Santas e Santos de 19 de novembro

Memória dos Santos Roque González, Afonso Rodrigues (LEMBRADOS DIA 16 DE NOVEMBRO) e João del Castillo (também na Folhinha do Coração de Jesus). Anotações de 17 de novembro: Em As­sunção, no Pa­ra­guai, São João del Castillo, pres­bí­tero da Com­pa­nhia de Jesus e mártir, que numa das «Re­du­ções», fun­dada neste mesmo ano por São Roque Gon­zález e con­fiado aos seus cui­dados, foi sub­me­tido a cruéis su­plí­cios por ins­ti­gação de um fei­ti­ceiro e fi­nal­mente ape­dre­jado, mor­rendo por Cristo. († 1628). São Roque González, São João del Castilho e Santo Afonso Rodrigues. Conforme o Martirológio Romano-Monástico de 19 de novembro, Santos Roque González, Afonso Rodrigues e João del Castillo, jesuítas que no séc. XVII foram martirizados no Paraguai, nas chamadas Reduções indígenas, quando evangelizavam os nativos e os defendiam contra os colonizadores europeus. Canonizados por João Paulo II em sua visita ao Paraguai em 1988. (R). Ver página 105: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2020.pdf

– No Diretório de Liturgia da CNBB: Memória dia 19 de novembro.

Ver: https://cruzterrasanta.com.br/historia-de-sao-roque-gonzales-e-companheiros-martires/411/102/

– Ver ainda: https://pt.wikipedia.org/wiki/Roque_González_de_Santa_Cruz

EM 15 DE NOVEMBRO: Em Caaró, lo­ca­li­dade do Pa­ra­guai, os santos Roque Gon­zález e Afonso Ro­drí­guez, pres­bí­teros da Com­pa­nhia de Jesus e már­tires, que apro­xi­maram de Cristo os povos in­dí­genas aban­donados, fun­dando as cha­madas «re­du­ções», onde as­so­ci­aram li­vre­mente as artes e a vida so­cial com a vida cristã; por isso foram as­sas­si­nados à traição por um si­cário adicto a artes mágicas. († 1628). Ver: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Roque_González_de_Santa_Cruz

– Ver “Roque González de Santa CruzSJ (Assunção, 16 de agosto de 1576 — Caibaté15 de novembro de 1628) foi um religioso santo, natural do Paraguai, que entrou na história do Brasil meridional ao disseminar a religião cristã entre os povos originais das terras do oeste Rio Grande do Sul.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Roque_Gonz%C3%A1lez_de_Santa_Cruz

1.   Co­me­mo­ração de Santo Ab­dias, pro­feta, que, de­pois do exílio do povo de Is­rael, anun­ciou a ira do Se­nhor contra os povos inimigos b. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no séc. VI antes da era cristã, o Profeta Abdias. Pouco depois da ruína de Jerusalém e da destruição do Templo em 587, foi chamado para reconfortar o povo de Israel deportado, exaltando a justiça de Deus, mestre das nações e da História. (M). Ver páginas 154-157: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2020.pdf

– Ver também “Obadias (em hebraico: עבדיה, Ovadyah, “Servo de Javé“) é um profeta da Bíblia hebraica (na tradição cristã, parte do Antigo Testamento), considerado um dos “Profetas Menores” (o quarto, na ordem do cânone hebreu e na Vulgata, e o quinto na Septuaginta).[1][2] O seu livro, constituído por apenas 21 versículos, é o menor do Antigo Testamento e trata do tema da falta de solidariedade do povo de Edom (descendentes de Esaú – Génesis 36:1) para com Israel, considerado como seu povo irmão. O livro se divide em duas partes: o “Profecia contra Edom” e a “Proclamação do Dia de Javé”.[3]”: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Obadias

2.   Em Ce­sa­reia, na Ca­pa­dócia, hoje Kay­seri, na Tur­quia, São Má­ximo, co­re­pís­copo e mártir. († c. s. III)

3.   Em Bren­nier, pró­ximo de Vi­enne, na Gália Li­o­nense, ac­tu­al­mente na França, os santos Se­ve­rino, Exu­pério e Fe­li­ciano, mártires. († c. s. III)

4.   Em An­ti­o­quia, na Síria, hoje An­takya, na Tur­quia, São Bar­laão, mártir, que, em­bora rús­tico e anal­fa­beto, mas for­ta­le­cido pela sa­be­doria de Cristo, com in­ven­cível cons­tância na fé re­peliu o fogo e o in­censo que lhe pu­nham nas mãos para sa­cri­ficar aos ídolos e, pela fe­ro­ci­dade do ti­rano, al­cançou a palma do martírio. († c. 303). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Antioquia, durante a perseguição de Diocleciano, São Barlaão, mártir. Mesmo sendo ignorante e inculto, triunfou sobre o tirano por meio da sabedoria com que Cristo o agraciara, e venceu a violência do fogo pela constância invencível de sua fé. (M). Ver: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Barlaão_e_Josafá

