessoa na casa, pelo silêncio e oração (HUMILHAR-SE, OBEDECER, SILENCIAR, REZAR)”.

================

* 10 de fevereiro, SÃO JOSÉ SÁNCHEZ DEL RIO “Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio).

Ver: https://catholicsaints.info/saint-jose-sanchez-del-rio/

================

* 14 de fevereiro, SÃO JOÃO BATISTA DA CONCEIÇÃO GARCIA Ó meu

Deus, sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.” (últimas palavras de

São João Batista da Conceição Garcia).

Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

================

* 14 de março, Albert Einstein: Deus Todo-Poderoso não joga dadosDiante de Deus somos todos igualmente sábios – igualmente tolos!

================

  • 15 de março: São Clemente-Maria Hoffbauer: “Ó Meu Redentor, chegará aquele terrível momento em que restarão poucos cristãos inspirados pelo espírito de fé, aquele momento em que Sua indignação será provocada e Sua proteção será tirada de nós? Nossos vícios e nossas vidas más moveram irrevogavelmente Sua justiça a se vingar, talvez neste mesmo dia, de Seus filhos para não deixar que a luz da fé se apague nas almas? “Lembre das antigas misericórdias, volta os olhos compassivos para a vinha plantada com a sua destra, regada pelas lágrimas dos Apóstolos, pelo sangue precioso de inúmeros mártires, e fecundada pelas orações de tantos confessores e virgens inocentes.

“Ó divino Mediador, olhe para aquelas almas zelosas que elevam seus corações ao Senhor e oram sem cessar pela manutenção desse seu dom mais precioso, a Verdadeira Fé. Mantenha-nos seguros na verdadeira fé católica e romana. Preserve-nos em sua santa fé, pois se formos ricos com este dom precioso, suportaremos com prazer todas as tristezas e nada poderá mudar nossa felicidade. Sem este grande tesouro da fé, nossa       infelicidade seria indizível e sem limites.

“Ó Bom Jesus, Autor da nossa fé, conservai-a pura em nós; guardai-nos na barca de Pedro, fiel e obediente ao seu sucessor, e Vosso vigário aqui na terra, para que se mantenha a unidade da santa Igreja, a santidade promovida, a Santa Sé protegida em liberdade e a Igreja universal estendida em benefício das almas.

“Ó Jesus, Autor da nossa fé, humilha e converte os inimigos da Sua Igreja; conceda verdadeira paz e concórdia a todos os reis e príncipes cristãos e a todos os crentes; fortalece-nos e preserva-nos no Seu santo serviço até ao fim, para que vivamos com o Senhor e morramos no Senhor. “Ó Jesus, Autor de nossa fé, deixe-nos viver pelo Senhor e morrer pelo Senhor. Amém.”

================

  • 15 de março, SANTA LUÍSA DE MARILLAC “… SEDE DILIGENTES NO SERVIÇO AOS POBRES . . . AMEM OS POBRES, HONREM-NOS, MEUS FILHOS, COMO VOCÊS HONRARIAM O PRÓPRIO CRISTO”

================

  • 21 de março, SÃO NICOLAU DE FLUE: “Salve, ó Mãe de toda pureza, virgem imaculada, Mãe de toda misericórdia e Mãe de nosso Salvador; venho rogar-lhe que interceda por um pobre pecador junto ao Seu Divino Filho, para que me conceda Sua santa Graça. O inimigo implacavelmente me persegue e me ataca. Você uma vez esmagou a cabeça da serpente ao dar à luz nosso Salvador – ajude-me a superar suas artimanhas e enganos. Você é meu refúgio. Por que você me afastaria? …

Não, ó Virgem graciosa! Você virá em meu socorro e o inimigo será derrotado. Amém! “São Nicolau relatou que nunca invocou Maria em vão e que sempre sentiu visivelmente os efeitos de sua proteção.”

