Santas e Santos de 30 de junho

1. Os santos protomártires da Santa Igreja Ro­mana (também na Folhinha do Coração de Jesus), que, acu­sados de pro­vocar o in­cêndio da Urbe, por ordem do im­pe­rador Nero foram cru­el­mente mortos com vá­rios su­plí­cios: uns foram ex­postos aos cães co­bertos com peles de ani­mais e por eles de­vo­rados; ou­tros cru­ci­fi­cados e ou­tros lan­çados ao fogo, para que, ao de­clinar o dia, ser­vissem de lâm­padas noc­turnas. Todos eles eram dis­cí­pulos dos Após­tolos e pri­mí­cias dos már­tires que a Igreja Ro­mana ofe­receu ao Senhor. († 64).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, o nascimento no céu dos Primeiros Mártires da Igreja de Roma, cristãos injustamente acusados por Nero pelo incêndio da cidade imperial, cidade que segundo o Apocalipse “se sujaria com o sangue das testemunhas de Jesus”. (R)

– Ver também: https://www.acidigital.com/noticias/papa-recorda-martires-cristaos-assassinados-em-roma-no-tempo-de-nero-65540

– Ver: https://www.acidigital.com/noticias/hoje-a-igreja-celebra-os-santos-protomartires-de-roma-vitimas-da-mentira-de-nero-51155

– Ver ainda: https://pt.wikipedia.org/wiki/Primeira_Ep%C3%ADstola_de_Clemente

– Complementa acima: https://sumateologica.files.wordpress.com/2010/02/clemente_romano_cartas_aos_corintios.pdf

– Mais: http://www.earlychristianwritings.com/1clement.html

– Ver “… 64 Primeiros Mártires da Sé de Roma “ Protomartyrs of Rome .”

30 de junho de 2010 Primeiros mártires da Igreja de Roma (m. 68). Havia cristãos em Roma cerca de uma dúzia de anos após a morte de Jesus, embora não fossem os convertidos do “Apóstolo dos Gentios” (Romanos 15 : 20). Paulo ainda não os tinha visitado na época em que escreveu sua grande carta em 57-58 dC…”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune30.html

2.   Em Ale­xan­dria, no Egipto, São Ba­sí­lides, ou São Basilídio (também na Folhinha do Coração de Jesus), que, no tempo do im­pe­rador Sep­tímio Se­vero, tendo pro­cu­rado pro­teger dos in­sultos de ho­mens im­pu­dicos a virgem Santa Po­ta­miena que ele con­duzia ao su­plício, re­cebeu dela a re­com­pensa deste pi­e­doso ofício: graças às suas preces, con­verteu-se a Cristo e, após um breve com­bate, também ele foi mártir glorioso. († c. 202).

Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Alexandria, perto de 202, a paixão de São Basilídio, soldado, que corajosamente defendeu a honra da virgem Santa Potamiana, supliciada por causa de sua fé cristã. (M)

Ver São Basilido, páginas 384-385 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

3.   Em Li­moges, na Aqui­tânia, ter­ri­tório da ac­tual França, São Mar­cial, bispo. († c. 250).

– Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no mesmo dia, São Marcial, que foi o primeiro a anunciar a Boa Nova do Evangelho na região de Limoges. Uma célebre abadia beneditina tomou seu nome no século IX. (M)

– Ver: São Marçal de Limoges São MarçalMarçal de LimogesMarcial de Limoges (Gália, século III) foi o primeiro bispo de Limoges.”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Mar%C3%A7al_de_Limoges

4*.   Em Le Mans, na Nêus­tria, hoje na França, São Ber­trano ou Ber­ti­crano ou Bertrando, bispo, pastor pa­cí­fico e de­di­cado aos po­bres e aos monges. († c. 623).

Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano da graça de 623, São Bertrando, bispo de Le Mans, fundador da abadia de São Pedro e São Paulo de La Couture, na qual foi sepultado. (M).

– Ver páginas 388-389 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

5*.   Em Salz­burgo, na Ba­viera, ac­tu­al­mente na Áus­tria, Santa Eren­trudes, Ermentrudes e Arentrudes, pri­meira aba­dessa do mos­teiro de Nonn­berg e so­brinha de São Ru­perto, a quem ajudou na evan­ge­li­zação com obras e orações. († c. 718).

– Ver páginas 386-387: Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

6.   Em Sa­la­nigo, perto de Vi­cenza, na Itália, São Te­o­baldo (ou São Tibau, também na Folhinha do Coração de Jesus), pres­bí­tero e ere­mita, que, nas­cido dos condes de Cham­pagne, no­bres da França, jun­ta­mente com seu amigo Gualter, por amor de Cristo re­nun­ciou às honras e ri­quezas e pre­feriu as pe­re­gri­na­ções, a po­breza e a solidão. († 1066).