5.   Em He­ra­cleia, na Trácia, hoje Már­mara, também na Tur­quia, qua­renta santas mu­lheres, vir­gens e viúvas, mártires. († s. IV)

6*.   Na re­gião de Velay, na Aqui­tânia, hoje na França, Santo Eudo, abade. († c. 720)

7*.   No monte Mer­cúrio, na Ca­lá­bria, re­gião da Itália, São Simão, eremita. († s. X)

8*.   No mos­teiro de Helfta, na Sa­xónia, re­gião da ho­di­erna Ale­manha, Santa Ma­tilde (ou Mectilde), virgem, que foi mu­lher de in­signe dou­trina e hu­mil­dade, ilu­mi­nada pelo dom di­vino da con­tem­plação mística. († c. 1298). Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no mosteiro de Helfta, na Saxônia, no ano do Senhor de 1298, Santa Mectildes de Hackeborn, virgem. Muito culta, teve a responsabilidade de dirigir os estudos sacros e profanos das jovens irmãs, mas mostrou especial predileção pela liturgia e pelo canto sacro. Como sua discípula Santa Gertrudes, a Grande, foi favorecida com graças místicas, que fizeram dela a cantora da Majestade Divina, do Sagrado Coração e de Nossa Senhora. (B). Ver páginas 158-159: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2020.pdf

– Ver também: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Matilde_de_Hackeborn

– Ver “Santa Matilde de Hackeborn (Helfta1240/1241 – 19 de novembro de 1298), foi uma monja cisterciensemística, nobre e santa católica, também conhecida por Matilde de Helfta. Sua festa é celebrada em 19 de novembro.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Matilde_de_Hackeborn

9*.   Em Mântua, na Lom­bardia, re­gião da Itália, o Beato Tiago Ben­fátti, bispo, da Ordem dos Pre­ga­dores, que, além de pa­ci­ficar as dis­cór­dias na ci­dade, so­correu o povo as­so­lado pela peste e pela fome. († 1332)

10*.   Em Garraf, lo­ca­li­dade da pro­víncia de Bar­ce­lona, na Es­panha, os be­atos már­tires Eliseu Garcia Garcia, re­li­gioso da So­ci­e­dade Sa­le­siana, e Ale­xandre Planas Sauri, que, no tempo da per­se­guição contra a fé, foram dignos de se as­so­ci­arem ao com­bate sal­ví­fico de Cristo. († 1936)

11. Conforme o Martirológio Romano-Monástico, perto de 700, a volta para Deus de Santa Ermemburga, princesa de Kent, que se casou com o filho do rei de Mércia, com quem teve três filhas, todas veneradas como santas. Ao ficar viúva, fundou Minster-in-Thanet, de onde foi abadessa. (M)

12. São Ponciano, papa. Ver  página 159: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2020.pdf

– Ver também: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Papa_Ponciano 

– Ver “Papa São Ponciano (em latimPontianus) foi Papa de 21 de Julho de 230 a 29 de Setembro de 235.Durante seu pontificado, o cisma de Hipólito chegou ao fim. Ponciano e outros líderes da igreja, entre eles Hipólito, foram exilados pelo imperador Maximino Trácio para a Sardenha e em consequência, ele renunciou ao papado no dia 25 ou 28 de Setembro de 235,[1] para permitir à Igreja eleger outro líder que estivesse presente em Roma, sendo eleito o Papa Antero.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Papa_Ponciano

13. Outros santos do dia 19 de novembro: págs. 154-162: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%2020.pdf                

Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XX – Editora das Américas – 10 de julho de

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex. ou português da época em que o livro foi escrito.

Sobre 19 de novembro, ver ainda: https://pt.wikipedia.org/wiki/19_de_novembro

 1. MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/

2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIANO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINAS 891-892:

Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-content/uploads/sites/8/2017/09/21/Martirologio-Romano.pdf

3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%20-%201.pdf

4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997

5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com

6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.

Senhor, nosso Deus e Pai amado, obrigado por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

Querida Mãe Maria, protegei-nos!

São José, Anjos e Santos, intercedei por nós!

Amém!

PAI AMADO DAI-NOS, À NOSSA FAMÍLIA E A TODOS, A GRAÇA DE ESTARMOS COM O SENHOR, A MÃEZINHA MARIA, E TODAS AS SANTAS E SANTOS QUANDO O SENHOR NOS CHAMAR! DAI-NOS A VOSSA GRAÇA! OBRIGADO PAI AMADO! PEDIMOS POR JESUS CRISTO, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO!  NÓS CONFIAMOS EM VÓS! AMÉM!

OBSERVAÇÃO: MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE SANTAS/OS E MÁRTIRES. ACEITAMOS SUGESTÕES.

CONTATE-NOS, POR GENTILEZA:

barpuri@uol.com.br

SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDEI POR NÓS!

MUITO OBRIGADO!

Ver:

https://vidademartiressantasesantos.blog/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.