================

  • 21 de março, SÃO SERAPIÃO DE THMUIS A mente é purificada pelo conhecimento espiritual (ou pela santa meditação e oração), as paixões espirituais da alma pela caridade e os apetites irregulares pela abstinência e penitência… (regra resumida da perfeição cristã – que São Serapião repetia muitas vezes) … “Nossos corpos podem se tornar instrumentos do bem ou do mal, dependendo da disposição do coração; tanto os homens justos quanto os ímpios são frequentemente mudados para o outro tipo.” http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayMarch21.html#370_St._Serapion_th e_Scholastic_Bishop)

================

  • 05 de abril, SÃO VICENTE FERRER “Faça o que fizer, não pense em si mesmo, mas em Deus…

Você deseja estudar a seu favor? Deixe a devoção acompanhar todos os seus estudos, e estude menos para se tornar um sábio do que para se tornar um santo.

Consulte a Deus mais do que seus livros, e peça-Lhe, com humildade, que faça você entender o que lê.

O ESTUDO CANSA E ESGOTA A MENTE E O CORAÇÃO. VÁ DE VEZ EM QUANDO, PARA REFRESCÁ-LOS, AOS PÉS DE JESUS CRISTO SOB SUA CRUZ. REPOUSE ALI.

Alguns momentos de repouso em suas chagas sagradas dão novo vigor e novas luzes.

Aplique-se por orações curtas, mas fervorosas e jaculatórias. Nunca comece ou termine seu estudo, sem ser pela oração.

A ciência é um dom do Pai das luzes“.

================

* 06 de abril: São Zeferino Agostini

Fundou a Pia União das Irmãs Devotas de Santa Ângela Merici…

Dizia a elas: “Não se assustem com o trabalho ou o sofrimento, nem com o fruto escasso de seu trabalho. Lembrem-se de que Deus recompensa não pelos resultados, mas pelo esforço.” (L’Observattore Romano).

Ele sabia que sua primeira prioridade era desenvolver seu relacionamento com Deus por meio da oração pessoal, porque Deus era a fonte de sua alegria e poder para fazer o bem…

================

*12 de abril: São David Uribe

“Perdoo todos os meus inimigos e peço a Deus e a quem ofendi que me perdoe.” -da última vontade e testamento de Saint David

PAI AMADO, QUE ESTA SEJA A MINHA (NOSSA) VONTADE E MEU (NOSSO) TESTAMENTO! AMÉM!

===============

* 21 de maio, PADRE MANOEL E COROINHA ADÍLIO “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio)

================

  • 20 de abril: Projeto de vida de SÃO CONRADO DE PARZHAM

“MEU PROJETO DE VIDA É PRINCIPALMENTE ESTE: amar e sofrer, sempre meditando, adorando e admirando o amor indizível de Deus por suas criaturas mais humildes.”

RESOLUÇÕES DE SÃO CONRADO DE PARZHAM:

  • Resolvo em primeiro lugar permanecer continuamente na presença de Deus e perguntar-me frequentemente se faria isto ou aquilo se meu confessor ou superior estivesse me observando e principalmente se Deus e meu anjo da guarda estivessem presentes.
  • Resolvo me perguntar, sempre que tenho que encontrar cruzes de sofrimento: “Conrad, por que você veio aqui?”
  • Resolvo evitar sair do convento, na medida do possível, a menos que seja por amor ao próximo, obediência, motivos de saúde, peregrinação piedosa ou outra boa causa.
  • Resolvo fomentar a caridade fraterna em mim e nos outros. Portanto, resolvo tomar cuidado para nunca dizer uma palavra

indelicada. Resolvo suportar pacientemente os defeitos e as fraquezas dos outros e, na medida do possível, escondê-los com o manto da caridade, a menos que seja obrigado a manifestá-los a alguém que possa corrigi-los.