Conforme o Martirológio Romano-Monástico, no ano do Senhor de 1066, São Tibau. Membro da família dos condes de Champagne levou inicialmente vida de peregrino, que o conduziu a Compostela e a Roma. Finalmente, tomou o hábito dos camaldulenses na Itália. (M).

Ver páginas 390-394 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

7.   Em Nyitra, junto ao rio Vag, nos montes Cár­patos, na ac­tual Es­lo­vá­quia, o pas­sa­mento de São La­dislau, rei da Hun­gria, que res­ta­be­leceu no seu reino as leis cristãs in­tro­du­zidas por Santo Es­têvão, re­for­mando os cos­tumes e dando ele pró­prio exemplo de grande vir­tude. Na Croácia, unida ao reino hún­garo, tra­ba­lhou in­ten­sa­mente para a pro­pa­gação da fé cristã e es­ta­be­leceu a sede epis­copal de Za­greb. Morreu quando se pre­pa­rava para a guerra com os Boé­mios e o seu corpo foi de­pois se­pul­tado em Oradea, na Tran­sil­vânia, re­gião da ac­tual Roménia. († 1095)

8.   Em Bam­berg, na Fran­cónia, na ho­di­erna Ale­manha, Santo Otão, bispo, que evan­ge­lizou com grande zelo os Pomeranos. († 1139)

9*.   Em Os­nabrück, na Sa­xónia, também na ac­tual Ale­manha, Santo Adolfo, bispo, que aco­lheu no mos­teiro de Al­ten­camp a ob­ser­vância cisterciense. († 1224).

– Ver “Santo Adolfo de Osnabrueck nasceu por volta de 1185 na cidade de VestfáliaAlemanha, filho do conde Simão de Teckelenburg. Foi educado pelos monges do famoso mosteiro Cisaterciano de Camp as margens do Rio Reno. O exemplo dos monges cisatercienses e a sua vida devotada a Deus e a Igreja Católica exerceram forte impressão. Foi ordenado e tornou-se cônego da Igreja Metropolitana de Colônia. Em 1216 foi indicado Bispo de Osnabrueck onde se tornou popular e famoso pela sua bonomia…”: https://pt.wikipedia.org/wiki/Santo_Adolfo

10*.   Em Lon­dres, na In­gla­terra, o Beato Fi­lipe Powell, pres­bí­tero da Ordem de São Bento e mártir, na­tural do País de Gales, que, no rei­nado de Carlos I, cap­tu­rado num barco que se di­rigia para a In­gla­terra, por ser sa­cer­dote foi con­du­zido ao pa­tí­bulo de Tyburn. († 1646).

Conforme o Martirológio Romano-Monástico, em Tyburn, nos arredores de Londres, no ano de 1646, o enforcamento do Bem-Aventurado Filipe Powell. No momento de morrer, proclamou com orgulho que pertencia à Ordem beneditina e à Igreja Católica, que haviam convertido a Inglaterra ao Cristianismo. (X).

– Ver páginas 396-398 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

11*.   Em Ná­poles, na Cam­pânia, re­gião da Itália, o Beato Ja­nuário Maria Sarnélli (também na Folhinha do Coração de Jesus), pres­bí­tero da Con­gre­gação do San­tís­simo Re­dentor, que se de­dicou ar­do­ro­sa­mente à as­sis­tência de todo o gé­nero de necessitados. († 1744).

– Ver: “30/06: Bv. JANUÁRIO MARIA. SARNELLI. Este jovem napolitano, nascido a 12 de setembro de 1702, apesar da origem abastada, desde cedo dedicou-se ao apostolado junto aos pobres e abandonados. Tendo concluído os estudos de Direito, engajou-se na visita aos doentes do hospital de incuráveis, onde sentiu o chamado ao sacerdócio. Ordenou-se em julho de 1732. No trabalho paroquial, conheceu de perto as mazelas da sociedade. Quando conheceu Santo Afonso de Ligório, iniciou-se entre os dois uma grande amizade. Januário acabou ingressando na nascente Congregação Redentorista, e foi um dos seus mais dedicados missionários. Um de seus mais importantes trabalhos foi a instrução das jovens em perigo de prostituição. Escreveu sobre temas espirituais, teologia e mística. Morreu em 30 de junho de 1744. Frei Sandro Roberto da Costa, OFM – Petrópolis/RJ (Conforme a Folhinha do Coração de Jesus de 29/06/2012).”

12.   Em Hai Duong, ci­dade do Ton­quim, hoje no Vi­etnam, São Vi­cente Do Yen, pres­bí­tero da Ordem dos Pre­ga­dores e mártir, que, no tempo do im­pe­rador Minh Mang, morreu de­go­lado em ódio à fé cristã. († 1838)

13.   No ter­ri­tório de Chendun, junto de Ji­aohe, no Hebei, pro­víncia da China, os santos Rai­mundo Li Quanzhen e Pedro Li Qua­nhui, már­tires, que, sendo ir­mãos, du­rante a per­se­guição mo­vida pelos se­quazes da seita «Yihe­tuan» deram glo­rioso tes­te­munho de Cristo: um deles, con­du­zido ao templo dos gen­tios, re­cusou prestar culto aos falsos deuses e morreu fla­ge­lado; o outro foi as­sas­si­nado com se­me­lhante crueldade. († 1900)

14*.   Em L’viv, na Ucrânia, a co­me­mo­ração do Beato Zenão Kovalyk, pres­bí­tero da Con­gre­gação do San­tís­simo Re­dentor e mártir, que, no tempo dum re­gime hostil a Deus, em dia in­certo deste mês me­receu re­ceber a coroa de glória. († 1941).

– Ver também dia 28 de junho: Bem-Aventurado Zenão, Nicolau, Ivan e Basílio (também na Folhinha do Coração de Jesus). 28/06: Bvs. ZĘNÃO, NICOLAU, IVAN E BASÍLIO. Todos estes padres redentoristas ucranianos se destacam pelo seu testemunho de fé e resistência ao regime comunista. Zenão nasceu em 1903 e foi ordenado em 1932. Seu zelo pastoral despertou a ira dos comunistas. Aprisionado em 1941, foi assassinado no mesmo ano, provavelmente crucificado na parede da prisão. Nicolau foi ordenado em 1910. Em 1932 foi nomeado bispo. Preso em 1945, libertado em 1956, morreu em 1959, em consequência das torturas. Ivan nasceu em 1889. Ordenado em 1923, foi preso em 1950. Morreu na sexta-feira santa de 1952, após ser duramente torturado. Basilio, nascido em 1903, foi feito prisioneiro dos russos em 1945. Resistiu a 10 duros anos de prisão. Em 1959 foi nomeado pelo papa “bispo da Igreja do Silêncio”. Morreu em 1973. Frei Sandro Roberto da Costa, OFM (Conforme a Folhinha do Coração de Jesus de 27/06/2010) – Petrópolis/RJ”

15*.   Em Win­nipeg, na pro­víncia de Mi­ni­toba, no Ca­nadá, o Beato Ba­sílio Velyckovskyj, bispo da Igreja greco-ca­tó­lica da Ucrânia, que, por exercer clan­des­ti­na­mente o mi­nis­tério entre os cris­tãos ca­tó­licos do Rito Bi­zan­tino, foi cru­el­mente ator­men­tado na sua pá­tria pelos per­se­gui­dores da fé e, as­so­ciado ao sa­cri­fício de Cristo, morreu no exílio. († 1973)

16. Santa Lucina (também na Folhinha do Coração de Jesus), em Roma, discípula dos Apóstolos, assistiu aos fiéis com os bens que possuía. Visitou cristãos nas prisões e cuidou da sepultura dos mártires. Enterrada ao lado dos mártires.

– Ver página 398 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

17. Bem-Aventurado Arnoul Cornebout, Confessor. Ver página 395 (NÃO TEM LINK): Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959.

18.Outros santos do dia 30 DE JUNHO: páginas: 384-399 (NÃO TEM LINK):  Rohrbacher, Padre – VIDAS DOS SANTOS – Volume XI – Editora das Américas – 10 de julho de 1959

“E em outras partes, muitos outros santos Mártires, Confessores, Virgens, Santas e Santos”.

R/: Demos graças a Deus!”

OBSERVAÇÃO: Transcrito acima conforme os textos da bibliografia: português de Portugal, por ex., ou português da época em que o livro foi escrito.

Sobre 30 de junho, ver ainda: 30 de junho – Wikipédia, a enciclopédia livre (wikipedia.org)

BIBLIOGRAFIA:

1.MARTIROLÓGIO ROMANO – Secretariado Nacional de Liturgia – Portugal http://www.liturgia.pt/martirologio/

2. MARTIROLÓGIO ROMANO ITALIA NO – Editore: LIBRERIA EDITRICE VATICAN – A © Copyright by Fondazione di religione Santi Francesco di Assisi e Caterina da Siena, Roma, 2004 ISBN 978-88-209-7925-6 – PÁGINA 503-506: Via Internet: https://liturgico.chiesacattolica.it/wp-