  • Resolvo observar o silêncio conscientemente. Resolvo falar brevemente e assim evitar muitas armadilhas e ser mais capaz de conversar com Deus.
  • Quando à mesa, resolvo colocar-me na presença de Deus o máximo que puder, permanecer recolhido e deixar de lado meus pratos favoritos para praticar uma forma oculta de mortificação. Resolvo não comer entre as refeições, a menos que seja ordenado a fazê-lo sob obediência.
  • Resolvo atender ao primeiro toque da campainha, a menos que seja legitimamente impedido.
  • Resolvo evitar, na medida do possível, conversar com o sexo oposto, a menos que a obediência me imponha deveres que tornem necessário falar com mulheres. Nesse caso, resolvo ser muito reservado e manter a guarda dos olhos.
  • Resolvo cumprir as ordens pontualmente e ao pé da letra. Resolvo especialmente fazer todos os esforços para conquistar minha própria vontade em todas as coisas.
  • Resolvo me forçar a prestar muita atenção aos pequenos detalhes e, na medida do possível, evitar todas as imperfeições. Resolvo observar fielmente a santa regra e não me afastar dela um fio de cabelo, aconteça o que acontecer.
  • Resolvo cultivar uma profunda devoção à Bem-Aventurada Virgem Maria e me esforçar para imitar suas virtudes.

UMA COMUNHÃO ESPIRITUAL, À NOITE, DE SÃO CONRADO DE PARZHAM

“Vim para passar alguns momentos contigo, ó Jesus, e em espírito me prostro no pó diante do Teu Santo Tabernáculo para adorar-Te, meu Senhor e Deus, na mais profunda humildade. Mais uma vez, um dia chegou ao fim, querido Jesus, outro dia que me aproxima da sepultura e do meu amado lar celestial. Mais uma vez, ó Jesus, meu coração anseia por Ti, o verdadeiro Pão da Vida, que contém toda doçura e prazer. Ó meu Jesus, perdoa-me misericordiosamente pelas faltas e ingratidão deste dia, e vem a mim para refrescar o meu pobre coração que anseia por Ti. Como o coração anseia pelas águas, como a terra seca anseia pelo orvalho do céu, assim meu pobre coração anseia por Ti, Tu Fonte da Vida. Eu Te amo, ó Jesus, espero em Ti, Te amo, e por Ti lamento sinceramente todos os meus pecados. Que Tua paz e Tua bênção sejam minhas agora e sempre e por toda a eternidade. Um homem.”

================

  • 28 de abril, São Luís Maria Grignion de Montfort. Algumas máximas… “…Você é verdadeiramente abençoado se o mundo o persegue injustamente, opondo-se a seus desígnios, por melhores que sejam, julgando mal suas intenções, caluniando sua conduta, roubando injustamente sua reputação ou sua riqueza.

Cuida, então, minha filha (meu filho), de não reclamar a ninguém, a não ser a mim, dos maus-tratos que você está sendo tratado, e de buscar meios de se justificar quando, em particular, é só você que sofre com isso…

Pelo contrário, reza por aqueles que te trazem a felicidade da perseguição…

Agradeça-me por tratarem-no como fui tratado na terra, sendo um sinal de contradição…

Não desanime em suas boas intenções, por causa da contradição; é uma marca de vitória futura; uma boa obra que não está marcada com o sinal da cruz, não tem grande valor diante de mim e em breve será destruída”. Conforme: https://catholicsaints.info/saint-louis-marie-grignion-de-montfort/

================

  • 29 DE ABRIL: SANTA CATARINA DE SENA:

«Por misericórdia Vós lavastes-nos no Sangue e por misericórdia desejastes dialogar com as criaturas. Ó Louco de amor! Não vos foi suficiente encarnar, mas também quisestes morrer! …»

================

* 31 de maio: NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO

Lembrai-vos, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração, do poder inefável que vosso divino filho vos concedeu sobre seu Coração adorável.