3. VIDAS DOS SANTOS – PADRE ROHRBACHER – Abaixo o vol 1. São 22 volumes, sendo 20 volumes em PDF; 2 volumes não estão em PDF: Vol. 10 e 11: http://obrascatolicas.com/livros/Biografia/VIDAS%20DOS%20SANTOS%2 0-%201.pdf

4. Martirológio Romano-Monástico – adaptado para Brasil – Abadia de S. Pierre de Solesmes – Mosteiro da Ressurreição, Edições – 1997

5. Martirológio Romano – Editora Permanência – Rio de Janeiro, 2014 – Livraria on line – www.editorapermanencia.com

6. Folhinha do Coração de Jesus – virtual – aplicativo para celular.

7. http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune30.html

DIVERSOS (OBSERVAÇÕES, CITAÇÕES E ORAÇÕES)

* Senhor, nosso Deus e Pai amado, obrigado por tudo o que o Senhor nos tem dado e permitido viver!

Querida Mãe Virgem Maria, socorra-nos, proteja-nos

São José, Anjos e Santos, intercedam por nós! Obrigado! Amém!

PAI AMADO DÊ-NOS, À NOSSA FAMÍLIA E A TODOS OS QUE O SENHOR JÁ CHAMOU E OS QUE ESTÃO AQUI, A GRAÇA DE ESTARMOS COM O SENHOR, A  MÃEZINHA MARIA, SÃO JOSÉ E TODAS AS SANTAS E SANTOS QUANDO O SENHOR NOS CHAMAR TAMBÉM! DÊ-NOS A SUA GRAÇA! OBRIGADO PAI AMADO! PEDIMOS POR JESUS CRISTO, SEU FILHO, NA UNIDADE DO DIVINO ESPÍRITO SANTO! NÓS CONFIAMOS NO SENHOR! AMÉM!

OBSERVAÇÃO:

MUITO MAIS PODE SER ACRESCENTADO A ESSA LISTA DE   SANTAS, SANTOS E MÁRTIRES.

ACEITAMOS SUGESTÕES. CONTATE-NOS, POR GENTILEZA:

barpuri@uol.com.br

SANTAS E SANTOS DE DEUS, INTERCEDAM POR NÓS! AMÉM!

“O maior jejum é a abstinência do vício” (Santo Agostinho)

“Nos vemos no Céu. Viva Cristo Rei! Viva sua mãe, a Virgem de Guadalupe!” (últimas palavras do jovem mártir São José Sánchez del Rio, lembrado em 10 de fevereiro)

“Ó meu Deus, “sabeis que fiz tudo quanto me foi dado fazer.”  (últimas palavras de São João Batista da Conceição Garcia, 14 de fevereiro). Que essas palavras sejam também as nossas, quando o Pai amado nos chamar. Amém!

* “Senhor, não permita que eu entristeça o Divino Espírito Santo que o Senhor derramou sobre mim na Confirmação. Divino Espírito Santo me inspire, me guie para que eu sempre lhe dê alegria! Peço-lhe, Senhor, Pai amado, por Jesus Cristo, na unidade do Divino Espírito Santo! Amém!” (baseado na Coleta Salmódica após o Cântico Ez 36,24-28 do sábado depois das cinzas de 2021)

* Jesus me diz: “Filho (filha), eu estou com você!”

* “Os santos são uma “nuvem de testemunhas sobre a nossa cabeça”,
mostrando-nos que a vida de perfeição cristã é possível.

(conforme: Saint of the Day (lngplants.com)

ou

Saint of the Day May 20 (lngplants.com)

* “…santo é aquele que está de tal modo fascinado pela beleza de Deus e pela sua perfeita verdade que é por elas progressivamente transformado…” (Homilia de Beatificação de Padre Manoel e o Coroinha Adílio, lembrados em 21 de maio)

* Dia 23 de junho: SÃO JOSÉ CAFASSO: Meios de se preparar para uma boa morte …: Na primavera de 1860 Dom Cafasso previu que a morte o levaria durante o ano. Ele redigiu um testamento espiritual, ampliando os meios de preparação para uma boa morte que tantas vezes expôs aos retirantes de Santo Inácio, a saber, uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado...”: http://www.lngplants.com/Saint_of_the_DayJune23.html

Pai amado, dê-nos a graça de nos prepararmos bem para a morte vivendo uma vida piedosa e justa, o desapego do mundo e o amor a Cristo crucificado. Amém!

PAI, ABRACE-NOS! JESUS, ACOLHA-NOS EM SEU CORAÇÃO! DIVINO ESPÍRITO SANTO, NOS UNA! MÃEZINHA MARIA, VELE POR NÓS! EM NOME DE JESUS, PAI! AMÉM!

-Ver o blog

https://vidademartiressantasesantos.blog/

MUITO OBRIGADO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.