Com a maior confiança em vossos merecimentos, vimos
implorar a vossa proteção.
Vós sois celeste Tesoureira do Coração de Jesus, daquele coração que é o
manancial inexaurível de todas as graças e que podeis abrir a vosso
bel prazer para fazer descer sobre os homens todos os tesouros de amor e
misericórdia, de luz e salvação que Ele encerra;

concedei-nos, vo-lo pedimos, os favores que suplicamos (fazer o pedido).
Sois nossa Mãe, ó Nossa Senhora do Sagrado Coração.

Acolhei benignamente as nossas preces e dignai-vos a deferi-las.

Amém!
Nossa Senhora do Sagrado Coração, rogai por nós!

(conf.https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_do_Sagrado_Cora%C3%A7%C3%A3o)

================

  • 31 de maio, São NICOLAS BARRÉ, citações:
  • ACONTEÇA O QUE ACONTECER, ESTEJA SEMPRE EM PAZ E CONFIE EM DEUS, ISSO SERÁ FEITO A VOCÊ DE ACORDO COM SUA FÉ, SUA ESPERANÇA E SUA CARIDADE E MUITO MAIS. » Carta 61 (OC p 538) – Máxima de conduta para as amantes número 21 obras completas p.128
  • “DEVEMOS NOS CONCENTRAR MAIS EM ESTABELECER O BEM AO INVÉS DE DESTRUIR O MAL. ESTABELECIDO O BEM, O MAL NÃO PODERÁ MAIS SUBSISTIR. » Máxima para a Direção das Almas 17 Obras Completas p.357
  • “QUANTO MAIS ESTAMOS UNIDOS A DEUS, MAIS RECEBEMOS FORÇA DE ESPÍRITO E INFLUÊNCIA, POIS ELE É SUA FONTE E

OCEANO”. – Carta 27 (OC p 457)

================

* 08 DE JUNHO (09 de junho): SANTO EFRÉM

As virtudes são formadas pela oração. A oração preserva a temperança. A oração suprime a raiva. A oração previne emoções de orgulho e inveja. A oração atrai para a alma o Espírito Santo e eleva o homem ao céu. – Santo Efrém

Lembrem-se de mim, vocês, herdeiros de Deus, irmãos de Cristo; suplicai fervorosamente ao Salvador por mim, para que eu seja liberto por meio de Cristo daquele que luta contra mim dia a dia. – Santo Efrém, O Medo no Fim da Vida

Vós, mártires vitoriosos , que suportastes com alegria os tormentos por amor de Deus e Salvador, vós que tendes ousadia de falar para com o próprio Senhor, vós santos, intercedei por nós, homens tímidos e pecadores, cheios de preguiça, para que a graça de Cristo venha sobre nós e ilumine os corações de todos nós para que possamos amá-lo. – Santo Efrém, de Comentário sobre Marcos

Senhor, derrama sobre nossas almas obscurecidas a luz brilhante de tua sabedoria para que possamos ser iluminados e servi-lo com pureza renovada. O nascer do sol marca a hora para os homens começarem sua labuta, mas em nossas almas, Senhor, prepare uma morada para o dia que nunca terminará. Através do nosso zelo incessante por você. Senhor, coloca sobre nós o sinal do teu dia que não é medido pelo sol. Em seu sacramento, todos os dias te abraçamos e te recebemos em nossos corpos; torna-nos dignos de experimentar a ressurreição pela qual esperamos. Ensina-nos a encontrar a nossa alegria a teu favor! Salvador, sua crucificação marcou o fim de sua vida mortal; ensina-nos a crucificar-nos e a abrir caminho para a nossa vida no Espírito. – de um sermão de Santo Efrém”

================

* 13 DE JUNHO: SANTO ANTÔNIO DE PÁDUA

“…. António de Pádua, ou de Lisboa como é conhecido, definiu a oração «como uma relação de amor, que leva o homem ao diálogo o Senhor”, e descreveu quatro “atitudes” que devem caracterizá-la: “(1) abrir com confiança o nosso coração a Deus, (2) conversar afetuosamente com Ele, (3) apresentar-lhe as nossas necessidades, (4) dar-lhe louvor e gratidão…” Conforme:

http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune13.html#1231_St._Anthony_or_Antonio_Of_Padua_a

================

* 21 DE JUNHO: SÃO LUÍS GONZAGA

“Não há sinal mais evidente de que alguém é santo e do número dos eleitos, do que vê-lo levando uma vida boa e ao mesmo tempo vítima de desolação, sofrimento e provações”– São Luís Gonzaga

“Aquele que deseja amar a Deus não o ama verdadeiramente se não tiver um desejo ardente e constante de sofrer por Ele”– São Luís Gonzaga

“Ó Santa Maria! Minha mãe; em tua bendita confiança e custódia especial, e no seio de tua misericórdia, eu neste dia, e todos os dias, e na hora de minha morte, entrego minha alma e meu corpo. A ti entrego todas as minhas ansiedades e dores, minha vida e o fim de minha vida, para que por tua santíssima intercessão e por teus méritos, todas as minhas ações sejam dirigidas e governadas por tua vontade e a de teu Filho– São Luís Gonzaga

“Que o conforto e a graça do Espírito Santo sejam seus para sempre, honrada senhora. Sua carta me encontrou ainda nesta região dos mortos, mas agora devo me levantar para finalmente fazer meu caminho para o céu e louvar a Deus para sempre na terra dos vivos; na verdade, eu esperava que antes dessa época minha viagem tivesse terminado. Se a caridade, como diz São Paulo, significa “chorar com os que choram e alegrar-se com os que se alegram”, então, querida mãe, você se alegrará muito que Deus em sua graça e seu amor por você está me mostrando o caminho para a verdadeira felicidade e me assegurando que nunca o perderei. Cuide-se acima de tudo, honrada senhora, para não insultar a infinita bondade de Deus; você certamente faria isso se lamentasse como morto um vivo face a face com Deus , alguém cujas orações podem lhe trazer em seus problemas uma ajuda mais poderosa do que jamais poderiam na terra. E nossa separação não será por muito tempo; nos veremos novamente no céu; estaremos unidos com nosso Salvador; lá o louvaremos de coração e alma, cantaremos suas misericórdias para sempre e desfrutaremos da felicidade eterna”– de uma carta à mãe de São Luís Gonzaga

Ó Deus, doador de dons celestiais, que em São Luís Gonzaga uniu a penitência a uma maravilhosa inocência da vida, concede por seus méritos e intercessão que, embora não o tenhamos seguido na inocência, possamos imitá-lo na penitência. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que vive e reina convosco na unidade do Espírito Santo, um só Deus, pelos séculos dos séculos– coleta para a memória litúrgica de São Luís Gonzaga

Citação MLA

================

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO: “Meios de se preparar para uma boa morte: na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado…” Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém! http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

================

27 de junho: NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO”

Em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. Amém!

Ó Mãe do Perpétuo Socorro, nós vos suplicamos, com toda a força do nosso coração, amparar a cada um de nós em Vosso colo materno, nos momentos de insegurança e sofrimento.

Que o Vosso olhar esteja sempre atento, para não nos deixar cair em tentação e, que em vosso silêncio, aprendamos a aquietar nosso coração e fazer a vontade do Pai.

Intercedei junto a Ele pela paz no mundo e por nossas famílias.

Abençoai todos os Vossos filhos e filhas enfermos.

Iluminai nossos governantes e representantes para que sejam sempre servidores do grande povo de Deus.

Concedei-nos, ainda, muitas e santas vocações religiosas, sacerdotais e missionárias para a maior difusão do Reino de Vosso Filho Jesus Cristo. Enfim, derramai no coração dos Vossos filhos e filhas a Vossa bênção de amor e misericórdia. Sede sempre o nosso Perpétuo Socorro na vida e, principalmente, na hora da morte.

Amém.

Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, rogai por nós!

================

  • 15 de setembro, SANTA CATARINA DE GÊNOVA “… a oração por um ente querido é, para o crente, uma forma de apagar qualquer distância, até mesmo a morte. Em oração, permanecemos na presença de Deus na companhia de alguém que amamos, mesmo que essa pessoa tenha morrido antes de nós

Não devemos transformar o purgatório em um campo de concentração em chamas à beira do inferno – ou mesmo em um ‘inferno por um curto período de tempo’. É uma blasfêmia pensar nisso como um lugar onde um Deus mesquinho cobra a última libra – ou grama – de carneSanta Catarina de Gênova (Festa dia 15 de setembro, mística do século 15), escreveu ‘fogo’ do purgatório é o amor de Deus ‘queimando’ a alma para que, por fim, a alma esteja totalmente em chamas. É a dor de querer ser feito totalmente digno de Alguém que é visto como infinitamente amável, a dor do desejo de união que agora está absolutamente assegurada, mas ainda não completamente experimentada

(Leonard Foley, OFM, Crendo em Jesus) …”:

================

* 21 de outubro, SANTO AGATÃO “… Não há nada mais difícil do que a oração, pois não há esforços que os demônios não façam para interromper este poderoso meio de os desanimar

================

*        27 de outubro SANTO ABRAÃO, ERMITÃO “… A PAIXÃO VIVE; APENAS ESTÁ REPRIMIDA… ESTÁ APENAS PRESA… AS PAIXÕES VIVEM, APENAS SÃO REPRIMIDAS PELOS SANTOS (COM A GRAÇA DE DEUS!) …”. SANTAS E SANTOS, INTERCEDAM POR NÓS PARA QUE POSSAMOS REPRIMIR AS PAIXÕES! PAI AMADO, DÊ-NOS A GRAÇA DE REPRIMIR AS PAIXÕES! SANTO

ABRAÃO, ROGUE POR NÓS! AMÉM!”, conforme páginas 52-53: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2019.pdf

================

* ORAÇÃO DO ANO DE SÃO JOSÉ “PATRIS CORDE”

Salve, guardião do Redentor e esposo da Virgem Virgem Maria!

A vós, Deus confiou o seu Filho;

em vós Maria depositou a sua confiança;

  convosco, Cristo tornou-Se homem.

Ó Bem-aventurado José, mostrai-vos pai

também para nós e guiai-nos no caminho da vida.

Alcançai-nos graça, misericórdia e coragem e coragem,

e defendei-nos de todo o mal. Amém!

(Conforme < https://radio.cancaonova.com/sao-jose-do-rio-preto/oracao-ano- de-sao-jose/ >)

================

” Santo não é aquele que não cai, santo é aquele que mesmo caindo não desiste de levantar” (São João Paulo II)

================

* PAI, ABRACE-NOS!

JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO!

DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS ENCHA E NOS UNA NO AMOR!

MÃEZINHA MARIA, CUIDE DE NÓS!

SÃO JOSÉ, SANTAS, SANTOS E ANJOS, ROGUEM POR NÓS! POR CRISTO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO! AMÉM!

================

  • Após Deus, o Pai amado, chamar minha amada esposa e companheira por 38 anos, 9 meses e oito dias, em 24.09.2017, descobri:
    • Posso comunicar com a minha Frô, pela ORAÇÃO;
    • Posso VER, ESCUTAR, SENTIR a FRÔ (transformada, sem dores, linda, maravilhosa) em meu ser;
    • Ela está vivendo nos braços de Deus (bondosos, vigorosos);
    • Um dia vamos estar juntos;
    • Quando Deus me chamar, quero levar coisas boas para o banquete celeste (amor a Deus e ao próximo).

Dê-nos essa Graça, Pai amado! Dê-nos A GRAÇA! AMÉM! Obrigado, Senhor, por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

                                                         ================                                  

“Senhor, eu tenho fé. Ajude-me a ter mais fé ainda!” (Mc 9,24)

================

“Coração de meu Jesus, doce e terno alanceado, seja o meu no vosso amor, cada vez mais abrasado”

“Doce coração de Maria, sede a nossa salvação”

================

* Ver o blog: https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!